ICFUT – ELIMINATÓRIA PARA COPA DA RÚSSIA 2018 – AMÉRCA DO SUL

Eliminatórias para a Copa do Mundo – América do Sul

Pos Equipe J V E D GP GC +/- Pts
1 Chile Chile 1 1 0 0 2 0 +2 3
2 Colombia Colômbia 1 1 0 0 2 0 +2 3
3 Ecuador Equador 1 1 0 0 2 0 +2 3
4 Uruguay Uruguai 1 1 0 0 2 0 +2 3
5 Paraguay Paraguai 1 1 0 0 1 0 +1 3
6 Venezuela Venezuela 1 0 0 1 0 1 -1 0
7 Argentina Argentina 1 0 0 1 0 2 -2 0
8 Bolivia Bolívia 1 0 0 1 0 2 -2 0
9 Brazil Brasil 1 0 0 1 0 2 -2 0
10 Peru Peru 1 0 0 1 0 2 -2 0

1ª RODADA (outubro de 2015):

Colômbia 2 x0  Peru

Chile  2×0  Brasil

Argentina 0x2  Equador

Venezuela 0x1 Paraguai

Bolívia 0x2  Uruguai
2ª RODADA (outubro de 2015):

Paraguai x Argentina

Brasil x Venezuela

Equador x Bolívia

Peru x Chile

Uruguai x Colômbia
3ª RODADA (novembro de 2015):

Chile x Colômbia

Argentina x Brasil

Equador x Uruguai

Bolívia x Venezuela

Peru x Paraguai
4ª RODADA (novembro de 2016):

Colômbia x Argentina

Paraguai x Bolívia

Brasil x Peru

Venezuela x Equador

Uruguai x Chile

ICFUT – TOMBENSE CAMPEAO BRASILEIRO DE FUTEBOL SERIE D 2014

TOMBENSEfoto-1-página-16BRASIL DE PELOTAS VICE-CAMPEAO

10580287_783810804972796_304924850_o-660x330LONDRINA TERCEIRO LUGAR

time-do-confiança-2014CONFIANCA QUARTO LUGAR

Classificação geral

A classificação geral leva em conta a colocação dos clubes em cada uma das fases, a partir da fase final, e não a pontuação total.

Pos Times Pts J V E D GP GC SG Classificação73
1 Minas Gerais Tombense 32 16 9 5 2 23 10 +13 Promovidos à Série C em 2015
e finalistas
2 Rio Grande do Sul Brasil de Pelotas 29 16 8 5 3 20 10 +10
3 Paraná Londrina 29 14 8 5 1 22 9 +13 Promovidos à Série C em 2015
e eliminados nas semifinais
4 Sergipe Confiança 27 14 7 6 1 21 8 +13
5 Distrito Federal (Brasil) Brasiliense 23 12 6 5 1 20 10 +10 Eliminados nas quartas de final
6 Maranhão Moto Club 20 12 5 5 2 18 14 +4
7 Bahia Jacuipense 18 12 5 3 4 17 15 +2
8 Goiás Anapolina 16 12 3 7 2 14 12 +2
9 Acre Rio Branco 22 12 6 4 2 20 9 +11 Eliminados nas oitavas de final
10 Rio Grande do Norte Globo 19 10 6 1 3 18 12 +6
11 Mato Grosso Operário-MT 17 10 5 2 3 12 10 +2
12 São Paulo Ituano 16 10 5 1 4 11 9 +2
13 Amapá Santos-AP 16 12 5 1 6 16 18 –2
14 Pará Remo 15 10 4 3 3 17 13 +4
15 Santa Catarina Metropolitano 13 10 3 4 3 17 12 +5
16 Pernambuco Central 13 10 3 4 3 13 8 +5
17 Amazonas Princesa do Solimões 16 10 5 1 4 15 14 +1 Eliminados na primeira fase
18 Pernambuco Porto 15 8 4 3 1 10 5 +5
19 Distrito Federal (Brasil) Luziânia 14 8 4 2 2 11 7 +4
20 Acre Atlético Acreano 14 10 4 2 4 15 14 +1
21 Rondônia Genus 13 10 4 1 5 9 12 –3
22 Rio de Janeiro Cabofriense 12 8 4 0 4 13 16 –3
23 São Paulo Penapolense 12 8 3 3 2 11 6 +5
24 Espírito Santo (estado) Estrela do Norte 12 8 3 3 2 11 11 0
25 Paraná Maringá 11 8 3 2 3 11 8 +3
26 Alagoas Coruripe 10 8 2 4 2 7 8 –1
27 Piauí Ríver-PI 91 8 3 4 1 16 9 +7
28 Paraíba Campinense 9 8 2 3 3 7 10 –3
29 Rio Grande do Norte Baraúnas 8 8 2 2 4 8 14 –6
30 Goiás Goianésia 7 8 2 1 5 8 16 –8
31 Mato Grosso do Sul Itaporã 7 8 2 1 5 5 16 –11
32 Roraima São Raimundo-RR 7 10 2 1 7 10 24 –14
33 Rio Grande do Sul Pelotas 7 8 1 4 3 10 16 –6
34 Ceará Guarany de Sobral 6 8 2 0 6 9 20 –11
35 Santa Catarina Guarani de Palhoça 5 8 1 2 5 8 14 –6
36 Tocantins Interporto 5 8 1 2 5 9 16 –7
37 São Paulo Grêmio Barueri 3 8 1 0 7 4 15 –11
38 Rio de Janeiro Boavista 3 8 0 3 5 6 18 –12
39 Bahia Vitória da Conquista 3 8 0 3 5 4 16 –12
40 Minas Gerais Betim 2 8 0 2 6 8 18 –10
41 Minas Gerais Villa Nova –92 8 1 2 5 11 13 –2

1O Ríver foi punido pelo STJD com a perda de quatro pontos por escalação de jogador irregular.20
2O Villa Nova foi punido pelo STJD com a perda de quatorze pontos por escalação de jogador irregular.21

Por Cleber Santista – Neymar passa fácil pelo Japão !!! ( Amistoso Internacional – Brasil 4×0 Japão 2014 ).

JOGO COMPLETO

FICHA TÉCNICA
BRASIL 4 X 0 JAPÃO

Data: 14/10/2014
Local/horário: Estádio Nacional de Cingapura, 7h45 (de Brasília)
Renda e público: 51.577 presentes
Cartões amarelos: (BRA); (JAP)
Gols: Neymar 17`/1ºT, Neymar 2`/2ºT, Neymar 31`/2ºT, Neymar 35`/2ºT

BRASIL: Jefferson, Danilo (Mário Fernandes/ intervalo), Miranda, Gil, Filipe Luís; Luiz Gustavo (Souza 26`/2ºT), Elias (Kaká 30`/2ºT), Oscar (Philippe
Coutinho/intervalo), Willian (Everton Ribeiro/intervalo), Neymar; Diego Tardelli (Robinho/19`/2ºT) . TÉC: Dunga
JAPÃO: Kawashima, Sakai,Shiotani, Kosuke Ota; Morishige, Morioka (Honda/intervalo), Shibasaki (Suzuki 38`/2ºT), Tanaka (Hosogai 25`/2ºT), Taguchi; Okazaki e Kobayashi (Muto 6`/2ºT). TÉC: Javier Aguirre

Por Cleber Santista – Brasil vence a freguesa Argentina no Super Classico das Americas 2014 – CHUPA MESSI – CHUPA MARADONA !!!

Gols

Jogo na Integra.

ICHA TÉCNICA
BRASIL 2 X 0 ARGENTINA

Local: Estádio Ninho do Pássaro, em Pequim (China)
Data: 11 de outubro de 2014, sábado
Horário: 9h05 (de Brasília)
Árbitro: Fan Qi (China)
Assistentes: Huo Weiming e Mu Yuxin (ambos da China)
Cartões amarelos: David Luiz (Brasil); Mascherano (Argentina)
Gols: BRASIL: Diego Tardelli, aos 27 minutos do primeiro tempo e aos 18 do segundo

BRASIL: Jefferson; Danilo, Miranda, David Luiz (Gil) e Filipe Luís; Luiz Gustavo, Elias, Willian e Oscar; Neymar (Robinho) e Diego Tardelli (Kaká)
Técnico: Dunga

ARGENTINA: Romero; Zabaleta, Demichelis, Fernández e Rojo; Mascherano, Pereyra (Pérez), Lamela (Pastore), Messi e Di María; Aguero (Higuaín)
Técnico: Gerardo Martino

ICFUT – Lista de convocados para os amistosos contra Colômbia e Equador

1966991388-dunga-anuncia-sua-primeira-convocacao-da-selecao-brasileira

Goleiros
Jefferson (Botafogo)
Rafael Cabral (Napoli). 

Laterais
Maicon (Roma)
Danilo (Porto)
Filipe Luis (Chelsea)
Alex Sandro (Porto)

Zagueiros
David Luiz (Paris Saint-Germain)
Marquinhos (Paris Saint-Germain)
Gil (Corinthians)
Miranda (Atlético de Madri)

Meio-campistas
Luiz Gustavo (Wolfsburg)
Elias (Corinthians)
Fernandinho (Manchester City)
Ramires (Chelsea)
Everton Ribeiro (Cruzeiro)
Oscar (Chelsea)
Philippe Coutinho (Liverpool)

Atacantes
Neymar (Barcelona)
Hulk (Zenit)
Ricardo Goulart (Cruzeiro)
Willian (Chelsea)

ICFUT – COPA 2014 – BRASIL TOMA NO FULECO NOVAMENTE E FICA EM 4º LUGAR .

10520086_650725681681141_134596839956071271_n

 

FICHA TÉCNICA
BRASIL 0 X 3 HOLANDA

Local: Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 12 de julho de 2014, sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Djamel Haimoudi (ALG)
Assistentes: Redouane Achik (MAR) e Abdelhak Etchiali (ALG)
Cartões amarelos: Thiago Silva, Fernandinho e Oscar (Brasil); Robben e De Guzman (Holanda)
Gols:  Van Persie, aos dois minutos do primeiro tempo, Blind, aos 15 minutos do primeiro tempo, e Wijnaldum, aos 45 minutos do segundo tempo

BRASIL: Júlio César; Maicon, Thiago Silva, David Luiz e Maxwell; Luiz Gustavo (Fernandinho), Paulinho (Hernanes), Ramires (Hulk), Willian e Oscar; Jô
Técnico: Luiz Felipe Scolari

HOLANDA: Cillessen (Vorm); De Vrij, Vlaar e Martins Indi; Kuyt, Wijnaldum, Clasie (Veltman), De Guzman e Blind (Janmaat); Robben e Van Persie
Técnico: Louis Van Gaal

ICFUT – DAS ANTIGAS – CONFRONTO DE BRASIL X CHILE EM COPAS DO MUNDO.

CHILE 2X4 BRASIL 1962

13 de junho de 1962
14:30
Santiago, Estádio Nacional de Chile
Árbitro: Yamasaki (Peru)
Público: 76500
Brasil 4×2 Chile
Garrincha 9′ (Brasil)
Garrincha 32′ (Brasil)
Toro 42′ (Chile)
Vavá 47′ (Brasil)
Sánchez 61′(pen) (Chile)
Vavá 78′ (Brasil)

Oitavas-de-final – 27/junho/1998
Brasil 4 x 1 Chile
Local: Parc des Princes (Paris)
Árbitro: Marc Batta (França)
Gols: César Sampaio 11, César Sampaio 26, Ronaldo (pen.) 46 do 1º tempo; Salas 23, Ronaldo 25 do 2º.
BRASIL: Taffarel; Cafu, Júnior Baiano, Aldair (Gonçalves), Roberto Carlos; Dunga, César Sampaio, Leonardo, Rivaldo; Bebeto (Denílson), Ronaldo.
CHILE: Tapia; Reyes, Margas, Fuentes; Cornejo, Ramírez (Vega), Acuña (Musrri), Sierra (Estay), Aros; Salas, Zamorano.

Ficha do jogo Brasil x ChileOitavas de Finais
Brasil 3 x 0 Chile
Data – 29/06/2010
Dia da Semana – Segunda-feira
Horário Local – 20:30h
Horário de Brasília – 15:30h
Estádio – Ellis Park
Cidade – Joanesburgo
Escalação do Brasil – Julio Cesar, Maicon, Lúcio, Juan e Michel Bastos; Gilberto SIlva, Ramires, Daniel Alves e Kaká (Kleberson); Robinho (Gilberto) e Luis Fabiano (Nilmar) | Técnico – Dunga
Escalação do Chile – Bravo, Isla (Millar), Contreras (Rodrigo Tello), Jara e Fuentes; Carmona, Vidal e Beausejour; Sánchez, Suazo e Mark González (Valdivia) | Técnico – Marcelo Bielsa
Cartões amarelos – Kaká, Ramires (Brasil); Vidal, Fuentes, Millar (Chile)
Gols – 1º Tempo – Juan (Brasil), aos 34 minutos, e Luis Fabiano (Brasil), aos 37 minutos | 2º Tempo – Robinho (Brasil), aos 14 minutos
Árbitro – Howard Webb (Inglaterra)
Auxiliares – Darren Cann (Inglaterra) e Michael Mullarkey (Inglaterra)
Público – 54.096
Homem do Jogo – Robinho (Brasil)

Por J. Edmar–Estréia do Brasil no Mundial 2014

BRASIL – 3X1 – CROÁCIA

LOCAL – ARENA DO TIMÃO

DATA – 12/06/2014

GOLS: Marcelo (contra), Neymar (2), Oscar.

Pois bem…

Começou mais um Campeonato Mundial.

Começou mais uma disputa de Copa do Mundo.

Nossa Seleção (desta vez sob o comando de Luis Felipe Scolari (o tão conhecido “Felipão”) disputa “em Casa”, ante os olhos dos brasileiros e de todo o mundo e tem enorme chance de sagra-se HEXA-CAMPEÃO mundial!

Parece, entretanto, que uma parte dos brasileiros está frustrada e, por causa disso, não vem medindo esforços para que o brilhantismo desta (possível) conquista) se torne um fato palpável…

Esta parte de brasileiros tem, até, se bem analisarmos, uma “certa” quota de razão mas perderam a enorme chance de colocá-la em evidência há quase 10 anos, quando nosso país foi escolhido para sediar este 20º encontro de celebridades do futebol de todo o mundo…

Mas não foi o que este “grupo” fez pois todos os projetos foram sendo levados a efeito, todas as construções e/ou, reforma de Estádios foram sendo realizadas e concretizadas, todos os setores foram mobilizados e todo o esforço das duas entidades envolvidas (a FIFA e nosso Governo) no sentido de que, por um mês (mais precisamente 31 dias), o mundo pudesse assistir aquela que poderá, sim, ser cognominada de “A COPA DAS COPAS”!

Não conheço um só brasileiro (amante de futebol), que não esteja “ansioso” pelo desfecho final deste evento e que, no fundo, por mais que queiram deixar vazar seu “proselitismo ideológico”, não esteja torcendo para que sejamos nós, os brasileiros, através da nossa Seleção, os “donos” finais desta festa que une corações de todos os segmentos!

Hoje, aqui, não há corinthianos, não há palmeirenses, santistas, são paulinos, cruzeirenses, flamenguistas, vascaínos, gremistas… Enfim, hoje, aqui, existem BRASILEIROS, existe a “pátria de chuteiras”, existe a torcida, a dedicação, a expectativa…

Na esteira deste comentário, acho oportuno tecer outros comentários sobre o comportamento de mais um segmento de (acho), inconformados com a nossa vitória na estréia e refiro-me à MÍDIA ESPORTIVA de São Paulo e do Brasil…

Refuto o mesquinho papel que desempenham tripudiando sobre a vitória da nossa Seleção, refuto os comentários e as alegativas (infundadas) de que nosso Escrete foi ajudado pelo “apito amigo” pois este mesmo bando (venal e interesseiro) que criticam o penal marcado sobre nosso atleta, se esquecem que, na Copa de 2010, na África do Sul, este mesmo “apitador” nos lesou no jogo contra a Holanda, anulando um gol do Robinho, deixando de marcar um penal claríssimo sobre o Kaká e, ainda, por cima, expulsando, de forma premeditada o Felipe Alves e, assim alijou-nos da disputa das partidas finais!

Para estes brasileiros (inconformados e frustrados com nossa vitória), elaborei o seguinte artigo (da forma que sei e gosto de fazer), ou seja, em versos…

1.

Nossa Seleção ganhou sua 1ª batalha

(Os “brancões” já foram despachados);

Podem estar até “meio” revoltados”,

Mas o nosso Escrete os “desbundou”…

Quem foi à ARENA do Itaquerão,

Viu um belo jogo da Seleção,

A nossa gente deitou e rolou!

2.

Mas a mídia esportiva, como sempre,

(Movida pelo prazer de polemizar)

Aproveitou o jogo para “alfinetar”,

Fazendo crer que “nada jogamos”…

Mas isto é um ato tão manjado,

Tão fora de tom, tão ultrapassado,

Que nós já nem nos importamos!

3.

Desde a COPA DO MUNDO de 1958,

(Quando ganhamos nosso 1º mundial)

Que a mídia esportiva, cega e venal,

Vive enaltecendo nossos adversários…

O BRASIL “levantou” o COBIÇADO “caneco”

E “eles” ficaram qual bonecos,

Arranjando desculpas, meros otários!

4.

Era uma época de outros nomes

(Mas a tática é sempre igual);

Tem, sempre, um idiota, boçal,

Minimizando as nossas façanhas…

Até parece que são “comprados”,

Pois chegam a ficar decepcionados,

Sempre que nosso escrete ganha!

5.

E veio o MUNDIAL de 1962

(E falaram, novamente, suas asneiras);

Criticavam a Seleção Brasileira,

De forma crassa e irracional…

Mas todos os que tripudiaram,

Ao final de tudo, se calaram

Pois o Brasil foi BI MUNDIAL!

6.

Em 1970 até parecia,

Que o mundo iria desmoronar;

“Secaram” até a Copa acabar,

Mas o Brasil conquistou o TRI…

Mas mesmo depois de consagrado,

Ainda se via um jornalista frustrado

Falando suas besteiras por aí!

7.

E no Mundial de 1994,

A vítima da vez foi o Parreira;

(Era um enorme vendaval de asneiras)

Que chegava a te a nos enojar…

Mas acabaram de novo se dando mal,

Pois o Brasil foi TETRA Mundial

E tiveram de novo, que se calar!

Continuar lendo