Por Edgar – Chelsea é novo Líder do Inglês !

Com três de Hazard, Chelsea passa pelo Newcastle e assume a liderança

Belga decide vitória por 3 a 0 com grande atuação no Stamford Bridge após derrota pesada do Arsenal. Manchester City decepciona e apenas empata com o Norwich

O Campeonato Inglês tem um novo líder após 25 rodadas. E o menos previsível dentre os candidatos. É o Chelsea, que passou com tranquilidade pelo Newcastle, neste sábado, por 3 a 0, no Stamford Bridge, para roubar o posto do Arsenal. Houve um herói: o belga Eden Hazard, autor dos três gols da partida – e grande atuação.

Aos números: os Blues somam agora 56 pontos, contra 55 dos Gunners, humilhados pelo Liverpool (5 a 1) no jogo que abriu a rodada, em Anfield. O Manchester City, até a última semana avassalador, tropeçou pela segunda vez consecutiva ao empatar sem gols com o Norwich City, no Carrow Road, e é o terceiro, com 54 pontos. Na segunda, os Citizens haviam sido derrotados pelo próprio Chelsea, no City of Manchester. O Newcastle é o oitavo, com 37.

Texto: Globoesporte.com, Video: Youtube.com

Por Edgar – Liverpool massacra o líder Arsenal por 5 a 1

Chocolate em Anfield com direito a quatro gols nos primeiros 19 minutos. Sterling e Sturridge anotam duas vezes cada

Philippe Coutinho vive a expectativa de ser convocado por Luis Felipe Scolari para a seleção brasileira na próxima terça-feira. A concorrência no meio-campo é grande, mas atuações como a deste sábado reforçam a fase mágica que vive o camisa 10 do Liverpool. E ele sequer precisou marcar para se tornar um dos destaques do massacre dos Reds sobre o líder Arsenal por 5 a 1, em Anfield Road, em jogo que abriu a 25ª rodada do Campeonato Inglês.

O brasileiro ficou em campo durante os 90 minutos, deu uma linda assistência para Daniel Sturridge e participou ativamente dos lances ofensivos do Liverpool – atuando como peça-chave nos contra-ataques ao roubar a bola no meio-campo e lançar os companheiros. O zagueiro Skrtel e o atacante Sterling, com dois gols cada, também brilharam. Arteta, de pênalti, descontou.

Texto: Globoesporte.com, Vídeo: youtube.com

Por Cleber Aguiar – Com passagens pela base da dupla Fla-Flu, brasileiro do Shakhtar morre

Fonte: Globo.com

Maicon Shakhtar (Foto: Reprodução / Site Oficial)

Maicon Oliveira, de 25 anos, sofreu acidente de carro em Donetsk neste sábado. Ele estava emprestado ao Illichivets Mariupol: ‘Que seja sempre lembrado com carinho’
O futebol está de luto. Morreu neste sábado o brasileiro Maicon Oliveira, do Shakhtar Donetsk, vítima de um acidente de carro na cidade ucraniana. O atacante tinha 25 anos e atuava no país desde 2009 – atualmente estava emprestado ao Illichivets Mariupol. No Brasil, ele passou pela base de Fluminense (2005-2006) e Flamengo (2007-2008) até se profissionalizar pelo Atlético Mogi.
Maicon viveu sua melhor fase na temporada 2011/2012, quando marcou 16 gols pelo Volyn no Campeonato Ucraniano e mais dez na Copa da Ucrânia. Ele se sagrou campeão do principal torneio do país no ano seguinte, em 2012/2013, quando já vestia a camisa do Shakhtar.

Alguns torcedores confundiram a vítima com outro jogador do mesmo nome: Maicon Marques Bittencourt, apelidado de Maicon Bolt após suas atuações pelo Fluminense, em 2009, quando fez dupla de ataque com Fred. Atualmente ele defende o Lokomotiv Moscou, da Rússia.
O site oficial do Shakhtar se manifestou em um comunicado. Confira abaixo, na íntegra:

“O FC Shakhtar Donetsk informa com pesar que a vida do futebolista Maicon Pereira de Oliveira foi tragicamente ceifada no dia 8 de fevereiro de 2014. Ele morreu em um acidente de carro em Donetsk.

Maicon era um jogador talentoso, uma pessoa aberta e amigável que amava a vida e sabia como trazer para ela positivismo e alegria. Esta morte trágica, prematura e sem sentido arrancou de nosso convívio uma pessoa maravilhosa. Maicon tinha apenas 25 anos.

Esta é uma perda terrível e pesada para cada um de nós. O FC Shakhtar Donetsk manifesta as suas mais sinceras e sentidas condolências à família e amigos de Maicon. Que seja para sempre lembrado com carinho…”