ICFUT – Marca centenária faria Messi superar a média de gols de Müller

Fonte: espn

E se Messi fosse Muller: argentino precisa de marca centenária para superar média do alemão

E se Messi fosse Muller: argentino precisa de marca centenária para superar média do alemão

Lionel Messi, mais uma vez, encantou o mundo do futebol com a quebra de mais uma marca que parecia insuperável. Com 86 gols em 2012, ele superou o feito de Gerd Müller, que chegado às redes em 85 oportunidades em 1972, e era até então o maior artilheiro em um ano do calendário (de janeiro a dezembro).
O Barcelona só tem mais quatro jogos a fazer em 2012, e o atual eleito três vezes melhor do mundo pode superar novamente o lendário jogador do Bayern de Munique. Afinal, na média de gols, o argentino (1,323 gol/partida) perde para o alemão (1,416 gol/partida). Messi até agora participou de 65 confrontos, enquanto que o Müller, há 40 anos, conseguiu a marca em 60 duelos.
Assim, para superar a média do ex-jogador, o camisa 10 da equipe catalã precisa de uma estatística quase centenária. Afinal, para conseguir uma média superior a de 1,416 gol por jogo, Messi teria que anotar, ao menos 97 gols, isso considerando que ele participe dos três confrontos restantes do seu time neste ano (dois pelo Campeonato Espanhol – Atlético de Madri e Valladolid – e um pela Copa do Rei – Córdoba).
A conta é simples: o argentino tem que fazer 11 gols em três jogos. A marca não é fácil de ser alcançada, mas para o meia-atacante nada parece difícil, quando o assunto é futebol.
Se Messi fosse Müller…
Para terminar 2012 com a média mais próxima o possível em relação a que Müller teve em 1972, Messi teria que fazer mais dez gols nas três partidas restantes. Assim, terminaria o ano com 96 bolas na rede, em 68 confrontos, o que corresponderia a uma média 0,005 pior do que a do ex-atleta da seleção alemã.
A tendência é que o argentino não atue pela Copa do Rei, já que nos dois jogos em que o time azul-grená disputou pela competição, a formação foi composta sobretudo por reservas. Assim, se o camisa 10 jogar apenas em mais dois confrontos em 2012, ele teria que terminar o ano com 95 gols para conseguir uma estatística superior a de Müller, que seria de 1,417 gol/jogo. Com 94, ficaria com uma média inferior (1,402 gol/jogo).

ESPN.com.br

Messi supera recorde de Muller

Messi supera recorde de Muller

ICFUT – 8 BRASILEIROS ENTRE OS 100 MELHORES DO MUNDO

Fonte: futirinhas

Se a Fifa só vai anunciar os melhores jogadores do mundo em janeiro, a revista inglesa Four Four Two saiu na frente. A publicação elegeu os 100 melhores atletas entre outubro de 2011 e novembro de 2012. O ranking leva em consideração a opinião de especialistas consultados e estatísticas dos jogos disputados.

Entre os três primeiros não houve surpresa: Lionel Messi, seguido por Cristiano Ronaldo e Iniesta, os três que concorrem à Bola de Ouro da Fifa.

Entre os brasileiros, o melhor colocado é o zagueiro Thiago Silva, do Paris Saint-Germain, que aparece em 21º lugar. Neymar foi classificado como o 28º melhor do mundo no ano.

Outros brasileiros que aparecem são Daniel Alves, Ramires, Oscar, Lucas, Hernanes e Dedé. Kaká e Ronaldinho Gaúcho não foram listados.

Confira a lista de melhores jogadores do mundo da Four Four Two:

1 – Lionel Messi – Barcelona

2 – Cristiano Ronaldo – Real Madrid

3 – Andrés Iniesta – Barcelona

4 – Falcao Garcia – Atlético de Madrid

5 – Van Persie – Arsenal/Manchester United

6 – Xavi – Barcelona

7 – Yaya Touré – Manchester City

8 – Sergio Aguero – Manchester City

9 – Pirlo – Juventus

10 – Wayne Rooney – Manchester United

21 – Thiago Silva – Paris Saint-Germain

28 – Neymar – Santos

42 – Daniel Alves – Barcelona

58 – Ramires – Chelsea

70 – Oscar – Chelsea

77 – Lucas – São Paulo

86 – Hernanes – Lazio

97 – Dedé – Vasco

ICFUT – Com participação do FI, Estadão elege melhores esportistas de 2012

Fonte: futebolinterior

Centenas de jornalistas, inclusive do Portal FI, participaram das escolhas dos destaques

São Paulo, SP, 09 (AFI) – O jornal O Estado de S. Paulo divulgou, neste domingo, o resultado final da pesquisa “Os Melhores do Estado de S. Paulo”, que completou 35 anos em 2012. Centenas de jornalistas, inclusive integrantes doPortal Futebol Interior, votaram nos principais destaques do futebol e do esporte brasileiro na temporada. A pesquisa foi coordenada pela jornalista Valéria Zukeran, sob a direção de Luiz Antônio Prósperi, Editor Geral de Esportes do Estadão.

Por abranger todo o ano e não apenas o Brasileirão, a Seleção do Estado, diferentemente da Seleção do FI (relembre aqui), contou com mais votados fora do “eixo Flu-Galo”. Entre os destaques fora do “eixo”, estão os volantes Ralf e Paulinho (Corinthians), o meia Lucas (São Paulo) e o atacante Neymar (Santos), além do técnico do Timão, Tite, que recebeu 55% dos votos.

Os mais votados de Fluminense e Atlético-MG foram unanimidades em praticamente todas as premiações do futebol nacional. Do Tricolor, foram escolhidos o goleiro Diego Cavalieri, o lateral-esquerdo Carlinhos e o atacante Fred. Já o Galo “cedeu” o lateral-direito Marcos Rocha, os zagueiros Réver e Leonardo Silva e o meia Ronaldinho Gaúcho.

Crédito: Estadão

Em pé da esquerda para direita: Diego Cavalieri (84%), Marcos Rocha (55%), Rever (68%), Leonardo Silva (37%), Ralf (44%) e Carlinhos (47%); Agachados da esq. para dir.:
Lucas (51%), Paulinho (90%), Fred (90%), Ronaldinho Gaúcho (75%) e Neymar (85%)

Outras premiações
A tradicional pesquisa do Estadão também distribuiu alguns prêmio individuais. O craque do Brasil em 2012 foi uma barbada: o atacante Neymar, com 68% dos votos. A revelação também foi outra figurinha carimbada em outras premiações: o meia Bernard, do Atlético-MG, que teve a preferências de 77% dos participantes.

Além dos dois destaques individuais, o Corinthians foi escolhido por 57% dos jornalistas como o melhor time da temporada. Além da histórica conquista da Libertadores, o time alvinegro também fez boa campanha no Brasileirão, embora tenha priorizado o Mundial. Já o destaque no apito foi o gaúcho Leandro Pedro Vuaden, com 19%.

O Estadão também reservou um espaço para a escolha dos melhores entre os outros esportes. Na categoria masculino, o ginasta Arthur Zanetti surpreendeu o mundo ao conquistar o ouro nas argolas, na ginástica artística, nos Jogos Olímpicos de Londres. No feminina, a premiada foi a judoca Sarah Menezes, que também levou o primeiro título olímpico do judô feminino brasileiro.

Participação dos internautas
O Estadão também reservou um espaço em sua página virtual, para que os internautas também elegessem seus destaques. A Seleção dos Internautas só teve uma mudança: sai Ralf e entra Arouca, do Santos. O técnico escolhido para comandar a seleção foi Abel Braga, do Fluminense, e não Tite. Outras novidades foram o Flu como melhor time, Paulo César de Oliveira como melhor árbitro e o lutador de MMA Anderson Silva como destaque de outros esportes.

Diego Cavalieri (Fluminense) – 74%
Marcos Rocha (Atlético Mineiro) – 55%
Rever (Atlético Mineiro) – 41%
Leonardo Silva (Atlético Mineiro) – 30%
Arouca (Santos) – 27%
Carlinhos (Fluminense) – 38%
Lucas (São Paulo) – 42%
Paulinho (Corinthians) – 47%
Fred (Fluminense) – 55%
Ronaldinho Gaúcho (A. Mineiro) – 43%
Neymar (Santos) – 46%

Técnico: Abel Braga – 53%
Melhor jogador: Neymar – 45%
Revelação: Bernard – 68%
Melhor time: Fluminense – 49%
Melhor árbitro: Paulo C. Oliveira – 44%
Destaque masculino: Anderson Silva – 43%
Destaque feminino: Sarah Menezes – 49%

ICFUT – ‘Em casa’, Neymar tenta surpreender e chegar entre os três na Bola de Ouro

Fonte: globo

Com Messi e CR7 como ‘barbadas’, São Paulo recebe nesta quinta anúncio dos finalistas a melhor do mundo. GLOBOESPORTE.COM transmite ao vivo

Trata-se da elite do futebol mundial – e principalmente europeu. Logo, trata-se de uma concorrência que Neymar talvez ainda não esteja pronto para superar. Ainda assim, o craque santista (10º colocado em 2011) tenta ser o primeiro jogador fora do velho continente na história nomeado entre os três finalistas da Bola de Ouro. E logo "em casa", no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. A resposta sairá nesta quinta-feira, a partir das 11h (de Brasília), quando a edição de 2012 do prêmio da Fifa e da revista francesa "France Football" conhecerá os seus últimos candidatos. O GLOBOESPORTE.COM transmitirá a cerimônia ao vivo.

Neymar gol Brasil x Argentina (Foto: AP)Neymar tenta pela primeira vez na história ser um atleta fora da Europa nomeado entre os três melhores (AP)

Dois dos 23 concorrentes aparecem como "barbadas" e à frente de Neymar, como o próprio costuma argumentar em suas entrevistas. O primeiro da lista é Lionel Messi, eleito o melhor do planeta nas últimas três temporadas e pulverizador de recordes em 2012. Apesar de não ter conquistado nenhum título de peso com o Barcelona (apenas a Copa do Rei), o craque argentino está muito perto de superar o alemão Gerd Müller como maior artilheiro em um só ano – ele soma 82 gols contra 85 do ex-jogador do Bayern de Munique em 1972.

Lionel Messi Barcelona Cristiano Ronaldo Real Madrid (Foto: AFP)Lionel Messi e Cristiano Ronaldo deverão figurar
entre os finalistas novamente (Foto: AFP)

Outro nome entre os favoritos é Cristiano Ronaldo. Protagonista do título do Campeonato Espanhol e da Supercopa da Espanha com o Real Madrid, o atacante luso ainda tem a seu favor a boa participação de Portugal na Eurocopa da Polônia e Ucrânia, quando ajudou sua seleção a chegar até a semifinal, sendo eliminada pela campeã Espanha nos pênaltis. Nos últimos jogos, porém, ele caiu de produção.

Para a sorte do português, no entanto, a votação já foi encerrada. Ao todo, treinadores e capitães das 209 seleções filiadas à Fifa, além de outros 49 jornalistas escolhidos pela “France Football”, foram os responsáveis pela lista de 23 nomes que será reduzida (veja a lista abaixo pela ordem alfabética).

jogadores bola de ouro (Foto: arte esporte)

Falcao García, Iniesta e outras ‘zebras’

Além de Neymar, outros jogadores também sonham com um lugar no pódio. Andrés Iniestaparece ser o maior credenciado à honraria, já que acabou eleito como o melhor jogador na Europa em 2011/2012, superando os próprios Messi e Cristiano Ronaldo. O camisa 8 do Barcelona também guiou a Espanha ao título da Euro e foi escolhido o craque da competição. Xavi Hernández, desta vez, foi o coadjuvante de luxo.

No mesmo futebol espanhol está o colombiano Falcao García, decisivo nos títulos da Liga Europa e da Supercopa Europeia com a camisa do Atlético de Madri. O marfinense Didier Drogba, herói do Chelsea na conquista da Liga dos Campeões, e o meio-campista Andrea Pirlo, do Juventus campeão invicto na Itália, são outros importantes candidatos. Corre por fora ainda o sueco Zlatan Ibrahimovic, que anotou um dos gols mais bonitos dos últimos tempos na vitória de sua seleção sobre a Inglaterra (veja acima).

Mourinho e Guardiola ‘duelam’ entre os técnicos

A Fifa também irá reduzir para três a lista dos candidatos ao prêmio de melhor treinador do ano. Mesmo tendo trabalhado apenas no primeiro semestre, Josep Guardiola concorre pelo Barcelona. O seu antigo rival, José Mourinho, também está presente entre os dez escolhidos. Vicente Del Bosque (Espanha), Roberto Di Matteo (Chelsea), Alex Ferguson (Manchester United), Jupp Heynckes (Bayern de Munique), Jürgen Klopp (Borussia Dortmund), Joachim Löw (Alemanha), Roberto Mancini (Manchester City) e Cesare Prandelli (Itália) são os indicados restantes.

No futebol feminino, a brasileira Marta mais uma vez está entre as finalistas. O cronograma será o mesmo, diminuindo a lista de dez para três nomes, tornando incerta a presença da camisa 10, que não desponta como favorita depois de colecionar atuações apagadas com a Seleção nas Olimpíadas. A americana Alex Morgan e a japonesa Homare Sawa (vencedora da última edição) aparecem à frente. Todos os vencedores serão conhecidos no dia 7 de janeiro, em festa de gala, em Zurique, na Suíça.

Marta na derrota do Brasil para o japão no futebol (Foto: AP)Marta não desponta entre as favoritas ao prêmio entre as jogadoras (Foto: AP)

ICFUT – OS JOGADORES MAIS QUERIDOS DO BRASIL

Via Olhar Crônico

Qual é o jogador preferido dos torcedores brasileiros?

Qual é o jogador preferido de cada uma das grandes torcidas?

É o que vamos ver agora, na edição 2012 da pesquisa Preferência por Jogador de Futebol em Atividade, realizada pela Stochos Sports & Entertainment e conduzida por seu diretor, Cesar Gualdani, que os leitores regulares desse OCE já conhecem há bom tempo.

Para esse trabalho foram ouvidas 8.329 pessoas, em todos os estados brasileiros e mais o Distrito Federal. A margem de erro é de 1,1% para mais ou para menos no universo pesquisado, com intervalo de confiança de 95%. Os trabalhos de campo foram desenvolvidos entre 20 de agosto e 20 de setembro do corrente ano.

As faixas etárias abordadas foram a partir de 16 anos de idade, com intervalos de 5 anos, até 60 ou mais anos de idade. Na estratificação sócio-econômica a Stochos trabalha com as classes A1, A2, B1, B2, C1, C2 e D.

Inicialmente, veremos jogadores em atividade da preferência do torcedor independentemente do país em que atuam, bem como de sua nacionalidade.

Entre os 15 jogadores listados, somente três atuam fora do Brasil: Messi, Cristiano Ronaldo e Kaká. Nenhuma novidade em relação às estrelas de fora, presentes também em pesquisas anteriores.

Veremos, agora, os 22 jogadores em atividade no Brasil preferidos de nossos torcedores:

O grande destaque nessa relação é que a preferência por Neymar é maior que a soma dos outros 21 classificados.

Nas divisões por sexo, 9 nomes são comuns às duas listas, com uma única diferença: Kaká na lista feminina e Luis Fabiano na masculina.

Na divisão por classes sócio-econômicas, os cinco jogadores preferidos são os mesmos em todas elas, exceção feita à presença de Ganso na A1+A2. Nas demais, em seu lugar aparece Emerson Sheik.

Nas divisões por faixas etárias nas tabelas seguintes, a variação é bem maior, mas Neymar, Ronaldinho e Messi estão presentes em todas elas. Nas outras duas posições aparecem Vagner Love, Emerson Sheik, Kaká, Cristiano Ronaldo, Leandro Damião, Fred e Ganso.

Nas cinco grandes regiões brasileiras os resultados pouco diferem com relação ao trio Neymar, Ronaldinho e Messi, como podemos ver:

Interessante observar que as duas piores colocações de Ronaldinho dão-se justamente na Região Sul, onde nasceu e começou a jogar, e na Região Sudeste, onde teve uma passagem complicada pelo Flamengo e agora vem atuando com sucesso no Atlético Mineiro. É o peso da paixão bem evidenciado.

As próximas tabelas mostram os jogadores preferidos em 12 estados e no Distrito Federal.

Ronaldinho não aparece no Rio Grande do Sul entre os cinco primeiros e nem os três mais preferidos dos cearenses.

Veremos a seguir a preferência dos torcedores de 12 clubes.

Neymar é unanimidade como o preferido dessas torcidas.

Opa! Quase unanimidade: a torcida do Galo preferiu Ronaldinho em primeiro lugar, deixando com ele a segunda colocação. E a torcida do Fluminense optou por Fred na primeira colocação. Mesmo no Trio de Ferro paulistano Neymar é o preferido dos torcedores.

A próxima tabela mostra a evolução dos atuais 15 jogadores preferidos pelo torcedor brasileiro nos últimos cinco anos:

Neymar vem crescendo consistentemente na preferência do torcedor brasileiro e isso é facilmente visível no dia a dia, seja nas ruas e estádios, seja nas telas de televisão, onde sua presença nos comerciais parece não cansar o telespectador/torcedor. O retorno ao Brasil fez bem à imagem de Ronaldinho, mas Lionel Messi segue muito consistente na vice-liderança.

ICFUT – Messi ganha Chuteira de Ouro e minimiza recorde de Pelé

Fonte: lancenet

Argentino está apenas a dois gols de igualar número marcado no ano de 1959 pelo Rei do futebol, mas disse não se importar tanto com isso

HOME - Messi (Foto: Lluis Gene/AFP)
Messi posa com sua Chuteira de Ouro (Foto: Lluis Gene/AFP)

A dois gols de marcar 75 em 2012 e, portanto, igualar o recorde estabelecido por Pelé em 1959, o argentino Messi reagiu com indiferença ao ser perguntado sobre o que significaria superar o Rei do futebol.

Para o atacante do Barcelona, o importante é seguir vencendo os jogos pelos culés e buscar títulos. Após a vitória tranquila sobre o Rayo Vallecano, fora, ele preferiu ressaltar o fato de o triunfo ter vindo em um campo difícil:

– Superar o Pelé é o de menos. O importante é que ganhamos em um local complicado e um campo difícil.

Nesta segunda-feira, Messi recebeu o prêmio de Chuteira de Ouro, oferecido ao principal artilheiro das ligas europeias. Com 50 gols marcados no último Campeonato Espanhol, o argentino foi o campeão com 100 pontos:

– Primeiramente, gostaria de agradecer a todos que vieram me ver. É óbvio que esse é um prêmio coletivo. Esta é a realidade. É uma premiação por marcar gols, então esta, mais do que qualquer outra, é coletiva.

O português Cristiano Ronaldo, com 92 pontos, ficou com a segunda posição. O craque do Real Madrid marcou 46 gols na última edição do Espanhol. Em terceiro aparece o holandês Van Persie, hoje no Manchester United, mas que marcou 30 gols com a camisa do Arsenal na última temporada do Inglês, totalizando 60 pontos.

ICFUT – Neymar se junta a Cristiano Ronaldo e Messi em lista para a Bola de Ouro

Fonte: lancenet

Craque do Santos está confirmado pela Fifa como um dos 23 melhores jogadores do mundo

Santos x Flamengo - Campeonato Brasileiro - Gol do Neymar (Foto: Tom Dib)
Neymar é o único jogador do Brasil na lista dos 23 melhores (Foto: Tom Dib)

Como antecipado pela imprensa espanhola, o atacante Neymar é o único representante do Brasil na lista dos 23 melhores jogadores do mundo divulgada pela Fifa nesta segunda-feira. O camisa 11 do Santos e da Seleção se junta aos favoritos Messi e Cristiano Ronaldo na briga pela Bola de Ouro.

O destaque é mesmo o número de jogadores espanhóis na lista. São sete no total: Busquets, Casillas, Iniesta, Piqué, Sergio Ramos, Xabi Alonso e Xavi.

Além de Neymar, apenas Didier Drogba foi indicado e não está atualmente na Europa. O atacante marfinense, no entanto, entrou na lista por liderar o Chelsea à conquista da Liga dos Campeões.

Com a lista divulgada, os capitães e técnicos das seleções filiadas à Fifa irão votar, assim como jornalistas selecionados pela "France Football", nos três finalistas, dando cinco pontos para o melhor, três para o segundo e um para o terceiro.

A relação dos três finalistas será conhecida no dia 29 de novembro, em São Paulo, durante entrevista coletiva. O grande vencedor será revelado no dia 7 de janeiro de 2013.

Veja abaixo a lista completa:

Sergio Agüero (Argentina, Manchester City);
Mario Balotelli (Itália, Manchester City);
Karim Benzema (França, Real Madrid);
Gianluigi Buffon (Itália, Juventus);
Sergio Busquets (Espanha, FC Barcelona);
Iker Casillas (Espanha, Real Madrid);
Didier Drogba (Costa do Marfin, Chelsea e Shanghai Shenhua);
Radamel Falcao (Colômbia, Atletico de Madrid);
Zlatan Ibrahimovic (Suécia, AC Milan e PSG);
Andrés Iniesta (Espanha, FC Barcelona);
Lionel Messi (Argentina, FC Barcelona);
Manuel Neuer (Alemanha, Bayern de Munique);
Neymar (Brasil, Santos)
;
Mesut Özil (Alemanha, Real Madrid);
Gerard Piqué (Espanha, FC Barcelona);
Andrea Pirlo (Itália, Juventus);
Sergio Ramos (Espanha, Real Madrid);
Cristiano Ronaldo (Portugal, Real Madrid);
Wayne Rooney (Inglaterra, Manchester United);
Yaya Touré (Costa do Marfim, Manchester City);
Robin van Persie (Holanda, Arsenal e Manchester United);
Xabi Alonso (Espanha, Real Madrid);
Xavi Hernandez (Espanha, FC Barcelona)

CANDIDATOS A TÉCNICOS

Além de divulgar a lista inicial de jogadores que serão votados, a Fifa também liberou a relação de possíveis técnicos do ano. A lista de treinadores é bem menor e contém apenas dez nomes, dos quais se destacam o de Roberto Di Matteo, ex-interino que levou o Chelsea à inédita conquista da Liga dos Campeões e de Vicente Del Bosque, campeão europeu com a Espanha.

Como não poderia deixar de ser, os lendários José Mourinho, Sir Alex Ferguson e Pep Guardiola também integram a lista. Não há nenhum brasileiro na relação:

Vicente Del Bosque (Espanha/seleção da Espanha), Roberto Di Matteo (Itália/Chelsea), Alex Ferguson (Escócia/Manchester United), Pep Guardiola (Espanha/ex-Barcelona), Jupp Heynckes (Alemanha/Bayern), Jürgen Klopp (Alemanha/Borussia Dortmund), Joachim Löw (Alemanha/seleção da Alemanha), Roberto Mancini (Itália/Manchester City), José Mourinho (Portugal/Real Madrid), Cesare Prandelli (Itália/seleção da Itália).

ICFUT – Neymar é o segundo maior artilheiro da IFFHS no ano; Messi lidera

Fonte: globo

Santista está a dois gols do craque do Barcelona. Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, vem logo a seguir

Neymar, Brasil x Argentina (Foto: Mowa Press)Neymar segue na cola de Messi pela artilharia da
temporada, segundo o IFFHS (Foto: Mowa Press)

A classificação mundial de artilheiros da Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS) voltou a trazer o brasileiro Neymar na segunda colocação, atrás apenas do argentino Lionel Messi, doBarcelona. A instituição, que leva em conta gols marcados por seleções ou em partidas internacionais, atribui 17 tentos ao atacante do Santos. Destes, nove foram pela Seleção Brasileira e oito pelo Peixe.

A liderança segue com Messi, que tem 19 gols, sendo nove pela Argentina e dez pelo Barcelona. Já Cristiano Ronaldo aparece na terceira colocação, com 16 gols, sendo cinco por Portugal e 11 pelo Real Madrid.

Entre os dez primeiros há outros dois brasileiros: Leandro Damião, na quinta posição, com sete gols pela Seleção e seis pelo Internacional, e Ricardo Oliveira, em nono, com 12 pelo Al-Jazeera, dos Emirados Árabes.

Confira a lista dos dez maiores artilheiros do mundo em 2012 pelas contas da IFFHS:.

.1º Lionel Messi (Barcelona/ARG) 19 (9/10)

.2º Neymar (Santos/BRA) 17 (9/8)

.3º Cristiano Ronaldo (Real Madrid/POR) 16 (5/11)

.4º Radamel Falcao Garcia (Atlético de Madri/COL) 15 (3/12)

.5º Mohammed Aboutreika (Al-Ahly/EGI) 13 (7/6)

5º Leandro Damião (Internacional/BRA) 13 (7/6)

5º  Klaas Jan Huntelaar (Schalke 04/HOL) 13 (3/10)

8º Michael Mifsud (Valletta/MAL) 12 (6/6)

8º Emmanuel A. Clottey (Berekum Chelsea/GAN) 12 (0/12)

8º Ricardo Oliveira (Al-Jazeera/BRA) 12 (0/12)