Por Cleber Santista – Batalha de Mc’s – São Paulo x Corinthians

MUITO BOM !!!

Anúncios

Por Cleber Santista – Ranking das torcidas: Fla se mantém no topo, e Corinthians segue na cola

Fonte: Globo.com

Dentro da margem de erro, Rubro-Negro oscila para baixo, e Timão cresce.
Equipe paulista reduziu diferença para o rival nos últimos dez anos

Pesquisa realizada pelo Ibope em parceria com o jornal Lance! constatou que o Flamengo segue sendo o clube com o maior número de torcedores no Brasil. Em relação ao levantamento anterior, de 2010, o Rubro-Negro oscilou para baixo dentro da margem de erro de um ponto percentual, enquanto o Corinthians cresceu 0,2 ponto. Nos últimos quatro anos, a diferença baixou de 3,8 para 2,6 pontos percentuais – há dez anos, era de 4,9 pontos. O São Paulo manteve o terceiro lugar no ranking, com 6,8% de participação, mas teve queda de 1,9 ponto percentual, a maior entre todos os 18 clubes citados pela pesquisa.

Ranking tabela torcidas torcedores brasil (Foto: Reprodução)(Foto: Reprodução)
 

Cabe registrar que, da pesquisa de 2010 para a atual, nenhum clube oscilou acima da margem de erro. Segundo o levantamento, o Flamengo tem o maior número de torcedores no Brasil, com 16,2% de preferência, o que equivaleria a 32,5 milhões de rubro-negros, isso com base na estimativa do IBGE de 2013. O clube, porém, teve queda de 1 ponto percentual em relação à pesquisa de 2010. O Corinthians cresceu 0,2 ponto percentual, atingindo 13,6% e 25,9 milhões de torcedores.

Dos cinco primeiros colocados, o Corinthians foi o único a ter alta desde a última pesquisa, em 2010, ainda que dentro da margem de erro. Vale lembrar que, no meio do caminho entre o último levantamento e o atual, a equipe conquistou a Libertadores e o Mundial em 2012.

O Palmeiras manteve a quarta colocação com 5,3% de participação mesmo atingindo queda de 0,7 ponto percentual. O Vasco fecha o grupo dos cinco primeiros colocados com 3,6% e baixa de 0,5 ponto.

Um dos destaques do levantamento é o Atlético-MG, que subiu 0,9 ponto, atingiu participação de 3,5% e pulou da nona para a sexta posição no ranking. Com isso, o campeão da Libertadores de 2013 ultrapassou o arquirrival Cruzeiro, que se mantém em sétimo lugar com 3,1% do total das torcidas.

O Grêmio perdeu duas posições na lista, caindo para o oitavo lugar, com 3%. Ainda assim se manteve à frente do Internacional, que vem em nono com 2,8%. O Fluminense, com 1,8%, subiu três posições e agora está em 11º. Quem também teve boa subida foi o Atlético-PR, com 1,2% de participação e um salto de 19º para 15º.

MONTAGEM - Torcidas flamengo e Corinthians (Foto: Agência Getty Images)
 
Flamengo e Corinthians: pesquisa mostra que a distância entre as torcidas diminuiu (Foto: Agência Getty Images)

A pesquisa foi realizada em todos os estados brasileiros, entrevistando 7.005 pessoas. A margem de erro é de um ponto percentual para mais ou para menos. O levantamento é feito desde 1998 e está na quinta edição.

Fla lidera com jovens; Timão entre os mais ricos

A pesquisa mostra também a força rubro-negra entre os mais jovens. O Flamengo lidera, com folgas, a torcida entre os torcedores de 10 a 15 anos, com 22,3% da preferência. O Corinthians, em segundo lugar, tem 16,9%. Quem em sete anos mais cresceu na faixa foi o Botafogo, saindo de 0,4% para 2,2%.

O Timão, em compensação, pode se gabar de liderar entre os mais ricos. A pesquisa o coloca na liderança entre os torcedores que ganham mais de 10 salários mínimos, com 17,6% da preferência. O Flamengo cai para segundo nesse quesito, com 10,9% dos torcedores. A situação se inverte entre quem ganha até um salário mínimo. Nessa faixa, o Rubro-Negro carioca fica na ponta, com 20,8%, contra 10% do Corinthians.

Flu entre os mais escolarizados

O Fluminense, 11º no ranking das maiores torcidas, é quem tem o maior índice de escolaridade entre seus torcedores. De acordo com a pesquisa, 22,3% dos tricolores têm ensino superior completo. Seus rivais Botafogo, Flamengo e Vasco estão apenas em 12º, 13º e 14º lugares, respectivamente. O Palmeiras é o segundo no quesito, com 17,9% tendo completado o ensino superior. Em números absolutos, porém, o Flamengo é novamente o primeiro, seguido por Corinthians, São Paulo e Palmeiras.

info Torcidas LANCE! (Foto: infoesporte)As variações nas pesquisas feitas pelo Lance! de 1998 até 2014 (Foto: infoesporte)

ICFUT DAS ANTIGAS – A 1º TORCIDA ORGANIZADA DO BRASIL – CHARANGA RUBRO-NEGRA

A PIONEIRA CHARANGA RUBRO-NEGRA

A Charanga que animou a torcida do Flamengo

Cumprindo promessa que fez a um amigo, Jaime de Carvalho criou a primeira torcida musical do futebol brasileiro no início dos anos 194

Rexona (Foto: Divulgação)
Remanescentes da Charanga do Flamengo: apoio musical ao Rubro Negro (Foto:Fernando Maia/Ag. O Globo)

Jaime Rodrigues de Carvalho foi um dos flamenguistas mais fanáticos da história do Rubro-Negro e pioneiro na criação de uma torcida musical.
Em 1942, esse baiano nascido em Salvador teve a ideia de levar um grupo musical para dentro de um estádio de futebol. Ele juntava assim duas de suas paixões. A maior delas, o Flamengo, e também a música. A iniciativa aconteceu na véspera da decisão do Campeonato Carioca de 1942, entre Flamengo e Fluminense. Naquele sábado, Jaime prometeu a um amigo que iria criar tal tipo de torcida. Eles ficaram até de madrugada tingindo um tecido com a inscrição “Avante, Flamengo” em vermelho e preto.
No dia seguinte, 11/10, para surpresa dos presentes nas Laranjeiras, um grupo de cerca de 15 músicos liderados por Jaime chegou ao estádio. Os músicos carregavam um trombone, duas clarinetas e mais de dez instrumentos rítmicos. Aquela turma animada e ruidosa se destacou, tocando durante toda a partida em sinal de apoio ao Fla. Afinal, naquele tempo, as torcidas somente se manifestavam de forma contida. Até aquele dia, a música como forma de torcida nunca havia entrado em um estádio, fazendo parte somente das comemorações e festividades fora do campo de jogo.
O jogo terminou empatado em 1 a 1, mas ficou marcado pela torcida musical que mudou para sempre o ambiente dos jogos de futebol no país.
Nos dias seguintes àquela final, o conhecido músico Ary Barroso, torcedor rubro-negro e então locutor de um programa na Rádio Tupi, cravou: “Me desculpem, mas isso não é banda nem aqui nem no caixa-prego. Isso é uma verdadeira charanga”, disse ele em relação à qualidade musical do grupo. Afinal, segundo o dicionário, charanga significa conjunto musical desafinado e barulhento.
Jaime de Carvalho não se incomodou e decidiu adotar o apelido. Nascia assim a Charanga do Mengão. Além da alegria, da festa e da sonoridade, a Charanga também trouxe sorte ao Mengão, já que o clube conquistou o tricampeonato carioca de 1942 a 1944.
Criado com cerca de 20 integrantes, o grupo logo cresceu e fez história. Laura, mulher de Jaime, era quem costurava as faixas e bandeiras da turma. A Charanga ficou célebre e se transformou em um símbolo do Flamengo. A ordem na Charanga era torcer sempre a favor do Fla, sendo proibido xingar e criticar os jogadores. O sucesso da Charanga foi tanto que ela acabou inspirando novas charangas de futebol pelo Brasil nas décadas de 1940 e 1950.
Curiosamente, no início a Charanga sofreu uma forte resistência no meio esportivo, justamente pelo fato de incomodar os adversários do Flamengo por conta de seu barulho e de sua tradicional desafinação. Os rivais do Mengão alegavam que a Charanga atrapalhava a concentração, já que se posicionava estrategicamente atrás do gol adversário.
Outro fato é que a Charanga do Mengão também é considerada a primeira torcida organizada do Brasil.
Por conta de todo o seu trabalho à frente da Charanga do Mengão, Jaime foi o chefe oficial da torcida brasileira nas Copas do Mundo de 1950, no Brasil; 1954 na Suíça; e 1966 na Inglaterra.
Funcionário público aposentado, ele permaneceu no comando da Charanga até o seu falecimento, em 4/5/1976, devido a um câncer. Antes disso, passou o comando para a esposa Laura, que manteria o grupo na ativa durante a década de 1980. Nessa época começaram a pipocar outros tipos de torcidas organizadas, mais numerosas e que adotaram rivalidade violenta e ligação política com as diretorias dos clubes. Isso descaracterizou o papel de torcida organizada e a Charanga do Mengão foi perdendo espaço. Como reflexo dos novos tempos o grupo acabou desalojado da arquibancada do Maracanã, indo fazer a sua festa nas cadeiras do anel inferior. Atualmente, a Charanga sobrevive graças à dedicação de integrantes para manter viva a tradição de apoio ao time.
 
Fonte:Blog Mengo 1895
Charanga-Rubro-Negra
180px-Charanga1
header_charanga2

Por Cleber Aguiar – Independente supera Jovem no sufoco e vai ao Grupo de Acesso do Carnaval

Fonte: Lancenet.com.br

Escolas das torcidas organizadas de São Paulo e Santos terminaram a apuração empatadas,  mas os tricolores levaram a vantagem no quesito desempate para subir de divisão

Desfile de Carnaval - Torcida Jovem (Foto: Arena)
Torcida Jovem chegou a comemorar título vencido pela Independente (Foto: Arena)

A escola de samba da Torcida Tricolor Independente, maior organizada do São Paulo, garantiu presença no Grupo de Acesso do Carnaval de 2015. Os tricolores venceram disputa apertada com a Torcida Jovem Santos na apuração realizada no Sambódromo do Anhembi nesta quarta-feira e ficaram com o título do Grupo 1, divisão de desfiles organizada pela União das Escolas de Samba Paulistanas (UESP).

Os desfiles aconteceram entre a noite de segunda-feira e a madrugada de terça-feira sob forte esquema de segurança. A intenção dos organizadores e da Polícia Militar era evitar encontros entre são-paulinos e santistas após o assassinato de Márcio Barreto de Toledo na última semana após ataque de membros da Independente. A festa ocorreu sem incidentes e com a presença de mulheres e crianças no Anhembi.

A Independente, com a “Canção Paulistana” para lembrar da cultura da capital paulista, ficou na primeira colocação com 270,2 pontos, mesma marca da Torcida Jovem, mas levantou a taça por ter melhores notas em Evolução, quesito desempate para os jurados. Já os corintianos da Camisa 12 ficaram apenas na oitava colocação do Grupo 1 com 268,5 pontos.

Na última terça-feira, os palmeirenses da Mancha Verde foram promovidos do Grupo de Acesso para o Grupo Especial, onde encontrarão a Dragões da Real e a Gaviões da Fiel em 2015. Também formada por são-paulinos, a Dragões terminou o Carnaval na quinta colocação, enquanto os corintianos ficaram apenas na décima posição ao homenagear Ronaldo Fenômeno. Já a Leandro de Itaquera, que falou sobre a Copa do Mundo, acabou rebaixada para o Grupo de Acesso.

Por Cleber Aguiar – Parabéns Torcida Jovem do Santos , fez um carnaval maravilhoso ” Não há quem derrube nossa bandeira , TJ é força e não marca bobeira “

Pavilhão_T._JOVEM

PARABÉNS MINHA TORCIDA QUERIDA, APESAR DESSE VICE CAMPEONATO TÃO DOLORIDO E PERDENDO O CAMPEONATO DESSE JEITO NOS CRITÉRIOS..LEVANTAREMOS A CABEÇA E ANO QUE VEM BRIGAREMOS PELO ACESSO E CHEGAR AO TÃO SONHADO GRUPO ESPECIAL….NÃO HÁ QUEM DERRUBE NOSSA BANDEIRA TORCIDA JOVEM É FORÇA E NÃO MARCA BOBEIRA !!