ICFUT – Técnico do Hoffenheim pede demissão após venda de brasileiro

Fonte: globo.com

Um dos principais responsáveis pelo crescimento do clube, Ralf Rangnick não teria sido consultado sobre transferência de Luiz Gustavo para Bayern

Sem Rangnick e o volante brasileiro Luiz Gustavo,
2011 começa mal para o Hoffenheim (Getty Images)

O torcedor do Hoffenheim que pediu boas notícias na virada do ano foi pego de surpresa no primeiro dia de 2011. Após vender o volante brasileiro Luiz Gustavo, um de seus melhores jogadores, para o Bayern de Munique, o clube também viu o técnico Ralf Rangnick pedir demissão neste sábado.

Segundo o jornal alemão “Bild”, Rangnick e Hoffenheim haviam renovado contrato em maio de 2010, prorrogando o vínculo até junho de 2012. A transferência do jogador, inclusive, teria sido a gota d’água no relacionamento entre o treinador e o dono do clube, Dietmar Hopp. Em 2009, ele havia pedido reforços e até ameaçou sair caso fosse contrariado.

Rangnick é considerado um dos principais nomes da ascensão do Hoffenheim que, desde 2006, acumulou dois acessos e o título do “campeonato de inverno” na temporada 2008/2009.