ICFUT – CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL SÉRIE D – 2018 – 1º RODADA

Madureira 0x0 Linense Campeonato Brasileiro Série D 2018 – 1ª Rodada

Ferroviária 1×1 Novo Hamburgo – Campeonato Brasileiro Série D 2018 – 1ª Rodada

Cordino 1×1 Ferroviário Campeonato Brasileiro Série D 2018 – 1ª Rodada

Campinense 1×0 Fluminense de Feira Campeonato Brasileiro Série D 2018 – 1ª Rodada

Nacional-AM 3×0 São Raimundo-RR Campeonato Brasileiro Série D 2018 – 1ª Rodada

TABELA E CLASSIFICAÇÃO SÉRIE D – 2018 CLIQUE AQUI !

 

ICFUT – Tranquilo, Palmeiras vence o ASA-AL e dispara na ponta da Segundona

Fonte: lancenet

Verdão derrota a equipe alagoana por 3 a 0, com gols de Alan Kardec, Wesley e Serginho. Agora, chega aos 48 pontos e abre cinco de vantagem para a vice-líder Chapecoense

Wesley  - Palmeiras x ASA (Foto:Tom Dib/ LACE!Press)
Wesley e Wendel comemoram gol do Verdão (Foto:Tom Dib/LANCE!Press)

Calculadora na mão e mais três pontos na conta! Nesta terça-feira, o Palmeiras deu mais um passo rumo à Série A ao vencer o ASA-AL por 3 a 0, no estádio do Pacaembu, para um público modesto – foram quase nove mil torcedores. A equipe alagoana, marcada na história do Verdão por ter eliminado o Alviverde na Copa do Brasil de 2002, não conseguiu ser algoz novamente. Os gols dos donos da casa foram anotados por Alan Kardec (que ainda perde um pênalti), Wesley e Serginho.

Com o resultado, o Palmeiras dispara na liderança da Série B e chega aos 48 pontos na competição, cinco a mais do que a Chapecoense, vice-líder, derrotada pelo Oeste. Já o ASA estaciona nos 23 pontos.

PÊNALTI ERRADO… E GOL!

Contando os dias e os pontos para o retorno à Série A do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras segue a sua caminhada na Segundona. Nesta terça-feira, o oponente era o ASA. Contra um adversário que figura na parte de baixo da tabela, o técnico Gilson Kleina manteve o esquema com três atacantes. Articulada, a equipe optou por jogadas pelos flancos. Atrás, alguns sustos, principalmente em bobeadas individuais. Mas tanto Lúcio Maranhão quanto Wanderson não estavam com a pontaria calibrada para arrematar em gol. O primeiro, cabeceou para fora. O segundo foi interceptado após corte de Tiago Alves.

Já o Verdão, muito pragmático, arriscou muitos chutes de longa distância, mas faltava o ímpeto maior de Felipe Menezes na criação das jogadas. O meia até acertou belo chute de longe, mas precisava aparecer mais. Do banco, Valdivia, liberado pelo técnico da seleção chilena, Jorge Sampaoli, do amistoso diante da Espanha, nesta terça-feira, assistia ao confronto.

Bem fechado, o adversário não contava com o fator surpresa. Márcio Araújo arrancou do campo de defesa, tabelou e entrou na área. O jogador caiu após a saída do goleiro e o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Alan Kardec desperdiçou. Mas não houve tanto tempo para lamentações. Dois minutos depois, o atacante finalizou de fora da área, no canto direito, o mesmo da penalidade máxima, e marcou. Mais um para o camisa 14, que já caiu nas graças da torcida.

Jogadores do Verdão comemoram o gol de Kardec (Foto: Tom Dib/LANCE!Press)

CARIMBA!

Na etapa final, o Palmeiras entrou ligado e sem dar chance ao adversário. Bastaram apenas quatro minutos para que a rede fosse balançada. Wendel, jogando na lateral-esquerda, invadiu a área e tocou para Wesley, livre, só estufar as redes. Na comemoração, o volante foi ao banco e recebeu vários tapas na cabeça.

Após o gol, o Palmeiras começou a controlar as ações ofensivas e administrou o bom resultado conquistado até então. Em um jogo tranquilo, a torcida ficou extasiada com a entrada do meia Valdivia. Com o camisa 10 em campo, o Verdão ainda ampliou o marcador. Serginho tabelou com Kardec, recebeu dentro da área e mandou para o fundo das redes.

O ASA ainda tentou esboçar uma reação. Kleiton Domingues arriscou chute rasteiro. Em outra oportunidade, foi a vez de Wanderson carimbar a defesa alviverde após erro de André Luiz. Mas nada que colocasse mais uma vitória do Palmeiras em perigo. Agora, seguindo nessa toada, a vaga na Série A se aproxima.

PRÓXIMOS JOGOS

Na próxima rodada, o Palmeiras vai para Minas Gerais encarar o América-MG, às 16h20 de sábado, no estádio Independência. Já a equipe do ASA enfrenta o Joinville, às 19h30 da sexta-feira, em casa.

ICFUT – CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B – 2013

Oeste 1X1 Avaí – Série B 2013 – Goleiro Fernando Leal empata de cabeça, aos 49 do 2º

Boa Esporte 1 x 4 Chapecoense Campeonato Brasileiro Série B

São Caetano 0 x 0 Ceará Campeonato Brasileiro Série B

Paysandu 1 x 1 ASA Campeonato Brasileiro Série B 

 

2 GOLS
Chapecoense – 
Bruno Rangel

1 GOL
ASA –
 Wanderson

Avaí – Márcio Diogo
Boa Esporte – Fernando Karanga
Chapecoense – Alan e Wanderson
Oeste – Fernando Leal
Paysandu – Rafael Oliveira

Clube PG J V E D GP GC SG A%
Chapecoense-SC 3 1 1 0 0 4 1 3 100,0
ASA-AL 1 1 0 1 0 1 1 0 33,3
Avaí-SC 1 1 0 1 0 1 1 0 33,3
Oeste-SP 1 1 0 1 0 1 1 0 33,3
Paysandu-PA 1 1 0 1 0 1 1 0 33,3
Ceará-CE 1 1 0 1 0 0 0 0 33,3
São Caetano-SP 1 1 0 1 0 0 0 0 33,3
ABC-RN 0 0 0 0 0 0 0 0 0
América-MG 0 0 0 0 0 0 0 0 0
10º
América-RN 0 0 0 0 0 0 0 0 0
11º
Atlético-GO 0 0 0 0 0 0 0 0 0
12º
Bragantino-SP 0 0 0 0 0 0 0 0 0
13º
Figueirense-SC 0 0 0 0 0 0 0 0 0
14º
Guaratinguetá-SP 0 0 0 0 0 0 0 0 0
15º
Icasa-CE 0 0 0 0 0 0 0 0 0
16º
Joinville-SC 0 0 0 0 0 0 0 0 0
17º
Palmeiras-SP 0 0 0 0 0 0 0 0 0
18º
Paraná-PR 0 0 0 0 0 0 0 0 0
19º
Sport-PE 0 0 0 0 0 0 0 0 0
20º
Boa Esporte-MG 0 1 0 0 1 1 4 -3 0,0
1ª RODADA
24/05 – 19h30 Oeste-SP 1 x 1 Avaí-SC
24/05 – 19h30 São Caetano-SP 0 x 0 Ceará-CE
24/05 – 21h50 Boa Esporte-MG 1 x 4 Chapecoense-SC
24/05 – 21h50 Paysandu-PA 1 x 1 ASA-AL
25/05 – 16h20 Icasa-CE x Sport-PE
25/05 – 16h20 Figueirense-SC x América-RN
25/05 – 16h20 Palmeiras-SP x Atlético-GO
25/05 – 16h20 Joinville-SC x Bragantino-SP
25/05 – 21h00 Guaratinguetá-SP x América-MG
25/05 – 21h00 ABC-RN x Paraná-PR
2ª RODADA
28/05 – 19h30 América-RN x Icasa-CE
28/05 – 19h30 Avaí-SC x Guaratinguetá-SP
28/05 – 19h30 Sport-PE x ABC-RN
28/05 – 19h30 Paraná-PR x São Caetano-SP
28/05 – 19h30 Ceará-CE x Paysandu-PA
28/05 – 21h50 Bragantino-SP x Boa Esporte-MG
28/05 – 21h50 Chapecoense-SC x Oeste-SP
28/05 – 21h50 ASA-AL x Palmeiras-SP
28/05 – 21h50 Atlético-GO x Joinville-SC
28/05 – 21h50 América-MG x Figueirense-SC

ICFUT – COPA NORDESTE 2013

copa_nordeste

LINK O VIVO PARA COPA NORDESTE 2013 – CLIQUE AQUI !

[videolog 913347]

Grupo A
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  ABC 0 0 0 0 0 0 0 0
2  Bahia 0 0 0 0 0 0 0 0
3  Itabaiana 0 0 0 0 0 0 0 0
4  Ceará 0 0 0 0 0 0 0 0
Grupo B
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Sousa 0 0 0 0 0 0 0 0
2  Confiança 0 0 0 0 0 0 0 0
3  Sport 0 0 0 0 0 0 0 0
4  Fortaleza 0 0 0 0 0 0 0 0
Grupo C
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Salgueiro 0 0 0 0 0 0 0 0
2  ASA 0 0 0 0 0 0 0 0
3  América 0 0 0 0 0 0 0 0
4  Vitória 0 0 0 0 0 0 0 0
Grupo D
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Santa Cruz 0 0 0 0 0 0 0 0
2  Campinense 0 0 0 0 0 0 0 0
3  Feirense 0 0 0 0 0 0 0 0
4  CRB 0 0 0 0 0 0 0 0
1ª RODADA
19/01 – 16h00 Ceará x ABC
19/01 – 18h30 Feirense x Campinense
19/01 – 18h30 Bahia x Itabaiana
19/01 – 20h30 Salgueiro x ASA
20/01 – 17h00 Sousa x Sport
20/01 – 17h00 Confiança x Fortaleza
20/01 – 18h00 América x Vitória
20/01 – 18h30 Santa Cruz x CRB
2ª RODADA
23/01 – 21h15 ASA x América
23/01 – 21h15 Itabaiana x Ceará
23/01 – 21h15 Campinense x Santa Cruz
23/01 – 21h15 Vitória x Salgueiro
23/01 – 21h15 ABC x Bahia
24/01 – 19h15 CRB x Feirense
24/01 – 20h15 Fortaleza x Sousa
24/01 – 22h15 Sport x Confiança
3ª RODADA
26/01 – 16h00 Itabaiana x ABC
26/01 – 18h00 Vitória x ASA
27/01 – 16h00 Santa Cruz x Feirense
27/01 – 17h00 Fortaleza x Sport
27/01 – 17h00 Sousa x Confiança
27/01 – 18h30 Ceará x Bahia
27/01 – 18h30 Campinense x CRB
27/01 – 20h30 América x Salgueiro
4ª RODADA
30/01 – 19h15 CRB x Campinense
30/01 – 20h15 Confiança x Sousa
30/01 – 21h00 Salgueiro x América
30/01 – 21h15 Feirense x Santa Cruz
30/01 – 22h15 Sport x Fortaleza
30/01 – 23h15 ASA x Vitória
31/01 – 19h15 ABC x Itabaiana
31/01 – 21h15 Bahia x Ceará
5ª RODADA
2/02 – 20h30 América x ASA
3/02 – 16h00 Feirense x CRB
3/02 – 16h00 Santa Cruz x Campinense
3/02 – 17h00 Sousa x Fortaleza
3/02 – 17h00 Confiança x Sport
3/02 – 18h00 Salgueiro x Vitória
3/02 – 18h30 Bahia x ABC
3/02 – 18h30 Ceará x Itabaiana
6ª RODADA
6/02 – 21h15 ABC x Ceará
6/02 – 21h15 Campinense x Feirense
6/02 – 21h15 CRB x Santa Cruz
6/02 – 21h15 Itabaiana x Bahia
6/02 – 22h15 Fortaleza x Confiança
6/02 – 22h15 Sport x Sousa
6/02 – 23h15 Vitória x América
6/02 – 23h15 ASA x Salgueiro

RETRÔ ICFUT – Campeonato Alagoano 2011

ASA, CAMPEÃO ALAGOANO 2011

Finais

1ºjogo

2ºjogo

Festa

Campeão
ASA
ASA

Estatísticas

Melhor Ataque ASA 53 Gols
Pior Ataque Ipanema 16 Gols
Melhor Defesa Murici 21 Gols sofridos
Pior Defesa Ipanema 47 Gols sofridos
Mais Goleadas ASA 7 Goleadas
Mais Vitórias ASA 18 Vitórias
Menos Vitórias Ipanema 3 Vitórias
Mais Empates Santa Rita 6 Empates
Mais Derrotas Ipanema 14 Derrotas
Menos Derrotas Murici 5 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Murici 11 Jogos
Campeonato Alagoano
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  ASA 42 18 14 0 4 36 14 22 77.8
2  Coruripe 37 18 12 1 5 29 15 14 68.5
3  Murici 36 18 11 3 4 30 15 15 66.7
4  Corinthians Alagoano 32 18 10 2 6 30 21 9 59.3
5  Sport Atalaia 23 18 7 2 9 33 36 -3 42.6
6  CRB 21 18 6 3 9 23 28 -5 38.9
7  CSE 20 18 5 5 8 22 28 -6 37.0
8  CSA 19 18 6 1 11 20 27 -7 35.2
9  Santa Rita 18 18 4 6 8 22 30 -8 33.3
10  Ipanema 7 18 3 1 14 16 47 -31 13.0

Final

1ª RODADA
30/04 – 15h30 ASA 6 x 2 Coruripe
2ª RODADA
7/05 – 15h15 Coruripe 3 x 4 ASA

 

Alagoano 2ª Fase
1ª RODADA
6/04 – 15h15 Corinthians Alagoano 2 x 5 ASA
6/04 – 15h15 Murici 4 x 2 Coruripe
2ª RODADA
9/04 – 15h00 Coruripe 3 x 1 Murici
10/04 – 16h00 ASA 1 x 1 Corinthians Alagoano

 

2ª Fase – Final
1ª RODADA
16/04 – 15h30 Coruripe 1 x 0 ASA
2ª RODADA
23/04 – 15h30 ASA 1 x 0 Coruripe

 

Campeonato Alagoano
1ª RODADA
15/01 – 16h15 Corinthians Alagoano 0 x 1 Sport Atalaia
15/01 – 17h00 ASA 1 x 0 Murici
16/01 – 16h15 Santa Rita 1 x 1 CSE
16/01 – 16h15 Ipanema 0 x 1 Coruripe
16/01 – 18h00 CSA 0 x 2 CRB
2ª RODADA
18/01 – 21h30 ASA 0 x 1 Corinthians Alagoano
18/01 – 21h30 Coruripe 5 x 3 Sport Atalaia
19/01 – 16h15 Murici 1 x 0 Santa Rita
19/01 – 21h00 CSE 1 x 0 CSA
19/01 – 21h30 CRB 2 x 1 Ipanema
3ª RODADA
22/01 – 16h00 Sport Atalaia 1 x 1 CRB
22/01 – 16h15 Corinthians Alagoano 2 x 0 Coruripe
23/01 – 16h15 Ipanema 1 x 3 CSE
23/01 – 16h15 Santa Rita 1 x 2 ASA
23/01 – 17h00 CSA 1 x 2 Murici
4ª RODADA
26/01 – 16h00 Santa Rita 1 x 2 CSA
26/01 – 16h15 Murici 2 x 0 Sport Atalaia
26/01 – 21h30 CRB 1 x 2 Corinthians Alagoano
26/01 – 21h30 CSE 3 x 0 Coruripe
27/01 – 21h30 ASA 3 x 0 Ipanema
5ª RODADA
29/01 – 16h00 Coruripe 2 x 0 CRB
29/01 – 16h15 Corinthians Alagoano 2 x 2 Santa Rita
30/01 – 16h15 Ipanema 1 x 0 Murici
30/01 – 16h15 Sport Atalaia 3 x 2 CSE
30/01 – 17h00 CSA 2 x 1 ASA
6ª RODADA
2/02 – 16h00 Santa Rita 3 x 3 CRB
2/02 – 16h15 Ipanema 2 x 1 Sport Atalaia
2/02 – 16h15 Murici 2 x 1 Corinthians Alagoano
2/02 – 21h30 CSA 0 x 2 Coruripe
3/02 – 21h30 ASA 3 x 0 CSE
7ª RODADA
5/02 – 16h00 Sport Atalaia 3 x 2 CSA
5/02 – 16h15 Corinthians Alagoano 3 x 1 Ipanema
5/02 – 21h30 Coruripe 4 x 1 Santa Rita
6/02 – 17h00 CSE 1 x 1 Murici
6/02 – 17h00 CRB 1 x 2 ASA
8ª RODADA
9/02 – 16h15 Murici 1 x 0 Coruripe
9/02 – 16h15 Santa Rita 4 x 1 Ipanema
9/02 – 21h00 CSE 2 x 1 CRB
9/02 – 21h30 CSA 1 x 3 Corinthians Alagoano
9/02 – 21h30 ASA 3 x 0 Sport Atalaia
9ª RODADA
12/02 – 16h00 Ipanema 1 x 0 CSA
12/02 – 16h15 Corinthians Alagoano 4 x 0 CSE
12/02 – 21h30 Coruripe 3 x 1 ASA
13/02 – 16h15 Sport Atalaia 3 x 1 Santa Rita
13/02 – 18h00 CRB 0 x 2 Murici
10ª RODADA
19/02 – 16h00 Murici 3 x 2 CRB
19/02 – 21h30 CSE 1 x 2 Corinthians Alagoano
20/02 – 15h15 Santa Rita 3 x 0 Sport Atalaia
20/02 – 16h00 CSA 5 x 3 Ipanema
20/02 – 16h00 ASA 0 x 1 Coruripe
11ª RODADA
26/02 – 15h15 Sport Atalaia 2 x 3 ASA
27/02 – 15h15 Corinthians Alagoano 1 x 0 CSA
27/02 – 15h15 Ipanema 0 x 0 Santa Rita
27/02 – 16h00 Coruripe 0 x 2 Murici
28/02 – 20h00 CRB 3 x 2 CSE
12ª RODADA
2/03 – 15h15 Ipanema 1 x 2 Corinthians Alagoano
2/03 – 15h15 Santa Rita 1 x 0 Coruripe
2/03 – 20h30 CSA 1 x 3 Sport Atalaia
3/03 – 15h15 Murici 1 x 1 CSE
3/03 – 21h00 ASA 3 x 1 CRB
13ª RODADA
12/03 – 15h00 Coruripe 1 x 0 CSA
12/03 – 15h15 Corinthians Alagoano 1 x 2 Murici
13/03 – 15h15 Sport Atalaia 8 x 2 Ipanema
13/03 – 16h00 CRB 1 x 1 Santa Rita
13/03 – 16h00 CSE 1 x 3 ASA
14ª RODADA
16/03 – 15h15 Murici 6 x 0 Ipanema
16/03 – 15h15 Santa Rita 0 x 2 Corinthians Alagoano
16/03 – 20h30 CRB 0 x 1 Coruripe
16/03 – 20h30 CSE 0 x 1 Sport Atalaia
16/03 – 21h00 ASA 3 x 0 CSA
15ª RODADA
19/03 – 15h00 Ipanema 0 x 1 ASA
19/03 – 15h15 Corinthians Alagoano 1 x 2 CRB
19/03 – 20h30 Coruripe 1 x 1 CSE
20/03 – 15h15 Sport Atalaia 2 x 4 Murici
20/03 – 16h00 CSA 3 x 0 Santa Rita
16ª RODADA
23/03 – 15h15 Murici 0 x 0 CSA
23/03 – 20h30 CRB 1 x 0 Sport Atalaia
23/03 – 20h30 Coruripe 3 x 0 Corinthians Alagoano
23/03 – 20h30 ASA 4 x 0 Santa Rita
23/03 – 20h30 CSE 3 x 1 Ipanema
17ª RODADA
26/03 – 15h00 Ipanema 1 x 2 CRB
27/03 – 15h15 Sport Atalaia 0 x 2 Coruripe
27/03 – 15h15 Corinthians Alagoano 1 x 2 ASA
27/03 – 15h15 Santa Rita 3 x 1 Murici
27/03 – 17h00 CSA 2 x 0 CSE
18ª RODADA
2/04 – 15h00 Murici 0 x 1 ASA
2/04 – 15h00 Coruripe 3 x 0 Ipanema
2/04 – 15h00 Sport Atalaia 2 x 2 Corinthians Alagoano
2/04 – 16h00 CRB 0 x 1 CSA
2/04 – 17h00 CSE 0 x 0 Santa Rita

Por Cleber Aguiar – Futebol no Nordeste !

Fonte: Portal Terra

Vitória busca ingressar no G-4 diante do já rebaixado Salgueiro

Embalado pelos recentes resultados no Brasileiro da Série B e a apenas um ponto do G4, o Vitória tentará entrar na zona de acesso para a Primeira Divisão já nesta sexta-feira, quando receberá o rebaixado Salgueiro, às 20h30 (de Brasília), no Barradão. O técnico Vagner Benazzi ainda terá força máxima à sua disposição para conseguir mais três pontos e colocar o time de vez na briga pelas primeiras colocações da competição.

Após conseguir uma importante vitória por 2 a 1 na última rodada, diante do Boa Esporte, em Varginha, os jogadores do clube baiano destacaram mais uma vez que o objetivo da equipe sempre foi conquistar seu retorno para a elite do futebol nacional e rechaçaram qualquer desistência da equipe durante a competição.

“Mesmo quando muitas pessoas já não acreditavam, nós continuamos a acreditar. Em momento algum desistimos. Somos profissionais o suficiente para saber que futebol é assim. Matematicamente, falavam que tínhamos 10% ou 15% de chances de subir. E desde aquele momento, eu vim aqui e disse que matemática no futebol não existe”, declarou o lateral Fernandinho.

Agora, o Vitória terá que fazer a lição de casa e torcer contra o Americana, que ocupa a quarta colocação, para finalmente ingressar no pelotão de frente da tabela. Com tamanha importância beirando o jogo desta rodada, o atacante Geovanni mostrou que a equipe está focada e entrará em campo determinada a conquistar o resultado desde o primeiro minuto de jogo.

“A responsabilidade de vencer esse jogo é nossa. Nós queremos entrar no G-4. Temos que respeitar o Salgueiro, porque sabemos que será um jogo perigoso. Além disso, temos que deixar a empolgação de lado e com apoio do torcedor, tenho certeza que vai ser uma boa partida. É um jogo chave para conquistarmos o acesso”, completou o centroavante.

Sem problemas com lesões e suspensões, Vagner Benazzi deverá mandar a campo os mesmos jogadores que venceram o Boa Esporte no fim de semana passado. A única preocupação do treinador era com relação ao atacante Fábio Santos, que teve um problema no joelho direito ao longo da semana, mas foi confirmado na equipe titular pelo comandante do Vitória.

Enquanto isso, o Salgueiro terá que entrar em campo convivendo com a queda antecipada para a Série C. No meio da semana, o time foi julgado pelo STJD, por ter escalado o meia Josa, diante da Portuguesa, de maneira irregular. Punido, o clube perdeu três pontos na competição e acabou tendo seu rebaixamento adiantado.

Após empatar por 1 a 1 com o Vila Nova na última sexta-feira, o Salgueiro não deverá ter grandes mudanças na equipe e jogará apenas para cumprir tabela e tentar somar mais pontos na reta final do campeonato. Sem grandes opções para inovar na escalação, o técnico Neco deverá mandar um time parecido com o que entrou em campo na última rodada, com destaque para Fabrício Ceará, que é o artilheiro do clube na Série B, com oito gols marcados.

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA X SALGUEIRO

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 04 de novembro de 2011, sexta-feira
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: José de Caldas Souza (DF)
Assistentes: Luciano Benevides de Sousa e Westhane Cassiano Matos (ambos do DF)

VITÓRIA: Douglas; Nino, Jean, Gabriel Paulista e Fernandinho; Uellinton, Gilberto, Preto e Geovanni; Marquinhos e Fábio Santos
Técnico: Vagner Benazzi

SALGUEIRO: Luciano; Thony, Gustavo, Alexandre e Piauí; Pio, Josa, Renê e Clébson; Edmar e Fabrício Ceará
Técnico: Neco

Fonte: Superesportes.com.br

Náutico sem o melhor “ladrão”
Líder de desarmes no Timbu, Ronaldo Alves voltou aos treinos físicos, mas não enfrenta o ASA


Brenno Costa – Diario de Pernambuco
Apesar de apresentar uma evolução satisfatória na consolidação da fratura no nariz, não será diante do ASA que Ronaldo Alves retorna ao time do Náutico. Ontem o jogador foi liberado para fazer trabalhos leves. Nada de contato com outros atletas. Assim, ele deve continuar como o único desfalque do Timbu. Ausência que preocupa, apesar de Diego Bispo ter se saído bem como substituto diante do Sport. Afinal, sem o atleta, a equipe de Waldemar Lemos perde o principal ladrão de bolas.

Em um time marcado por jogadores com vocação para marcar, Ronaldo Alves se sobressai. Longe de ser um defensor ao estilo “brucutu”, ele deu 77 botes certeiros (segundo o site footstats.com.br). Com isso, tornou-se o único atleta alvirrubro que aparece no ranking dos 20 melhores em desarmes corretos na Série B – ocupa o 12º lugar.

O que impede Ronaldo Alves de continuar liderando o sistema defensivo da equipe é o tempo de consolidação das quatro microfraturas no nariz. O otorrino que lhe operou na semana passada recomendou 15 dias sem qualquer contato físico. Tempo que deve ser contado a partir da data da lesão causada no jogo diante do Vitória, no sábado dia 22 de outubro. “Fui liberado para treinar sem contato porque qualquer lance mais forte corre o risco de fraturar novamente. Agora vou me preparar para estar bem para as próximas rodadas”, disse o zagueiro alvirrubro.

Apesar da declaração, Ronaldo deixou em aberto a possibilidade de atuar diante do Barueri, na próxima terça-feira, usando uma máscara. “Não descarto usar. Até coloquei antes do clássico, mas a região estava muito inchada. Agora está um pouco melhor”, acrescentou.

O lance

Ronaldo Alves, que chegou a ficar dois dias seguidos apenas deitado para evitar o sangramento no nariz, ainda comentou o lance da lesão. Ao contrário do sentimento de revolta que ficou entre os dirigentes do Náutico, que prometeram fazer um boletim de ocorrência contra o atacante Neto Baiano, ele viu o lance como um acidente de trabalho. Os dois jogadores subiram para dividir a bola e o defensor alvirrubro acabou acertando a cabeça do adversário. “Na hora achei que tinha sido uma cotovelada, porque ele já havia me acertado antes. Depois percebi que não foi maldade”, declarou.

Santa Cruz treina em dois períodos nesta sexta-feira

Zé Teodoro comandou um trabalho de dois toques durante a manhã. Corais voltam aos trabalho à tarde

Torcida comemora o acesso para Série C – 2012

Yuri de Lira – Especial para o Diario de Pernambuco

O elenco do Santa Cruz voltou aos treinamentos na manhã desta sexta-feira, no estádio do Arruda. O treinador do Tricolor, Zé Teodoro, comandou um trabalho de posse de bola junto aos jogadores, com dois toques, que durou dois tempos de 20 minutos. No período da tarde, a partir das 15h30, os atletas corais pegam no batente novamente, também no José do Rêgo Maciel.

O meio-campista Natan e o lateral-esquerdo Alexandre Silva seguem em transição do departamento médico para o físico, sob os cuidados do fisiologista Clóvis Calado. Já o lateral-esquerdo Dutra segue em tratamento no DM do clube, assim como o atacante Kiros, mais uma vez poupado dos treinos.

Fonte: Globo.com

Na Espanha, Lionel Messi posa
com a camisa do Bahia

Ex-zagueiro campeão brasileiro pelo Bahia em 88, João Marcelo
fez estágio no Barça e encontrou o melhor jogador do mundo

Por GLOBOESPORTE.COM Salvador

O ex-zagueiro João Marcelo, campeão brasileiro de 88 pelo Bahia, fez um estágio para treinador no Barcelona e aproveitou para “contratar” para o Tricolor da Boa Terra ninguém menos do que o melhor do mundo, Lionel Messi.

A foto do argentino com a camisa do Bahia, tirada por João Marcelo após um teinamento do clube catalão no fim do mês passado, virou sucesso entre os torcedores do Bahia nas redes sociais na internet.

messi tira foto com camisa do bahia (Foto: João Marcelo/Acervo Pessoal)Após treino, Messi posa para foto com a camisa do Tricolor de Aço (Foto: João Marcelo/Acervo Pessoal)

Além de João, Messi contou com um incentivo de peso para fazer a homenagem ao Bahia. O lateral Daniel Alves, companheiro de Messi no Barça, foi revelado pelo Bahia e não esconde a paixão pelo Tricolor. Apesar da distância, Daniel Alves faz questão de acompanhar o time do coração e, pelo Twitter, sempre escreve palavras de incentivo ao clube que o revelou.

messi e joão marcelo, ex-jogador do bahia (Foto: João Marcelo/Acervo Pessoal)Ex-jogador do Bahia, João Marcelo aproveitou para tietar o melhor jogador do mundo (Foto: João Marcelo/Acervo Pessoal)

Fonte:  Cearasc.com.br

Thiago Humberto: “A gente não vai desistir”
A próxima chance para buscar a recuperação da equipe alvinegra será diante do Avaí

“Ser persistente”. O meia do Ceará, Thiago Humberto, aposta na persistência para que o Vozão consiga se recuperar na reta final do Brasileirão 2011. Em conversa com a imprensa, o atleta afirmou que o grupo não pode desistir.

“Nós temos que ser persistentes. Se uma jogada ou um passe não deu certo, temos que tentar novamente. Precisamos tirar o Ceará dessa situação. Faltam seis jogos e a gente não vai desistir em momento algum”, afirmou o atleta.

A próxima chance para buscar a recuperação da equipe alvinegra será diante do Avaí, no próximo domingo, 06/11, em jogo válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2011. Esta partida vai ser às 17 horas (horário de Brasília), no estádio da Ressacada, em Florianópolis/SC.

Fonte: EPTV.com

Sport Recife e Boa Esporte se enfrentam de olho no G-4
Quem vencer continua na briga pelo acesso à Série A

Jogo de vida ou morte. Morte para quem perder, significando o fim das chances de subir para a Série A. Vida para quem ganhar, continuando na luta pelo G-4. Na verdade, uma sobrevida, porque, pelo menos, quatro times precisam tropeçar para que Sport e Boa Esporte consigam alguma coisa na Série B. Tarefa difícil nesta reta final de campeonato, mas os dois ainda sonham nesta sexta-feira, às 20h30m (19h30m, no Recife), na Ilha do Retiro.

– Durante esses últimos jogos, sempre foi falado que estávamos em uma decisão. No entanto, esse confronto com o Boa Esporte é a verdadeira final. Se não ganharmos estamos fora, é pensar em 2012. Por isso, não podemos vacilar. Vamos para guerra – disse o zagueiro Tobi.

O momento é mesmo decisivo. Colados na classificação (Sport em oitavo com 48 pontos e Boa em nono com 47 pontos) eles precisam ganhar a maioria dos cinco jogos restantes e secar Americana (51 pontos), Vitória (50), Criciúma (50) e Bragantino (49) para conseguir chegar ao G-4. Os catarinenses vacilaram e empataram com a Portuguesa, na terça-feira, por 1 a 1, e já podem ser ultrapassados pelos pernambucanos e mineiros.

– Temos chance e vamos nos agarrar a ela. É por isso que devemos lutar. Os vários resultados paralelos têm nos ajudado. Em oito partidas, ganhamos apenas uma e ainda estamos à três pontos do quarto colocado. O campeonato tem sido generoso. Temos que fazer a nossa parte – afirmou o lateral Wellington Saci, durante a semana.

Para ganhar do Boa Esporte, o Leão vai com uma nova aposta no ataque. Marcelinho Paraíba sai da articulação vai para a linha de frente, assim como atuava no Coritiba em 2009. Ao seu lado, o jovem Roberson, que havia atuado apenas 15 minutos na competição e estava escanteado pelo ex-treinador rubro-negro, PC Gusmão, se torna a esperança de gols. Ele entra no lugar do matador Bruno Mineiro, 12 tentos no Brasileiro, contundido na bacia e sem previsão de volta.

– A arma deles são os contra-ataques. A prova é que quando jogam em Varginha eles têm mais dificuldades, já quando são visitantes costumam fazer bons jogos, pois não têm a responsabilidade de vencer – explicou Mazola que assumiu o Sport após a demissão do PC Gusmão, resultado da derrota para o Náutico por 2 a 0, na última rodada.

Boa Esporte quer recuperar temporada de vitórias

Sem vencer há cinco rodadas, o Boa Esporte buscará, na Ilha do Retiro, passar o Sport na tabela de classificação e encostar no G-4. O time de Varginha chegou a ficar na quinta posição por três rodadas, porém, com um empate e três derrotas seguidas, perdeu fôlego. Na última rodada, em casa, o Boa Esporte perdeu por 2 a 1, para o Vitória.

Contra a equipe pernambucana, o técnico Nedo Xavier terá o desfalque do zagueiro Higo, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, Marcelinho deverá ganhar a posição. Com isso, Marcelinho deverá ganhar a posição. O atacante Rámon, que está resolvendo problemas particulares, também não viajou com o grupo. Assim, o Boa Esporte deverá entrar em campo com Luiz Henrique; Jackson, Marcelinho, Carciano e Marinho Donizete; Claudinei, Jean Cléber, Olívio e Moisés; Carlos Magno e Jheimy.

SPORT X BOA ESPORTE
Magrão; Moacir, Gabriel, Tobi e Wellington Saci; Hamilton, Rithely, Willians e Thiaguinho; Marcelinho Paraíba e Roberson Luiz Henrique; Jackson, Marcelinho, Carciano e Marinho Donizete; Claudinei, Jean Cléber, Olívio e Moisés; Carlos Magno e Jheimy
Técnico: Mazola Júnior Nedo Xavier
Local: Ilha do Retiro – Horário: 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva
Auxiliares: Lúcio da Silva de Mattos e Eduardo Lincoln Neves

Confira todos os jogos da rodada:

1/11 – 20h30 São Caetano-SP 1 x 2 Guarani-SP
1/11 – 20h30 Criciúma-SC 1 x 1 Portuguesa-SP
4/11 – 20h30 Vila Nova-GO   x Goiás-GO
4/11 – 20h30 Sport-PE   x Boa Esporte-MG
4/11 – 20h30 Vitória-BA   x Salgueiro-PE
4/11 – 20h30 Duque de Caxias-RJ   x Bragantino-SP
5/11 – 16h20 ASA-AL   x Náutico-PE
5/11 – 16h20 Ponte Preta-SP   x Americana-SP
5/11 – 17h00 Icasa-CE   x ABC-RN
5/11 – 17h00 Grêmio Barueri-SP   x Paraná-PR

ICFUT – Campeonato Brasileiro Série B – 2011

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Portuguesa-SP 4 2 1 1 0 5 1 4 66.7
2  Paraná-PR 4 2 1 1 0 3 2 1 66.7
3  Ponte Preta-SP 3 1 1 0 0 5 0 5 100.0
4  Sport-PE 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
5  Vitória-BA 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
6  Goiás-GO 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
7  ASA-AL 3 2 1 0 1 2 6 -4 50.0
8  Criciúma-SC 1 1 0 1 0 2 2 0 33.3
9  Guarani-SP 1 1 0 1 0 2 2 0 33.3
10  Salgueiro-PE 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
11  Duque de Caxias-RJ 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
12  ABC-RN 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
13  São Caetano-SP 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
14  Bragantino-SP 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
15  Americana-SP 1 2 0 1 1 2 3 -1 16.7
16  Ituiutaba-MG 0 1 0 0 1 1 2 -1 0.0
17  Gremio Barueri-SP 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
18  Icasa-CE 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
19  Vila Nova-GO 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
20  Náutico-PE 0 1 0 0 1 0 4 -4 0.0

Asa 2 x1 Americana 2011

ASA vence o Americana (SP) por 2×1 e esquece goleada

O ASA entrou em campo em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série B e conseguiu. O placar não foi tão elástico, mas o que vale é que o Alvinegro conquistou os três primeiros pontos, ao vencer a Americana-SP, nesta terça-feira (24), pelo placar de 2×1. O Alvinegro também recuperou-se da goleada sofrida, no último sábado, para a Ponte Preta, por 5×0 – na rodada de estreia da competição.

A partida foi válida pela 2ª rodada da Série B e o time alvinegro jogou ao lado de sua torcida, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Mas em uma noite fria e de muita chuva naquela cidade, o Alvinegro contou com a presença de um público pequeno no estádio, pouco mais de dois mil torcedores.

Com essa vitória, para dar moral ao time, o Alvinegro saiu da lanterna da competição e passou para a sétima colocação, com os três primeiros pontos conquistados. No dia 3 de junho (sexta-feira) os alagoanos vão enfrentar o Goiás, às 21 horas, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO. E a Americana desceu para o 15º lugar, com um ponto, e na próxima rodada vai encarar o Paraná Clube, no sábado (4), às 16h20, no Estádio Décio Vitta, em Americana-SP.

1º tempo sem gols

O time da Americana começou levando certo perigo ao ASA, obrigando o goleiro Tutti a fazer boas defesas. A boa oportunidade do ASA veio aos 10 minutos, quando teve chance de abrir o placar, mas perdeu quando o atacante Alexsandro chutou mal, deu uma furada e não aproveitou, com o goleiro da Americana já batido.

E o Alvinegro teve outra boa oportunidade, quando Alexsandro encarou a defesa da Americana, girou, bateu e a bola sobrou para Raul que chutou e colocou no fundo na rede, mas o assistente já estava com a bandeira levantada, marcando jogada de impedimento, e o gol do Alvinegro foi anulado.

Aos 30 minutos, foi a vez de Raul fazer o lançamento para Alexsandro, que foi derrubado, mas o árbitro Marielson Alves disse que não houve nada.

O jogo era equilibrado, com chances para as duas equipes, mas todas foram desperdiçadas e o gol acabou não saindo para nenhuma delas, uma vez que não souberam finalizar. E o primeiro tempo foi encerrado com o placar de zero a zero.

Vitória do ASA no 2º tempo

Logo no início da segunda etapa, aos 5 minutos, um susto para o ASA, quando Fumagalli quase abriu o marcador em favor do time da Americana. Depois de cobrança de falta de Paulo Sérgio, o goleiro Tutti defendeu e Fumagalli pegou o rebote, mas quando chutou foi para fora, para alívio do torcedor alvinegro que a essa altura já se impacientava nas arquibancadas, pedindo que o técnico Vica fizesse substituições na equipe.

O ASA errava muitos passes no início dessa etapa, não conseguia se encontrar. Diante disso, o técnico Vica fez logo duas substituições. Colocou Didira no lugar de Raul e Vitinha no lugar de Marielson. E deu certo. Aos 16 minutos, Vitinha levantou a bola na área para Didira e ele abriu o placar, com o gol escancarado, entrou com bola e tudo, com o goleiro Jailson já batido: 1×0.

Mas a alergia do ASA durou pouco, quando Rafael Chorão, que havia acabado de entrar em campo, deixou tudo igual, aos 23 minutos. Um belo chute de fora da área, com a bola entrando no ângulo, sem chances para a defesa do goleiro Tutti: 1×1.

A resposta do ASA foi imediata. Aos 25 minutos, o time alagoano passou de novo à frente do marcador, com um gol assinalado por Sérgio Bueno. Didira serviu a Alexsandro, que mandou para Sérgio Bueno e ele bateu cruzado, de fora da área. A bola foi cheia de veneno e morreu no fundo da rede, sem chances para o goleiro Jailson: 2×1.

No finalzinho do jogo, o meio-campista Alê, da Americana, acabou sendo expulso. Ele já tinha recebido o cartão amarelo em um lance anterior e cometeu falta violenta em Vitinha. Resultado: acabou indo para o chuveiro mais cedo. E assim foi o jogo, com a vitória do Alvinegro: 2×1.

FICHA TÉCNICA

ASA 2×1 Americana – 2ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B

Data: 24/05/11 – Horário: 21 horas

Local: Estádio Coaracy da Mata Fonseca – Arapiraca-AL

Árbitro: Marielson Alves Silva

Assistentes: Adailton José de Jesus Silva e José Dias da Hora

Renda: R$ 14.450,00 – Público pagante: 1.407 – Público Total: 2.115

Cartões amarelos: Sérgio Bueno (ASA); e André Luiz (Americana)

Cartão vermelho: Alê (Americana)

Gols: Didira (16’) e Sérgio Bueno (25’) – 2º tempo – ASA; Rafael Chorão (23’) – Americana – 2º tempo

EQUIPES

ASA – Tutti; Sérgio Bueno, Thiago Alves, Leandro Cardoso, Toninho e Maurin; Marcelo Costa, Galiardo, Raul (Didira) e Marielson (Vitinha); Alexsandro (Anderson). Técnico: Vica.

Americana – Jailson; Paulo Sérgio, Jorge Luiz, Thiago Gomes e Magal (Diego Dedoné); Alê, Júlio César (Rafael Costa), Leo Silva e Fumagalli (Rafael Chorão); Lúcio Flávio e André Luiz. Técnico: Toninho Cecílio.

Paraná 1×1 Portuguesa – 2011

Fonte: Gazetaesportiva.net

Paraná cede empate para a Lusa e perde chance de liderar

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

O Paraná Clube perdeu a chance de liderar de forma isolada a Série B do Campeonato Brasileiro ao ceder o empate em 1 a 1 para a Portuguesa, na Vila Capanema. A equipe paranista chegou a jogar toda a primeira etapa com um jogador a mais e à frente no placar, mas permitiu o gol do adversário depois do intervalo. O resultado deixa os dois times com quatro pontos, na ponta da tabela, mas aguardando o complemento da rodada.

A Lusa teve Jael expulso logo aos três minutos de bola rolando e, para piorar sua situação, tomou o primeiro gol aos sete minutos, com Wellington, que pegou sobra de bola para completar para as redes. Os paulistas empatam aos 27 minutos da etapa final, com um belo gol de Henrique.

Na próxima rodada o Paraná Clube encara o Americana, apenas no sábado, dia 04 de junho, no interior de São Paulo. Já a Portuguesa era pela frente na sexta-feira, dia 03 de junho, no Estádio do Canindé, o ABC.

O jogo – A partida começou movimentada, mas, logo aos três minutos, Jael agrediu Léo e foi expulso, deixando a Lusa com um jogador a menos logo no início. Com um jogador a mais, o Tricolor aproveitou para crescer e, aos sete minutos, Wellington aproveitou sobra de bola para arrematar para o fundo do gol. O detalhe é que o jogador, ainda com a camisa do Arapongas, marcou o gol que rebaixou o time no Estadual.

A pressão era total do Paraná, que estava mais próximo do segundo gol. Aos 15 minutos, Serginho cobrou falta e carimbou a barreira. Aos 18 minutos, boa jogada individual de Henrique, que invadiu a área e arrematou em cima da defesa. A equipe da casa ficou no quase mais uma vez aos 20 minutos, com Lima, que mandou um petardo, com muito perigo, pela linha de fundo.

O torcedor se animava na arquibancada com um Tricolor muito mais agressivo do que no início da temporada. Aos 25 minutos, Wellington bateu falta e Weverton se esticou para fazer grande defesa. Sem conseguir ampliar a vantagem, os paranaenses tomaram um susto aos 33 minutos, em cobrança de falta e Marco Antônio que bateu na trave. Os paulista reagiram e, aos 44 minutos, Henrique chutou forte e Zé Carlos salvou.

Na segunda etapa, a partida recomeçou quente e, aos cinco minutos, foi a vez de Thiago Santos ser expulso, igualando em números os atletas das equipes. Aos oito minutos os jogadores pedirem vermelho para Guilherme, que pegou forte Kevin, mas ficou no amarelo. Aos 10 minutos, Wellington cobrou falta com violência e Weverton espalmou. Na resposta, Marcelo Cordeiro bateu cruzado e ninguém completou na área.

O jogo era equilibrado, mas o ritmo caiu um pouco, com chances reais de gol escassas. Os dois treinadores aproveitaram então para colocar sangue novo nos times. Aos 19 minutos, Diego tentou invadir a área, mas foi desarmado pela defesa da Lusa. Ate que, aos 27 minutos, Henrique entrou com facilidade na zaga paranista e chutou no cantinho para empatar com um belo gol.

A Portuguesa, satisfeita com o empate arrancado na casa do adversário, cadenciava o jogo, enquanto o Tricolor saía para o desespero. Aos 31 minutos, Diego chegou a ensaiar o drible no goleiro, mas foi interceptado pelo camisa 1. Henrique, com um chute torto, perdeu mais uma chance aos 36 minutos. Aos 40 minutos, foi a vez de Packer disparar o míssil para boa defesa de Weverton. A torcida, que começou esperançosa, para varar, foi embora na bronca.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ CLUBE 1 X 1 PORTUGUESA

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 24 de maio de 2011, terça-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Schmidt (SC)
Assistentes: Angelo Rudimar Bechi e Eberval Lodetti (ambos de SC)
Cartões amarelos: Thiago Santos, Diego e Serginho (Paraná); Mateus, Guilherme e Rogério (Portuguesa)
Cartões vermelhos: Thiago Santos (Paraná); Jael (Portuguesa)

Gols:
PARANÁ: Wellington, aos sete minutos do primeiro tempo
PORTUGUESA: Henrique, aos 27 minutos do segundo tempo

PARANÁ: Zé Carlos; Henrique, Luciano Castán, Cris e Lima; Serginho, Wellington (Packer), Leandro Oliveira e Thiago Santos; Kelvin e Leo (Diego) (Maycon Freitas)
Técnico: Ricardo Pinto

PORTUGUESA: Weverton; Marcos Pimentel, Jaime, Mateus e Marcelo Cordeiro; Guilherme, Henrique, Ananias (Cleiton) e Marco Antônio (Leandro Love); Jael e Luís Ricardo (Ivo)
Técnico: Jorginho

1ª RODADA
20/05 – 21h00 Goiás-GO 1 x 0 Gremio Barueri-SP
20/05 – 21h00 Salgueiro-PE 1 x 1 São Caetano-SP
20/05 – 21h00 Bragantino-SP 1 x 1 ABC-RN
21/05 – 16h20 Portuguesa-SP 4 x 0 Náutico-PE
21/05 – 16h20 Americana-SP 1 x 1 Duque de Caxias-RJ
21/05 – 16h20 Ponte Preta-SP 5 x 0 ASA-AL
21/05 – 16h20 Vitória-BA 1 x 0 Vila Nova-GO
21/05 – 16h20 Criciúma-SC 2 x 2 Guarani-SP
21/05 – 16h20 Sport-PE 1 x 0 Icasa-CE
21/05 – 21h00 Ituiutaba-MG 1 x 2 Paraná-PR
2ª RODADA
24/05 – 21h00 ASA-AL 2 x 1 Americana-SP
24/05 – 21h00 Paraná-PR 1 x 1 Portuguesa-SP
27/05 – 21h00 São Caetano-SP x Ituiutaba-MG
27/05 – 21h00 Gremio Barueri-SP x Bragantino-SP
27/05 – 21h00 Vila Nova-GO x Ponte Preta-SP
28/05 – 16h20 Icasa-CE x Vitória-BA
28/05 – 16h20 Guarani-SP x Sport-PE
28/05 – 16h20 Duque de Caxias-RJ x Criciúma-SC
28/05 – 16h20 Náutico-PE x Goiás-GO
28/05 – 21h00 ABC-RN x Salgueiro-PE