Neymar se emociona muito no visitando o passado do caldeirão do Huck

Anúncios

ICFUT – BRASILEIRÃO SERIE A – 2018 – Bahia (BA) 0×2 Grêmio (RS)

FICHA TÉCNICA
BAHIA 0 x 2 GRÊMIO

Local: Arena Fonte Nova, Salvador, (BA)
Data: 3 de junho de 2018, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)

Cartões amarelos: Douglas Friedrich e Zé Rafael (BAHIA); Bressan, Bruno Cortez, Jailson, Maicon e Everton (GRÊMIO)

GOL:
GRÊMIO: Maicon, aos nove minutos do primeiro tempo; Thaciano, aos 47 da etapa final

BAHIA:  Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Edson (Flávio), Elton, Allione (Vinícius) Zé Rafael e Régis; Júnior Brumado (Fernandinho)
Técnico: Guto Ferreira

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Leonardo, Bressan, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson, Maicon (Lima) e Ramiro; Everton e Thonny Anderson (Pepê); André (Thaciano)
Técnico: Renato Gaúcho

ICFUT – DAS ANTIGAS : Pequena Taça Do Mundo (Venezuela) – 1953/54

Fonte: Portal Uol

A Pequena Taça do Mundo de 1954 foi a terceira edição do torneio a ser realizada e foi disputada entre os meses de julho e agosto de 1953, mas é referente ao ano de 1954, como fica evidente nos fatos de já ter sido disputado uma edição do campeonato em 1953 (vencida pelo clube colombiano Millonarios) e de não ter sido disputada no ano seguinte, o único ano em que não foi disputada (porque já o havia sido no ano anterior). Com a condição de campeão nacional (já que o Rio-São Paulo, ganho pelo clube em 1953, era o campeonato mais importante do país à época e que reunia os melhores times nacionais, dando status ao vencedor), o Corinthians é convidado a participar do torneio. Considerado uma grande zebra pelos participantes, o alvinegro, pouco conhecido internacionalmente, provou que tinha uma das melhores equipes da época, ganhando o título com 100% de aproveitamento (6 vitórias em 6 jogos).

Participantes – 4

Anfitrião – Venezuela

Período – 11 de julho de 1953 – 2 de agosto de 1953

Gols – 40

Campeão – Corinthians

Vice-Campeão – Roma

Melhor Marcador – Luizinho (Corinthians)
(5 Gols)


Participantes:

Corinthians – Campeão Paulista de 1952 e campeão do Torneio Rio-São Paulo de 1953

Barcelona – Campeão Espanhol de 1952 e 1953 e campeão da Copa Latina de 1952

Roma – Desconhecido

Caracas XI – Time anfitrião

Fórmula de disputa

Os 4 participantes jogaram em grupo único, todos contra todos, em turno e returno. O time que marcou mais pontos ao final do campeonato é declarado campeão.

Jogos: 6

Vitórias: 6

Empates: 0

Derrotas: 0

ICFUT – PAULISTÃO 2015 – SÃO PAULO 3X0 LINENSE.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 3 X 0 LINENSE

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 29 de março de 2015, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Guilherme Ceretta de Lima (SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo e Leandro Matos Feitosa (ambos de SP)
Cartões amarelos: Edson Silva (São Paulo). William Pottker, Memo (Linense)
Cartão vermelho: Igor (Linense)
Gols: SÃO PAULO: Rogério Ceni, aos 7 minutos do segundo tempo. Alan Kardec, aos 30 e aos 43 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Auro, Paulo Miranda, Edson Silva e Carlinhos; Hudson, Thiago Mendes, Centurión (Cafu) e Boschilia; Ewandro e Alexandre Pato (Alan Kardec)
Técnico: Muricy Ramalho

LINENSE: Anderson; Eric, Álvaro, Adalberto e Igor; Memo (Birungueta), Moisés Ribeiro e Gilsinho (Clébson); William Pottker, Nando e Diego (Serginho)
Técnico: Narciso

Por Cleber Santista – Vejam as celebridades do futebol que foram eleitas nas eleições de 2014

Romário – Foi eleito senador pelo PSB do Rio de Janeiro com 4,6 milhões de votos.

Danrlei – O ex-goleiro do Grêmio ficou entre os candidatos a deputado federal com mais votos no Rio Grande do Sul. O deputado do PSD teve 158.520 votos e foi reeleito

Bebeto – O ex-atacante da seleção brasileira foi votado por 61.079 eleitores. Ele foi eleito deputado estadual pelo Solidariedade.

Jardel – O ex-camisa 9 do Grêmio teve 41.227 votos no Rio Grande do Sul e conseguiu ser eleito deputado estadual pelo PSD.

Bobô – Raimundo Tavares, o ex-jogador do Fluminense, São Paulo, Corinthians e Bahia, teve 25.892 votos para deputado estadual pelo  PC do B da  Bahia. Ele foi eleito.

Deley – Ex-jogador do Fluminense  Wanderley Alves de Oliveira recebeu 48.874 votos e foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro concorrendo pelo PTB. Será o quarto mandato dele na Câmara dos Deputados

Evandro Leitão – O presidente do Ceará, que já ocupava uma cadeira na Assembleia Legislativa (AL) como suplente, agora ganha um mandato de quatro anos pelo PDT.

Osmar Baquit – Já o presidente do Fortaleza foi reeleito e terá mais quatro anos na AL como parlamentar do PSD.

 Andrés Sanchez – O ex-presidente do Corinthians, foi eleito deputado federal pelo PT  em  São Paulo com mais de 168 mil votos.

Fernando B. Coelho – ex-presidente do Santa Cruz e ex-ministro da Integração Nacional, foi eleito senador pelo PSB de  Pernambuco

Evandro Roman – Deputado Federal eleito Evandro Roman (PSD), Roman foi secretário de Esporte e Turismo do Paraná, e também árbitro de futebol.

João Leite – ex-Atlético-MG, Eleito deputado pelo PSDB de Minas com 63.623 votos.

Gustavo Carvalho –  Presidente do América-RN, eleito Deputado estadual pele PROS com 57.757 votos.

Sérgio Frota –  Que preside o Sampaio Corrêa-MA eleito Deputado Estadual pelo PSDB com 30.525 votos.

Marcos Barbosa –  Presidente do CRB-AL, eleito Deputado Estadual pelo PPS com 27.892 votos.

Por Cleber Santista – Justiça proíbe clube de futebol de terceirizar categorias de base

Fonte: Notícia do TRT 15ª REGIÃO

(Processo nº 0010307-76.2014.5.15.0067)

img_logostz

A 4ª Vara do Trabalho de Ribeirão Preto concedeu liminar favorável ao Ministério Público do Trabalho, determinando que o Sertãozinho Futebol Clube, clube da série A3 do Campeonato Brasileiro (localizado na cidade de Sertãozinho-SP), deixe de terceirizar as categorias de base, sendo obrigado a celebrar contratos formais com jovens atletas, para que estes recebam assistência médica, seguro de vida, dentre outros benefícios, nos termos da Lei Pelé e do Estatuto da Criança e do Adolescente.

Uma diligência realizada pelos procuradores Rafael Dias Marques e Regina Duarte da Silva nas dependências do clube, em junho de 2013, constatou que foi delegado ao empresário José Pedro Barbosa Santos (também réu no processo) o processo de formação e administração de equipes sub-15 e sub-17 do Sertãozinho; os executivos do clube terceirizaram integralmente as operações nas categorias de base, e desconhecem qualquer detalhe relacionado à formação de jovens atletas, já que os adolescentes são treinados em Ribeirão Preto, cidade vizinha à Sertãozinho, onde fica o centro de treinamento do clube.

Os depoimentos mostram que os gestores do Sertãozinho não sabem sequer os horários dos treinos, se há ajuda de custo ou se os atletas são alojados. Os adolescentes ouvidos pelo MPT disseram que nunca viram médicos ou fisioterapeutas nos treinamentos, e que não recebem qualquer benefício do clube. O Sertãozinho Futebol Clube apenas inscreve os meninos na Federação Paulista de Futebol, que exige das agremiações paulistas a formação de uma equipe sub-20. “As partes envolvidas usufruem do talento desportivo de crianças e adolescentes sem observar o substrato mínimo legal de proteção assegurado às crianças e adolescentes, como o direito à celebração de contrato formal de formação desportiva”, lamenta a procuradora Regina Duarte da Silva.

Além da fraude na terceirização das categorias de base, os procuradores também flagraram o uso de crianças menores de 14 anos na categoria sub-11, prática proibida pela lei, que encontra, inclusive, jurisprudência favorável na Justiça do Trabalho. “É por isso que a Lei Pelé estabelece que o contrato formal entre o atleta em formação e a entidade de prática desportiva formadora pode ser celebrado a partir dos 14 anos, e não antes, por se caracterizar como esporte de rendimento, dada a finalidade de obter resultados. É importante esclarecer que o objetivo do MPT não é proibir a prática de futebol por crianças e adolescentes menores de 14 anos, mas assegurar que essa prática ocorra apenas em escolinhas criadas especificamente com finalidade recreativa e educacional, e sem qualquer caráter profissionalizante”, observa Regina Duarte.

Liminar – a juíza Amanda Barbosa determinou liminarmente que o Sertãozinho Futebol Clube não mantenha nas categorias de base, com objetivo de formação profissional, atletas menores de 14 anos, deixe de terceirizar atividades de formação de atletas, proceda à contratação formal desportiva dos adolescentes (sempre com a participação de responsáveis maiores de idade no momento da celebração contratual) e promova um programa completo de formação (contendo acompanhamento escolar, médico, transportes, seguro de vida, dentre outras obrigações).

“De fato, toda a prova que acompanha a inicial, consubstanciada em “Relatório de Diligência”, depoimentos, atas de audiências administrativas, atestados de saúde, dentre outros, demonstram a prática rotineira de ilícitos contra crianças e adolescentes, (…) a justificar a concessão da liminar pretendida”, afirma a magistrada.

Caso descumpra as obrigações impostas, os réus pagarão multa diária de R$ 500, reversível ao FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador). No mérito da ação, o MPT pede a condenação do Sertãozinho Futebol Clube ao pagamento de R$ 100 mil por danos morais coletivos, e do réu José Pedro Barbosa Santos ao pagamento de R$ 10 mil por danos morais coletivos. A decisão pode ser questionada no Tribunal Regional do Trabalho de Campinas.

ICFUT – GRUPO C – COLÔMBIA ATROPELA GRÉCIA.

FICHA TÉCNICA
COLÔMBIA 3 X 0 GRÉCIA

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 14 de junho de 2014, sábado
Horário: 13 horas (de Brasília)
Árbitro: Mark Geiger (EUA)
Assistentes: Mark Hurd (EUA) e Joe Fletcher (CAN)
Público: 57.174 pessoas
Cartões amarelos: (Colômbia) Sanches (Grécia) Papastathopoulos, Sapingidis

Gols:

Colômbia: Armero, aos cinco minutos do primeiro tempo; Gutierrez, aos 12 e Rodriguez aos 47 minutos do segundo tempo

COLÔMBIA: Ospina; Zapata, Yepes, Sanches e Armero (Arias); Zuniga, Aguilar (Mejia), James Rodriguez e Cuadrado; Ibarbo e Gutierrez (Martinez)
Técnico: José Pékerman

GRÉCIA: Karnezis; Maniatis, Manolas, Kone (Karagounis) e Torosidis; Katsouranis, Papastathopoulos, Cholevas e Sapingidis (Fetfatzidis); Gekas (Mitroglou) e Samaras
Técnico:  Fernando Santos

Grupo C

classificação p j v e d gp gc sg %
1. Colômbia 3 1 1 0 0 3 0 3 100.0%
2. Costa do Marfim 0 0 0 0 0 0 0 0 %
3. Japão 0 0 0 0 0 0 0 0 %
4. Grécia 0 1 0 0 1 0 3 -3 0.0%