ICFUT – BRASILEIRÃO 2016 – 23º Rodada

335070

 

Figueirense 1 x 0 Atlético-PR

http://www.icfut.com.br/single-post/2016/09/07/ICFUT—Brasileir%C3%A3o-2016-Figueirense-1×0-Atl%C3%A9tico-Paranaense

SANTA CRUZ 2 X 2 CHAPECOENSE

http://www.icfut.com.br/single-post/2016/09/07/ICFUT—Brasileir%C3%A3o-2016-Santa-Cruz-2×2-Chapecoense

BOTAFOGO 1 X 0 FLUMINENSE

http://www.icfut.com.br/single-post/2016/09/07/ICFUT—Brasileir%C3%A3o-2016-Botafogo-1×0-Fluminense

Anúncios

ICFUT – Na altitude de La Paz, Atlético-PR busca a vaga diante do Strongest

Fonte: gazetaesportiva

Precisando de um empate para carimbar sua vaga nas oitavas de final da Libertadores da América, o Atlético Paranaense tem seu último desafio pelo Grupo 1, nesta terça-feira, às 19h45 (de Brasília), em La Paz, diante do The Strongest. Porém, o duelo promete ser duro, pela necessidade de vitória do adversário e pela temida altitude, principal arma das equipes da Bolívia.

Para tentar driblar qualquer dificuldade, o Rubro-Negro fez um trabalho específico durante a semana. Além disso, o time ficará em Santa Cruz de La Sierra até o dia do jogo, quando viajaram em um avião fretado para La Paz, minimizando, em tese, os efeitos da altitude. No entanto, o técnico Miguel Ángel Portugal, acostumado a partidas com essas condições, minimiza as possíveis consequência e garante ter uma equipe pronta para buscar o resultado.

"A equipe está bem fisicamente, então não deve sentir este problema em campo”, afirmou o treinador atleticano, que não vai mudar a forma do time jogar. “Temos que ser nós mesmos. O The Strongest é uma boa equipe, mas devemos entrar em campo com a mentalidade de fazer bem as coisas que treinamos. Assim sairemos com a classificação", completou.

Em relação à derrota em casa para o Vélez, o Furacão terá à disposição os atacantes Bruno Mendes e Douglas Coutinho, além do meia Felipe. Em compensação, o zagueiro Manoel conseguiu se recuperar a tempo e vai para jogo. No ataque, Adriano tem uma oportunidade de começar como titular pela primeira vez nesta Libertadores e luta por posição com Crislan.

Divulgação/Atlético-PR

Em solo boliviano, Adriano briga por posição com o jovem Crislan, que se destacou no Paranaense

O Tigre boliviano também depende apenas de suas forças para garantir a classificação e, para isso, precisará de uma vitória simples em casa, graças ao empate arrancado diante do Universitario-PER. Com 100% de aproveitamento em seus domínios, sem ter levado sequer um gol, o fator casa, ou talvez o fator altitude, tem funcionado bem nessa temporada, o que mantém viva a esperança do torcedor, que deve lotar o Estádio Rafael Catellón.

FICHA TÉCNICA
THE STRONGEST (BOL) X ATLÉTICO PARANAENSE (BRA)

Local: Estádio Rafael M. Catellón, em La Paz (BOL)
Data: 08 de abril de 2014, terça-feira
Horário: 19h45 (de Brasília)
Árbitro: Roddy Zambrano (Fifa-EQU)
Assistentes: Luis Vera e Edwin Bravo (ambos Fifa-EQU).

THE STRONGEST: Jemio; Parada, Jeferson, Barrera e Cristaldo; Nelvin, Melgar, Castro e Ríos; Alfaro e Pablo Escobar
Técnico: Eduardo Villegas

ATLÉTICO-PR: Weverton; Sueliton, Manoel, Cleberson e Natanael; João Paulo, Paulinho Dias e Matías Mirabaje; Marcelo, Crislan (Adriano) e Éderson.
Técnico: Miguel Ángel Portugal

ICFUT – Santos erra muito e perde invencibilidade para o ‘invencível’ Atlético-PR

Fonte: lancenet

O Peixe foi até o Durival de Brito pegar o Furacão e foi derrotado após seis partidas intacto no Brasileirão: 2 a 1. Paranenses não perdem há 11 na competição nacional…

Atlético-PR x Santos - Marcelo Cirino (Foto: Felipe Gabriel/ LANCE!Press)
Atlético-PR bateu o Santos no Durival de Brito (Foto: Felipe Gabriel/ LANCE!Press)

No duelo de duas equipes que já não perdiam há um bom tempo neste Brasileirão, nesta quarta-feira, o Atlético-PR levou a melhor sobre o Santos e venceu o jogo por 2 a 1, no Durival de Brito, em Curitiba. Em grande fase na competição e forte no G4, o Furacão mostrou eficiência no ataque e resolveu a partida logo no primeiro tempo. Agora são 11 partidas sem saber o que é derrota. Já o Peixe, que segue figurando no meio da tabela, abusou dos erros e tentativas de chuveirinhos para área e voltou a perder depois de seis jogos na competição (eram quatro empates e duas vitórias).

Enquanto Marcelo e Marco Antônio anotaram para os donos da casa, Emerson Palmieri, que havia entrado no segundo tempo, descontou para o time da Vila Belmiro. Depois de tomar dois gols, os alvinegros pressionaram até o final, mas não conseguiram o empate. Vale lembrar que, sob o comando de Vágner Mancini, o time paranense segue invicto. Furacão firme e forte lá em cima!

A primeira etapa no Durival de Brito foi bastante corrida e com uma disputa muito forte pela bola no meio de campo. Apesar do equilíbrio em grande parte dos 45 minutos, o Atlético-PR fez valer as oportunidades de gol que teve e saiu com o 2 a 0 no placar.

Em uma pressão inicial, os donos da casa acharam de cara um caminho para atacar: Léo. Nas costas do experiente camisa 3, o rápido Marcelo deu trabalho desde o começo. Em uma destas escapadas, o atacante deixou o santista para trás, passou também por Durval e soltou a bomba da entrada da área. A bola até era defensável e em seu canto, mas Aranha falhou e o placar foi aberto logo aos 6 minutos.

Depois do tento, o Peixe equilibrou a partida. Mais ousado no ataque, criou algum perigo, mas nada de colocar a bola para dentro. A insistência nos cruzamentos não dava certo e a zaga adversária levou a melhor em quase todas as tentativas.

E foi pelo alto que veio o segundo baque. O zagueiro Luiz Alberto testou, Aranha bateu roupa e, no rebote, Marco Antônio colocou para dentro em chute firme da marca do pênalti. Outra falha do goleiro alvinegro e marcador dobrado aos 37. A reação ficava mais difícil.

Segundo tempo: Erros e nada de recuperação

O Santos iniciou a etapa final em Curitiba buscando o primeiro gol. Com uma marcação mais adiantada, conseguiu ficar mais com a bola nos pés, mas os erros de passes não deixaram o volume de jogo resultar em chances concretas.

Faltava sempre aquele último passe para os atacantes, que pouco pegaram na bola durante os 90 minutos. Thiago Ribeiro até tentou voltar para criar jogadas, mas não era a dele. Os velhos chuveirinhos continuaram e a segura defesa do Furacão cansou de rebater bolas.

Conforme os minutos foram passando, o Atlético-PR foi crescendo e usando o contra-ataque como grande arma. Os lances de perigo não foram poucos, mas nada do terceiro.

O técnico Claudinei Oliveira até tentou colocar um time mais ofensivo em campo após as substituições, mas a garotada santista não conseguiu se livrar da forte marcação paranaense. Na base da bola aérea, Emerson chegou a descontar aos 42 minutos, mas nada do empate. E lá se foi a série de seis partidas sem derrota no Brasileirão…

Próximos jogos

Na próxima rodada, o Santos iniciará uma maratona recebendo o Goiás, no sábado, às 18h30, dentro da Vila Belmiro. Maratona porque na semana seguinte o Peixe terá três jogos em seis dias. Já o Atlético-PR irá até São Januário enfrentar o Vasco, no próximo domingo, às 18h30.

ICFUT – Rodolfo, do Atlético-PR, pega dois anos de gancho por uso de cocaína

Fonte: futebolinterior

Ele foi punido por unanimidade pelo STJD nesta segunda-feira

Curitiba, PR, 13 (AFI) – Por unanimidade, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) do Rio de Janeiro suspendeu o goleiro Rodolfo (foto), do Atlético-PR, na noite desta segunda-feira, em dois anos, de competições oficiais por uso de cocaína. O resultado já era esperado pelo próprio departamento jurídico do Furacão.

Ele foi punido com base no artigo 2º, item 2.1, do Código Mundial Anti-Doping (CMAD), pela “presença de uma substância proibida ou de seus metabólicos ou marcadores em uma amostra colida do atleta” e recebeu a pena máxima prevista, de suspensão por dois anos de competições esportivas

Duas vezes
Rodolfo foi pego no antidoping pela primeira vez, no último dia 9 de junho, após a derrota para o CRB, por 2 a 0, pela 5ª rodada, passou por contraprova, que detectou traços de cocaína na urina do jogador. Recentemente, ele assumiu o vício e foi internado em uma clínica de reabilitação, o que não foi suficiente para reduzir a pena.

O goleiro Rodolfo foi pego novamente no exame antidoping por uso de cocaína. Ele testou positivo para a substância na partida contra o Ceará, no último dia 23 de junho, mesmo sem ser titular, o jogador foi sorteado e foi submetido à verificação. Ele ainda terá direito à fazer uma contraprova e se for confirmado o uso de cocaína pela segunda vez, pode ser banido do futebol, pela reincidência.

Assumiu o vício
Durante o depoimento, o goleiro assumiu o uso da droga dois dias antes da partida, mas procurou deixar bem claro que o consumo da droga não teve efeito anabolizante nenhum, muito pelo contrário. Ele ressaltou que se não tivesse utilizado cocaína, poderia ter tido um rendimento maior.

"O Atlético-PR me avisou e fiquei muito triste comigo mesmo. Essa doença está me fazendo muito mal. Com o apoio do Atlético-PR eu hoje encontro-me internado em uma clínica e venho recebendo o apoio dos meus colegas de trabalho, da minha família e da minha esposa que está aqui hoje", afirmou o jogador em depoimento.

A defesa
A defesa do Atlético-PR, comandada pelo advogado Domingos Moro, chamou o chefe do departamento médico do clube, Luis Salim, e o psicólogo do goleiro como testemunhas, argumentando que o problema do jogador era de ordem médica.

"A lei diz que tem que punir, mas diz também que pode ter redutores. É isso que venho pedir, que ele tenha redutores. Esse tempo de punição pode ser aliado com o tempo que ele precisa para se recuperar", destacou o advogado.

O Tribunal preferiu punir Rodolfo, tomando como base o novo conceito do CMAD de responsabilidade estrita, ou seja, que o atleta é responsável por tudo que ingere ou que entra em seu cortpo

O goleiro pode recorrer à punição no Pleno do STJD e ser julgado em meados de setembro. Depois das duas instâncias julgadas, a decisão é informada a Corte Arbitral do Esporte (CAS), instância máxima da Justiça Esportiva, que decidirá se será necessário ou não mais um julgamento.

Este tipo de caso também não é novidade no Furacão. No final do ano passado, o atacante uruguaio Morro García também foi flagrado no antidoping, por um jogo de quando ainda atuava pelo Nacional, do Uruguai. Nos dois casos, as chances do clube ser punido é mínima.

Com apenas 21 anos, Rodolfo é visto como uma promessa no Atlético. Além do time rubro-negro, ele acumula passagens pelas categorias de base de Paraná e Internacional. Antes da chegada de Wéverton, o jogador vinha atuando como titular no início da Série B.

RETRÔ ICFUT – Campeonato Brasileiro 2011 – Série A

Artilheiro

Borges – Santos FC

Campeão Artilheiro
Corinthians
Corinthians
Brasil Borges
Santos
Atacante
1980-10-05
23 Gols

Estatísticas

Melhor Ataque Fluminense 60 Gols
Pior Ataque Atlético Paranaense 38 Gols
Melhor Defesa Corinthians 36 Gols sofridos
Pior Defesa Avaí 75 Gols sofridos
Mais Goleadas Ceará 4 Goleadas
Mais Vitórias Corinthians 21 Vitórias
Menos Vitórias Avaí 7 Vitórias
Mais Empates Palmeiras 17 Empates
Mais Derrotas Avaí 21 Derrotas
Menos Derrotas Flamengo 7 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Flamengo 16 Jogos

RETRÔ ICFUT – Campeonato Paranaense 2011

Paraná Clube Rebaixado

Campeão
Coritiba
Coritiba

Estatísticas

Melhor Ataque Coritiba 62 Gols
Pior Ataque Cascavel 15 Gols
Melhor Defesa Coritiba 17 Gols sofridos
Pior Defesa Cascavel 42 Gols sofridos
Mais Goleadas Coritiba 8 Goleadas
Mais Vitórias Coritiba 20 Vitórias
Menos Vitórias Cascavel 1 Vitórias
Mais Empates Roma Apucarana 6 Empates
Mais Derrotas Cascavel 16 Derrotas
Menos Derrotas Coritiba 0 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Coritiba 22 Jogos
1º turno
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Coritiba 29 11 9 2 0 27 8 19 87.9
2  Operário 22 11 7 1 3 17 10 7 66.7
3  Atlético 21 11 7 0 4 25 18 7 63.6
4  Iraty 20 11 6 2 3 16 13 3 60.6
5  Arapongas 17 11 5 2 4 10 8 2 51.5
6  Cianorte 17 11 5 2 4 15 14 1 51.5
7  Corinthians 15 11 5 0 6 12 15 -3 45.5
8  Roma Apucarana 14 11 3 5 3 15 17 -2 42.4
9  Paranavaí 11 11 3 2 6 14 18 -4 33.3
10  Rio Branco 9 11 2 3 6 12 20 -8 27.3
11  Cascavel 6 11 1 3 7 8 17 -9 18.2
12  Paraná 5 11 1 2 8 8 21 -13 15.2
2º turno
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Coritiba 33 11 11 0 0 35 9 26 100.0
2  Atlético 25 11 8 1 2 21 14 7 75.8
3  Operário 18 11 5 3 3 18 15 3 54.5
4  Paraná 18 11 5 3 3 18 17 1 54.5
5  Cianorte 17 11 5 2 4 18 11 7 51.5
6  Arapongas 17 11 5 2 4 19 17 2 51.5
7  Rio Branco 15 11 4 3 4 12 20 -8 45.5
8  Paranavaí 14 11 4 2 5 19 19 0 42.4
9  Roma Apucarana 13 11 4 1 6 17 23 -6 39.4
10  Corinthians 9 11 2 3 6 14 18 -4 27.3
11  Iraty 5 11 1 2 8 11 21 -10 15.2
12  Cascavel 2 11 0 2 9 7 25 -18 6.1

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE A: Todos os resultados 04/12/2011

Resultados

04/12/2011 (Dom) Botafogo-RJ 1 x 1 Fluminense Raulino de Oliveira
04/12/2011 (Dom) Avaí 1 x 1 Figueirense Ressacada
04/12/2011 (Dom) Corinthians 0 x 0 Palmeiras Pacaembu
04/12/2011 (Dom) São Paulo 4 x 1 Santos Romildo Vitor G.Ferreira
04/12/2011 (Dom) Internacional-RS 1 x 0 Grêmio Beira Rio
04/12/2011 (Dom) Cruzeiro 6 x 1 Atlético-MG Arena do Jacaré
04/12/2011 (Dom) Atlético-GO 5 x 1 América-MG Serra Dourada
04/12/2011 (Dom) Atlético-PR 1 x 0 Coritiba Arena da Baixada
04/12/2011 (Dom) Bahia 2 x 1 Ceará Pituaçu
04/12/2011 17:00 (Dom) Vasco 1 x 1 Flamengo Engenhão

 

Gols

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Classificação

  Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Corinthians-SP 71 38 21 8 9 53 36 17 62.3
2  Vasco da Gama-RJ 69 38 19 12 7 57 40 17 60.5
3  Fluminense-RJ 63 38 20 3 15 60 51 9 55.3
4  Flamengo-RJ 61 38 15 16 7 59 47 12 53.5
5  Internacional-RS 60 38 16 12 10 57 43 14 52.6
6  São Paulo-SP 59 38 16 11 11 57 46 11 51.8
7  Figueirense-SC 58 38 15 13 10 46 45 1 50.9
8  Coritiba-PR 57 38 16 9 13 57 41 16 50.0
9  Botafogo-RJ 56 38 16 8 14 52 49 3 49.1
10  Santos-SP 53 38 15 8 15 55 55 0 46.5
11  Palmeiras-SP 50 38 11 17 10 43 39 4 43.9
12  Grêmio-RS 48 38 13 9 16 49 57 -8 42.1
13  Atlético-GO 48 38 12 12 14 50 45 5 42.1
14  Bahia-BA 46 38 11 13 14 43 49 -6 40.4
15  Atlético-MG 45 38 13 6 19 50 60 -10 39.5
16  Cruzeiro-MG 43 38 11 10 17 48 51 -3 37.7
17  Atlético-PR 41 38 10 11 17 38 55 -17 36.0
18  Ceará-CE 39 38 10 9 19 47 64 -17 34.2
19  América-MG 37 38 8 13 17 51 69 -18 32.5
20  Avaí-SC 31 38 7 10 21 45 75 -30 27.2
Santos e Vasco foram campeões respectivamente da libertadores 2011 e da Copa Brasil
LegendaPG – Pontos Ganhos | JG – Jogos Disputados | VI – Vitórias | EM – Empates
DE – Derrotas | GP – Gols Pró | GC – Gols Contra | SG – Saldo de Gols
%A – Porcentual de Aproveitamento de Pontos


 
 
Classificados à Libertadores
 
 
Classificado à Pré-Libertadores
 
 
Classificados à Sul-Americana
 
 
Rebaixados à Série B
 
 
Campeões da Libertadores 2011 e Copa Brasil

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE A: Resultados 27/11/2011

Resultados

27/11/2011 17:00 (Dom) Flamengo 1 x 0 Internacional-RS Claudio Moacyr de Azevedo
27/11/2011 17:00 (Dom) Atlético-MG 4 x 0 Botafogo-RJ Arena do Jacaré
27/11/2011 17:00 (Dom) Coritiba 1 x 0 Avaí Couto Pereira
27/11/2011 17:00 (Dom) Santos 1 x 1 Bahia Vila Belmiro
27/11/2011 17:00 (Dom) Grêmio 2 x 2 Atlético-GO Olímpico
27/11/2011 17:00 (Dom) Palmeiras 1 x 0 São Paulo Pacaembu
27/11/2011 17:00 (Dom) América-MG 2 x 1 Atlético-PR Parque do Sabiá
27/11/2011 17:00 (Dom) Fluminense 1 x 2 Vasco Engenhão
27/11/2011 17:00 (Dom) Ceará 2 x 2 Cruzeiro Presidente Vargas-CE
27/11/2011 17:00 (Dom) Figueirense 0 x 1 Corinthians Orlando Scarpelli
38 ª Rodada

 

Gols

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Resumo da rodada

Fonte: futebolinterior

Corinthians e Vasco levam decisão para última rodada

Timão fez 1 a 0 sobre Figueirense e o Vasco fez 2 a 1 no Fluzão

Campinas, SP, 27 (AFI) – ainda não foi desta vez que o “Bando de Loucos” pode fazer a festa por todo o Brasil. A definição do título brasileiro da temporada ficou mesmo para a última rodada. Na 37.ª rodada, disputada nesta tarde de domingo, o Corinthians venceu o Figueirense, por 1 a 0 (gol de Liédson), chegou aos 70 pontos e continua perseguido pelo Vasco da Gama, com 68 pontos, ao vencer o Fluminense, por 2 a 1, com um gol aos 45 minutos.

Na última rodada, o Corinthians vai ter o clássico contra o Palmeiras, no Pacaembu, precisando de um empate. Daí não vai depender do resultado do Vasco da Gama com o Flamenfo, que luta por vaga na Copa Libertadores, no clássico carioca.

Mudanças na Libertadores
Os resultados mudaram também os times que brigam por vagas na Copa Libertadores da América. Apesar da derrota no Rio, o Fluminense, com 62 pontos, já tem sua vaga garantida. Aparece em terceiro lugar.
A quarta vaga, agora, é do Flamengo, com 60 pontos, em quarto lugar, ao vencer o Internacional, por 1 a 0. A quinta vaga é do Coritiba, com 57 pontos, depois de sofrer mas vencer o Avaí, por 1 a 0, em Curitiba.
Os perderores, respectivamente, Inter e Figueirense, que caiu diante do Corinthians, ficaram para trás. Eles também têm os mesmos 57 pontos, mas perdem nos critérios de desempate para o Coxa. O Botafogo, que continua apanhando (levou 4 a 0 do Atlético-MG) continua com 55 pontos, em nono lugar.
São Paulo vacilou
Quem também ficou fora, de momento, desta briga foi o São Paulo, que perdeu o clássico para o Palmeiras, por 1 a 0. O Verdão parece ter melhorado nos últimos jogos.
Na briga por uma vaga na Copa Libertadores, Grêmio e Atlético-GO empataram, por 2 a 2, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre. O tricolor gaúcho aparece com 48 pontos, em 12.º lugar, garantido com a vaga na Sul-Americana. O time goiano tem 45 pontos, em 14.º lugar e ainda sonha com este objetivo.
Os outros times que já estão com vagas na Sul-Americana são: Palmeiras, Botafogo, Figueirense, São Paulo e Internacional. A última vaga fiacará entre o Atlético-GO e o Bahia. Na última rodada, o time goiano vai receber o rebaixado América MIneiro, enquanto em Salvador o Bahia pega o desesperado Ceará, que precisa vencer para tentar fugir da Série B.

Galo e Bahia fora da queda
Dois times ficaram livres da ameaça do rebaixamento com bons resultados. Um deles é o Atlético Mineiro, que em casa, goleou o Botafogo por 4 a 0 e chegou aos 45 pontos, em 14.º lugar. O time carioca continua em queda vertical, sem vencer há sete rodadas, com 55 pontos, agora sem chances de lutar por vaga na Copa Libertadores. Pouco para quem quase ficou com o título.

Outro que se livrou foi o Bahia, do técnico Joel Santana. Na garra segurou o Santos completo, na Vila Belmiro, no empate por 1 a 1. O tricolor baiano chegou aos 43 pontos, em 15.º lugar. O Peixe, em ritmo de Mundial Interclubes, agora tem 53 pontos, em décimo lugar.

Três ameaçados
Na briga direta contra o descenso, o Cruzeiro conseguiu um bom resultado ao empatar com o Ceará, por 2 a 2, em Fortaleza. A Raposa atingiu os 40 pontos, em 16.º lugar e ainda não se livrou do rebaixamento. O Ceará, com 39 pontos, está em 17.º lugar, quase rebaixado.

O outro rebaixado é o Atlético Paranaense, 17.º, com 39 pontos. O Furacão sofreu para arrancar o empate com o América Mineiro, por 1 a 1, no Parque dos Sabiás, em Uberlândia. O Atlético até poderia chegar aos 42 pontos do Cruzeiro, mas tem menos vitórias: 9 a 11.

Já estavam rebaixados dois clubes: América Mineiro e Avaí.

Classificação

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Corinthians-SP 70 37 21 7 9 53 36 17 63.1
2  Vasco da Gama-RJ 68 37 19 11 7 56 39 17 61.3
3  Fluminense-RJ 62 37 20 2 15 59 50 9 55.9
4  Flamengo-RJ 60 37 15 15 7 58 46 12 54.1
5  Coritiba-PR 57 37 16 9 12 57 40 17 51.4
6  Internacional-RS 57 37 15 12 10 56 43 13 51.4
7  Figueirense-SC 57 37 15 12 10 45 44 1 51.4
8  São Paulo-SP 56 37 15 11 11 53 45 8 50.5
9  Botafogo-RJ 55 37 16 7 14 51 48 3 49.5
10  Santos-SP 53 37 15 8 14 54 51 3 47.7
11  Palmeiras-SP 49 37 11 16 10 43 39 4 44.1
12  Grêmio-RS 48 37 13 9 15 49 56 -7 43.2
13  Atlético-MG 45 37 13 6 18 49 54 -5 40.5
14  Atlético-GO 45 37 11 12 14 45 44 1 40.5
15  Bahia-BA 43 37 10 13 14 41 48 -7 38.7
16  Cruzeiro-MG 40 37 10 10 17 42 50 -8 36.0
17  Ceará-CE 39 37 10 9 18 46 62 -16 35.1
18  Atlético-PR 38 37 9 11 17 37 55 -18 34.2
19  América-MG 37 37 8 13 16 50 64 -14 33.3
20  Avaí-SC 30 37 7 9 21 44 74 -30 27.0
Santos e Vasco foram campeões respectivamente da libertadores 2011 e da Copa Brasil
LegendaPG – Pontos Ganhos | JG – Jogos Disputados | VI – Vitórias | EM – Empates
DE – Derrotas | GP – Gols Pró | GC – Gols Contra | SG – Saldo de Gols
%A – Porcentual de Aproveitamento de Pontos


 
 
Classificados à Libertadores
 
 
Classificado à Pré-Libertadores
 
 
Classificados à Sul-Americana
 
 
Rebaixados à Série B
 
 
Campeões da Libertadores 2011 e Copa Brasil

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE A: Resultados 20/11/2011

Resultados

20/11/2011 17:00 (Dom) Cruzeiro 1 x 1 Atlético-PR Arena do Jacaré
20/11/2011 17:00 (Dom) Atlético-GO 0 x 0 Flamengo Serra Dourada
20/11/2011 17:00 (Dom) Botafogo-RJ 1 x 2 Internacional-RS Engenhão
20/11/2011 17:00 (Dom) Corinthians 2 x 1 Atlético-MG Pacaembu
20/11/2011 19:00 (Dom) Bahia 0 x 2 Palmeiras Pituaçu
20/11/2011 19:00 (Dom) Figueirense 0 x 4 Fluminense Orlando Scarpelli
20/11/2011 19:00 (Dom) Coritiba 1 x 0 Santos Couto Pereira

 

Gols

 

 

 

 

 

 

Classificação

  Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Corinthians-SP 67 36 20 7 9 52 36 16 62.0
2  Vasco da Gama-RJ 65 36 18 11 7 54 38 16 60.2
3  Fluminense-RJ 62 36 20 2 14 58 48 10 57.4
4  Internacional-RS 57 36 15 12 9 56 42 14 52.8
5  Figueirense-SC 57 36 15 12 9 45 43 2 52.8
6  Flamengo-RJ 57 36 14 15 7 57 46 11 52.8
7  São Paulo-SP 56 36 15 11 10 53 44 9 51.9
8  Botafogo-RJ 55 36 16 7 13 51 44 7 50.9
9  Coritiba-PR 54 36 15 9 12 56 40 16 50.0
10  Santos-SP 52 36 15 7 14 53 50 3 48.1
11  Grêmio-RS 47 36 13 8 15 47 54 -7 43.5
12  Palmeiras-SP 46 36 10 16 10 42 39 3 42.6
13  Atlético-GO 44 36 11 11 14 43 42 1 40.7
14  Atlético-MG 42 36 12 6 18 45 54 -9 38.9
15  Bahia-BA 42 36 10 12 14 40 47 -7 38.9
16  Cruzeiro-MG 39 36 10 9 17 40 48 -8 36.1
17  Ceará-CE 38 36 10 8 18 44 60 -16 35.2
18  Atlético-PR 38 36 9 11 16 36 53 -17 35.2
19  América-MG 34 36 7 13 16 48 63 -15 31.5
20  Avaí-SC 30 36 7 9 20 44 73 -29 27.8
Santos e Vasco foram campeões respectivamente da libertadores 2011 e da Copa Brasil
LegendaPG – Pontos Ganhos | JG – Jogos Disputados | VI – Vitórias | EM – Empates
DE – Derrotas | GP – Gols Pró | GC – Gols Contra | SG – Saldo de Gols
%A – Porcentual de Aproveitamento de Pontos


 
 
Classificados à Libertadores
 
 
Classificado à Pré-Libertadores
 
 
Classificados à Sul-Americana
 
 
Rebaixados à Série B
 
 
Campeões da Libertadores 2011 e Copa Brasil

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE A: Resultados 13/11/2011

Resultados

13/11/2011 17:00 (Dom) Ceará 2 x 3 Santos Presidente Vargas-CE
13/11/2011 17:00 (Dom) Corinthians 2 x 1 Atlético-PR Pacaembu
13/11/2011 17:00 (Dom) Coritiba 2 x 0 Flamengo Couto Pereira
13/11/2011 17:00 (Dom) Grêmio 2 x 2 Palmeiras Olímpico
13/11/2011 19:00 (Dom) Atlético-GO 0 x 1 Bahia Serra Dourada
13/11/2011 19:00 (Dom) Vasco 2 x 0 Botafogo-RJ Engenhão
13/11/2011 19:00 (Dom) Cruzeiro 1 x 0 Internacional-RS Arena do Jacaré

 

Gols

 

 

 

 

 

 

 

Classificação

  Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Corinthians-SP 61 34 18 7 9 49 35 14 59.8
2  Vasco da Gama-RJ 61 34 17 10 7 51 37 14 59.8
3  Fluminense-RJ 56 34 18 2 14 49 44 5 54.9
4  Figueirense-SC 56 34 15 11 8 45 39 6 54.9
5  Botafogo-RJ 55 34 16 7 11 49 40 9 53.9
6  Flamengo-RJ 55 34 14 13 7 57 46 11 53.9
7  São Paulo-SP 53 34 14 11 9 50 42 8 52.0
8  Santos-SP 51 34 15 6 13 52 48 4 50.0
9  Coritiba-PR 51 34 14 9 11 54 38 16 50.0
10  Internacional-RS 51 34 13 12 9 53 41 12 50.0
11  Grêmio-RS 47 34 13 8 13 42 46 -4 46.1
12  Atlético-GO 42 34 11 9 14 42 41 1 41.2
13  Bahia-BA 42 34 10 12 12 40 44 -4 41.2
14  Palmeiras-SP 42 34 9 15 10 39 38 1 41.2
15  Atlético-MG 39 34 11 6 17 42 51 -9 38.2
16  Cruzeiro-MG 37 34 10 7 17 39 47 -8 36.3
17  Ceará-CE 35 34 9 8 17 41 58 -17 34.3
18  Atlético-PR 34 34 8 10 16 34 52 -18 33.3
19  América-MG 31 34 6 13 15 45 59 -14 30.4
20  Avaí-SC 29 34 7 8 19 44 71 -27 28.4
Santos e Vasco foram campeões respectivamente da libertadores 2011 e da Copa Brasil
LegendaPG – Pontos Ganhos | JG – Jogos Disputados | VI – Vitórias | EM – Empates
DE – Derrotas | GP – Gols Pró | GC – Gols Contra | SG – Saldo de Gols
%A – Porcentual de Aproveitamento de Pontos


 
 
Classificados à Libertadores
 
 
Classificado à Pré-Libertadores
 
 
Classificados à Sul-Americana
 
 
Rebaixados à Série B
 
 
Campeões da Libertadores 2011 e Copa Brasil