ICFUT – Flu goleia Volta Redonda e vai encarar o Botafogo na final da Taça Rio

Fonte: lancenet

Tricolor é veloz, tem excelente atuação coletiva e pega o Alvinegro no próximo domingo. Thiago Neves entra no segundo tempo e marca um golaço

 

Teremos clássico na final da Taça Rio. O Fluminense teve ótima atuação e goleou o Volta Redonda neste domingo, no Raulino de Oliveira, por 4 a 1, gols de Rafael Sobis (2), Wellington Nem e Thiago Neves, e vai encarar o Botafogo na decisão. Com atuações destacadas de Rafael Sobis, Carlinhos, Rhayner e Nem, o Tricolor não deu chances para o Voltaço, que pouco incomodou o Tricolor durante a partida.

A decisão da Taça Rio será no próximo domingo, às 16h, novamente no Raulino de Oliveira. O Botafogo, com melhor a campanha no segundo turno do Carioca, tem a vantagem do empate no clássico e pode ser campeão direto, já que conquistou a Taça Guanabara.

Antes do Clássico Vovô, o Flu tem compromisso na Libertadores. O Tricolor viaja até Guayaquil, onde enfrenta o Emelec quinta-feira, às 22h30, no jogo de ida das oitavas de final da competição.

PRIMEIRO TEMPO
A partida começou em um ritmo acelerado. Os times entraram com muita disposição, enquanto o Volta Redonda marcava muito forte no meio de campo, o Fluminense aproveitava a velocidade do seu ataque para levar perigo. Antes dos dez minutos, as duas equipes já haviam chegado com perigo. O Flu fez bela jogada com Nem e Jean, que entrou livre, mas chutou para fora, já o Voltaço surpreendeu com Sassá, que entrou com espaço, mas demorou para finalizar e foi travado por Leandro Euzébio.

E o jogo continuou muito bom. Aos 11 o placar foi aberto. Rafael Sobis recebeu passe de Jean, limpou para a perna esquerda e acertou um chutaço no ângulo do goleiro Gatti. Logo em seguida, o Voltaço empatou. José Augusto foi lançado, ganhou de Edinho na entrada da área e bateu forte no canto direito de Cavaleri. Aos 18, Carlinhos cruzou e por pouco Sobis não marcou outro golaço. O atacante dominou com a direita para o alto e soltou uma bomba com a canhota, que explodiu no travessão.

O Fluminense fazia grande partida e passou a mostrar esse domínio em chances de gol e bolas na trave. Aos 30, Carlinhos roubou uma bola no meio de campo, iniciou contra-ataque e cruzou para Nem na área, que só teve o trabalho de empurrar para as redes e desempatar o jogo. O lateral-esquerdo quase ampliou, ao cabecar uma bola no travessão. Depois, ele ainda fez boa jogada pelo lado e cruzou para Rhayner, que acertou novamente a trave e ainda perdeu o gol no rebote.

SEGUNDO TEMPO

O Tricolor voltou para o segundo tempo na mesma pegada. O time manteve o jogo rápido e o espaço que tinha pelo lado esquerdo. Aos seis minutos, Rhayner apareceu por lá e achou Nem na área, que tentou o gol, mas a bola sobrou para Sobis marcar seu segundo no jogo. Aguerrido, o Volta Redonda ainda tentou buscar o resultado, mas a qualidade técnica superior do Flu prevalecia.

Quem muito tentava seu gol era Rhayner, que já tinha acertado a trave, quase marcou um golaço por cobertura. O time do Flu massacrava e mantinha a pressão no ataque. Wellington Nem recebeu na entrada da área e obrigou Gatti a fazer uma grande defesa.

Aos 25 minutos, a torcida do Fluminense já gritava olé e o time administrava a partida. Com o jogo nas mãos, o técnico Abel Braga promoveu o retorno de Thiago Neves, que substituiu Nem. E na primeira participação do meia em campo, um golaço. Ele tabelou com Wágner e na entrada da área e deu uma cavadinha, acertando o ângulo direito do goleiro Gatti. Uma pintura.

Felipe e Samuel também entraram em campo no fim da partida, nos lugares de Rhayner e Wágner, respectivamente. Mas nada mudou, ficou só no 4 a 1. O Flu sobrou em campo.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 4 X 1 VOLTA REDONDA

Local: Raulino de Oliveira, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 28/04/2013 – 16h (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Auxiliares: Leonardo Antônio (RJ) e Michael Correia (RJ)
Renda e público: R$ 110.175,00 / 3.983 pagantes / 7.080 presentes
Cartões amarelos:  Rhayner 20’/1ºT(FLU); Edu Pina 40’/1ºT (VOL)
Cartões vermelhos: nenhum

Gols: Rafael Sobis 11’/1ºT (1-0); Zé Augusto (1-1) 13’/1ºT; Wellington Nem (2-1) 30’/1ºT; Rafael Sobis (3-1) 6’/2ºT e Thiago Neves (4-1) 32’/2ºT.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Digão, Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean e Wágner (Samuel 35’/2ºT); Wellington Nem (Thiago Neves 26’/2ºT), Rhayner (Felipe 31’/2ºT) e Rafael Sobis

VOLTA REDONDA: Gatti; Marquinhos (Léo Andrade 35’/2ºT), Leonardo Luiz, André Alves e Edu Pina; Bruno Barra, Fernando (Rafael Granja 18’/2ºT), Adriano Felício e Zé Augusto; Sassá e Josiel (Frontini 20’/2ºT).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s