ICFUT – Após empate do Corinthians, torcida se irrita e pede saída de Mano Menezes

Fonte: lancenet

Gritos contra o treinador foram ouvidos enquanto a equipe deixava o gramado do Canindé

Corinthians x Atlético Paranaense (Foto: Eduardo Viana/LANCE!Press)
Mais de 13 mil corintianos foram ao Canindé (Foto: Eduardo Viana/LANCE!Press)

A paciência da Fiel parece ter chegado ao fim. Após o apito final do jogo entre Corinthians e Atlético-PR, que terminou em 1 a 1, parte da torcida presente nas arquibancadas do Canindé pediu a saída do treinador Mano Menezes. O fraco futebol apresentado pelo Timão, que cedeu o gol de empate ao Furacão já no últimos minutos da partida, também foi alvo dos torcedores.

Gritos como "Mano, c…, fora do Timão", "Se o Corinthians não jogar ole ole olá, o pau vai quebrar" e "Vamos jogar bola, ô ôô ôô!" foram entoados enquanto o treinador e os jogadores alvinegros se encaminhavam para o vestiário. Alguns corintianos chamaram Mano de medroso, além de dirigirem xingamentos e gestos obscenos em sua direção.

Outra pauta lembrada pela torcida do Timão foi o "salgado" preço dos ingressos para o jogo contra o Figueirense, no último domingo, na estreia da equipe na Arena Corinthians. "Se o ingresso não baixar, o pau vai quebrar" e "Doutor, eu não me engano, 50 conto é roubar corintiano" foram cânticos usados pela Fiel para criticar os valores de R$ 50 a R$ 400 cobrados pelos bilhetes.

Cerca de 13 mil torcedores foram ao Canindé para assistir ao jogo desta quarta-feira. Para esta partida, que tinha mando do Corinthians, os ingressos foram comercializados por R$ 40 e R$ 70, dependendo dos setores.

Por Cleber Aguiar – Fluminense anuncia a demissão do técnico Renato Gaúcho

Fonte: Gazetaesportiva.net

A diretoria do Fluminense anunciou, na manhã desta quarta-feira, por meio do Twitter oficial do clube, a demissão do técnico Renato Gaúcho, contratado pelo Tricolor das Laranjeiras em janeiro. No seu lugar, deve assumir, de forma provisória, o comando da equipe o auxiliar Marcão.

Os resultados da última semana teriam sido o principal motivo da demissão. Na quinta-feira passada, o Flu foi derrotado pelo Horizonte-CE por 3 a 1, na estreia da Copa do Brasil. Três dias depois, a equipe foi eliminada do Campeonato Carioca após derrota de 1 a 0 no clássico contra o Vasco.

Tomada pelo presidente Peter Siemsen, a decisão de rescindir o contrato do treinador teria desagradado Celso Barros, mandatária da Unimed, patrocinadora do Flu. No início do ano, a contratação de Renato gerou conflito entre as partes: bancada por Barros, teria sido concretizada contra a vontade de Siemsen.

Nelson Perez/Fluminense FC

Após conduzir o Grêmio ao vice-campeonato brasileiro e à Libertadores, Renato Gaúcho foi contratado pelo Flu

A partir das 11 horas (de Brasília), o presidente do Flu concederá entrevista coletiva nas Laranjeiras para esclarecer a decisão de demitir o treinador.

 

Campeão da Copa do Brasil de 2007 pelo Fluminense, Renato Gaúcho disputou 18 jogos em sua nova passagem pelo clube: foram nove vitórias, cinco empates e quatro derrotas (59,3 % de aproveitamento).