ICFUT – CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL SÉRIE A – 2018 – 2º RODADA

TABELA E CLASSIFICAÇÃO SÉRIE A – 2018 CLIQUE AQUI !

Anúncios

ICFUT – COPA BRASIL 2018 : JOGOS DAS OITAVAS

Veja os confrontos(os times com asteristicos fazem o segundo jogo em casa)

Vitória x Corinthians*
América-MG x Palmeiras*
Ponte Preta x Flamengo*
Bahia x Vasco*
Atlético-MG x Chapecoense*
Atlético-PR x Cruzeiro*
Santos x Luverdense*
Goiás x Grêmio*

ICFUT – COPA BRASIL 2018 : Vitória-BA ( Classificado ) 1×0 Internacional-RS

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 1 (4) X (3) 0 INTERNACIONAL

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 19 de abril de 2018, quinta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Pedro Martinelli Christino (PR)
Público: 5.878 pagantes (total de 5.986)
Renda: R$ 58.939,00
Cartões amarelos: Uillian Correia e Rhayner (Vitória); Patrick, William Pottker, D’Alessandro e Iago (Internacional)
Gol: VITÓRIA: Neílton, aos 35 minutos do segundo tempo

VITÓRIA: Caíque; Rodrigo Andrade (José Welison), Kanu, Ramon e Juninho; Willian Farias (Nickson), Uillian Correia, Yago (Guilherme Costa), Neílton e Rhayner; Denilson
Técnico: Vagner Mancini

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo (Klaus), Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Gabriel Dias, Nico López, D’Alessandro (Camilo) e Patrick; William Pottker (Marcinho)
Técnico: Odair Hellmann

ICFUT – TABELA DO BRASILEIRÃO 2018 – SÉRIE A

2ª rodada

21/04/2018

Bahia x Santos
Flamengo x América-MG

22/04/2018

Paraná Clube x Corinthians
Atlético-MG x Vitória
Chapecoense x Vasco
Fluminense x Cruzeiro
Ceará x São Paulo
Palmeiras x Internacional
Grêmio x Atlético-PR

23/04/2018

Sport x Botafogo
Classificação P J V E D SG G GC %
Atlético-PR  
3 1 1 0 0 4 5 1 100.0
América-MG  
3 1 1 0 0 3 3 0 100.0
Internacional  
3 1 1 0 0 2 2 0 100.0
Santos  
3 1 1 0 0 2 2 0 100.0
Corinthians  
3 1 1 0 0 1 2 1 100.0
Vasco  
3 1 1 0 0 1 2 1 100.0
Grêmio  
3 1 1 0 0 1 1 0 100.0
São Paulo  
3 1 1 0 0 1 1 0 100.0
Vitória  
1 1 0 1 0 0 2 2 33.3
Flamengo  
1 1 0 1 0 0 2 2 33.3
Botafogo  
1 1 0 1 0 0 1 1 33.3
Palmeiras  
1 1 0 1 0 0 1 1 33.3
Atlético-MG  
0 1 0 0 1 -1 1 2 0
Fluminense  
0 1 0 0 1 -1 1 2 0
Cruzeiro  
0 1 0 0 1 -1 0 1 0
Paraná  
0 1 0 0 1 -1 0 1 0
Bahia  
0 1 0 0 1 -2 0 2 0
Ceará  
0 1 0 0 1 -2 0 2 0
Sport  
0 1 0 0 1 -3 0 3 0
Chapecoense  
0 1 0 0 1 -4 1 5 0

ICFUT – BRASILEIRÃO SERIE A – 2018 : Vitória ( BA ) 2×2 Flamengo ( RJ )

FICHA TÉCNICA
VITÓRIA 2X2 FLAMENGO

Estádio: Barradão, em Salvador (BA)
Data-hora: 14/04/2018, às 19h
Árbitro: Wagner Reway (Fifa/MT)
Assistentes: Fabio Rodrigo Rubinho (MT) e Marcelo Grando (MT)
Renda/Público: R$ 238.994,00 / 12.669 pagantes

Cartões amarelos: Rhayner, Yago e Rodrigo Andrade (VIT); Diego e Willian Arão (FLA)
Cartão vermelho: Éverton Ribeiro (FLA)

Gols: Lucas Paquetá (0-1, 0’16”/1ºT), Yago (1-1, 12’/1ºT), Réver (1-2, 27’/2ºT) e Denílson (2-2, 31’/2ºT)

VITÓRIA: Caíque; Rodrigo Andrade (Jeferson, 33’/2ºT), Kanu, Ramon e Pedro Botelho (Guilherme Costa, 21’/2ºT); Willian Farias, Uillian Correia; Yago, Baumjohann (Juninho, Intervalo) e Rhayner; Denílson – T: Vagner Mancini

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Réver, Juan e Renê; Cuéllar, Diego e Paquetá (Geuvânio, 11’/2ºT); Éverton Ribeiro, Vinicius Junior (Pará, 39’/2ºT) e Henrique Dourado (Willian Arão, 26’/1ºT) – T: Maurício Barbieri

ICFUT – COPA BRASIL 2018 : Internacional (RS) 2×1 Vitória ( BA)

Internacional 2×1 vitoria

Ficha técnica:

Internacional (2): Marcelo Lomba; Fabiano (Brenner), Moledo, Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson, Rossi (Nico López), D’Alessandro e Patrick; Roger (William Pottker. Técnico: Odai Hellmann.

Vitória (1): Caíque, Rodrigo Andrade (Lucas Marques), Kanu, Ramon e Pedro Botelho; Willian Farias (Walisson Maia), Uilian Correia, Yago, Baumjohann (José Welison) e Rhayner; Denílson. Técnico: Vagner Mancini.

Gols: Patrick (I), aos 17min do primeiro tempo, Denilson (V), aos 42min do primeiro tempo, D’Alessandro (I), aos 44min do segundo tempo.

Cartões amarelos: Edenilson (I).

Público total: 18.843. Pagantes: 16.599. Menores: 967. Não pagantes: 1.277. Renda: R$ 399.820,00.

Arbitragem: Flavio Rodrigues de Souza, auxiliado por Alex Ang Ribeiro e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (trio de São Paulo).

ICFUT – BAIANO 2018 – Bahia Campeão .

FICHA TÉCNICA:
VITÓRIA-BA 0 X 1 BAHIA – FINAL DO CAMPEONATO BAIANO

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data e horário: 08 de abril de 2018, domingo, às 16h
Árbitro: Raphael Claus
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Danilo Ricardo Simon Manis

Escalações:
Vitória-BA:
Fernando Miguel; Rodrigo Andrade, Bruno Bispo, Walisson Maia e Pedro Botelho; Fillipe Soutto, Uillian Correia, Juninho e Luan; Neilton e Jonatas Belusso .Treinador: Vagner Mancini
Bahia:
Douglas; Nino Paraíba; Tiago, Lucas Fonseca e Léo Pelé; Gregore, Elton; Vinícius, Marco Antônio e Zé Rafael; Edigar Junio. Treinador: Guto Ferreira

ICFUT – Brocou! Hernane tem noite iluminada e ajuda Flamengo a derrotar o Vitória

Fonte: lancenet

Inspirado, Brocador marcou os dois gols do triunfo do Flamengo por 2 a 1 sobre o time baiano. Juan descontou para os visitantes

No confronto de Rubro-Negros, o Flamengo derrotou o Vitória por 2 a 1, na chuvosa noite desta quarta-feira, no Maracanã. Hernane, que jogou na vaga de Marcelo Moreno, convocado para a seleção boliviana, fez os dois gols do triunfo carioca, em confronto válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com os tentos, o atacante, artilheiro do Fla em 2013, chegou à marca de 20 gols nesta temporada. O gol do Vitória foi marcado por Juan, ex-jogador do time da Gávea, no fim da partida.

Graças ao Brocador, o time da Gávea encerrou uma sequência de quatro partidas sem vencer e chegou à 12ª posição, com 22 pontos. Já a equipe baiana, que teve a estreia do técnico Ney Franco, segue estacionada na décima colocação, com o mesmo número de pontos do rival desta noite.

Na próxima rodada, os comandados de Mano Menezes enfrentam o Cruzeiro, no domingo, às 16h, no Mineirão. Já o Vitória recebe o Atlético-MG, sábado, às 18h30, no Barradão.

HERNANE BRILHA E DÁ VANTAGEM AO FLA

A partida começou com o Vitória errando muitos passes. Por conta disso, o primeiro lance perigoso foi do Flamengo, aos dois minutos. Hernane e Rafinha, dupla que foi titular durante o Campeonato Carioca, demonstrou que o entrosamento ainda é o mesmo. O Brocador recebeu do jovem, entrou na área e chutou para uma difícil defesa de Wilson.

A resposta da equipe baiana, que não demorou muito para acontecer, foi ocasionada também por um erro de passe do adversário, aos 11. Luiz Antonio entregou a bola de graça para Renato Cajá, que deu ótimo passe Alemão. Com calma, o centroavante rolou para Max Bianchucci, porém, teve o chute abafado por Felipe.

Com o ímpeto ofensivo superior ao do Vitória, o Flamengo concentrava a maioria dos ataques em Rafinha, que, pelo lado direito, levou perigo duas vezes à defesa adversária antes dos 20 minutos. Embora o jovem fosse a válvula de escape de Mano Menezes, foi pelo lado esquerdo que o Rubro-Negro carioca abriu o placar. Aos 23, Elias, sempre ele, deu ótima assistência para Hernane, que, com tranquilidade, tocou por cima do goleiro: 1 a 0.


Hernane toca por cima do goleiro para marcar (Foto: Cleber Mendes/LANCE!Press)

Apesar do gol, a partida seguia morna. O Fla dependia de lampejos de Elias para criar alguma situação de perigo. Já o time baiano, refém de Renato cajá, praticamente não ameaçava o gol de Felipe. Em meio a este cenário improdutivo, foi Hernane que voltou a dar brilho ao jogo. Aos 43, Gabriel cobrou escanteio pela esquerda, na cabeça do Brocador, que testou a bola no ângulo esquerdo de Wilson, ampliando o placar.

SEGUNDA ETAPA SEM EMOÇÃO

O segundo tempo começou com uma alteração forçada no time de Mano Menezes. Como Chicão sentiu dores, o treinador do Fla colocou Diego Silva no jogo, trazendo o jovem Samir, que fazia o papel de lateral-esquerdo, para zaga.

Com a alteração rubro-negra, foi o Vitória que começou ameaçando. Logo no primeiro minuto, Maxi apareceu pela direita e cruzou, colocando Felipe para fazer defesa.

À medida que o tempo ia passando, Ney Franco fazia alterações no Rubro-Negro baiano. Antes dos 25, Marquinhos e Dinei já haviam entrado no time, nas vagas de Luís Alberto e Alemão, respectivamente. A produtividade do Vitória aumentou, mas não chegava a criar angústia na torcida flamenguista.


Vitória apresentou dificuldades na criação das jogadas (Foto: Paulo Sergio/LANCE!Press)

Aos 28 minutos, a jogada mais bonita do ataque visitante foi criada. Renato Cajá lançou Dinei, que, de peito, ajeitou para Maxi Bianchucci. O primo de Messi bateu de primeira, para boa defesa de Felipe. Após essa jogada, Cajá, o jogador mais lúcido do Vitória, deixou o gramado para a entrada de Leilson.

Com o resultado caminhando e o aumento da chuva, o Flamengo passou a tocar a bola no ataque para administrar o resultado. Aos 46, Juan, ex-jogador do Fla, fez um belo gol de perna esquerda. Mas, para a sorte do time de Mano, não havia mais tempo para o empate. Vitória do Flamengo, que encerrou o jejum de quatro jogos sem vencer.

ICFUT – Carpegiani desiste de assumir o comando do Vitória

Fonte: lancenet

Problemas de saúde de familiares fizeram o treinador desistir. Diretor de futebol havia anunciado seu nome no sábado

Paulo César Carpegiani anunciou neste domingo sua desistência de assumir o comando do Vitória. Problemas de saúde familiares foram os motivos apresentados à diretoria do rubro-negro para que ele não comandasse a equipe no Campeonato Baiano e no Brasileirão da Série B.

O diretor de futebol do Vitória, Raimundo Queiroz, comunicou neste domingo que o interino Ricardo Silva continuará à frente da equipe nas finais do Baianão. Queiroz anunciara o nome de Carpegiani após a vitória do clube sobre o Feirense, sábado, por 3 a 2, dizendo que ele seria apresentado na segunda-feira. Agora, o Leão vai à procura de um novo técnico.

RETRÔ ICFUT – Campeonato Brasileiro 2011 – Série A

Artilheiro

Borges – Santos FC

Campeão Artilheiro
Corinthians
Corinthians
Brasil Borges
Santos
Atacante
1980-10-05
23 Gols

Estatísticas

Melhor Ataque Fluminense 60 Gols
Pior Ataque Atlético Paranaense 38 Gols
Melhor Defesa Corinthians 36 Gols sofridos
Pior Defesa Avaí 75 Gols sofridos
Mais Goleadas Ceará 4 Goleadas
Mais Vitórias Corinthians 21 Vitórias
Menos Vitórias Avaí 7 Vitórias
Mais Empates Palmeiras 17 Empates
Mais Derrotas Avaí 21 Derrotas
Menos Derrotas Flamengo 7 Derrotas
Max. Jogos sem Perder Flamengo 16 Jogos