BRASILEIRO 2019 – Série D – Grupos

GRUPO A1
Rio Branco-AC
Fast Clube (AM)
Barcelona-RO
São Raimundo-RR

GRUPO A2
Galvez (AC)
Manaus (AM)
Santos-AP
Real Ariquemes-RO

GRUPO A3
Ypiranga-AP
Moto Club (MA)
São Raimundo-PA
Atlético-RR

Grupo A4
Floresta-CE
Bragantino-PA
River-PI
Santa Cruz-RN

Grupo A5
Atlético-CE
Maranhão (MA)
Central-PE
Altos (PI)

Grupo A6
Bahia de Feira (BA)
Serrano (PB)
América-PE
América-RN

Grupo A7
ASA (AL)
Jacuipense (BA)
Campinense (PB)
Vitória-PE

Grupo A8
Coruripe (AL)
Fluminense-BA
Salgueiro (PE)
Sergipe (SE)

Grupo A9
Juazeirense (BA)
Aparecidense (GO)
Itabaiana (SE)
Gurupi (TO)

Grupo A10
Iporá (GO)
Corumbaense (MS)
Sinop (MT)
Palmas (TO)

Grupo A11
Anapolina (GO)
Patrocinense (MG)
Operário (MS)
União (MT)

Grupo A12
Sobradinho (DF)
Vitória-ES
Caldense (MG)
Portuguesa-RJ

Grupo A13
Brasiliense (DF)
Serra (ES)
URT (MG)
Ituano (SP)

Grupo A14
Tupi (MG)
Itaboraí (RJ)
Hercílio Luz (SC)
Novorizontino (SP)

Grupo A15
Foz do Iguaçu (PR)
Boavista (RJ)
Gaúcho (RS)
Brusque (SC)

Grupo A16
Cianorte (PR)
Caxias (RS)
Tubarão (SC)
São Caetano (SP)

Grupo A17
Maringá (PR)
Avenida (RS)
Joinville (SC)
Ferroviária (SP)

ICFUT – ESTADUAIS 2018 – Campeões Estaduais 2018 .

REMO É CAMPEÃO PARAENSE DE 2018! REMO 1×0 PAYSANDU

O CRB 0 x 2 CSA – GOLS – CSA CAMPEÃO – Campeonato Alagoano 2018

Goiás 3×1 Aparecidense – Final Campeonato Goiano 2018 – Goiás Campeão

OPERÁRIO CAMPEÃO: Operário FC 1×0 Corumbaense – 08/04/2018 – Campeonato Sul-mato-grossense 2018

Campeonato Maranhense: Imperatriz 2 x 1 Moto Club (campeão)

RIO BRANCO É CAMPEÃO: Gols de Rio Branco-AC 3 x 0 Galvez – Acreano 2018

Campeonato Paraibano: (campeão) Botafogo-PB 2 x 0 Campinense

Manaus 4 x 0 Fast – (MANAUS CAMPEAO) Campeonato Amazonense 2018

Brasiliense 0 (3×4)1 Sobradinho – (SOBRADINHO CAMPEÃO) Campeonato Brasiliense 2018SERRA CAMPEÃO – Serra 3×4 Real Noroeste – Final Campeonato Capixaba 2018

SERRA CAMPEÃO – Serra 3×4 Real Noroeste – Final Campeonato Capixaba 2018

Confira abaixo todos os campeões Estaduais 2018 :

Campeonato Amazonense (sábado): (campeão) Manaus 4 x 0 Fast
Campeonato Brasiliense (sábado): Brasiliense 0 (3 x 4) 1 Sobradinho (campeão)
Campeonato Capixaba (sábado): (campeão) Serra 3 x 4 Real Noroeste
Campeonato Paraense: (campeão) Remo 1 x 0 Paysandu
Campeonato Alagoano: CRB 0 x 2 CSA (campeão)
Campeonato Goiano: (campeão) Goiás 3 x 1 Aparecidense
Campeonato Matogrossense: (campeão) Cuiabá Esporte 3 x 1 Sinop
Campeonato Sul-Matogrossense : (campeão) Operário 1 x 0 Corumbaense
Campeonato Maranhense: Imperatriz 2 x 1 Moto Club (campeão)
Campeonato Acreano: (campeão) Rio Branco 3 x 0 Galvez
Campeonato Paraibano: (campeão) Botafogo-PB 2 x 0 Campinense
Campeonato Paulista: Palmeiras 0 (3 x 4) 1 Corinthians (campeão)
Campeonato Carioca: Vasco 0 (3 x 4) 1 Botafogo (campeão)
Campeonato Mineiro: (campeão) Cruzeiro 2 x 0 Atlético-MG
Campeonato Gaúcho: Brasil de Pelotas 0 x 3 Grêmio (campeão)
Campeonato Catarinense: Chapecoense 0 x 2 Figueirense (campeão)
Campeonato Paranaense: (campeão) Atlético-PR 2 x 0 Coritiba
Campeonato Baiano: Vitória 0 x 1 Bahia (campeão)
Campeonato Pernambucano: (campeão) Náutico 2 x 1 Central

ICFUT – GAÚCHÃO 2018 : Grêmio Campeão Gaúcho 2018

BRASIL DE PELOTAS MERECIDO VICE CAMPEONATO GAÚCHO 2018

Ficha técnica: Brasil 0 x 3 Grêmio – Final (Volta) – Gauchão 2018

Brasil: Marcelo Pitol, Ednei, Leandro Camilo, Heverton, Bruno Collaço (Rafael Dumas), Leandro Leite, Valdemir, Mossoró (Sousa), Calyson, Alisson Farias e Lourency (Léo Bahia). Técnico: Clemer.

Grêmio: Marcelo Grohe, Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann, Bruno Cortez, Maicon, Arthur, Ramiro (Alisson), Luan (Cícero), Éverton e Jael (Thonny Anderson). Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: Cícero, aos 36min2T, Alisson, aos 40min2T, e Léo Moura, aos 44min2T (G).

Cartões Amarelos: Leandro Leite (B); Jael (G).

Cartão Vermelho: Leandro Leite (B).

 

ICFUT – Inter vai à final da Taça Farroupilha e vê o 42º Gauchão mais próximo

Fonte: lancenet

Colorado elimina o Veranópolis no Centenário e pode conquistar o tricampeonato gaúcho já no próximo domingo, caso supere o Juventude na final do segundo turno

O tricampeonato gaúcho está cada vez mais no horizonte colorado. Campeão da Taça Piratini, o Internacional pode faturar o seu 42º título estadual já no próximo domingo, já que neste, o Inter de Dunga superou o Veranópolis, por 1 a 0, no Centenário, e se garantiu na final da Taça Farroupilha, o segundo turno do Gauchão – o Juventude, que eliminou o Grêmio no sábado, será o rival.

O placar, magro, não denuncia a superioridade que o Inter teve diante de um valente Veranópolis, rival que teve dois jogadores expulsos na etapa final. O Colorado, que marcou com o volante Willians, só deixou a desejar na hora da conclusão das jogadas no segundo tempo.

A decisão da Taça Farroupilha será no próximo domingo e novamente no Centenário, casa do Caxias, o grande rival do Juventude, já que o Inter somou mais pontos que o seu futuro rival no segundo turno – foram 22 contra 18.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1 X 0 VERANÓPOLIS

Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS)
Data/hora: 28/04/2013 – 16h
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Auxiliares: José Antônio Franco Filho (RS) e Carlos Henrique Selbach (RS)
Renda/Público: R$ 330.871,00/10.805 pagantes/13.170 presentes
Cartões amarelos: Ygor, D’Alessandro e Fabrício (INT); Edson Borges e Saulo (VEC)
Cartão vermelho: Edson Borges, 18’/2ºT  (VEC) e Fininho, 47’/2°T (VEC)

Gol: Willians, 25’/1ºT(1-0).

INTERNACIONAL: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Fabrício; Airton (Ygor, 26’/2°T), Willians, Fred e D’Alessandro; Diego Forlán (Caio, 45’/2°T) e Leandro Damião – Técnico: Dunga.

VERANÓPOLIS: João Ricardo; Ednei, Jonas, Edson Borges e Fininho; Saulo, Eduardinho, Itaqui e Juninho (Maicon Assis, 32’/2ºT); Valdo (Fred, 21’/2ºT) e Lê (Geison) – Técnico: Julinho Camargo.

ICFUT – Damião espanta má fase, participa de quatro gols e dá título do turno ao Inter

Fonte: lancenet

Centroavante faz dois em goleada por 5 a 0 sobre o São Luiz, após dois jogos sem marcar, e comanda time colorado. Jogo foi típico de Gauchão, com barro e estádio acanhado

São Luiz-RS x Internacional (Foto: Ricardo Rímoli/LANCE!Press)
Forlán passou em branco em vitória do Inter sobre o São Luiz, mas teve atuação regular (Foto: Ricardo Rímoli/LANCE!Press)

Tudo que um jogo do típico Campeonato Gaúcho do imaginário dos torcedores aconteceu. Teve gramado ruim do Estádio 19 de Outubro, com barro de sujar uniforme. Teve estádio acanhado, para pouco mais de cinco mil torcedores. E teve o favorito vencendo na final da Taça Piratini. O Internacional bateu o São Luiz por 5 a 0, com gols de Leandro Damião, duas vezes, Gabriel, D’Alessandro e Rafael Moura e tirou a invencibilidade de Paulo Porto no comando da equipe de Ijuí. O camisa 9 foi o grande destaque colorado, ao participar dos quatro gols da partida, já que não marcava há dois jogos.

O Inter venceu o primeiro turno do Gauchão depois de três anos sem conquistar esta taça. Em 2009, com Tite, ganhou os dois turnos e sagrou-se campeão estadual. Em 2010, em 2011 e em 2012, porém, não havia tido o gosto da conquista. Os colorados fizeram mais gols em um jogo que o São Luiz havia tomado desde que Porto entrou no comando, na terceira partida do turno.

O Campeonato Gaúcho retorna no próximo fim de semana com a Taça Farroupilha, o segundo turno da competição, quando os times se enfrentam dentro do grupo – na Piratini, os duelos são com os times da outra chave. O Inter inicia a competição contra o Canoas, no Complexo Esportivo da Ulbra, domingo, às 16h. Já o São Luiz enfrenta o São José, em Ijuí, às 18h30 do mesmo dia.
EIS O GAUCHÃO

A rotina foi de chuva nos últimos dias em Ijuí. Isso prejudicou as condições do gramado do palco da decisão. O sol, porém, reinou na hora do partida, o que diminuiu um pouco os problemas – secou as poças d’água, embora isto tenha deixado o barro evidente. Em casa, o São Luiz tentou se impor nos minutos iniciais e apareceu constantemente no campo de ataque. Somou dos escanteios antes dos 10 minutos iniciais. Foi o melhor período dos donos da casa na etapa inicial. Ao perder chance com Josimar, de dentro da área, o Inter tomou as rédeas da partida e passou a exercer o domínio esperado.

Forlán teve participação destacada, mas desta vez nos passes. Foi o uruguaio que deixou o volante na cara de Oliveira. Foi também ele que finalizou cruzamento de Leandro Damião, de cabeça. Foi o camisa 7 que bateu falta rápida e achou D’Alessandro livre, livre, pela esquerda. O camisa 10 cruzou no segundo poste, com açúcar, mas Damião perdeu dentro da pequena área. Algo comum nos últimos jogos, já que o camisa 9 vinha sendo cobrado nas últimas partidas.

O centroavante, porém, se redimiu nos minutos seguintes. Aos 31 minutos, o 9 voltou a marcar, após três jogos. Recebeu de Josimar, que fez boa partida em sua primeira decisão com a camisa colorada, e na meia direita, girou sobre a marcação e arrematou forte no canto esquerdo de Oliveira para abrir o placar para o Internacional.

Com maior qualidade, a vantagem foi determinante. O Inter se manteve no controle da partida e seguimos em cima do São Luiz, que pouco conseguiu criar. Marcos Paraná, o centro do meio-campo montado por Paulo Porto, se preocupou mais em discutir com D’Alessandro do que achar companheiros na cara do gol.

Antes do apito final da primeira etapa, Gabriel desencantou com a camisa do Inter. Sempre um lateral ‘goleador’, marcou seu primeiro no novo clube aos 43, quando pegou rebote de cruzamento de Damião, que chegaria em Forlán, e bateu alto para vencer Oliveira.
DAMIÃO, MAIS UMA VEZ

Se no intervalo D’Alessandro voltou afirmando que a equipe precisava fazer mais um para matar o jogo, nada mais justo do que ele ser agraciado com tal feito. Logo aos 11 minutos, o camisa 10 acionou Leandro Damião pela esquerda e correu para dentro da área. O centroavante, que participou de todos os gols colorados, escorou para o argentino deslocar Oliveira e fazer o terceiro.

Antes, Juan havia salvo o Inter com um carrinho. Eraldo tentou a finalização, mas o zagueiro chegou no momento certo e evitou o gol. O primeiro chute a gol do São Luiz aconteceu aos 16 minutos, com Juba, de fora da área. Muriel caiu e espalmou para o lado, em sua primeira defesa em toda a partida.
E ficou para o final o mais bonito. Leandro Damião deixou o seu segundo na partida. Dominou na meia esquerda após lançamento longo de Diego Forlán. O camisa 9 olhou para o goleiro rival e bateu em curva, por cobertura. A bola chegou a desviar em Marcel e entrou no ângulo de Oliveira: 4 a 0. Ainda antes do apito final, Rafael Moura encobriu Oliveira, marcando outro bonito gol, e fechando a goleada por 5 a 0 e e taça colorada no armário.

FICHA TÉCNICA
SÃO LUIZ 0 X 5 INTERNACIONAL

Local: Estádio 19 de Outubro, em Ijuí (RS)
Data/Hora: Domingo, 10/03/2013 – 16h
Árbitro: Leandro Vuaden
Auxiliares: Altemir Hausmann e Rafael da Silva Alves
Cartões amarelos: Marcel e Marcos Paraná (SLZ) Leandro Damião e Fred (INT)
Público total/pagante: 6.036/5.047
Renda: R$ 283.590,00
Gols: Leandro Damião – 31’/1ºT (0-1) e 34’/2ºT (0-4), Gabriel – 43’/1ºT (0-2), D’Alessandro – 11’/2ºT (0-3) e Rafael Moura – 47’/2ºT (0-5)

SÃO LUIZ: Oliveira; Júnior Barbosa, Thiago Costa, Marcel e Elton Macaé; Baiano, Chicão, Adãozinho (Washington – intervalo) e Marcos Paraná (Danilo – 30’/2ºT); Juba (Tiago Duarte – 19’/2ºT) e Eraldo – Técnico: Paulo Porto

INTERNACIONAL: Muriel; Gabriel, Rodrigo Moledo, Juan e Fabrício; Ygor, Josimar (Elton 42’/2ºT), Fred e D’Alessandro; Forlán (Caio – 34’/2ºT) e Leandro Damião (Rafael Moura – 35’/2ºT) – Técnico: Dunga.

ICFUT–Veja a enquete final dos estaduais 2012!

QUEM SERÁ O CAMPEÃO ALAGOANO 2012?

CEO 0.95%

Sport Atalaia 1.43%

Penedense 1.9%

Murici 48.1%

CSE 4.76%

ASA 9.05%

Corinthians Alagoano 1.9%

CSA 12.38%

Coruripe 1.43%

CRB 18.1%

Quem foi o campeão!

 

CRB_CAMPEAO_AL_PRIMEIRO_TURNO_2012

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO BAIANO 2012?

Juazeirense 3.45%

Serrano 0%

Bahia de Feira 3.45%

Feirense 0%

Bahia 37.93%

Vitória da Conquista 3.45%

Juazeiro 3.45%

Itabuna 0%

Camaçari 0%

Atlético 3.45%

Vitória 34.48%

Fluminense de Feira 10.34%

Quem foi o campeão!

 

bahia-campeao-1280


QUEM SERÁ O CAMPEÃO CEARENSE 2012 ?

Crateús 0%

Trairense 0%

Tiradentes 0%

Crato 4.55%

Guarani 22.73%

Horizonte 0%

Itapipoca 0%

Guarany 9.09%

Ferroviário 9.09%

Icasa 4.55%

Ceará 22.73%

Fortaleza 27.27%

Quem foi o campeão!

 

2335683-7375-rec


QUEM SERÁ O CAMPEÃO CAPIXABA 2012 ?

Real Noroeste 5.56%

Conilon 0%

Aracruz 0%

Espírito Santo 11.11%

Colatina 11.11%

São Mateus 16.67%

Rio Branco 27.78%

Linhares 0%

Vitória 22.22%

Serra 5.56%

Quem foi o campeão!

 

poster-aracruz-campeao-capixaba-2012

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO CARIOCA DE FUTEBOL 2012 ?

Bonsucesso 0%

Olaria 1.28%

Resende 2.56%

Macaé 1.28%

Nova Iguaçu 2.56%

Madureira 2.56%

Flamengo 25.64%

Botafogo 11.54%

Bangu 7.69%

Duque de Caxias 5.13%

Volta Redonda 0%

Friburguense 2.56%

Boavista 3.85%

Americano 2.56%

Fluminense 8.97%

Vasco da Gama 21.79%

Quem foi o campeão!

 

poster_fluminense_campeao_carioca_2012

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO CATARINENSE 2012 ?

Camboriú 10%

Joinville 5%

Metropolitano 5%

Marcílio Dias 5%

Atlético Ibirama 0%

Brusque 5%

Chapecoense 5%

Criciúma 5%

Avaí 25%

Figueirense 35%

Quem foi o campeão!

 

papelavai

 


QUEM SERA O CAMPEÃO GAÚCHO 2012 ?

Universidade 5.36%

Lajeadense 0%

Ypiranga 1.79%

Santa Cruz 5.36%

São Luiz 7.14%

São José 1.79%

Juventude 5.36%

Internacional 28.57%

Cruzeiro 3.57%

Cerâmica 1.79%

Pelotas 3.57%

Avenida 1.79%

Novo Hamburgo 3.57%

Caxias 5.36%

Veranópolis 3.57%

Grêmio 21.43%

Quem foi o campeão!

 

internacional-campeao-gaucho-de-2012-1336951163750_1440x900

 


Quem será o campeão Matogrossense de futebol 2012 ?

Cuiabá 16.67%

CRAC 8.33%

Mixto 0%

Rondonópolis 0%

Palmeiras 16.67%

Vila Aurora 25%

Barra do Garças 8.33%

Sorriso 0%

Luverdense 8.33%

União Rondonópolis 8.33%

Other: 8.33%

Quem foi o campeão!

 

final do campeonato matogrossensse (8)_1

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO MINEIRO 2012 ?

Nacional 0%

Boa Esporte 10.53%

América-TO 0%

Uberaba 0%

Tupi 0%

Guarani 0%

Democrata-GV 0%

Caldense 0%

Villa Nova 0%

América 21.05%

Cruzeiro 36.84%

Atlético 31.58%

Quem foi o campeão!

 

20120513175635401837e

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO PARAIBANO DE 2012 ?

Flamengo 0%

Paraíba 6.67%

Esporte 6.67%

CSP 0%

Campinense 6.67%

Sousa 26.67%

Nacional 13.33%

Botafogo 0%

Auto Esporte 0%

Treze 40%

Quem foi o campeão!

 

1336958102699-campinense

 


CAMPEÃO PARANAENSE DE FUTEBOL 2012 ?

Arapongas 0%

Operário 7.69%

Toledo 7.69%

Londrina 0%

Roma Apucarana 0%

Corinthians 23.08%

Cianorte 7.69%

Paranavaí 0%

Rio Branco 0%

Atlético 38.46%

Coritiba 7.69%

Iraty 7.69%

Quem foi o campeão!

 

poster_campeao_coxa2012

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO PAULISTA 2012?

Catanduvense 1.09%  (1 votes)

XV de Piracicaba 1.09%  (1 votes)

Linense 0%  (0 votes)

Santos 27.17%  (25 votes)

Corinthians 23.91%  (22 votes)

Ponte Preta 3.26%  (3 votes)

São Caetano 0%  (0 votes)

Paulista 1.09%  (1 votes)

Bragantino 0%  (0 votes)

Portuguesa 0%  (0 votes)

Guaratinguetá 0%  (0 votes)

Oeste 0%  (0 votes)

Ituano 0%  (0 votes)

Mogi Mirim 1.09%  (1 votes)

Mirassol 0%  (0 votes)

Guarani 1.09%  (1 votes)

Comercial 1.09%  (1 votes)

Botafogo 0%  (0 votes)

São Paulo 25%  (23 votes)

Palmeiras 14.13%  (13 votes)

Total Votes: 92

Quem foi o campeão!

 

poster_santos_campeao_paulista_2012

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO PERNAMBUCANO 2012 ?

Serra Talhada 0%

América 0%

Araripina 2.86%

Santa Cruz 25.71%

Salgueiro 22.86%

Petrolina 0%

Belo Jardim 2.86%

Central 0%

Ypiranga 0%

Sport 28.57%

Náutico 14.29%

Porto 2.86%

Quem foi o campeão!

 

santinah-foto

 


QUEM SERÁ CAMPEÃO POTIGUAR 2012 ?

Caicó 0%

Palmeira de Goianinha 0%

ABC 25%

Santa Cruz 25%

Corintians 25%

ASSU 6.25%

Potiguar-M 0%

Alecrim 0%

América 18.75%

Baraúnas 0%

Quem foi o campeão!

 

95064

 


QUEM SERÁ O CAMPEÃO SUL-MATOGROSSENSE 2012 ?

Misto 9.09%

Aquidauanense 9.09%

Maracaju 18.18%

MS/Saad 18.18%

SERC 0%

Comercial 9.09%

CENE 18.18%

Colorado 0%

Mundo Novo 0%

Itaporã 0%

Naviraíense 0%

Ivinhema 0%

Sete de Setembro 18.18%

Águia Negra 0%

Quem foi o campeão!

 

12206869_Uqz7U

Por Cleber Aguiar – Mercado da Bola

Andrezinho Ex-Internacional vai para o Botafogo RJ

Fim de novela Dagoberto deixa Tricolor e acerta com o Internacional

Diogo Ex-promessa do Internacional acerta com Bonsucesso Carioca

Adriano Magrão Ex – Flu também acerta com o Bonsucesso

Tulio renova com o Figueirense

Anaílson Ex-Atlético-GO no XV de Piracicaba

Wellington Monteiro ex-Internacional é apresentado no Guarani de Campinas

Felipe fica no Flamengo por mais 1 ano

Wesley ex-Corinthians & Ademir Sopa ex- Barueri e São Caetano no Linense

Pacotão da Ponte Preta

Lauro Ex-Internacional de volta a Macaca

Rodrigo Pimpão ex-Vasco

Willian Magrão ex-Grêmio

Leandrão ex-ABC

RETRÔ ICFUT – Campeonato Gaúcho 2011

Campeão Artilheiro
Internacional
Internacional
Brasil Leandro Damião
Internacional
Atacante
1989-07-22
17 Gols

Estatísticas

Melhor Ataque Grêmio 49 Gols
Pior Ataque Porto Alegre 10 Gols
Melhor Defesa Novo Hamburgo 9 Gols sofridos
Pior Defesa Inter SM 42 Gols sofridos
Mais Goleadas São José-RS 3 Goleadas
Mais Vitórias Grêmio 13 Vitórias
Menos Vitórias Porto Alegre 1 Vitórias
Mais Empates Novo Hamburgo 9 Empates
Mais Derrotas Porto Alegre 10 Derrotas
Menos Derrotas Novo Hamburgo 2 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Internacional 12 Jogos
Final – Piratini
9/03 – 21h50 Grêmio 2 x 2 Caxias

 

Final – Farroupilha
1/05 – 16h00 Internacional 1 x 1 Grêmio

 

Final
1ª RODADA
8/05 – 16h00 Internacional 2 x 3 Grêmio
2ª RODADA
15/05 – 16h00 Grêmio 2 x 3 Internacional

 

Semifinal
27/02 – 16h00 Grêmio 4 x 2 Cruzeiro
27/02 – 18h30 Caxias 1 x 1 São José

 

Semifinal – Farroupilha
23/04 – 18h30 Cruzeiro 2 x 3 Grêmio
24/04 – 16h00 Juventude 1 x 2 Internacional

 

Quartas-de-final
19/02 – 17h00 Internacional 1 x 1 Cruzeiro
19/02 – 20h30 Juventude 0 x 2 São José
20/02 – 16h00 Grêmio 5 x 0 Ypiranga
20/02 – 18h30 Caxias 1 x 0 Veranópolis

 

Quartas-de-final – Farroupilha
16/04 – 15h30 Cruzeiro 2 x 0 São Luiz
16/04 – 18h30 Internacional 1 x 0 Santa Cruz
17/04 – 16h00 Ypiranga 1 x 1 Grêmio
17/04 – 18h30 Juventude 3 x 0 Lajeadense

Por Cleber Aguiar – Estaduais 2012 podem ter quatro clássicos nos Estados Unidos

Fonte: O Dia Online

Rio – Quatro estaduais de 2012 podem ter clássicos realizados nos Estados Unidos. Uma multinacional norte-americana fez a oferta de levar grandes jogos do início do ano que vem para a América do Norte.

Os Campeonatos Paulista, Carioca, Gaúcho e Mineiro são os pretendidos. No Rio Grande do Sul, a ideia é levar o Gre-Nal da fase classificatória para Boston, nos Estados Unidos.

“Gre-Nal pode ser jogado em Boston, mas é um assunto que preciso debater com os presidentes. É a cidade que reúne mais brasileiros”, disse Francis Noveletto, presidente da Federação Gaúcha de Futebol, em entrevista para a Rádio Bandeirantes.

A ideia de Noveletto é conversar com os presidentes de Inter e Grêmio. Caso aceitem o projeto, a logística começará a ser organizada para o ano que vem.

O jogo de Minas Gerais também já está decidido. Envolveria Cruzeiro x Atlético-MG. Faltaria a definição de qual o clássico paulista seria escolhido. Valendo o mesmo para o Rio de Janeiro.

ICFUT – Nos pênaltis, Internacional é campeão dentro do Olímpico

Fonte: lancenet

Após jogo eletrizante no tempo normal, Renan se redime de falha e pega três cobranças

Internacional x Gremio (Foto: Jefferson Bernardes/VIPCOMM) Internacional x Gremio foi brigado até o fim (Foto: Jefferson Bernardes/VIPCOMM)

Grêmio e Internacional decidiram neste domingo, no Estádio Olímpico, o título do Campeonato Gaúcho de 2011. Com a vitória colorada por 3 a 2 no tempo normal, a decisão foi para os pênaltis, já que o Grêmio vencera o primeiro jogo pelo mesmo placar. Nas penalidades, brilhou a estrela do goleiro Renan, que pegou as cobranças de William Magrão, Lúcio e Adílson.


(Renan voa e defende pênalti – Crédito: Vipcomm)

A partida começou com os donos da casa impondo seu ritmo. Mesmo tendo batido o rival no Beira-Rio, o Grêmio imprensou o seu adversário em seu campo de defesa e contou com o meia Douglas em tarde inspirada. O Inter, por sua vez, viu seu esquema com três zagueiros ruir logo aos 15 minutos da etapa inicial. Douglas deu lançamento milimétrico para Lúcio, que tocou por baixo do goleiro Renan. Incrédulos, os defensores colorados pediam impedimento inexistente.
O gol acentuou ainda mais o predomínio azul, que seguia de posse do meio de campo e criava as oportunidades mais concretas. Viçosa e Douglas, por exemplo, desperdiçaram chances que praticamente selariam o bicampeonato do Gaúcho. O rumo da partida mudou quando o técnico Falcão decidiu abandonar o desenho tático inicial.
Com o meia Zé Roberto na vaga de Juan, o Colorado foi um time mais envolvente e equilibrou as ações e a posse de bola. E foi dos pés de Zé Roberto que nasceu o empate dos visitantes. O meia fez jogada pela esquerda e cruzou. Leandro Damião, bem colocado, girou sobre o zagueiro e bateu para reacender as esperanças da minoria colorada presente ao jogo e empatar a partida.

O Internacional não tinha outra alternativa a não ser buscar o ataque. Aos 45 minutos, Zé Roberto bateu o escanteio, a zaga rebateu e Andrezinho, de fora da área, colocou fogo no clássico e virou para o Colorado.
A etapa final deixou os torcedores com a respiração presa, deixando no ar a sensação de que um gol de qualquer uma das partes resolveria a parada. Impulsionado pelo gol obtido quase nos acréscimos, o Inter partiu para cima do rival, que voltou um tanto mais cauteloso para a decisão.
Aos poucos, porém, o reequilíbrio voltou a ser a tônica do jogo. Aos 11, Leandro Damião isolou o que poderia ser o gol do título. Um minuto depois, Viçosa não marcou o gol que representaria o alívio tricolor. O suspense permaneceu. O desenho aparentemente definitivo da decisão aconteceu aos 28 minutos, momento em que Victor derrubou Zé Roberto na área. O argentino D’Alessandro, que não vinha em grande jornada, teve calma para colocar a bola no fundo da rede.
O apelido Imortal, no entanto, cabe bem ao Grêmio. Aos 36, o goleiro Renan soltou novamente um cruzamento na área, e Borges, bem colocado, teve o trabalho de marcar e levar a decisão para os pênaltis. Antes do apito de Leandro Vuaden, entretanto, Inter e Grêmio tiveram chances claríssimas de liquidar.
Nos pênaltis, vitória colorada por 5 a 4. Victor defendeu os chutes de Leandro Damião e Kléber, enquanto Renan pegou as cobranças de William Magrão, Lúcio e Adílson. Título e festa da metade vermelha do Rio Grande do Sul.


FICHA TÉCNICA:
GRÊMIO 2 (4) X 3 (5) INTERNACIONAL
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data/Hora: 15/5/2011 às 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuaden
Auxiliares: Altemir Hausmann e Júlio Cesar dos Santos
Cartões amarelos: Juan, D’Alessandro, Zé Roberto, Guiñazu (INT); Vílson, Fábio Rochemback (GRE)
Cartões vermelhos: –
Gols: Lúcio, 15’/1ºT (1-0); Leandro Damião, 31’/1ºT (1-1), Andrezinho, 46’/1ºT (1-2), D’Alessandro, 29’/2ºT (1-3), Borges, 36’/2ºT (2-3)
GRÊMIO: Victor, Mário Fernandes, Vilson, Rodolfo e Gilson (William Magrão, 32’/2ºT); Fábio Rochemback, Adilson Lúcio e Douglas; Leandro (Lins, 31’/2ºT) e Júnior Viçosa (Borges,30’/2ºT) Técnico: Renato Gaúcho.
INTERNACIONAL: Renan, Bolivar, Índio, Juan (Zé Roberto, 28’/1ºT) e Nei; Bolatti, Guiñazu, Andrezinho (Oscar, 4’/2ºT), D’Alessandro e Kleber; Leandro Damião. Técnico: Falcão.