Por Cezar Alvarenga – Teórico do futebol comandará o Corinthians na Copa São Paulo.

Fonte: ESPN.estadao.com.br

timãozinho

Um mestre e doutor em Ciências do Esporte – ambos pela Unicamp – escreveu um texto com base em estudos, jogos analisados e formatação das próprias ideias sobre o futebol para dizer como um time poderia vencer o Barcelona. Depois, numa disputa sub-17, foi e bateu o poderoso time espanhol. E, teórico que é, publicou em detalhes, com informações, losangos e números, como enfiou 4 a 0 nos catalães.

Este é Rodrigo Leitão, e o texto em questão saiu no portal Universidade do Futebol há um ano. Agora, depois de trabalhar por Paulista de Jundiaí, Luverdense-MT e Desportivo Brasil ele passa de dois anos no Corinthians onde prepara o time para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, na qual ele será o responsável por defender o título conquistado em 2012.

Na bagagem, um caminhão de informações e referências ligadas ao esporte. Numa página pessoal (estadodejogo.blogspot.com.br), coleciona vídeos onde explica desenhos táticos, junta entrevistas e artigos e guarda os conteúdos disponíveis aos alunos. Tem ainda um espaço dedicado ao Barcelona e outro a José Mourinho, nome que tem como motivação, “não como inspiração”, explica.

“Eu gosto de todo treinador que ganha. E minha meta é alcançar os melhores dados em todos os quesitos. Pegar quem menos sofre gols, mais faz gols, tem melhor aproveitamento. Eu tive a oportunidade de estar no Real Madrid, no Barcelona, no Manchester. E eles me dão motivação. Aqui dentro não dá para ir muito longe, o Tite tem feito um trabalho sensacional. E tem o Luxemburgo, o Muricy, o Parreira. Mas não são inspirações, são motivações”, contou Leitão em entrevista ao ESPN.com.br. Há três anos, no programa Juca Entrevista, ele também fez referência ao treinador português, dizendo que “se fosse ele, me contratava”.

No Corinthians, Leitão teve uma primeira passagem em 2002, quando fazia relatórios sobre os adversários ainda na época em que o time principal era comandado por Parreira. Depois de passar pelos clubes já citados, ele voltou no fim de 2010 para trabalhar com a equipe juvenil. Lá, participou das comissões de títulos internacionais sub-19 e neste ano comandou o sub-18 que chegou às quartas de final do Paulista sub-20. O bom trabalho o credenciou para comandar o time na Copinha.

O time corintiano que entra na disputa é bastante jovem e passou por diversas mudanças já que o elenco anterior fez sucesso. Com jogadores servindo a seleção de base e outros já no grupo do técnico Tite, a equipe é nova, mas com Leitão garantindo a qualidade para chegar longe na competição e buscar a 16ª final do Corinthians – são 8 títulos e 7 vice-campeonatos.

“O pessoal fala que esse time vai estar bem para o ano que vem, mas já estamos entrando para ir bem, ir muito bem, chegar até a final e ver jogadores subirem de novo. A nossa base é [nascida em] 94, com alguns jogadores 95 e um ou outro 93 [ano limite para a competição]”, afirmou, antes de falar sobre a pressão de comandar o maior campeão da Copinha.

“A gente sempre fala disso. Primeiro: não podemos excluir da formação de um atleta a necessidade de ganhar. Segundo: a maior pressão é a gente que faz, o pai que está torcendo em casa, as metas que eu tenho. A gente tem de ganhar mesmo. Mas sabemos que terão clubes fortes, jogando no limite da idade e descendo jogadores dos profissionais”.

Nesse sentido, Giovanni, campeão mundial pelo Corinthians no Japão, por exemplo, não está no grupo. E o treinador não se incomoda; pelo contrário, diz que é bom ver os garotos subindo aos profissionais e, se precisar, monta-se um novo time para a temporada seguinte. O que importa, em cima do bom momento que vive o clube de Parque São Jorge, é uma filosofia bem definida em todas as equipes.

“A filosofia é do clube, não do time profissional. O Corinthians monta times guerreiros, determinados, que buscam recuperar a bola rapidamente, agredir o adversário. Tem clubes que estão buscando uma filosofia. No nosso caso é mais fácil, porque o jogador já chega na base com esse perfil. Antes do modelo de jogo, é a filosofia do clube”, finalizou.

O Corinthians joga a primeira fase da Copinha em Araras, onde enfrentará União São João, Americano-MA e XV de Piracicaba, contra quem estreia no dia 6 de janeiro, às 17h.

Por Cleber Aguiar – Cabe mais! FPF cria mais um grupo e inclui quatro times na Copa SP

Fonte:Futebolinterior.com.br

Ferroviária, Red Bull, Atibaia e Guaratinguetá foram incluídos

 Não bastasse os 96 times anunciados para a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, a Federação Paulista de Futebol resolveu confirmar a participação de mais quatro clubes, nesta terça-feira. Com isso, a competição atingiu a incrível marca de 100 participantes.

Pouco mais de uma semana depois da divulgação dos grupos, a entidade máxima do futebol paulista incluiu Atibaia, Red Bull, Ferroviária e Guaratinguetá. Além disso, a FPF anunciou mudança nos Grupo H. O Sport deixará a chave sediada em Novo Horizonte e passará a jogar em Atibaia.

O Leão enfrentará Atibaia, time da casa, Guaratinguetá e Red Bull. A Ferroviária entrará como substituta do time pernambucano e ficará ao lado de Novorizontino, Figueirense e da Ferroviária-ES, xará capixaba.

O presidente Marco Polo Del Nero foi o grande responsável pela desmoralização total da competição, que no passado já revelou tantos craques. Muitos clubes são convidados apenas para servir a empresários ligados ao futebol. Isso acontece principalmente com clubes das regiões Norte e Nordeste.

Além do inchaço da disputa, Marco Polo permitiu, por imposição da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) que a idade limite dos atletas baixasse par apenas 17 anos. A competição, portanto, passou a ser Sub-17 ou juvenil. Este ano ainda há uma tolerância para atletas com 19 anos incompletos.

Em Presidente Prudente: Grêmio Prudente, Grêmio, Aquidauanense-MS e Espigão-RO.

Em Marília: Marília, Coritiba, Cruzeiro-DF e Mirassol.

Em Lins: Linense, Rio Preto, Noroeste e Atlético-MG.

Em Penápolis: Penapolense, Juventude, Náutico e Portuguesa.

Em Novo Horizonte: Novorizontino, Figueirense, Sport e Desportiva Ferroviária.

Em São José do Rio Preto: América-SP,  Flamengo, Santos-AP e Rondonópolis.

Em Monte Azul Paulista: Monte Azul, Vitória, ABC e Mogi Mirim.

Em Franca: Francana, Atlético-PR, Barras-PI e ASA.

Em Ribeirão Preto: Comercial-SP, Vasco, Paysandu e Botafogo-SP.

Em São Carlos: São Carlos, São Paulo, União-MT e Guaicurus-MS.

Em Leme: Lemense, Goiás, Guarany-SE e Guarani.

Em Araras: União São João, Corinthians, XV de Piracicaba e Americano-MA.

Em Rio Claro: Velo Clube, Fluminense, Itaúna-MG e Atlético-AC.

Em Jaguariúna: Santos, São Mateus, Remo e Corinthians-AL.

Em Sumaré: Sumaré, Ceará, Santa Cruz e São Raimundo-RR.

Em Louveira: Audax São Paulo, Bahia, Criciúma e Botafogo-PB.

Em São José dos Campos: São José-SP, Cruzeiro, São Francisco-BA e São Caetano.

Em Taubaté: Taubaté, Botafogo, Gama e Santo André.

Em Porto Feliz: Desportivo Brasil, Avaí, Atlético-GO e América-RN.

Em Barueri: Barueri, Palmeiras, Fluminense-PI e Confiança.

Em Osasco: Osasco, Internacional, Nacional-AM e Paulista.

Em São Bernardo do Campo: São Bernardo, Fortaleza, Caxias e JV Lideral.

Em Guarulhos: Flamengo-SP, América-MG, Vila Nova e Juventus-SP.

Em São Paulo: Nacional-SP, Paraná, Tocantinópolis e Ponte Preta.

ICFUT – Flamengo é campeão da Copa São Paulo de 2011

Fonte: UOL Esportes

Com as presenças de Vanderlei Luxemburgo e da presidente Patrícia Amorim, os garotos do Flamengo repetiram o feito de Marcelinho Carioca, Djalminha, Junior Baiano, Paulo Nunes, em 1990, e conquistaram a Copa de São Paulo de Futebol Júnior, nesta terça-feira no Pacaembu. Os jovens rubro-negros bateram o Bahia pelo placar de 2 a 1.

Com a conquista incontestável, uma vez que o Flamengo terminou a competição de forma invicta, fica a expectativa se o técnico Vanderlei Luxemburgo irá lançar jovens deste grupo no elenco profissional. Atleta que já esteve entre os principais no final de 2010, Negeba, de pênalti, fez o gol do título. Enquanto que o capitão Frauches fez o outro do time da Gávea, Fábio, também de penalidade, fez o único do Bahia, primeiro representante do Nordeste na final desta competição.

“Não tínhamos campo para treinar, em função da obra que tivemos no centro de treinamento. O pessoal da base do flamengo O enredo inicial não poderia ter sido melhor para o Flamengo.O pessoal da base do Flamengo merece todo o nosso respeito. É o titulo da superação de uma nova filosofia do trabalho. Estou dentro do clube desde um ano de idade. Corre sangue rubro-negro em mim e fico feliz por fazer parte dessa nova fase do clube, disse um emocionado técnico Paulo Henrique.

A partida era no Pacaembu e o feriado em São Paulo, mas parecia que a garotada carioca estava jogando em casa dada a presença esmagadora da torcida rubro-negra. Em uma partida em que as duas equipes começaram muito nervosas, o time da Gávea foi se soltando e tomando conta das ações em cima de um desfalcado Bahia.

A superioridade do Flamengo foi imposta logo aos sete minutos, quando o zagueiro Frauches deu uma de atacante e marcou um golaço após cobrança de escanteio. Com a inclusão de Rafinha entre os titulares do time carioca, Negueba foi avançado ao ataque, da forma que Vanderlei Luxemburgo sugeriu. Porém, o jogador estava discreto, ao contrário do Bahia, que começava a se acertar.

Aos 26, o Bahia quase marcou. Rafael cabeceou após centro da esquerda e César fez grande defesa espalmando para escanteio. Na cobrança de bola parada, Marlon chutou o rosto do camisa 9 e o pênalti foi marcado. O próprio artilheiro foi para cobrança e deixou o seu sexto gol na Copinha. Na comemoração, o jogador quase se machucou ao cair no túnel do vestiário.

A partir daí, o equilíbrio se fazia presente na final. Enquanto o Bahia chamava a atenção pela força do seu conjunto e poderio nas bolas paradas, o Flamengo ia bem com os valores individuais como o meia Loran. Aos 42, Luis Felipe obrigou o goleiro do Bahia a fazer grande defesa. Na última chance do primeiro tempo, foi a vez de César salvar o Rubro-Negro após desvio em cobrança de falta.

Na volta para o segundo tempo, o Bahia começou melhor embalado pela velocidade de Fábio, que começava a aparecer. A bola parada era uma arma forte do representante do Nordeste, mas o goleiro César se mostrava seguro nas saídas do gol.

Aos 13, o camisa 1 fez defesa milagrosa em arremate de Felipe. Quatro minutos mais tarde, porém, o panorama do jogo mudou por completo. Dudu fez falta dura e tirou Lucas do jogo, que, machucado, se emocionou antes de deixar o gramado.

O jogador foi substituído por Thomas que, aos 21 colocou na frente dentro da área e foi derrubado pelo mesmo Dudu, que acabou recebendo o segundo amarelo e foi expulso. Negueba bateu bem a penalidade e marcou um minuto depois.

Com vantagem no placar e em número de jogadores, o Flamengo passou a dominar totalmente as ações e buscava o terceiro gol. Desesperados dentro de campo, os jogadores do Bahia, não conseguiram se encontrar mais no jogo e tiveram de reconhecer a superioridade rubro-negra após o apito final. Aos 46, porém, César se consagrou como um dos melhores jogadores da competição, ao arrematar chute do jogador baiano.

ICFUT – Copa SP: Flamengo atropela e está nas semifinais da competição

Fonte: http://www.futebolinterior.com.br

O Flamengo é o último semifinalista da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Na noite desta quinta-feira, a equipe carioca derrotou o Coritiba, por 6 a 2, no Estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira e segue caminhando ruma à decisão da competição.

Na próxima rodada, os cariocas irão enfrentar o Porto Feliz, que derrotou o Pão de Açúcar, na tarde desta quinta-feira, por 4 a 1, no Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo. A partida deve acontecer no próximo sábado.

Logo no primeiro tempo, o Flamengo definiu a partida com três gols de Lucas. Na segunda etapa, Guaraci e Bruno diminuíram para o Coritiba. Adryan, duas vezes, e Lorran definiram o placar para o time carioca.

Confira os jogos da quartas-de-final da Copinha:

Quinta-feira
Desportivo Brasil 4 x 1 Pão de Açúcar
Internacional 1 (3) x 1 (4) América-MG
Santos 1 x 2 Bahia
Flamengo 6 x 2 Coritiba

ICFUT – Copa SP: Flamengo elimina São Paulo e avança às quartas

Fonte: http://www.futebolinterior.com.br

Acabou o sonho do São Paulo conquistar o bicampeonato consecutivo da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O atual campeão foi eliminado ao perder para o Flamengo, por 1 a 0, nesta terça-feira à noite, na cidade de Limeira, no Estádio Limeirão. O time carioca, agora, vai decidir uma vaga nas semifinais com o Coritiba, que eliminou o rival Atlético-PR nos pênaltis.

O São Paulo vinha de quatro vitórias consecutivas, enquanto o Flamengo vinha de uma conquista nos pênaltis diante do Cruzeiro, outra escola do futebol de base. O jogo foi bastante equilibrado, com alternativas ofensivas dos dois lados.

O segundo tempo foi disputado num clima de muita tensão. E o gol da vitória saiu aos 36 minutos, quando Alex pegou de primeira uma aliviada do goleiro Leonardo, após cruzamento de Negueba, que já atuou no time principal da Gávea.

O fato negativo ficou para a briga nas arquibancadas entre pequenos grupos de torcidas organizadas do São Paulo e do Flamengo. Isso ainda durante o primeiro tempo.

Jogos definidos
No início da noite desta terça-feira, a Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou a tabela das quartas-de-finais. Todos os quatro jogos da quarta fase da competição acontecem na próxima quinta-feira.

Às 16 horas acontecerão duas partidas. Em São Paulo, no Estádio Nicolau Alayon, Porto Feliz e Pão de Açúcar se enfrentam e em Jaguariúna, no Estádio Alfredo Chiavegato ocorrerá a partida entre Internacional e América-MG.

No final da tarde, às 18 horas, Santos e Bahia se enfrentam, no Estádio Professor Luiz Augusto de Oliveira, em São Carlos. À noite, às 21 horas, o Estádio Major Levy Sobrinho recebe a partida entre Coritiba e Flamengo.

Confira os jogos das quartas-de-finais:

16h – Desportivo Brasil x Pão de Açúcar – São Paulo
16h – Internacional-RS x América-MG – Jaguariúna
18h – Santos x Bahia – São Carlos
21h – Flamengo x Coritiba

Por Edgar Santista – Peixinho avança na Copinha !

Santos vence o Rio Preto e aguarda por Bahia ou Vitória nas quartas

Mesmo com um a menos, Peixe derrota o adversário por 2 a 1 em São Carlos

Com um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo, o Santos derrotou o Rio Preto por 2 a 1, na noite desta segunda-feira, em São Carlos, e se classificou para as quartas de final da Copa São Paulo de futebol júnior. Na próxima fase, o Peixe enfrenta o vencedor do clássico entre Vitória e Bahia, que será disputado nesta terça-feira, às 16h (de Brasília).

O primeiro tempo foi muito bom, com os dois times se atirando ao ataque. E logo aos sete minutos, Kassio acertou uma bomba de fora da área, sem chances para o goleiro Eduardo, que viu a bola passar à sua direita e estufar as redes. Aos 13, Tutu fez boa jogada na entrada da área, tocou com consciência, mas a bola passou a direita do gol santista.

Aos 23, após boa tabela entre Pedro Castro e Dimba, o primeiro chutou de direita e acertou a trave.Aos 33, não teve jeito. Dimba cruzou da direita na cabeça de Pedro Castro, que só teve o trabalho de desviar para o gol: 2 a 0 Santos.

No segundo tempo, o time da Vila continuou mandando no jogo. No primeiro lance de perigo, aos 3, Kassio bateu colocado no ângulo esquerdo de Eduardo, mas o goleiro do Rio Preto fez uma linda defesa e espalmou a escanteio.

Aos 13, gol do Rio Preto: Tiago tocou da entrada da área com categoria, à esquerda de Altemir, deixando o placar em 2 a 1. Pouco depois, Tiago Alves, que havia entrado no lugar de Dimba, perdeu na frente do gol uma ótima chance de fazer o terceiro para o Santos. Pouco depois o lateral-direito Cristian entrou violentamente sobre Assolan, recebeu o segundo cartão amarelo e em seguida o vermelho, deixando o Peixe com dez homens. O lance deu mais motivação ao Rio Preto, que foi com tudo em busca do empate.

Aos 27, Mario arriscou de longa distância e assustou o goleiro santista, mandando a bola raspando o travessão. Cinco minutos depois, Bahia entrou pela esquerda e chutou forte para uma bela defesa de Eduardo. Com o passar do tempo, as duas equipes foram perdendo o fôlego, e o jogo terminou mesmo 2 a 1 para os santistas.

Fonte: Globoesporte.com

ICFUT – Confrontos das oitavas-de-final da Copa SP

Fonte: http://www.futebolinterior.com.br

A 42.ª ediação da Copa São Paulo de Juniores teve início com 92 clubes, porém, nas oitavas-de-final, somente 16 seguem na luta pela taça da competição em 2011. Os paulistas ainda são a maioria, com oito times: Nacional, Paulista, Pão de Açúcar, Ponte Preta, Porto Feliz, Rio Preto, Santos e São Paulo. Cariocas, baianos e paranaenses têm dois representantes cada: Flamengo, Fluminense, Bahia, Vitória, Coritiba e Atlético-PR. Mineiros são representados pelo América, enquanto que os gaúchos estão com o Internacional.

Segue os confrontos da fase:

Flamengo x São Paulo
Fluminense x América-MG
Paulista x Pão de Açúcar
Coritiba x Atlético-PR
Santos x Rio Preto
Ponte Preta x Porto Feliz
Internacional x Nacional-SP
Bahia x Vitória