ICFUT – Diretor do Timão não se arrepende de gastar R$ 40 milhões em Pato

Fonte: lancenet

Clube reclama de cifras altas no mercado, mas desembolsou valores absurdos no início desta temporada pelo atacante. Venda de Paulinho em julho quitará dívida pelo atacante

Enquanto fala que não vai fazer loucuras para contratar jogadores porque as cifras estão fora da realidade, a diretoria do Corinthians entende que não errou ao pagar R$ 40 milhões para tirar Alexandre Pato do Milan (ITA), em janeiro deste ano.

– Quando compramos o Pato, foi uma oportunidade. Ele é um grande jogador, menino, ainda muito novo, não estamos arrependidos. Vai dar alegrias para a torcida ainda – afirmou o diretor de futebol do Timão, Roberto de Andrade.
O camisa 7 chegou a ser titular com boa sequêcia no início, mas depois começou a somar atuações ruins e caiu na desgraça da torcida. Mesmo fechando a temporada como vice-artilheiro do time, com 17 gols, apenas um a menos do que Guerrero, que fez 18, Pato não agradou.

O jogador sempre foi cobrado, inclusive por companheiros, diretoria e técnico Tite, para ter mais vontade em campo. O estopim foi quando ele despediçou um pênalti na decisão diante do Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil, ao tentar dar uma cavadinha contra Dida.

Depois do episódio, a diretoria decidiu que poderia negociá-lo caso uma boa proposta aparecesse. O clube pede pelo menos 12 milhões de euros (cerca de R$ 38 milhões) para liberá-lo. Uma proposta de oito milhões de euros do Arsenal (ING) foi recusada.

– Negociável, todo jogador é. Só que, para haver uma negociação, é preciso ter um interessado. Também não fomos procurados por jogador querendo sair – disse Andrade.

GRANA DE PAULINHO VAI QUITAR DÍVIDA POR PATO

A diretoria do Corinthians não terá dor de cabeça para quitar as duas parcelas de cinco milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões) cada que ainda estão abertas pela compra de Alexandre Pato do Milan (ITA). Isso porque o clube usará duas parcelas, do mesmo valor, que tem direito pela venda de Paulinho ao Tottenham (ING), em agosto.

O volante foi liberado aos ingleses por 20 milhões de euros (cerca de R$ 64 milhões), sendo que a metade desse valor era direito do Timão – outra metade pertencia ao Grupo Pão de Açucar. Os dois pagamentos serão realizados pelo Tottenham no mesmo mês do pagamento que terá de ser feito aos italianos. Em resumo: o dinheiro dos ingleses será repassado ao Milan.

O Corinthians ainda aguarda uma proposta europeia por Pato na janela internacional de transferência. Recentemente, o Arsenal (ING) ofereceu oito milhões de euros (R$ 25 milhões), mas o valor foi considerado muito baixo pela diretoria, que não abriu negociação – quer, pelo menos, 12 milhões de euros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s