ICFUT – ‘Em casa’, Neymar tenta surpreender e chegar entre os três na Bola de Ouro

Fonte: globo

Com Messi e CR7 como ‘barbadas’, São Paulo recebe nesta quinta anúncio dos finalistas a melhor do mundo. GLOBOESPORTE.COM transmite ao vivo

Trata-se da elite do futebol mundial – e principalmente europeu. Logo, trata-se de uma concorrência que Neymar talvez ainda não esteja pronto para superar. Ainda assim, o craque santista (10º colocado em 2011) tenta ser o primeiro jogador fora do velho continente na história nomeado entre os três finalistas da Bola de Ouro. E logo "em casa", no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. A resposta sairá nesta quinta-feira, a partir das 11h (de Brasília), quando a edição de 2012 do prêmio da Fifa e da revista francesa "France Football" conhecerá os seus últimos candidatos. O GLOBOESPORTE.COM transmitirá a cerimônia ao vivo.

Neymar gol Brasil x Argentina (Foto: AP)Neymar tenta pela primeira vez na história ser um atleta fora da Europa nomeado entre os três melhores (AP)

Dois dos 23 concorrentes aparecem como "barbadas" e à frente de Neymar, como o próprio costuma argumentar em suas entrevistas. O primeiro da lista é Lionel Messi, eleito o melhor do planeta nas últimas três temporadas e pulverizador de recordes em 2012. Apesar de não ter conquistado nenhum título de peso com o Barcelona (apenas a Copa do Rei), o craque argentino está muito perto de superar o alemão Gerd Müller como maior artilheiro em um só ano – ele soma 82 gols contra 85 do ex-jogador do Bayern de Munique em 1972.

Lionel Messi Barcelona Cristiano Ronaldo Real Madrid (Foto: AFP)Lionel Messi e Cristiano Ronaldo deverão figurar
entre os finalistas novamente (Foto: AFP)

Outro nome entre os favoritos é Cristiano Ronaldo. Protagonista do título do Campeonato Espanhol e da Supercopa da Espanha com o Real Madrid, o atacante luso ainda tem a seu favor a boa participação de Portugal na Eurocopa da Polônia e Ucrânia, quando ajudou sua seleção a chegar até a semifinal, sendo eliminada pela campeã Espanha nos pênaltis. Nos últimos jogos, porém, ele caiu de produção.

Para a sorte do português, no entanto, a votação já foi encerrada. Ao todo, treinadores e capitães das 209 seleções filiadas à Fifa, além de outros 49 jornalistas escolhidos pela “France Football”, foram os responsáveis pela lista de 23 nomes que será reduzida (veja a lista abaixo pela ordem alfabética).

jogadores bola de ouro (Foto: arte esporte)

Falcao García, Iniesta e outras ‘zebras’

Além de Neymar, outros jogadores também sonham com um lugar no pódio. Andrés Iniestaparece ser o maior credenciado à honraria, já que acabou eleito como o melhor jogador na Europa em 2011/2012, superando os próprios Messi e Cristiano Ronaldo. O camisa 8 do Barcelona também guiou a Espanha ao título da Euro e foi escolhido o craque da competição. Xavi Hernández, desta vez, foi o coadjuvante de luxo.

No mesmo futebol espanhol está o colombiano Falcao García, decisivo nos títulos da Liga Europa e da Supercopa Europeia com a camisa do Atlético de Madri. O marfinense Didier Drogba, herói do Chelsea na conquista da Liga dos Campeões, e o meio-campista Andrea Pirlo, do Juventus campeão invicto na Itália, são outros importantes candidatos. Corre por fora ainda o sueco Zlatan Ibrahimovic, que anotou um dos gols mais bonitos dos últimos tempos na vitória de sua seleção sobre a Inglaterra (veja acima).

Mourinho e Guardiola ‘duelam’ entre os técnicos

A Fifa também irá reduzir para três a lista dos candidatos ao prêmio de melhor treinador do ano. Mesmo tendo trabalhado apenas no primeiro semestre, Josep Guardiola concorre pelo Barcelona. O seu antigo rival, José Mourinho, também está presente entre os dez escolhidos. Vicente Del Bosque (Espanha), Roberto Di Matteo (Chelsea), Alex Ferguson (Manchester United), Jupp Heynckes (Bayern de Munique), Jürgen Klopp (Borussia Dortmund), Joachim Löw (Alemanha), Roberto Mancini (Manchester City) e Cesare Prandelli (Itália) são os indicados restantes.

No futebol feminino, a brasileira Marta mais uma vez está entre as finalistas. O cronograma será o mesmo, diminuindo a lista de dez para três nomes, tornando incerta a presença da camisa 10, que não desponta como favorita depois de colecionar atuações apagadas com a Seleção nas Olimpíadas. A americana Alex Morgan e a japonesa Homare Sawa (vencedora da última edição) aparecem à frente. Todos os vencedores serão conhecidos no dia 7 de janeiro, em festa de gala, em Zurique, na Suíça.

Marta na derrota do Brasil para o japão no futebol (Foto: AP)Marta não desponta entre as favoritas ao prêmio entre as jogadoras (Foto: AP)

ICFUT – Neymar se junta a Cristiano Ronaldo e Messi em lista para a Bola de Ouro

Fonte: lancenet

Craque do Santos está confirmado pela Fifa como um dos 23 melhores jogadores do mundo

Santos x Flamengo - Campeonato Brasileiro - Gol do Neymar (Foto: Tom Dib)
Neymar é o único jogador do Brasil na lista dos 23 melhores (Foto: Tom Dib)

Como antecipado pela imprensa espanhola, o atacante Neymar é o único representante do Brasil na lista dos 23 melhores jogadores do mundo divulgada pela Fifa nesta segunda-feira. O camisa 11 do Santos e da Seleção se junta aos favoritos Messi e Cristiano Ronaldo na briga pela Bola de Ouro.

O destaque é mesmo o número de jogadores espanhóis na lista. São sete no total: Busquets, Casillas, Iniesta, Piqué, Sergio Ramos, Xabi Alonso e Xavi.

Além de Neymar, apenas Didier Drogba foi indicado e não está atualmente na Europa. O atacante marfinense, no entanto, entrou na lista por liderar o Chelsea à conquista da Liga dos Campeões.

Com a lista divulgada, os capitães e técnicos das seleções filiadas à Fifa irão votar, assim como jornalistas selecionados pela "France Football", nos três finalistas, dando cinco pontos para o melhor, três para o segundo e um para o terceiro.

A relação dos três finalistas será conhecida no dia 29 de novembro, em São Paulo, durante entrevista coletiva. O grande vencedor será revelado no dia 7 de janeiro de 2013.

Veja abaixo a lista completa:

Sergio Agüero (Argentina, Manchester City);
Mario Balotelli (Itália, Manchester City);
Karim Benzema (França, Real Madrid);
Gianluigi Buffon (Itália, Juventus);
Sergio Busquets (Espanha, FC Barcelona);
Iker Casillas (Espanha, Real Madrid);
Didier Drogba (Costa do Marfin, Chelsea e Shanghai Shenhua);
Radamel Falcao (Colômbia, Atletico de Madrid);
Zlatan Ibrahimovic (Suécia, AC Milan e PSG);
Andrés Iniesta (Espanha, FC Barcelona);
Lionel Messi (Argentina, FC Barcelona);
Manuel Neuer (Alemanha, Bayern de Munique);
Neymar (Brasil, Santos)
;
Mesut Özil (Alemanha, Real Madrid);
Gerard Piqué (Espanha, FC Barcelona);
Andrea Pirlo (Itália, Juventus);
Sergio Ramos (Espanha, Real Madrid);
Cristiano Ronaldo (Portugal, Real Madrid);
Wayne Rooney (Inglaterra, Manchester United);
Yaya Touré (Costa do Marfim, Manchester City);
Robin van Persie (Holanda, Arsenal e Manchester United);
Xabi Alonso (Espanha, Real Madrid);
Xavi Hernandez (Espanha, FC Barcelona)

CANDIDATOS A TÉCNICOS

Além de divulgar a lista inicial de jogadores que serão votados, a Fifa também liberou a relação de possíveis técnicos do ano. A lista de treinadores é bem menor e contém apenas dez nomes, dos quais se destacam o de Roberto Di Matteo, ex-interino que levou o Chelsea à inédita conquista da Liga dos Campeões e de Vicente Del Bosque, campeão europeu com a Espanha.

Como não poderia deixar de ser, os lendários José Mourinho, Sir Alex Ferguson e Pep Guardiola também integram a lista. Não há nenhum brasileiro na relação:

Vicente Del Bosque (Espanha/seleção da Espanha), Roberto Di Matteo (Itália/Chelsea), Alex Ferguson (Escócia/Manchester United), Pep Guardiola (Espanha/ex-Barcelona), Jupp Heynckes (Alemanha/Bayern), Jürgen Klopp (Alemanha/Borussia Dortmund), Joachim Löw (Alemanha/seleção da Alemanha), Roberto Mancini (Itália/Manchester City), José Mourinho (Portugal/Real Madrid), Cesare Prandelli (Itália/seleção da Itália).

ICFUT – Júlio César supera Fernando Henrique e retoma liderança da Bola de Prata; veja lista

Fonte: espn

Neymar, do Santos, e Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo, não jogaram nas vitórias de suas equipes pois estão a serviço da seleção brasileira. Leandro Damião, do Internacional, segue lesionado. Mesmo assim, os três continuam como líderes do prêmio Bola de Ouro, oferecido em parceria pela Revista PLACAR e pelos canais ESPN, que elege o melhor atleta do Campeonato Brasileiro.
O atacante do Santos continua na liderança com média de 6,68 pontos, seguido por Ronaldinho Gaúcho, com 6,57, e Leandro Damião, 6,39. Com um gol na vitória de sua equipe dobre o Palmeiras, o santista Borges já começa a ameaçar Damião com 6,32 pontos.

No gol, Fernando Henrique, do Ceará, que liderava a posição na última rodada, acabou caindo para o quarto lugar, superado por Júlio César, do Corinthians, Marcos, do Palmeiras, e Marcelo Lomba, do Bahia.
Sobre o prêmio – A parceria entre a Revista Placar e os canais ESPN para a entrega do tradicional prêmio Bola de Prata do Campeonato Brasileiro segue na edição 2011. Durante a disputa, um corpo de jurados acompanha e atribui notas a todos os jogadores envolvidos nas partidas rodada a rodada.
Ao final do torneio nacional, os 11 atletas de maiores médias serão escolhidos como os campeões de sua posição e serão agraciados com um troféu Bola de Prata. Já o de melhor desempenho entre todos receberá a maior honraria, a Bola de Ouro.
Para a análise, o Prêmio Bola de Prata Placar ESPN parte do princípio do esquema tático clássico, o 4-4-2, avaliando sempre as posições de goleiro, dois zagueiros, dois laterais, dois volantes, dois meias e dois atacantes.

Bola de Prata – Melhor jogador por posição

Goleiro

Júlio César, Corinthians – Nota: 6,09 – Jogos: 23
Marcos, Palmeiras – 6,05 – 19
Marcelo Lomba, Bahia – 6,04 – 23
Fernando Henrique, Ceará – 6,04 – 14
Fernando Prass, Vasco – 6,02 – 28
Reviravolta na Bola de Prata de melhor goleiro do Brasileirão: líder na rodada passada, Fernando Henrique, do Ceará, caiu para quarto. E o corintiano Júlio César retomou a primeira colocação, pouco à frente do palmeirense Marcos, que não jogou.

Lateral-direito
Mário Fernandes, Grêmio – Nota: 6,07 – Jogos: 23
Mariano, Fluminense – 5,79 – 26
Fagner, Vasco – 5,79 – 26
Danilo, Santos – 5,79 – 14
Bruno, Figueirense – 5,71 – 24
O Grêmio perdeu, mas a lateral direita ainda é de Mário Fernandes. Ele lidera com folga, bem à frente de Mariano, do Flu, Fagner, do Vasco, e Danilo, do Santos, empatados em segundo lugar. Bruno do Figueirense é o quinto.

Zagueiros
Dedé, Vasco – Nota: 6,25 – Jogos 20
Rhodolfo, São Paulo – 6,02 – 21

Chicão, Corinthians – 5,95 – 20
João Filipe, São Paulo – 5,81 – 13
Antônio Carlos, Botafogo – 5,74 – 23
O selecionável Dedé, do Vasco, é o soberano da zaga. Compõe o setor Rhodolfo, do São Paulo. O afastado Chicão dificilmente voltará para brigar por um prêmio, e o são-paulino João Filipe está um pouco distante dos dois líderes.

Lateral-esquerdo
Cortês, Botafogo – Nota: 5,87 – Jogos 19

Egídio, Ceará – 5,83 – 12
Juninho, Figueirense – 5,75 – 26
Fábio Santos, Corinthians – 5,71 – 17
Júlio César, Grêmio – 5,63 – 15
O botafoguense Cortês teve uma atuação mediana diante do Bahia, mas suficiente para manter a liderança da Bola de Prata de lateral-esquerdo. Egídio, do Ceará, que tem variado entre a posição e o meio-campo, vem a seguir.

Volantes
Paulinho, Corinthians – Nota: 6,19 – Jogos: 26
Casemiro, São Paulo – 6,19 – 16

Marcos Assunção, Palmeiras – 6,07 – 27
Ralf, Corinthians – 6,06 – 25
Arouca, Santos – 5,97 – 18
Paulinho e Casemiro ainda são os titulares entre os volantes que disputam o Campeonato Brasileiro. Ambos têm média 6,19, com vantagem para o corintiano, com mais partidas. Marcos Assunção e Ralf acompanham de longe.

Meias
Ronaldinho Gaúcho, Flamengo – Nota: 6,57 – Jogos: 23
Montillo, Cruzeiro – 6,31 – 27

Elkeson, Botafogo – 6,17 – 24
Lucas, São Paulo – 6,14 – 21
Lincoln, Avaí – 6,10 – 15
Montillo carrega o Cruzeiro, que desabou de produção no segundo turno. A exibição contra o São Paulo deu mais fôlego ao argentino, um pouco mais distante do botafoguense Elkeson. Ronaldinho é o líder, e o destaque é Lincoln, pela primeira vez entre os cinco melhores.

Atacantes
Neymar, Santos – Nota: 6,68 – Jogos: 14
Leandro Damião, Internacional – 6,39 – 22

Borges, Santos – 6,32 – 25
Dagoberto, São Paulo – 6,10 – 24
Loco Abreu, Botafogo – 6,08 – 12
Neymar, Bola de Ouro, é o titular absoluto do ataque do Brasileirão. Leandro Damião, machucado, ocupa por enquanto a outra vaga, mas vê o artilheiro do campeonato, Borges, na cola. Dagoberto, com suas boas atuações, vem chegando na briga.

ICFUT – Ronaldinho volta a ser líder isolado na briga pela Bola de Ouro do Brasileiro

Fonte: espn.com.br

Com a derrota para o Corinthians na quinta, o Flamengo completou sete partidas seguidas sem alcançar uma vitória sequer no Campeonato Brasileiro. Apesar do mau momento do time, Ronaldinho Gaúcho conseguiu desempatar a briga pela honrária máxima do Prêmio Bola de Prata, deixou o santista Neymar para trás e reassumiu de foma isolada a liderança da disputa, oferecida em parceria pela Revista Placar e os canais ESPN.
Neymar foi apenas coadjuvante na virada de sua equipe sobre o Avaí e viu o garoto Felipe Anderson brilhar. Ronaldinho também foi figura apagada diante do Corinthians, mas participou efetivamente do gol de seu time ao cobrar o escanteio que resultou na finalização de Deivid para as redes.
Agora, o flamenguista soma 6,66 pontos de média contra 6,60 do santista. Antes, ambos apareciam iguais com 6,67. Ainda na briga direta pela Bola de Ouro, que premia o melhor jogador da disputa nacional, aparecem Montillo (6,43), do Cruzeiro, em terceiro, Borges (6,36), do Santos, em quarto, e Elkeson (6,32), do Botafogo, em quinto.
Já Liedson, que anotou duas vezes e decidiu a virada corintiana sobre o Flamengo, foi a 6,22 e subiu do quinto para o quarto lugar entre os melhores atacantes, deixando Júlio César (6,17), do Figueirense, para trás. O líder da categoria é Neymar, seguido por Borges e Leandro Damião (6,32), do Internacional. 
Sobre o prêmio – A parceria entre a Revista Placar e os canais ESPN para a entrega do tradicional prêmio Bola de Prata do Campeonato Brasileiro segue na edição 2011. Durante a disputa, um corpo de jurados acompanha e atribui notas a todos os jogadores envolvidos nas partidas rodada a rodada.
Ao final do torneio nacional, os 11 atletas de maiores médias serão escolhidos como os campeões de sua posição e serão agraciados com um troféu Bola de Prata. Já o de melhor desempenho entre todos receberá a maior honraria, a Bola de Ouro.
Para a análise, o Prêmio Bola de Prata Placar ESPN parte do princípio do esquema tático clássico, o 4-4-2, avaliando sempre as posições de goleiro, dois zagueiros, dois laterais, dois volantes, dois meias e dois atacantes.

Bola de Ouro – Melhor jogador no geral



Ronaldinho Gaúcho, meia do Flamengo – Nota: 6,66 – Jogos: 19
Neymar, atacante do Santos – 6,60 – 10
Montillo, meia do Cruzeiro – 6,43 – 21
Borges, atacante do Santos – 6,36 – 18
Elkeson, atacante do Botafogo – 6,32 – 19
O escanteio cobrado com perfeição contra o Corinthians desempatou a briga pela Bola de Ouro, que agora é de Ronaldinho Gaúcho. Mas Neymar ainda está na cola.

Bola de Prata – Melhor de cada posição

Goleiro
Marcos – Palmeiras – 6,12 – 17
Marcelo Lomba – Bahia – 6,06 – 18
Júlio César – Corinthians – 6,03 – 17
Fernando Prass – Vasco – 5,91 – 22
Felipe – Flamengo – 5,91 – 22
Marcos caiu alguns centésimos, mas não o suficiente para perder a posição. Destaque para o vascaíno Fernando Prass e o flamenguista Felipe, que assumiram a quarta e a quinta posições, respectivamente.
Lateral direito

Mário Fernandes – Grêmio – 5,94 – 16
Lucas – Botafogo – 5,86 – 11
Danilo – Santos – 5,83 – 9
Bruno – Figueirense – 5,83 – 18
Cicinho – Palmeiras – 5,81 – 16
Mário Fernandes, convocado por Mano para os jogos contra a Argentina, ainda é o titular da lateral direita. Lucas, do Botafogo, se aproxima, e Cicinho, que já liderou, agora é o quinto.
Zagueiro

Dedé – Vasco – 6,22 – 16
Rhodolfo – São Paulo – 6,03 – 15
Chicão – Corinthians – 5,94 – 18
Antônio Carlos – Botafogo – 5,78 – 18
João Filipe – São Paulo – 5,75 – 8
Dedé ainda é o soberano da zaga, seguido pelo tricolor Rhodolfo. O são-paulino João Filipe surpreende e já é o quinto colocado, atrás de Chicão, do Corinthians, e Antônio Carlos, do Botafogo.
Lateral esquerdo

Egídio – Ceará – 5,94 – 9
Cortês – Botafogo – 5,92 – 13
Juninho – Figueirense – 5,77 – 22
Fábio Santos – Corinthians – 5,73 – 13
Ávine – Bahia – 5,63 – 16
Dois jogadores que não atuaram pela 22ª rodada são os líderes da posição. Egídio, do Ceará, segue surpreendentemente na ponta, seguido por Cortês, que, suspenso, não atuou na vitória do Botafogo sobre o próprio Ceará.
Volantes

Casemiro – São Paulo – 6,29 – 12
Paulinho – Corinthians – 6,24 – 21
Ralf – Corinthians – 6,08 – 20
Marcos Assunção – Palmeiras – 6,07 – 21
Arouca – Santos – 6,04 – 14
Casemiro e Paulinho ainda são os volantes titulares da Bola de Prata, com Ralf encostando. Marcos Assunção cai, principalmente depois do pênalti perdido contra o Cruzeiro na 21ª rodada.
Meias

Ronaldinho Gaúcho – Flamengo – 6,66 – 19
Montillo – Cruzeiro – 6,43 – 21
Elkeson – Botafogo – 6,32 – 19
Oscar – Internacional – 6,23 – 11
Lucas – São Paulo – 6,22 – 16
O bestial Ronaldinho Gaúcho segue supremo, agora com 6,66. Montillo, mesmo nas derrotas, leva o Cruzeiro nas costas e tem a segunda posição. O botafoguense Élkeson segue em ascensão.
Atacantes

Neymar – Santos – 6,60 – 10
Borges – Santos – 6,36 – 18
Leandro Damião – Internacional – 6,32 – 19
Liédson – Corinthians – 6,22 – 16
Júlio César – Figueirense – 6,17 – 9
O escanteio cobrado com perfeição contra o Corinthians desempatou a briga pela Bola de Ouro, que agora é de Ronaldinho Gaúcho. Mas Neymar ainda está na cola.