ICFUT – CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL SÉRIE A – 2018 – 2º RODADA

TABELA E CLASSIFICAÇÃO SÉRIE A – 2018 CLIQUE AQUI !

Anúncios

ICFUT – COPA BRASIL 2018 : JOGOS DAS OITAVAS

Veja os confrontos(os times com asteristicos fazem o segundo jogo em casa)

Vitória x Corinthians*
América-MG x Palmeiras*
Ponte Preta x Flamengo*
Bahia x Vasco*
Atlético-MG x Chapecoense*
Atlético-PR x Cruzeiro*
Santos x Luverdense*
Goiás x Grêmio*

ICFUT – LIBERTADORES 2018 – GRUPO 5 :Racing (ARG) 4X0 Vasco (BRA)

FICHA TÉCNICA
RACING-ARG 4 X 0 VASCO-BRA

Local: Estádio Presidente Perón, em Avellaneda (Argentina)
Data: 19 de abril de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 19h15(de Brasília)
Árbitro: Ulises Mereles (Paraguai)
Assistentes: Milciades Saldivar (Paraguai) e Roberto Cañete (Paraguai)
Cartões amarelos: Sigali (Racing); Fabrício, Wellington, Andrés Rios e Wagner (Vasco)
GOLS
RACING: Centurión, aos 32min do primeiro tempo; Lautaro Martínez, aos 38min do primeiro tempo; Zaracho, aos 6min do segundo tempo; Lisandro López, aos 15min do segundo tempo

RACING: Juan Musso, Renzo Saravia, Alejandro Donatti, Leonardo Sigali (Miguel Barbieri) e Alexis Soto; Nery Domínguez, Matías Zaracho, Augusto Solari, Ricardo Centurión (Marcelo Meli) e Lisandro López; Lautaro Martínez (Brian Mansilla)
Técnico: Eduardo Coudet

VASCO: Martín Silva, Yago Pikachu, Paulão, Frickson Erazo e Henrique; Bruno Silva (Caio Monteiro), Leandro Desábato, Wellington, Evander (Rildo) e Wágner; Andrés Rios
Técnico: Zé Ricardo

ICFUT – TABELA DO BRASILEIRÃO 2018 – SÉRIE A

2ª rodada

21/04/2018

Bahia x Santos
Flamengo x América-MG

22/04/2018

Paraná Clube x Corinthians
Atlético-MG x Vitória
Chapecoense x Vasco
Fluminense x Cruzeiro
Ceará x São Paulo
Palmeiras x Internacional
Grêmio x Atlético-PR

23/04/2018

Sport x Botafogo
Classificação P J V E D SG G GC %
Atlético-PR  
3 1 1 0 0 4 5 1 100.0
América-MG  
3 1 1 0 0 3 3 0 100.0
Internacional  
3 1 1 0 0 2 2 0 100.0
Santos  
3 1 1 0 0 2 2 0 100.0
Corinthians  
3 1 1 0 0 1 2 1 100.0
Vasco  
3 1 1 0 0 1 2 1 100.0
Grêmio  
3 1 1 0 0 1 1 0 100.0
São Paulo  
3 1 1 0 0 1 1 0 100.0
Vitória  
1 1 0 1 0 0 2 2 33.3
Flamengo  
1 1 0 1 0 0 2 2 33.3
Botafogo  
1 1 0 1 0 0 1 1 33.3
Palmeiras  
1 1 0 1 0 0 1 1 33.3
Atlético-MG  
0 1 0 0 1 -1 1 2 0
Fluminense  
0 1 0 0 1 -1 1 2 0
Cruzeiro  
0 1 0 0 1 -1 0 1 0
Paraná  
0 1 0 0 1 -1 0 1 0
Bahia  
0 1 0 0 1 -2 0 2 0
Ceará  
0 1 0 0 1 -2 0 2 0
Sport  
0 1 0 0 1 -3 0 3 0
Chapecoense  
0 1 0 0 1 -4 1 5 0

ICFUT – BRASILEIRÃO SERIE A – 2018 – Vasco (RJ) 2×1 Atlético (MG)

FICHA TÉCNICA
VASCO 2 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 15 de abril de 2018 (Domingo)
Horário: 16h(de Brasília)
Renda: R$ 176.600,00
Público: 7.197 (6.349 pagantes)
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)
Cartões Amarelos: Henrique, Evander, Ríos, Rildo (Vasco); Bremer, Yago, Fábio Santos (Galo)
Gols:
VASCO: Wagner, aos 41, Pikachu, aos 53 min do 2º tempo
ATLÉTICO-MG: Otero, aos 12 min do 1º tempo

VASCO: Martín Silva, Rafael Galhardo (Rildo), Paulão, Werley e Henrique; Leandro Desábato, Wellington (Thiago Galhardo), Evander, Yago Pikachu e Wágner; Duvier Riascos (Andrés Ríos)
Técnico: Zé Ricardo

ATLÉTICO-MG: Victor, Patric, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Elias, Luan, Gustavo Blanco (Yago), Juan Cazares (Roger Guedes) e Rómulo Otero (Erik); Ricardo Oliveira
Técnico: Thiago Larghi

ICFUT – CARIOCA 2018 : Botafogo Campeão Carioca 2018

Ficha Técnica

VASCO 0 (3) X 1 ( 4) BOTAFOGO

Data: 8 de abril de 2018
Local: Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro-RJ
Hora: 16h00 (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Corrêa e Thiago Henrique Neto Farinha
Cartões Amarelos: Paulão, Desábato, Werley (Vasco). Marcelo, Pimpão (Botafogo)
Cartão Vermelho: Fabrício (Vasco)

Gols: Carli, aos 49 minutos do segundo tempo

Vasco: Martín Silva; Rafael Galhardo (Werley), Erazo, Paulão e Fabrício; Desábato, Evander (Ríos), Yago Pikachu, Wagner e Henrique; Riascos (Ricardo). Treinador: Zé Ricardo.

Botafogo: Gatito; Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello e Moisés (Gilson); Matheus Fernandes, Marcelo (Kieza), Renatinho; Leo Valencia e Luiz Fernando (Rodrigo Pimpão); Brenner. Treinador: Alberto Valentim.

ICFUT – LIBERTADORES 2018 – GRUPO 5 : CRUZEIRO (BRA) 0 X 0 VASCO (BRA)

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 0 X 0 VASCO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 4 de abril de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 21h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (Brasil)
Assistentes: Emerson de Carvalho (Brasil) e Marcelo Van Gasse (Brasil)
Cartões amarelos: Lucas Romero (Cruzeiro)

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero (Ezequiel), Leo, Dedé e Egídio; Henrique, Ariel Cabral (Mancuello), Robinho, Thiago Neves e Arrascaeta; Rafinha (Sassá)
Técnico: Mano Menezes

VASCO: Martín Silva, Rafael Galhardo, Paulão, Frickson Erazo e Fabrício; Leandro Desábato, Wellington, Yago Pikachu, Wágner (Evander) e Paulinho (Andrés Rios); Duvier Riascos (Caio Monteiro)
Técnico: Zé Ricardo

ICFUT – Everton Costa aparece no treino e faz a festa dos companheiros de Vasco

Fonte: globo

Atacante, que precisará implantar um desfibrilador próximo ao coração para minimizar chances de arritmia, recebe carinho dos jogadores no campo do CFZ

Um dia após a divulgação da notícia de queprecisará implantar um desfibrilador próximo ao coração para minimizar os efeitos de uma eventual nova arritmia, Everton Costa foi acompanhar o treino do Vasco no CFZ. Ao lado da mulher Neiva Costa, o atacante entrou no gramado, cumprimentou os membros da comissão técnica e recebeu um abraço coletivo dos companheiros.

Everton Costa vasco visita jogadores (Foto: Edgard Maciel de Sá)Everton Costa recebe o carinho dos companheiros no treino no CFZ (Foto: Edgard Maciel de Sá)

A alegria dos jogadores cruz-maltinos ao ver o atacante ficou evidente, e o grupo procurou manter o clima leve, com muitas brincadeiras. Everton apareceu vestido com uma camisa azul, e logo virou alvo de Douglas:

– E aí, Avatar? Veio de azul para combinar? – brincou o meia, em referência ao personagem do filme do diretor James Cameron, de 2009, que inspirou o apelido do atacante.

Everton Costa vasco visita jogadores (Foto: Edgard Maciel de Sá)Everton Costa é cercado pelos demais jogadores na grade do campo de treino (Foto: Edgard Maciel de Sá)

Cercado próximo à grade, Everton, que está afastado dos gramados desde o dia 16 de abril, quando sofreu uma arritmia na partida contra o Resende, pela Copa do Brasil. também precisou ouvir brincadeiras em relação à emoção de reencontrar os companheiros

– Olha o coração, cuidado (risos) – ouviu dos companheiros, antes de se sentar ao lado do diretor executivo Rodrigo Caetano para acompanhar a atividade.

ICFUT – Willie faz outro golaço, brilha ao lado de Marlone, e Vasco bate o Náutico

Fonte: lancenet

Garotada vascaína resolve no segundo tempo na vitória sobre o lanterna no Recife

Náutico x Vasco - Gol do Vasco (Foto: Aldo Carneiro/ LANCE!Press)
Jogadores comemoram o primeiro gol (Foto: Aldo Carneiro/ LANCE!Press)

A garotada do Vasco assumiu a responsabilidade e resolveu. Pobre Náutico, que sucumbiu diante da técnica e velocidade da juventude cruz-maltina no segundo tempo. Willie – com um golaço e assistência – e Marlone – que marcou duas vezes – brilharam e construíram o placar de 3 a 0, nesta quinta-feira, na Arena Pernambuco, em Recife.
O resultado pela 18ª rodada do Brasileirão fez o time da Colina chegar aos 23 pontos, terminando a rodada na décima posição. Com a sexta derrota seguida, o Timbu continua na lanterna, com oito pontos. Na próxima rodada, o Vasco recebe o Atlético-PR, em São Januário, enquanto o Náutico visita o Corinthians, no Pacaembu.
O primeiro tempo foi nivelado, mas por baixo. O Vasco começou tomando a iniciativa, mas sem conseguir efetivamente levar perigo ao adversário. O meio-campo não conseguiu articular e as poucas bolas que chegaram aos atacantes vieram de chutões. Enquanto isso, Juninho assistia ao jogo do banco. Os raros lances que animaram a boa parcela de vascaínos que estiveram na Arena Pernambuco.
O Náutico viu que o adversário não mordia e colocou as manguinhas de fora. O esforçado Timbu passou a arriscar algumas jogadas mais agudas, tendo facilidade em chegar pelas laterais. Foi em uma jogada pela ponta que nasceu a chance mais aguda da primeira etapa, com Olivera pegando de primeira o cruzamento rasteiro e acertando o travessão cruz-maltino.
DORIVAL MEXE E GIGANTE ACORDA

Dorival, insatisfeito, mexeu no time. Colocou em campo Juninho e Dakson, sacando Pedro Ken e Wendel. A mudança foi da água para o vinho e o acerto tático e técnico foi a brecha que os garotos da Colina precisaram para brilhar.

Primeiro foi Willie, que, logo aos dois minutos, fez mais uma pintura. Após excepcional passe de Dakson e uma arrancada que lembrou Dener, ex-jogador do Vasco na década de 90, deu um toque por cima de Gideão e abriu o placar. Depois dos dois golaços em chutes fortes diante do Cruzeiro, o atacante mostrou mais uma opção no repertório.
O maremoto vascaíno sobre a defesa do Náutico continuou. Foram só mais quatro minutos até o encaixe de mais uma bela troca de passes, que terminou com Willie deixando Marlone na boa para, de primeira, fazer o segundo.
Com a vantagem embaixo do braço, o Vasco passou administrar. Mas foi de forma inteligente, conseguindo encaixar alguns contra-ataques. Juninho comandou o ritmo do time, ao lado de Dakson (Dorival mexeu muito bem!).
O esforçado Náutico, cujo triste destino já parece sacramentado, não conseguiu furar a defesa vascaína. Até porque, como jogou na terça-feira à noite, não teve mais pernas.
Nos acréscimos, Marlone aumentou o placar, colocando a cereja no bolo.

ICFUT – STJD pune Timão e Vasco com perda de quatro mandos e portões fechados

Fonte: lancenet

Dois primeiros jogos serão sem público. Os outos dois terão só torcida visitante. Timão levou multa maior pois sua torcida foi quem começou confusão em Brasília

Julgamento (Foto: Igor Siqueira)
Julgamento foi nesta quarta (Foto: Igor Siqueira)

Corinthians e Vasco foram punidos nesta quarta-feira em julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por causa da briga entre torcedores no estádio Mané Garrincha, em Brasília. Ambos perderam, em primeira instância, quatro mandos de campo e foram multados. A quantia aplicada ao Timão foi maior – R$ 80 mil – já que a torcida corintiana iniciou a confusão. O Vasco vai ter que pagar R$ 50 mil.

Atendendo pedido da procuradoria, o relator Francisco de Assis Pessanha Filho fez um pedido – aceito – que as duas primeiras perdas de mando sejam cumpridas com portões fechados e as outras duas subsequentes sejam com portões semifechados, com venda de ingressos só ao time visitante.

– Não há que se falar em outra hipótese a não ser a condenação. As singelas medidas tomadas pelo clube mandante foram insuficientes e os atos de violência foram provocados em quase sua totalidade pelo segundo denunciado, o Corinthians – afirmou o relator, em seu voto.

A aplicação da pena de fechamento dos portões não é prevista no Código Brasileiro de Justiça Desportiva, mas o relator usou o artigo 283 do CBJD, que dá ao STJD a brecha para aplicar a legislação internacional, caso as leis brasileiras sejam omissas em algum ponto. E assim ele fez, usando o precedente aplicado pela Conmebol contra o Corinthians na Libertadores para determinar os portões fechados.

Como a decisão foi da Terceira Comissão Disciplinar, em primeira instância, cabe recurso ao Pleno do STJD. Os clubes vão avaliar se usarão da prerrogativa do recurso.

A definição sobre em quais confrontos a pena será aplicada será da CBF.

O ARTIGO USADO PARA QUE OS PORTÕES FOSSEM FECHADOS

Art. 283. Os casos omissos e as lacunas deste Código serão resolvidos com a adoção dos princípios gerais de direito, dos princípios que regem este Código e das normas internacionais aceitas em cada modalidade, vedadas, na definição e qualificação de infrações, as decisões por analogia e a aplicação subsidiária de legislação não desportiva.