Por Cleber Aguiar – Botafogo-PB 2 x 0 Juventude – Com público recorde, Belo é campeão da Série D!

Fonte: Futebolinterior.com.br

O Botafogo-PB é o campeão do Campeonato Brasileiroo da Série D. Depois de uma campanha memorável, com 11 vitórias, dois empates e três derrotas, o Belo carimbou o ano perfeito com o título da competição nacional. Na tarde deste domingo, o clube paraibano venceu o Juventude por 2 a 0 para alegria dos mais de 20 mil torcedores, que lotaram o Estádio do Almeidão. A partida, que foi transmitida pela Rádio Caxias 930 AM, bateu o recorde de público do torneio. O embate também foi acompanhado pelo Placar FI. Além do campeão e do vice, Salgueiro-PE e Tupi-MG também conquistaram a classificação à Série C.

O resultado de 1 a 0 já bastava para o Botafogo ficar com o título inédito da Paraíba. Porém, conseguiu marcar mais um nos minutos finais do embate e carimbar de vez a conquista do título. O Belo jogava pelo placar mínimo, pois marcou um gol fora de casa.

Como venceu a partida de ida por 2 a 1, o Juventude precisava apenas de um empate para ficar com o título. O Verdão tentou, foi guerreiro, mas não conseguiu furar o bloqueio do Botafogo, mas o objetivo principal foi conquistado: o acesso.

Belo na frente!
A festa estava preparada. Os torcedores lotaram o Estádio do Almeidão e viram o Botafogo-PB iniciar o combate em cima do Juventude. O Belo perdeu a primeira chance logo aos dois minutos. Lenílson achou Fausto. O atacante arriscou o chute, mas a bola foi para fora. O Juventude respondeu. Rogerinho chutou para a linha de fundo.

Aos nove minutos, outra tentativa do Botafogo. Pio mandou de longe. Airton fez linda defesa. Em seguida, após cobrança de escanteio de Pio, Lenínson desviou. A bola foi parar com Rafael Aidar, que perdeu chance incrível, ao mandar a bola para fora. Na pressão, o Belo enfim conseguiu furar o ferrolho do Juventude. Aos 20, Pio lançou na área. Mário subiu mais do que os adversários e, de cabeça, abriu o placar.

O Juventude acordou depois do gol sofrido e foi em busca do empate. Aos 32 minutos, Rogerinho recebeu belo passe, dominou e chutou para fora. A bola tirou tinta da trave de Remerson. Aos 43, Rogerinho fez boa jogada e soltou a bomba. A bola passou perto do gol do arqueiro do Belo e seguiu para a linha de fundo.

Fechou a conta!
Atrás no placar, o Juventude não teve outra escolha, a não ser se jogar ao ataque e foi o que fez. Aos cinco minutos da segunda etapa, Paulo Josué aproveitou o cruzamento e de primeira mandou para fora. O Verdão saiu para a pressão, mas não conseguia furar o bloqueio bem postado do Botafogo, que voltou a atacar.

Aos 16 minutos, Warley foi derrubado pelo goleiro Airton, que saiu nos pés do atacante, e pediu pênalti. O árbitro nada deu. Em seguida, o atacante pegou a sobra do arqueiro do Juventude, mas demorou para chutar. A zaga do Verdão foi mais rápida e afastou o perigo.

O Juventude respondeu aos 21 minutos. Rogerinho cruzou na cabeça de Diogo, que testou firme para a boa defesa de Rémerson. Logo em seguida, Ermel soltou a bomba, mas a bola bate nas redes pelo lado de fora. Nos minutos finais, o Belo ainda marcou o segundo, que garantiu o título. No contra-ataque, Rafael Aidar recebe livre de marcação e tocou para o fundo das redes, sem chances para Airton.

Por Cleber Aguiar – Santa Cruz 2 x 1 Betim – Sofrimento, além da conta! Mas, Santa é Série B!

Fonte: Futebolinterior.com.br

futebol brasileiro, passando por momentos horríveis, o Santa Cruz virou mais uma página de sua história. Chegou às semifinais e agora, o time duela por uma vaga na final, contra o Luverdense. O primeiro jogo será no próximo domingo, em Lucas do Rio Verde, enquanto, o jogo de volta será dia 17, em Recife.

Como está no hino oficial, “De bravura e de pujança, nos esportes tua história, é orgulho a que faz jus, este símbolo de glória, que é teu nome Santa Cruz”, os mais de 60 mil torcedores, sofreram muito, mas depois de tantos domingos retornando para seus lares, com lágrimas de tristeza, desta vez, as lágrimas também caíram, mas de muita alegria. Enfim, o Tricolor voltou para segunda divisão do futebol nacional, ao vencer por 2 a 1, o Betim, no Arruda, em Recife, pelas quartas de final da Série C.

Como no jogo de ida, em Nova Serrana, venceu por 1 a 0, até mesmo o empate garantia o acesso para o Tricolor. André Dias abriu o placar aos 12 minutos do segundo tempo, mas logo em seguida, aos 19, Max empatou, deixando o jogo dramático. Mas, no final, Flávio Caça-Rato, o predestinado, aproveitou falha do goleiro Felipe Sanches e desviou para o fundo das redes, levando o Arruda ao delírio.

Grande público!
Como esperado, a torcida do Santa Cruz lotou as arquibancadas do Arruda, em Recife, o público não bateu o recorde nacional, já que 60 mil estiveram presentes, enquanto, no duelo entre Santos e Flamengo, na primeira rodada do Brasileirão, mais de 63.500 estiveram nas arquibancadas do Mané Garrincha, em Brasília. A renda do jogo foi de R$ 1.392.610,00.

O jogo começou a mil por hora, com os dois times se lançando ao campo de ataque, tentando de todo jeito o primeiro gol. A primeira boa chegada foi aos quatro minutos, com o Santa. Siloé recebeu na área e de calcanhar tocou para André Dias, que cara a cara com Felipe Sanches, bateu cruzado e com os pés o goleiro operou um milagre.

Aos 12, o Betim respondeu. Siloé perdeu a bola no meio, no contra-ataque, André Luiz recebeu e bateu cruzado, Sandro Manoel se jogou na bola e conseguiu evitar o primeiro dos mineiros. Aos 17, após longo lançamento, Sandro Manoel furou a bola, qu sobrou para Marion, ele invadiu a área, mas na hora do chute, Tiago Cardoso saiu bem do gol e conseguiu tirar a bola do atacante, antes do chute.

O jogo era muito bom tanto tecnicamente, como na vontade dos times em campo e aos 26, o Santa teve mais uma boa chance. Após cruzamento, André Dias subiu sozinho e testou rente a trave de Felipe Sanches. O final do primeiro tempo foi de muita marcação no meio-campo, com os dois times parando de criar jogadas de ataque.

Que sofrimento!
O Santa começou o jogo mil por hora e logo no primeiro minuto obrigou o goleiro Felipe Sanches a fazer um milagre. Após cruzamento na pequena área, André Dias desviou e obrigou o arqueiro a operar uma defesa espetacular. O Betim também queria o resultado e aos seis quase fez, com Wescley. O atacante soltou um petardo de fora da área, obrigando Tiago Cardoso a fazer uma linda defesa.

Mas, aos 12 minutos, quem abriu o placar, foi o Santa Cruz. Everton Sena cobrou falta e a bola sobrou para André Dias, que dominou na área e bateu cruzado, na saída de Felipe Sanches, vendido na jogada. No entanto, a alegria dos torcedores não demorou por muito tempo e logo aos 19, o Betim deixou tudo igual.

Após cobrança de falta, Max no primeiro pau só desviou para o fundo das redes, sem chances para Tiago Cardoso. O clima passou a ser de muita tensão nas arquibancadas do Arruda e aos 34, Wescley quase fez. Num forte chute de fora da área, a bola saiu rente a trave de Tiago Cardoso, que só acompanhou com os olhos.

No ataque seguinte, Tássio recebeu na área, girou em cima da defesa e bateu para um milagre de Tiago Cardoso. Mas, aos 42 minutos, o grito de alegria saiu da garganta dos torcedores. Após cruzamento, Felipe Sanches falhou e Flávio Caça-Rato testou para o fundo das redes, fazendo a festa dos torcedores e comemorando o acesso para Série B.

Por Cleber Aguiar – Time do interior é criado em game para duelar com grandes da Europa

Fonte: Globo.com

Torcedor do São Bento, de Sorocaba, cadastra o clube no Fifa 14 e ganha aprovação de atletas do atual elenco do seu time de coração

Marcus Vinícius Souza

Controlar Messi e Cristiano Ronaldo em um tradicional duelo entre Barcelona e Real Madrid tem sido a opção mais escolhida entre jogadores de futebol virtual do mundo todo. Independentemente do time de coração, os gigantes europeus são os preferidos dos gamers. Entretanto, mesmo com times da Série A e alguns da Série B do Brasileirão licenciados nos principais jogos da atual geração de videogame, a vasta lista de clubes disponíveis ainda é incapaz de agradar a todos.

Em Sorocaba, a cerca de 90 km de São Paulo, um fã do jogo sentiu falta da equipe para qual torce e decidiu cadastrar o clube no Fifa 14 e compartilhar o time no site da produtora do game para que possa ser baixado e jogado por usuários do Playstation 3 ou X-Box 360.

Mosaico São Bento Fifa 14 (Foto: Marcus Vinícius Souza)Time sorocabano é adicionado ao videogame (Foto: Rafael Bisco / Divulgação)

O centenário São Bento, que por mais de 30 temporadas esteve na elite do Paulistão, hoje integra a Série A2, a segunda divisão estadual, e não teve espaço entre as equipes originalmente licenciadas pelo jogo – normalmente da primeira divisão dos principais campeonatos nacionais do mundo. Agora, porém, está fazendo sucesso entre futebolistas de sofá da região e até entre os atletas do atual elenco do Azulão sorocabano, que testaram e aprovaram suas respectivas versões virtuais.

Seria legal se torcedores de outros clubes do interior também criassem suas equipes para duelarmos”
Rafael Bisco, são-bentista

Rafael Bisco, de 20 anos, colabora no marketing do São Bento, e, com a eliminação do time na segunda fase da Copa Paulista, encontrou uma forma de manter o clube sorocabano “em campo”. Com isso, cadastrou escudo, uniformes e jogador por jogador, de acordo com suas características, em uma plataforma de criação de times disponibilizada pelo game.

– A eliminação do São Bento me motivou a perder dois dias para colocar o time no jogo. Tive que pesquisar sobre os atributos e movimento dos jogadores, seus números de camisa, rostos, e dar uma de técnico para a escalar a equipe. Peguei o estádio mais parecido com o CIC (local onde o Azulão manda as partidas). Fiz o time dentro da realidade, que é de segunda divisão paulista, mas no videogame tudo é possível, até fazer o time encarar o Barcelona ou Bayern de Munique. Seria legal se torcedores de outros clubes do interior também criassem suas equipes para duelarmos – contou o criador do São Bento no game.

São Bento x Bayern Fifa 14 (Foto: Marcus Vinícius Souza)São Bento aparece com duas estrelas no Fifa 14;
Bayern tem cinco (Foto: Marcus Vinícius Souza)

São Bento x campeões europeus

O time de Sorocaba, criado por Rafael Bisco, aparece no jogo com duas de cinco estrelas possíveis nos atributos de habilidade. O Bayern de Munique, por exemplo, possui cinco estrelas. Dentro de campo, no entanto, a vitória pode ser para qualquer lado.

Também é possível escolher o São Bento para encarar jogadores do mundo inteiro, em partidas online. Em um duelo entre o time do interior paulista e o Barcelona, de Messi e Neymar, narrado por Tiago Leifert e Caio Ribeiro, comentaristas oficiais do jogo, o Bentão suportou a pressão e saiu vitorioso: 1 a 0.

Artilheiro real e virtual

Para testar a novidade, o meia-atacante Tiago Tremonti e o goleiro Henal, ídolos do atual time sorocabano, jogaram uma partida entre São Bento x São Bento. Ambos aprovaram suas aparências e características criadas no videogame e se animaram com a possibilidade de escolher quais companheiros estariam entre os 11 iniciais.

Tiago Tremonti e Henal, com o Fifa 2014 (Foto: Marcos Vinícius Souza)São Bento x São Bento controlados por Tremonti e
Henal no Fifa 2014 (Foto: Marcos Vinícius Souza)

– Agora eu me realizo, aqui sou o técnico e coloco o time que eu quero. Lógico, o meu jogador vai continuar com a 10, titular e capitão, assim como na vida real – comentou Tremonti, que, com sete gols, é um dos artilheiros da Copa Paulista e também deixou sua marca no videogame com seu jogador virtual.

– Olha só quem marcou! Não teve jeito para o Henal – provocou o meia, ao fazer o primeiro gol na vitória por 2 a 0 sobre o goleiro são-bentista.

Apesar da derrota, o camisa 1 do São Bento contou que é fã de futebol virtual e parabenizou o criador do time no game pela iniciativa.

– Eu jogo todo dia e acabei perdendo para o Tremonti, que nem joga. Ele levou sorte. Mas mesmo assim, fico muito contente e orgulhoso de me ver no videogame. Sempre pensei em um dia poder me controlar virtualmente. É um sonho realizado – declarou Henal.

Mosaico 2 São Bento Fifa 14 (Foto: Marcus Vinícius Souza)Rafael Bisco (no centro, ao alto), criador do Bentão no Fifa 2014, e alguns lances dos ídolos do seu time de coração, Tiago Tremonti e Henal, controlando do game  (Fotos: Marcus Vinícius Souza)

Jogue com o Bentão

Para colocar o São Bento no campo virtual, é preciso ter o Fifa Soccer versão 2014 original para Playstation 3 ou X-Box 360, entrar no centro de criação da EA Sports, produtora do jogo, e buscar pelo clube sorocabano no catálogo de times para download, gratuito. A versão com o elenco e uniformes atuais é criada pelo usuário “carlosbisco”. A cada contratação ou dispensa de jogador, o elenco será atualizado.

Na ferramenta, é possível criar times que estão fora da lista original do Fifa 14, como outros clubes do interior paulista ou mesmo uma equipe imaginária.

Mosaico 3 São Bento Fifa 14 Tremonti (Foto: Marcus Vinícius Souza)O Tremonti real pôde controlar o Tremonti virtual, que marcou para o São Bento  (Montagem: Paulo Taneda)