ICFUT -BRASILEIRO SERIE C 2018 – TABELA, REGULAMENTO E CLUBES

 

ICFUT – CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL SÉRIE C – 2018 – 2º RODADA

TABELA E CLASSIFICAÇÃO SÉRIE C – 2018

 

ICFUT – MINEIRO 2015 – TUPI 0X3 CRUZEIRO

FICHA TÉCNICA
TUPI 0 X 3 CRUZEIRO

Local: Estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG)
Data: 28 de fevereiro de 2015, sábado
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Flávio Henrique C. Teixeira (CBF/FMF)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (CBF/FMF) e Magno Arantes Lira (CBF/FMF)

Cartões amarelos : (Tupi) Genalvo (Cruzeiro) Mayke, Henrique Dourado, Pará
Cartão vermelho : (Tupi) Mailson

GOLS:
CRUZEIRO: Henrique Dourado, aos sete e Mailson, contra, aos 11 minutos do primeiro tempo; Neilton, aos 15 minutos do segundo tempo

TUPI: Glaysson; Osmar, Silvio, Mailson e Fabrício Soares; Genalvo, Noé (Bruno Arrabal), Marco Goiano, Ygor (Rafael Assis) e Danilo (Marcinho); Daniel Morais
Técnico: Felipe Surian

CRUZEIRO: Rafael; Mayke (Fabiano), Manoel, Bruno Rodrigo e Pará; Eurico, Willian Farias e Bruno Edgar; Judivan (Gabriel Xavier), Henrique Dourado e Joel (Neilton)
Técnico: Marcelo Oliveira

RETRÔ ICFUT – Campeonato Brasileiro Série D – 2011

Tupi Campeão

Santa Cruz  ressurgi

Campeão
Tupi
Tupi

Estatísticas

Melhor Ataque Cuiabá 30 Gols
Pior Ataque Formosa 5 Gols
Melhor Defesa Guarani de Juazeiro 4 Gols sofridos
Pior Defesa Anapolina 19 Gols sofridos
Mais Goleadas Sampaio Corrêa 3 Goleadas
Mais Vitórias Tupi 10 Vitórias
Menos Vitórias São Mateus 0 Vitórias
Mais Empates Santa Cruz 6 Empates
Mais Derrotas Oeste 6 Derrotas
Menos Derrotas Juventude 2 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Volta Redonda 7 Jogos
Oitavas-de-Final
Ida Volta
Santa Cruz  (1-0)  Coruripe 1-0 video 0-0 Sugerir Video
Volta Redonda  (3-4)  Tupi 1-0 Sugerir Video 2-4 video
Treze  (6-1)  Santa Cruz-RN 3-1 Sugerir Video 3-0 Sugerir Video
Penarol  (2-3)  Independente Tucuruí 1-0 Sugerir Video 1-3 Sugerir Video
Sampaio Corrêa  (2-4)  Cuiabá 2-1 video 0-3 video
Anapolina  (2-2)  Villa Nova 1-0 Sugerir Video 1-2 Sugerir Video
Cianorte  (1-1)
(3-4)g.p.
 Oeste 0-1 video 1-0
(4-3) Pen.
Sugerir Video
Mirassol  (4-3)  Juventude 2-0 Sugerir Video 2-3 Sugerir Video

 

Quartas-de-Final
Ida Volta
Cuiabá  (6-2)  Independente Tucuruí 2-0 video 4-2 Sugerir Video
Treze  (3-3)  Santa Cruz 3-3 video 0-0 video
Oeste  (4-4)
(4-3)g.p.
 Mirassol 3-1 Sugerir Video 1-3
(3-4) Pen.
Sugerir Video
Tupi  (6-3)  Anapolina 4-1 Sugerir Video 2-2 video

 

Semifinais
Ida Volta
Santa Cruz  (3-1)  Cuiabá 1-0 video 2-1 video
Oeste  (1-6)  Tupi 0-3 Sugerir Video 1-3 Sugerir Video

 

Final
Ida Volta
Tupi  (3-0)  Santa Cruz 1-0 Sugerir Video 2-0

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE D: Tupi Campeão!

Santa Cruz 0 x 2 Tupi = Título mineiro no Arruda lotado!

Mais de 54 mil torcedores estiveram presentes na derrota do Santa Cruz

Recife, PE, 20 (AFI) – O Tupi é o campeão Brasileiro da Série D de 2011. Na tarde deste domingo, o time mineiro venceu o Santa Cruz, por 2 a 0, no Estádio do Arruda, em Recife, no segundo jogo da decisão. O destaque positivo ficou novamente por conta da torcida do time pernambucano, que lotou o estádio (mais de 54 mil torcedores) e mesmo com a perda do título cantou de forma entusiasmada assim que o árbitro apitou o final do jogo.

No jogo de ida, o Tupi já havia vencido, por 1 a 0, em casa. Assim, o time mineiro conquista seu primeiro título nacional da história. Além dos dois, os outros dois times que conquistaram o acesso foram: Oeste e Cuiabá.

Chances, chances…
Com o Arruda completamente lotado, o Santa Cruz tratou de tentar logo o primeiro gol. A primeira grande chance do time pernambucano foi aos cinco minutos. Após jogada pela esquerda, Dutra cruzou para dentro da área e Fernando Gaúcho ajeitou de peito para chute de Thiago Cunha, mas a bola foi com perigo pela linha de fundo.

A torcida Coral fazia sua parte e o time tentava corresponder dentro de campo. Aos 19, Fernando Gaúcho recebeu passe dentro da área, mas acabou se atrapalhando e desperdiçou excelente chance de gol. Três minutos depois, Leandro Souza aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou com perigo, mas a bola saiu à direita do gol de Rodrigo.

Aproveitando o recuo do Tupi, o Santa Cruz contiuou pressionando. Aos 36, André Oliveira acertou ótimo lançamento para Thiago Cunha que emendou um chute forte, mas o goleiro Rodrigo espalmou. No rebote, a zaga chegou antes de Fernando Gaúcho e conseguiu impedir o gol. A única boa chance do Tupi foi aos 42. Augusto cobrou falta com perigo e a bola passou perto do gol de Tiago Cardoso.

Quem não faz…
No segundo tempo, o técnico Zé Teodoro sacou Fernando Gaúcho e apostou em Ludemar. O novo atacante Coral foi justamente quem levou mais perigo ao gol de Rodrigo. Aos oito minutos, Ludemar chutou rasteiro de fora da área, mas o arqueiro do Tupi fez a defesa. O time pernambucano continuou no ataque. Aos 13, Eduardo Arroz chutou e a bola vai pela linha de fundo.

O Tricolor permaneceu tentando. Aos 24, Ludemar chutou da entrada da área para nova defesa de Rodrigo. O ditado de “quem não faz, toma” começou a aparecer aos 29. Augusto arriscou um chute forte de longe e Tiago Cardoso espalmou pela linha de fundo. Mas seis minutos depois o arqueiro nada conseguiu fazer. Henrique cruzou para dentro da área e Alan finalizou para abrir o placar: 1 a 0 Tupi.

Se já estava ruim ficou ainda pior aos 37 minutos. Henrique chutou e a bola passou por baixo do corpo do goleiro Tiago Cardoso para desespero dos torcedores do Santa Cruz. Após o segundo gol, alguns torcedores já começaram a deixar o Arruda, mas outra parte da torcida fez uma linda festa.

TUPI CAMPEÃO!

 

escudo_tupi3

Melhor campanha
A Campanha Carijó: 33 pontos (16 jogos, dez vitórias, três empates e três derrotas – 29 gols a favor e 15 contra), com a seguinte campanha:
Itumbiara-GO (3 x 1 e 1 x 0),
Tocantinópolis-TO (0 x 0 e 0 x 3),
Gama-DF (1 x 1 e 1 x 0),
Anapolina-GO (3 x 1, 1 x 2, 4 x 1 e 2 x 2),
Volta Redonda (0 x 1 e 4 x 2) e
Oeste (3 x 0 e 3 x 1) e
Santa Cruz (1 x 0 e 2 x 0).

Os artilheiros do Galo:
Ademilson (8 gols), Luciano Ratinho (4), Vitinho e Henrique (3), Allan, Chrys e Augusto (dois cada), Cassiano, Dennis, Wesley Ladeira, Marcel e Marquinhos.