Por Cleber Aguiar – Fla estreia no Carioca com escudeto de campeão da Copa do Brasil

Fonte: Globo.com

Patch com o desenho da taça será usado na camisa dos jogadores a partir do jogo com Audax, domingo, no Maracanã. Torcedor poderá adquirir a partir de fevereiro

Cahê Mota e Janir Jr.Rio de Janeiro

flamengo escudeto copa do brasil   (Foto: Divulgação  )

A partir da estreia no Campeonato Carioca contra o Audax, domingo, às 17h, no Maracanã, o Flamengo carregará no peito o orgulho e a marca da conquista que credenciou o time a disputar a Libertadores deste ano. Os jogadores entrarão em campo com o escudeto do tricampeonato da Copa do Brasil, conquistada na temporada passada.

O escudeto traz o desenho da taça da Copa do Brasil e a inscrição “campeão 2013”, está localizado no centro da camisa e não será incluído nas camisas para venda. O torcedor que desejar exibi-lo em seu peito terá a opção de comprar e adicioná-lo ao uniforme nas lojas oficiais do Flamengo a partir de fevereiro, ao preço de R$ 19,90.

O procedimento será o mesmo para o brasão que será utilizado na Libertadores. Desde a edição de 2013, a Conmebol passou a obrigar os clubes a utilizarem um selo em uma das mangas, assim como acontece em competições na Europa.

Também já existe o cronograma para mudança completa do uniforme. No final de fevereiro, será apresentado o traje número dois. A vestimenta principal, por sua vez, será remodelada entre o fim de abril e início de maio, enquanto em setembro a nova camisa três será divulgada. É uma estratégia da Adidas para alavancar as vendas dos modelos alternativos ao principal.

flamengo escudeto copa do brasil   (Foto: Divulgação  )Torcedor poderá colocar o patch na camisa a partir de fevereiro (Foto: Divulgação )

Por Cleber Aguiar – BOMBA! Cianorte consegue liminar para disputar a Série C

Fonte: Futebolinterior.com.br

logo

A liminar foi concedida pelo juiz João Alexandre Cavalcanti Zarpellon, da 1ª Vara Civil de Cianorte, que considerou justo o pedido do clube. O juiz determinou ainda que caso seja descumprido a determinação, haverá uma multa diária de R$ 100 mil.

O clube paranaense argumenta que a política de acesso usada pela CBF para 2013, incluiu cinco times, já que o Superior Tribunal Federal, colocou o Rio Branco do Acre na terceirona. Para completar sua tese, o clube afirma que um regulamento tem validade por dois anos seguidos, o que daria a vaga para o Cianorte nesta temporada.

Tal afirmativa vem baseada devido a colocação do clube em 2012, quando terminou em quinto lugar da Série D. A favor do Cianorte está a Federação Paranaense, que tem como presidente, Hélio Cury, opositor da gestão de Marin.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) deve se pronunciar nos próximos dias para definir como será a competição desta temporada. Vale ressaltar que as edições da Série C tem sido marcadas por ações na justiça. Como em 2012 que chegou a ficar paralisada e em 2013 que o Betim-MG venceu uma ação para voltar a dipsutar a Série C.

ICFUT – COPA SÃO PAULO FUTEBOL JUNIOR 2014

 

 

 

 

 

 

LINK 1 – AO VIVO COPA SÃO PAULO FUTEBOL JR – CLIQUE AQUI !

LINK 2 – AO VIVO COPA SÃO PAULO FUTEBOL JR – CLIQUE AQUI !

Quartas de final
18/01 – 10h00 Taboão da Serra-SP x Santos-SP
18/01 – 17h00 São Paulo-SP x Atlético-MG
19/01 – 10h00 Fluminense-RJ x Internacional-RS
19/01 – 21h30 Corinthians-SP x Paraná-PR

 

Oitavas de Final
16/01 – 16h00 Flamengo-SP 0 x 5 Atlético-MG
16/01 – 18h00 Taboão da Serra-SP 5 x 1 Osasco Audax-SP
16/01 – 18h30 Grêmio Osasco-SP 1 x 4 Santos-SP
16/01 – 21h00 São Paulo-SP 1 x 1 Brasília-DF
17/01 – 16h00 Ferroviária-SP 0 x 2 Fluminense-RJ
17/01 – 16h00 Internacional-RS 2 x 1 São Carlos-SP
17/01 – 16h00 Paraná-PR 2 x 1 América-MG
17/01 – 21h00 Flamengo-RJ 1 x 2 Corinthians-SP

Por Cleber Aguiar – Atacante é dispensado e despejado do Brinco; cartola vê ‘ato político’

Fonte: Globo.com

Manoel tenta passar a noite no estádio do Guarani, mas seguranças do clube o tiram do local. Presidente Álvaro Negrão acusa vice Horley Senna de tumultuar ambiente

Por GloboEsporte.comCampinas, SP

Manoel reforço Guarani (Foto: Warley Meneses/Guarani FC)

Manoel está literalmente fora do Guarani. Dispensado pelo clube na semana passada, por deficiência técnica, o atacante de 21 anos ainda permanecia nos alojamentos do Brinco de Ouro até esta quinta-feira, mas acabou sendo despejado por ordem do clube.

O jogador alega que tem contrato a cumprir e, por não ser de Campinas, não tem para onde ir. Já a diretoria diz que deu um prazo ao jovem para encontrar um novo lugar para viver e não pode ter um ex-funcionário morando nos alojamentos do estádio.

Em meio a esse imbróglio estão dois vice-presidentes (Horley Senna e Palmeron Mendes Filho), acusados por Álvaro Negrão, mandatário do Bugre, de influenciar o garoto com o intuito de tumultuarem o ambiente. O Guarani passa por processo eleitoral em março, e Senna deve ser o adversário de Negrão nas urnas.

Fui pego de surpresa. Peguei minhas coisas e tive de sair do estádio”
Manoel, atacante desalojado

A polêmica entre Guarani e Manoel ganhou grande repercussão por causa dos fatos desta quinta. O atacante estava no Brinco de Ouro nesta tarde e foi comunicado por um segurança de que teria de ir embora imediatamente. Indignado, o atacante deixou os quartos com duas malas e reclamou do tratamento do clube. Ele recebe R$ 2 mil em carteira.

– Fui pego de surpresa. Peguei minhas coisas e tive de sair do estádio. Tinha um ano de contrato, foi feita a proposta de acerto. Só que eu programei minha vida em cima desse ano. Noivei agora no Natal. Não tem como, de maneira nenhuma, pegar e sair com os dias trabalhados e achar que está tudo bem, sem ter para onde ir – afirmou o atleta, em entrevista à Rádio Bandeirantes de Campinas.

Manoel pegou um táxi, deixou o Brinco de Ouro e partiu para um hotel. O atacante diz que terá ajuda de empresários para ficar na cidade até encontrar um novo clube ou entrar em acordo com o Guarani.

– Meu empresário vai me mandar uma quantia para eu me virar aqui por enquanto. Não tenho nada contra o Álvaro, nem os dirigentes, nem nada contra a instituição, mas temos de resolver essa situação. Queria sair da melhor maneira possível, porque o mundo da bola dá voltas – disse o atacante, que tinha contrato com o Bugre até 11 de dezembro deste ano.

Briga política

Fizemos a mesma coisa com cinco atletas e não tivemos trabalho. O Manoel não aceitou o acordo, foi intransigente, mal orientado e tem segundas intenções, ligado ao grupo que é dissidente”
Álvaro Negrão, presidente do Guarani

A diretoria do Guarani divulgou uma versão diferente do fato. Segundo o clube, Manoel foi informado da dispensa por deficiência técnica na última quarta-feira e ganhou um prazo de uma semana para deixar o Brinco de Ouro. Como o prazo dado pelo Bugre acabou, os dirigentes ordenaram que ele não entrasse mais no clube.

Irritado com a repercussão, o presidente Álvaro Negrão acusou Horley Senna, primeiro vice e provável candidato da oposição nas eleições de março, de influenciar o jogador.

– Infelizmente, começou a política no Guarani. O Manoel foi comunicado pelo Simplício (coordenador de futebol) e pelo Giardini (diretor) que não ficaria por deficiência técnica. Tinha data limite para sair. O acordo não foi aceito, ele queria receber os 12 meses de contrato. Já se passaram nove dias e ele foi aconselhado a ficar, pelo grupo do Palmeron e também do Horley. Fizemos a mesma coisa com cinco atletas e não tivemos trabalho. O Manoel não aceitou o acordo, foi intransigente, mal orientado e tem segundas intenções, ligado ao grupo que é dissidente – reclamou o presidente.