ICFUT – GRUPOS DA COPA LIBERTADORES 2016

copalibertadores-8176961233

Grupo 1
River Plate
The Strongest
Trujillanos
G6 Cesar Vallejo (PER) x São Paulo

Grupo 2
Nacional (URU)
Palmeiras
Rosario Central
G4 River Plate (URU)x Universidad de Chile (CHI)

Grupo 3
Boca Juniors
Bolívar
Deportivo Cali
G3 Puebla (MEX) x Racing (ARG)

Grupo 4
Peñarol
Atlético Nacional
Sporting Cristal
G2 Huracán (ARG) x Caracas (VEN)

Grupo 5
Atlético-MG
Colo Colo
Melgar
G5 Independiente del Valle (EQU) x Guarani (PAR)

Grupo 6
San Lorenzo
Grêmio
LDU
Toluca

Grupo 7
Olímpia
Emelec
Tachira
Pumas

Grupo 8
Corinthians
Cerro Porteño
Cobresal
G1 Oriente Petrolero (BOL) x Independiente Santa Fé (COL)

Confira todos os duelos da Primeira fase:

G1 Oriente Petrolero (BOL) x Independiente Santa Fé (COL)
G2 Huracán (ARG) x Caracas (VEN)
G3 Puebla (MEX) x Racing (ARG)
G4 River Plate (URU)x Universidad de Chile (CHI)
G5 Independiente del Valle (EQU) x Guarani (PAR)
G6 Cesar Vallejo (PER) x São Paulo

Confira as datas da Libertadores de 2016:

Primeira fase:

3 e 10 de fevereiro

Fase de grupos:

17 e 24 de fevereiro
2, 9, 16 de março
6, 13, 20 de abril

Oitavas de final: 27 de abril e 4 de maio

Quartas: 11 e 18 de maio

Parada Copa América Centenário: 3 a 26 de junho

Semifinal: 6 e 13 de julho

Final: 20 e 27 de julho

ICFUT – River diz que só jogará Mundial se ganhar a Libertadores: “Não queremos virar piada como o Corinthians”

Fonte:Oledobrasil.com.br

river1

O River Plate se posicionou de forma firme e clara e garantiu: não vai disputar o Mundial de Clubes se não vencer a Libertadores, diante o Tigres. Como o time mexicano não pode representar a Conmebol no Mundial, a vaga já está assegurada para os argentinos.

Segundo o presidente do River, Ariel Ortega, o clube considera incorreto um time ser campeão mundial sem vencer a Libertadores e não quer virar motivo de piada

“A vida tem uma ordem natural, as coisas seguem uma ordem lógica. Não se pode engravidar antes de perder a virgindade, por exemplo. Não seria natural. Da mesma forma, não se pode ser campeão mundial sem ganhar o torneio continental. Não faz o menor sentido. Por isso, não iremos disputar o Mundial se não vencermos o Tigres. De forma alguma queremos virar motivo de merecida piada como o Corinthians é”, disse.

Os fanáticos do Boca Juniors, principal rival do River, torcem e estão ansiosos para que Los Millonarios joguem o Mundial sem ganhar a Libertadores, para ter um grande motivo para zoar o adversário.

ICFUT – LIBERTADORES 2015 – EMELEC (EQU) 1X1 iNTERNACIONAL (BRA).

FICHA TÉCNICA
EMELEC-EQU 1 x 1 INTERNACIONAL

Local: Estádio Jocay, em Manta (EQU)
Data: 18 de março de 2015, quarta-feira
Horário: 19h45 (de Brasília)
Árbitro: Mauro Vigliano
Assistentes: Hernán Maidana e Ernesto Uziga (trio argentino)
Cartões amarelos: Dreer, Bolaños e Narváez (Emelec-EQU); Réver, Léo, Aránguiz e Alan Costa (Internacional)
Cartões vermelhos: Lastra (Emelec-EQU)

GOLS
EMELEC-EQU: Mena, aos 32 minutos do primeiro tempo
INTERNACIONAL: Vitinho, aos 10 minutos do segundo tempo

EMELEC-EQU: Dreer; Narváez, Guagua, Achilier e Baguí; Lastra, Giménez, Burbano, Mena e Fernández (Mondaini); Bolaños
Técnico: Omar de Felippe

INTERNACIONAL: Alisson; Ernando, Juan e Réver (Alan Costa); Léo, Nico Freitas, Nilton, Aránguiz (Vitinho), Alex (Anderson) e Fabrício; Eduardo Sasha
Técnico: Diego Aguirre

ICFUT – LIBERTADORES 2015 – SANTA FÉ (COL) 0X1 ATLÉTICO MG (BRA) .

FICHA TÉCNICA
SANTE FE 0 X 1 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio El Campín, em Bogotá (COL)
Data: 18 de março de 2015, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Juan P. Belatti e Gustavo Rossi (ambos da Argentina)

Cartões amarelos : (Santa Fé) Mosquera (Atlético-MG) Leandro Donizete
GOL:
ATLÉTICO-MG : Lucas Pratto, aos 13 minutos do segundo tempo
SANTA FE: Zapata; Anchico (Rivera), Mina, Meza e Mosquera; Daniel Torres, Roa, Luis Arias e Omar Pérez; Morelo e Quiñones (Páez)
Técnico: Gustavo Costas

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Edcarlos, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Cárdenas (Dodô) e Luan (Maicosuel); Carlos e Lucas Pratto (Danilo Pires)
Técnico: Levir Culpi

ICFUT – LIBERTADORES 2015 – SÃO PAULO (BRA) 1X0 SAN LORENZO (ARG).

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 1 X 0 SAN LORENZO

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18 de março de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
Assistentes: Humberto Cavijo (COL) e Eduardo Díaz (COL)
Cartões amarelos: Carlinhos (São Paulo). Blanco, Buffarini, Caruzzo, Kalinski e Mercier (San Lorenzo)
Gols: SÃO PAULO: Michel Bastos, aos 44 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Lucão e Carlinhos; Denilson, Souza (Alan Kardec), Ganso (Boschilia) e Michel Bastos; Alexandre Pato (Centurión) Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

SAN LORENZO: Torrico; Buffarini, Yepes, Caruzzo e Mas; Kalinski, Ortigoza (Mercier), Mussis e Blanco (Romagnoli); Barrientos e Cauteruccio (Matos)
Técnico: Edgardo Bauza

ICFUT – LIBERTADORES 2015 – DANUBIO ( URU ) 1X2 CORINTHIANS ( BRA )

Ficha técnica: Danubio 1 x 2 Corinthians

Local: estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU)
Data: 17 de março de 2015, terça-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Julio Bascunãn (CHI)
Assistentes: Francisco Mondria (CHI) e Claudio Rios (CHI)
Cartões amarelos: Ricca e Graví (Danubio)
Gols:
Corinthians: Guerrero, aos 24 minutos do segundo tempo, e Felipe, aos 34 minutos do segundo tempo
Danubio: Barreto, aos 47 minutos do segundo tempo

DANUBIO: Torgnascioli; Velázquez (Graví), Cristian González, De los Santos e Ricca; Formiliano, Milesi (Barreto) e Sosa; Tabárez (Ignacio González), Castro e Fornaroli
Técnico: Leonardo Ramos

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias, Renato Augusto (Danilo) e Emerson; Guerrero
Técnico: Tite

ICFUT – LIBERTADORES 2015 – INTERNACIONAL (BRA) 3X1 UNIVERSIDAD DE CHILE (CHI)

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 3 x 1 UNIVERSIDAD DE CHILE

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Data: 26 de fevereiro de 2015, quinta-feira
Horário: 20h15 (de Brasília)
Árbitro: Victor Carrillo
Assistentes: César Escano e Jorge Yupanqui (trio peruano)
Público: 35.833
Cartões amarelos: Léo (Internacional); Pereira, Espinoza, Maxi Rodríguez e Ubilla (Universidad de Chile)

GOLS:
INTERNACIONAL: D’Alessandro, de pênalti, aos 45 minutos do primeiro tempo; Jorge Henrique, aos 15, e Eduardo Sasha, aos 32 minutos do segundo tempo
UNIVERSIDAD DE CHILE: Canales, aos 21 minutos do segundo tempo

INTERNACIONAL: Alisson; Léo, Alan Costa, Réver e Fabrício; Nilton, Aránguiz, D’Alessandro (Luque) e Jorge Henrique (Freitas); Vitinho (Alex) e Eduardo Sasha
Técnico: Diego Aguirre

UNIVERSIDAD DE CHILE: Herrera; Magalhães, González, Suárez e Rojas; Pereira, Espinoza (Martínez), Ubilla (Cortés), Lorenzetti e Maxi Rodríguez (Benegas); Canales
Técnico: Martín Lasarte