ICFUT – Torcida Jovem invade CT do Santos e enfrenta polícia em protesto

A Torcida do Santos teve forte presença no CT , centenas torcedores  protestaram contra os jogadores e diretoria  do clube.No Z-4 do Brasileirão a Torcida Santista Representada pela sua maior Organizada TORCIDA JOVEM DO SANTOS.

A Torcida pediu raça e mais desempenho por parte dos jogadores e de sua diretoria comandada pelo Presidente José Carlos Peres e o Vice Orlando Rollo.Nesse domingo as 16:00 hs o Santos tenta a reabilitação no jogo contra o Vitória e a torcida Santista vai cobrar mais Raça dos jogadores.

Este slideshow necessita de JavaScript.

ICFUT – Dois sócios do Corinthians protestam contra falta de vontade e ingresso caro

Fonte: http://www.uol.com.br

Faixas são estendidas na porta do CT Joaquim Grava em protesto ao atual momento

Um protesto de dois sócios do Corinthians marcou a apresentação do time em 2011 após o período de férias. A dupla estendeu seis faixas na entrada do CT Joaquim Grava nesta segunda-feira reclamando da falta de vontade dos jogadores, dos ingressos caros cobrados pelo clube e da postura da diretoria.

“Diretoria que não cobra resultados. Exigimos mais garra, vergonha, vontade”, dizia uma das faixas. Outras mensagens deixavam clara a insatisfação com o empenho dos atletas: “Maior folha [salarial] do Brasil, menor vontade do Brasil”, “Twitter! Facebook! E jogar?” e “Elenco tiririca mas sem vontade não fica!”.

No ano passado, a reta final do Campeonato Brasileiro foi marcada por várias aparições de atletas corintianos na internet, tanto com mensagens no Twitter como em transmissões ao vivo. Ronaldo, grande ídolo do atual elenco, é um dos mais ativos no mundo virtual.

Os sócios também protestaram contra os preços dos ingressos: “Ingresso caro! Salário em dia! Futebol em atraso”. Na Libertadores de 2011, as entradas variam de R$ 50 a R$ 500. A última faixa trazia a seguinte mensagem: “Vocês não merecem a Fiel, e a Fiel não merece vocês”.

Os dois torcedores não quiseram se identificar e disseram apenas que são sócios do Corinthians. Admitiram à reportagem do UOL Esporte que pertencem a torcidas organizadas, mas como o protesto é de origem pessoal, não revelaram os nomes das torcidas.

Eles ainda garantiram que não têm nenhuma orientação política dentro do Parque São Jorge. Este ano é o último da administração de Andrés Sanchez, à frente do clube desde outubro de 2007, incluindo o mandato tampão após a saída de Alberto Dualib.

“Somos apenas sócios insatisfeitos com o time que está de férias desde a metade de 2009. Depois que eles ganharam a Copa do Brasil e o Paulista, tiraram férias no Brasileirão de 2009 e não venceram mais nada”, disse um dos torcedores.

“E aqui todos ganham muito bem e em dia. Não tem desculpa. Está na hora de eles voltarem a jogar”, completou o outro sócio insatisfeito.