ICFUT – Esposa de Costacurta, Martina Colombari posta fotos nua na internet

Fonte: futebolinterior

A publicação foi feita no formato de vídeo, que foi intitulada de Martina In_visible

Campinas, SP, 17 (AFI) – Esposa do ex-zagueiro do Milan Alessandro Costacurta, a atriz, apresentadora de TV e modelo Martina Colombari está dando o que falar nas redes sociais. Isso porque a beldade está publicando em seu site oficial uma sequência de fotos em que aparece nua em situações do cotidiano.

A publicação foi feita no formato de vídeo, que foi intitulado de Martina In_visible. Na gravação, a bela italiana de 38 anos (e uma forma de fazer inveja a qualquer garota de 18 anos) aparece emimagens com poses sensuais e em situações inusitadas, como escovando os dentes.

Martina é uma personalidade bem conhecida na Itália. Em 1991, ela venceu o concurso Miss Itália com apenas 16 anos. Depois disso, estrelou filmes e séries, apresentou programas de TV e foi capa de inúmeras revistas.

Resta saber se o “maridão” da musa, o ex-xerifão da seleção italiana Costacurta, vai aprovar o novo “empreendimento” da musa. Pelo histórico de trabalhos da gata italiana, já era para o jogador ter se acostumado há algum tempo. Afinal, eles são casados desde 2004 e já possuem um filho juntos.

Confira aqui todas as fotos

ICFUT – Procurador do STJD promete reviravolta no "caso massagista"

Fonte: futebolinterior

Paulo Schmitt afirmou que recorrerá sobre a decisão

Campinas, SP, 17 (AFI) – Não será necessário a Aparecidense recorrer contra a decisão do Superior Tribunal Justiça Desportiva (STJD), que excluiu o clubegoiano do Campeonato Brasileiro da Série D, para tentar reverter a situação nos tribunais. O próprio procurador da entidade, Paulo Schmitt, afirmou ao PortalFutebol Interior que fará isso, por ser contra ao artigo em que o Camaleão foi enquadrado.

“Vou recorrer contra a decisão do STJD. Tenho até quinta-feira para fazer. O ocorrido estava dentro do artigo 243, que faria com que a partida fosse anulada. O jogo chegou até o final, não foi paralisado no meio, então, não caberia julgar a Aparecidense no artigo 205, que definiu a eliminação do clube da competição”, explicou o procurador.

O presidente da Primeira Comissão Disciplinar, da última segunda-feira, Paulo Valed Perry, também votou contra a decisão por conta disto. Segundo ele, está errado enquadrar a Aparecidense no artigo 205, sendo que o jogo não foi interrompido.

Apesar da decisão de Paulo Schmitt, a Aparecidense também vai recorrer sobre a decisão do STJD. O presidente do clube, Wilson Queiroz, realizará ainda nesta terça-feira uma reunião com o advogado João Vicente, para tratar da defesa que será utilizada em novo julgamento. A certeza, é que o clube goiano irá trabalhar em cima da mudança de artigo, em que foi julgado.

Confira os artigos do "caso massagista"
Artigo. 205
Impedir o prosseguimento de partida, prova ou equivalente que estiver disputando, por insuficiência numérica intencional de seus atletas ou por qualquer outra forma. (Redação dada pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

PENA: multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais), e perda dos pontos em disputa a favor do adversário, na forma do regulamento. (NR).

Artigo 243-A
Atuar, de forma contrária à ética desportiva, com o fim de influenciar o resultado de partida, prova ou equivalente. (Incluído pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

PENA: multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais), e suspensão de seis a doze partidas, provas ou equivalentes, se praticada por atleta, mesmo se suplente, treinador, médico ou membro da comissão técnica, ou pelo prazo de cento e oitenta a trezentos e sessenta dias, se praticada por qualquer outra pessoa natural submetida a este Código; no caso de reincidência, a pena será de eliminação. (Incluído pela Resolução CNE nº 29 de 2009).

ICFUT – MP do Esporte é aprovada por unanimidade pelo Senado

Fonte: gazetaesportiva

A Medida Provisória 620 foi aprovada por unanimidade pelo Senado, na tarde desta terça-feira, e seguirá para sanção da presidente Dilma Rouseff. Apelidado de MP do Esporte, o texto faz alterações na Lei Pelé para tentar dar maior transparência ao repasse de verbas públicas a entidades esportivas.

A MP contém uma emenda elaborada pelo deputado federal deputado Jerônimo Goergen que limita o mandato de dirigentes esportivos em instituições que recebam verbas públicas a uma reeleição. A participação de atletas no processo eleitoral é outro destaque do texto.

As regras, já seguidas por alguns clubes, passarão a valer também para federações e confederações.

“A terça-feira é um dia histórico para o esporte", definiu a ex-jogadora de vôlei Ana Moser, presidente da Atletas pelo Brasil, entidade que auxiliou na elaboração da emenda. Já Raí, outro dirigente do grupo, afirmou que "está sendo iniciada uma nova era no esporte nacional. Estamos nos libertando de um atraso de décadas".

A MP do Esporte foi aprovada na Câmara dos Deputados na última semana e encaminhada para o Senado, em que recebeu apoio de diversos integrantes da casa na noite de segunda-feira. Desta forma, entrou na pauta desta terça, quando teve os detalhes debatidos e, posteriormente, foi aprovada.

A Atletas para o Brasil mandou uma comitiva a Brasília para se encontrar com líderes políticos e fazer pressão pela aprovação da MP. Nesta terça-feira, estiveram entre os presentes na capital federal, Ana Moser, Raí, Hortência, Ida, Patrícia Medrado, Ricardo Vidal e Guga.

Divulgação

Ex-atletas foram a Brasília pressionar senadores a aprovarem a MP do Esporte (Foto: Rafael Carvalho)

ICFUT – Assis garante R10 no Brasil em 2014, mas não confirma permanência no Galo

Fonte: lancenet

Empresário do craque do Galo disse que Ronaldinho não deve sair do futebol nacional no ano que vem e que foco é na preparação para o Mundial de Clubes no Marrocos

Ronaldinho - Grêmio (Foto: Ricardo Rímoli/ LANCE!Press)
Ronaldinho tem contrato até dezembro de 2013 com o Galo (Foto: Ricardo Rímoli/ LANCE!Press)

Empresário e irmão de Ronaldinho, Roberto Assis deu uma longa entrevista para a Rádio Grenal, divulgada nesta terça-feira, na qual tratou do futuro do seu cliente. R10 tem contrato com o Atlético-MG até o fim do ano e espera brilhar no Mundial de 2013, no Marrocos. Mas o agente não confirmou que o craque renovará contrato com o Galo. Ele só garantiu que Ronaldo dificilmente sai do futebol nacional.

– Ele permanecerá no Brasil. Um atleta campeão, que conseguiu resultados maravilhosos. Todos sabem que o contrato dele termina em dezembro. E o próprio presidente do Atlético disse que dependerá muito do Ronaldo para que ele permaneça, está nas mãos dele – afirmou Assis, à Rádio Grenal.

O empresário de Ronaldinho ainda lembrou que o que passa na cabeça do irmão é fazer um bom Campeonato Brasileiro e chegar confiante para a disputa do Mundial de Clubes no final do ano.

– Mas vamos com muita tranquilidade, vamos preparar o Mundial, com calma. E, depois, a gente decide. O foco é todo, agora, para se preparar bem e fazer um bom Brasileiro e Mundial – afirmou Assis, que descreveu a relação com Alexandre Kalil como de ‘bom convívio’:

– O presidente do Atlético-MG é uma pessoa muito fácil de se lidar, figura direta. É fácil o convívio.

ICFUT – CBF anuncia volta do Brasileiro de Futebol Feminino ainda em 2013

Fonte: gazetaesportiva

A Confederação Brasileira de Futebol anunciou nesta segunda-feira a realização do retorno do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino em 2013. O torneio será disputado ainda em 2013, entre os dias 18 de setembro e 4 de dezembro.

“A CBF já organiza há oito anos a Copa do Brasil de Futebol Feminino. A competição tem uma verdadeira abrangência nacional, coma participação de clubes dos 26 estados e do Distrito Federal, portanto de todas as federações, e agora podemos anunciar mais uma competição para o futebol feminino no Brasil”, declarou o diretor de Competições, Virgílio Elísio.

Além do diretor, participaram do anúncio da nova competição, o ministro do Esporte Aldo Rebelo, a coordenadora geral do futebol feminino do Ministério do Esporte, Mariléia dos Santos e a jogadora da Seleção Brasileira e do Centro Olímpico, Cristiane.

A iniciativa conta com o apoio da Caixa Econômica Federal, que investirá R$ 10 milhões para a realização da competição, que não acontece no país desde 2001.

Divulgação

O anúncio da nova competição nacional do futebol feminino foi feita na sede da CBF

As equipes serão escolhidas para participar do campeonato com base em um ranking formado a partir dos quatro últimos anos da Copa do Brasil. Os dois melhores times de cada grupo – serão quatro – passam para a fase final e se enfrentam em jogos de ida e volta.

"O campeonato é bem curto por uma série de fatores ligados à montagem. Foi uma oportunidade, com apoio financeiro que surgiu, e não poderíamos deixar passar. Era pegar ou largar, caso contrário não teríamos um campeonato em 2013", arrematou Elísio.

Confira os grupos do Brasileirão Feminino 2013:

Grupo 1 – Duque de Caxias-RJ, América-SP, Centro Olímpico-SP, Francana-SP e Rio Preto-SP
Grupo 2 – Asscoop-DF, Foz Cataratas-PR, Vasco da Gama-RJ, Kindermann-SC e São José-SP
Grupo 3 – São Francisco-BA, Caucaia-CE, Mixto-MT, Botafogo-PB e Vitória-PE
Grupo 4 – Iranduba-AM, Viana-MA, Pinheirense-PA, Tuna Luso-PA e Tiradentes-PI