ICFUT – Geisy Arruda se declara para Fred: ‘Ele é muito atraente’

Fonte: Yahoo Esportes

Após divulgação de vídeo, camisa 9 do Flu está mexendo com a cabeça da mulherada

No ensaio divulgado, Geisy aparece vestida de cowgirl e mostra mais de perto o nariz remodelado. Em entrevista …O atacante do Fluminense Fred está com a bola toda. Depois de vazar um vídeo do jogador beijando uma mulher no meio do trânsito, a fama de pegador se espalhou por todo o país. A mais nova admiradora no atleta é Geisy Arruda.

Em sua conta do Twitter, Geisy tietou publicamente o artilheiro tricolor: “Este Fred também, hein, ui… O que ele faz além de sucesso com minha imaginação? (risos)”. Em entrevista para o jornal Extra, a celebridade revelou que nunca teve contato com o atleta:

 
“Não o conheço pessoalmente. Passei a conhecê-lo depois daquele grande repercussão do vídeo em que ele beija uma menina no trânsito. Ele é lindo, tem sex appeal e um conjunto de qualidades que toda a mulher deseja num homem. Além disso, é divertido e do bem. Quando o vi sem camisa, meu Deus! Ele é muito atraente”. 

ICFUT – TAÇA LIBERTADORES 2013 – CLASSIFICAÇÃO, JOGOS, ARTILHARIA, GOLS E LINK AO VIVO.

 

linksaovivo

LINK AO VIVO PARA JOGOS DA LIBERTAORES 2013 – CLIQUE AQUI !

3 GOLS
Atlético-MG
– Bernard
São Paulo-BRA – Luís Fabiano

2 GOLS
Atlético-MG –
Bolívar-BOL –
Cabrera e William Ferreira
Caracas-VEN – Penha
Deportes Iquique-CHL – Rodrigo Diaz
Grêmio-BRA – Barcos
Nacional-URU – Alonso e Sanchez
Peñarol-PAR – Oliveira
Real Garcilaso-PER – Bogado e Ramúa
Santa Fe-COL – Martinez
São Paulo-BRA – Jadson e Osvaldo
Toluca-MEX – Benitez
Universidad de Chile-CHL – Ubila

Grupo 1
Nacional-URY 4 2 1 1 0 5 4 1 66,7
Toluca-MEX 3 2 1 0 1 4 4 0 50,0
Barcelona -ECU 1 1 0 1 0 2 2 0 33,3
Boca Juniors-ARG 0 1 0 0 1 1 2 -1 0,0
Grupo 2
Libertad-PRY 3 1 1 0 0 2 0 2 100,0
Palmeiras-BRA 3 1 1 0 0 2 1 1 100,0
Sporting Cristal-PER 0 1 0 0 1 1 2 -1 0,0
Tigre-ARG 0 1 0 0 1 0 2 -2 0,0
Grupo 3
Atlético-BRA 6 2 2 0 0 7 3 4 100,0
The Strongest-BOL 3 1 1 0 0 2 1 1 100,0
São Paulo-BRA 0 1 0 0 1 1 2 -1 0,0
Arsenal-ARG 0 2 0 0 2 3 7 -4 0,0
Grupo 4
Vélez Sarsfield-ARG 6 3 2 0 1 4 1 3 66,7
Peñarol-URY 6 3 2 0 1 3 2 1 66,7
Emelec-ECU 3 2 1 0 1 1 1 0 50,0
Deportes Iquique-CHL 0 2 0 0 2 1 5 -4 0,0
Grupo 5
Tijuana-MEX 6 2 2 0 0 5 0 5 100,0
Corinthians-BRA 1 1 0 1 0 1 1 0 33,3
San Jose-BOL 1 2 0 1 1 1 5 -4 16,7
Millonarios-COL 0 1 0 0 1 0 1 -1 0,0
Grupo 6
Real Garcilaso-PER 7 3 2 1 0 3 1 2 77,8
Deportes Tolima-COL 4 3 1 1 1 3 3 0 44,4
Santa Fe-COL 2 2 0 2 0 2 2 0 33,3
Cerro Porteño-PRY 0 2 0 0 2 1 3 -2 0,0
Grupo 7
Newell’s Old Boys-ARG 3 2 1 0 1 4 3 1 50,0
Olimpia-PRY 3 2 1 0 1 4 3 1 50,0
Deportivo Lara-VEN 3 2 1 0 1 2 3 -1 50,0
Universidad de Chile-CHL 3 2 1 0 1 2 3 -1 50,0
Grupo 8
Grêmio-BRA 3 2 1 0 1 4 2 2 50,0
Caracas-VEN 3 2 1 0 1 3 2 1 50,0
Huachipato-CHL 3 2 1 0 1 3 4 -1 50,0
Fluminense-BRA 3 2 1 0 1 1 3 -2 50,0
2ª RODADA
19/02 – 19h15 Peñarol-URY 1 x 0 Emelec-ECU
19/02 – 21h30 Olimpia-PRY 3 x 0 Universidad de Chile-CHL
19/02 – 23h45 Toluca-MEX 2 x 3 Nacional-URY
20/02 – 19h45 Vélez Sarsfield-ARG 3 x 0 Deportes Iquique-CHL
20/02 – 19h45 Huachipato-CHL 1 x 3 Caracas-VEN
20/02 – 22h00 Fluminense-BRA 0 x 3 Grêmio-BRA
21/02 – 19h15 Deportivo Lara-VEN 2 x 1 Newell’s Old Boys-ARG
21/02 – 19h15 Cerro Porteño-PRY 0 x 1 Real Garcilaso-PER
21/02 – 23h45 Santa Fe-COL 1 x 1 Deportes Tolima-COL
26/02 – 21h45 Arsenal-ARG 2 x 5 Atlético-BRA
27/02 – 0h15 Tijuana-MEX 4 x 0 San Jose-BOL
27/02 – 19h30 Barcelona -ECU x Boca Juniors-ARG
27/02 – 22h00 Corinthians-BRA x Millonarios-COL
28/02 – 17h00 Sporting Cristal-PER x Tigre-ARG
28/02 – 19h00 Libertad-PRY x Palmeiras-BRA
28/02 – 21h30 São Paulo-BRA x The Strongest-BOL
3ª RODADA
26/02 – 19h30 Peñarol-URY 0 x 1 Vélez Sarsfield-ARG
26/02 – 21h45 Deportes Tolima-COL 0 x 1 Real Garcilaso-PER
27/02 – 19h30 Deportes Iquique-CHL x Emelec-ECU
27/02 – 22h00 Huachipato-CHL x Fluminense-BRA
5/03 – 21h30 Olimpia-PRY x Deportivo Lara-VEN
5/03 – 21h30 Grêmio-BRA x Caracas-VEN
5/03 – 21h30 Newell’s Old Boys-ARG x Universidad de Chile-CHL
6/03 – 19h45 Tigre-ARG x Palmeiras-BRA
6/03 – 19h45 Libertad-PRY x Sporting Cristal-PER
6/03 – 22h00 Tijuana-MEX x Corinthians-BRA
7/03 – 0h15 Toluca-MEX x Barcelona -ECU
7/03 – 19h15 São Paulo-BRA x Arsenal-ARG
7/03 – 19h15 Cerro Porteño-PRY x Santa Fe-COL
7/03 – 21h30 Boca Juniors-ARG x Nacional-URY
7/03 – 21h30 Atlético-BRA x The Strongest-BOL
7/03 – 23h45 Millonarios-COL x San Jose-BOL

Por Cleber Aguiar – Morte em Oruro preocupa Valdivia, mas clube tem acordo com Libertad

Fonte: Gazetaesportiva.net

William Correia Guarulhos (SP)
 

A morte do boliviano Kevin Espada, torcedor do San José atingido por sinalizador disparado da torcida do Corinthians em Oruro, gerou alerta até no Palmeiras. Embora a diretoria tenha feito um acordo com o Libertad para garantia de ambiente tranquilo em Assunção, Valdivia embarcou para o Paraguai sem negar sua tensão.

“Preocupa, sim, porque o que aconteceu com o torcedor pode acontecer com o jogador também”, disse o jogador, falando especificamente da presença de sinalizadores nas torcidas, algo que garante não ser um problema existente apenas entre fãs brasileiros e sul-americanos.

“Isso sempre aconteceu nos estádios, não só aqui no Brasil, mas no mundo inteiro. Sempre vemos rojão dentro de campo. Aconteceu uma fatalidade e desejamos que não aconteçam mais”, prosseguiu o meia.

Os dirigentes fazem sua parte. Acompanhando a delegação que viajou ao Paraguai na manhã desta quinta-feira, o gerente de futebol Omar Feitosa disse que procurou a diretoria do Libertad e ficou combinado um trabalho para boa recepção do Palmeiras, que promete fazer o mesmo quando o clube paraguaio vier a São Paulo.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Chileno relata que sempre viu rojões em estádios, mas diretoria tem acordo com paraguaios garantindo bom ambiente

“Conversamos. Há uma reciprocidade em relação a isso. E tem que ser assim. Futebol decidido dentro de campo. A torcida torcendo e os jogadores fazendo o melhor”, falou o dirigente, evitando opinar sobre a punição ao Corinthians, arquirrival do Verdão e que atuará com portões fechados na Libertadores por conta da morte de Kevin Espada.Em Assunção, a principal torcida organizada palmeirense reforçou aos seus sócios a proibição da entrada de sinalizadores no jogo marcado para as 19h15 (de Brasília) dessa quinta-feira, no estádio Nicolas Leoz. A polícia paraguaia também promete intensificar a fiscalização para evitar novos problemas.

A maior preocupação dos dirigentes e da comissão técnica, principalmente Gilson Kleina, não é com a viagem ao Paraguai. O foco está na partida de quarta-feira diante do Tigre, na Argentina, que causou confusão na final da Sul-americana do ano passado contra o São Paulo. Antes de deixar o cargo de gerente de futebol, César Sampaio ouviu de dirigentes argentinos a garantia de paz, mas o temor ainda existe.

 

Por Cleber Aguiar – Fifa coloca à venda novamente ingressos para a abertura e final da Copa das Confederações

Fonte: Folha Online

A Fifa anunciou nesta quarta-feira que vai colocar novamente à venda ingressos para a partida de abertura da Copa das Confederações entre entre Brasil x Japão, marcada para o dia 15 de junho, e para a final da competição, que estavam esgotadas.

De acordo com a entidade, esses ingressos “estavam reservados a grupos específicos e não foram retirados ou estavam vinculados a pedidos não pagos”. São 3.166 entradas para o jogo de abertura em Brasília, 1.601 para a partida do dia 22 entre Itália e Brasil, e 4.843 para a final no Maracanã, no dia 30. Ao todo 42.308 ingressos serão colocados à venda nesta quinta-feira.

Os bilhetes poderão ser comercializados a partir das 9h (horário de Brasília) na página http://www.FIFA.com/ingressos.

“Para a Fifa, é muito importante ter estádios cheios na Copa das Confederações. Queremos ter a certeza de que todas as pessoas terão a oportunidade de viver a experiência de assistir a algumas das melhores seleções do mundo e dizer. Por isso, demos um prazo curto para que nossos parceiros contratuais devolvessem todos os ingressos que não quisessem comprar, para que os liberássemos para o público”,, explicou Thierry Weil, diretor de marketing da Fifa e responsável pelas vendas de ingressos da instituição.

Por Cleber Aguiar – Corinthians promete bater na porta do presidente da Fifa

Fonte: O Estado de São Paulo

Dirigentes corintianos também ameaçam tirar o time de campo caso ocorra problemas nas próximas partidas da Libertadores

Vitor Marques – O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO – Se a punição de jogar com portões fechados se mantiver mesmo após o julgamento da Conmebol, marcado para acontecer em até 60 dias, o Corinthians ameaça levar o caso para a Corte Arbitral do Esporte, com sede em Lausanne, na Suíça, ou até mesmo ir à Fifa bater na porta do presidente Joseph Blatter. Tudo porque o clube não concorda com a pena, baseada até agora numa medida cautelar dos dirigentes da Confederação Sul-Americana.

Tite prepara o time para o jogo no Pacaembu - Evelson de Freitas/Estadão
Evelson de Freitas/Estadão
Tite prepara o time para o jogo no Pacaembu

O departamento jurídico do Corinthians enviou defesa à Conmebol e agora espera que a entidade julgue o caso o mais rápido possível. “Estamos sendo responsabilizados sem culpa, porque a figura da responsabilidade objetiva é sempre sem culpa, e o tribunal sabe disso”, disse o advogado do clube Luiz Felipe Santoro. “Sofremos uma pena sem culpa, por um ato intencional sem culpa, o menino, diz que foi ele que atirou o sinalizador, a autoridade boliviana diz que não foi ele. Para nós, foi uma pena severa.”

O clube torce para que o julgamento aconteça antes do próximo jogo em casa do time na Libertadores, contra o Tijuana, dia 14 de março. A expectativa é que a pena seja revista pelo menos para o mata-mata. O Corinthians já vendeu 82 mil ingressos das três primeiras partida da equipo no Pacaembu, e ainda não anunciou como vai beneficiar os torcedores que compraram ingressos para a partida desta quarta contra o Millonarios.

A diretoria bateu firme na Conmebol. O diretor de futebol, Roberto de Andrade, disse que a entidade jamais deveria ter permitido a realização do jogo contra o San José em Oruro, na Bolívia. Numa sala de imprensa lotada, mostrou imagens feitas pelo clube do aeroporto da cidade, que segundo o diretor não tinha condição de receber um time de futebol.

O dirigente fez questão de exibir vídeos de outras partidas em que torcedores de outros times também usavam sinalizadores e cobrou punição. “Exigir regulamento não é bater de frente com a Conmebol, estamos cumprindo o regulamento, então só quero que seja cumprido para todo mundo, só peço o mesmo peso da mão.”

O que ficou claro foi que o Corinthians vai a partir de agora se tornar um ‘vigia’ da competição. A qualquer ato que esteja fora do regulamento do torneio, a diretoria corintiana não hesitará em relatar à Conmebol e não descarta até tirar o time de campo se numa partida um jogador for atingido por objeto vindo da torcida. A guerra está declarada. “O que temos de fazer, nossa posição, é de cobrar, exigir que as coisas funcionem conforme o regulamento, ou vamos rasgá-lo, não tem condição”, disse Roberto de Andrade. A punição é por acender o sinalizador, não precisa morrer ninguém.”

Por Cleber Aguiar – A doce vida no exílio

Fonte: Folha de São Paulo

images

Um ano depois de ter deixado a presidência da CBF, Ricardo Teixeira desfruta de casas de alto padrão, barco e carros de luxo na Flórida

SÉRGIO RANGEL ENVIADO ESPECIAL A MIAMI

As quatro ilhas interligadas que formam o condomínio Sunset Island, na baía de Biscayne, em Miami, estão entre os endereços mais exclusivos da cidade.

O preço dos imóveis varia de R$ 6 milhões, para uma casa de quatro quartos e sem vista para o mar (modesta para os padrões locais), a R$ 30 milhões, para uma luxuosa residência, na orla, com sete dormitórios.

O condomínio com casas à beira-mar e marina particular foi o lugar escolhido pelo ex-presidente da CBF Ricardo Teixeira como refúgio após mais de 23 anos no comando do futebol brasileiro. Sua renúncia completará um ano no dia 12 de março.

Documentos obtidos pela Folha em cartórios da Flórida mostram que uma empresa sediada em outra casa de Teixeira no Estado americano pagou, em 2012, US$ 7,4 milhões (aproximadamente R$ 15 milhões) pelo imóvel em Sunset Island.

A propriedade foi da ex-tenista russa Anna Kournikova.

Com sete dormitórios e oito banheiros, sendo um deles um spa, o casarão de dois andares tem 615 m² e foi erguido em um terreno de 1.780 m².

Na marina da casa, estava ancorado, no domingo passado, um barco da marca italiana Azimut, de 68 pés e US$ 2 milhões (cerca de R$ 4 milhões). Na garagem, um Porsche e duas Mercedes.

Celebridades como a cantora colombiana Shakira e os músicos Lenny Kravitz e Ricky Martin têm casas nos arredores de Sunset Island.

Acusado de receber propina na Fifa e envolvido em uma série de negócios nebulosos na CBF, como o contrato da TAM que beneficiava empresas de um amigo e não os cofres da entidade, Teixeira deixou a presidência da confederação em março do ano passado e desde então não voltou mais ao Brasil.

O ex-dirigente mora em Boca Raton (a 65 km de Miami) com a mulher e a filha adolescente e passa os fins de semana em Sunset Island.

De acordo com familiares, ele aguarda o fim do ano letivo americano para se mudar de vez para o imóvel.

Tanto em Boca Raton quanto em Miami, o ex-presidente da CBF pouco sai de casa. Durante a semana, ele só deixa o local para ir ao supermercado ou para buscar a filha na escola. Raramente encontra amigos em lugares públicos. Prefere recebê-los em Sunset Island.

Quando deixa o casarão de Miami, costuma frequentar as melhores casas de carne da cidade, como a tradicional Smith&Wollensky.

Casada com o ex-cartola desde 2003, Ana Carolina Wigand, 36, tem também uma vida sem muita badalação.

Desde o ano passado, faz pós-graduação em marketing numa universidade de Miami. O curso garante a permanência legal de Teixeira nos EUA. O visto dele é atrelado ao da mulher, que está nos país como estudante.

O ex-presidente da CBF ainda opera nos bastidores do futebol brasileiro e mantém contato quase diário com cartolas da entidade, dirigentes de clubes e empresários.

TEIA

O negócio com Anna Kournikova, mais famosa por sua trajetória em passarelas do que por sua carreira de tenista, foi fechado pela empresa Ochab Properties Inc.

A companhia foi criada oito dias antes da compra do imóvel ser registrada, no dia 27 de janeiro de 2012.

Segundo documentos do Departamento de Estado da Flórida, a Ochab tem como endereço a casa de Teixeira em Boca Raton -5.896 Vantage OAK Circle.

No mesmo endereço, está registrada a Kronos Capital Investiments, constituída um dia após a criação da Ochab.

Não há registro do nome do ex-presidente da CBF na Ochab. De acordo com os documentos, o proprietário da Ochab nomeou o advogado americano Robert B. Macaulay, acionista do escritório Carton Fields, como representante autorizado.

Ele é conhecido de empresários brasileiros e intermedeia negócios entre os dois países desde os anos 80.

A Kronos, por sua vez, foi registrada por Teixeira e tem sua mulher como sócia.

A compra de casa por meio de empresas é uma prática comum nos EUA -serve para reduzir os impostos que incidem sobre o bem.

O dono tem a vantagem de uma alíquota mais baixa sobre o lucro em caso de venda do imóvel (15%) e de não ter tributação dupla em caso de rendimentos com aluguel.

No entanto, a casa será taxada com o imposto norte-americano sobre herança. Além disso, a escritura não tem sigilo, já que os registros imobiliários são públicos.

Apesar das qualidades da casa, Kournikova teve dificuldade para negociar o imóvel, que foi oferecido até em sites da Rússia. Com o mercado imobiliário americano em crise, a ex-tenista demorou 231 dias para vender a propriedade e teve que fazer um desconto de cerca de 20%.

A residência onde Ricardo Teixeira vive em Boca Raton também é luxuosa, embora tenha custado bem menos -cerca de R$ 2 milhões.

PATRIMÔNIO

Teixeira não voltou para o Brasil desde que deixou a presidência da CBF, em março de 2012. Mas mantém ainda imóveis no Rio.

Em 2008, ele declarou à Receita Federal ter um patrimônio de R$ 8,4 milhões. No fim de 2011, tinha como principais fontes de renda o salário de R$ 98 mil por presidir a CBF e uma fazenda em Piraí (a cerca de 90 km do Rio), que produzia laticínios.

Pouco antes de ir para os EUA, vendeu os animais (mais de cem cabeças de gado) e passou a ganhar da CBF R$ 120 mil mensais para prestar “consultoria” a José Maria Marin, seu sucessor na confederação. O atual presidente da CBF diz ter suspendido os pagamentos.

O ex-dirigente ainda mantém a fazenda em Piraí e uma casa na Barra da Tijuca.

Em março de 2012, Teixeira deixou o Brasil e se mudou para os EUA por receio de ter seu passaporte apreendido pelas autoridades brasileiras.

Em julho do ano passado, a Justiça da Suíça revelou que o ex-presidente da CBF ganhou 12,74 milhões de francos suíços (cerca de R$ 26,5 milhões) de propina da ISL, principal parceira da Fifa por mais de uma década.

Desde a última sexta, a Folha esteve três vezes na portaria do condomínio em Boca Raton. Em duas oportunidades, o jornal foi informado de que Teixeira não estava.

Ontem, a Folha deixou um recado na portaria para ser entregue na casa do ex-cartola. O texto explicava o teor da reportagem e pedia uma entrevista.

No sábado e no domingo, o ex-dirigente foi procurado em sua casa em Miami. No início da tarde de sábado, sua mulher, Ana Carolina, foi vista deixando o local de carro.

O advogado Robert B. Macaulay também foi procurado, mas não respondeu até a conclusão desta edição.

ICFUT – Jadson mira ‘jogo-chave’ com o The Strongest e afirma: ‘Não podemos deixá-los respirar’

Jadson - Treino do São Paulo (Foto: Tom Dib)
Jadson já tem seis gols e quatro assistências na temporada (Foto: Tom Dib)

O elenco são-paulino voltou aos treinamentos na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. Enquanto os titulares fizeram um trabalho no Reffis, os reservas foram ao campo e participaram de um jogo-treino, com a presença do atacante Wallyson. E, o foco dos jogadores é a disputa do jogo da Libertadores, diante do The Strongest (BOL), nessa quinta-feira, no estádio do Morumbi.

Um dos destaques da equipe na temporada, o meia Jadson ressaltou a importância de conquistar uma vitória para se recuperar do tropeço na estreia da fase grupos, diante do Atlético-MG, em Minas.

– Eu acho que é um jogo-chave esse jogo contra o The Strongest. Tem de conseguir a vitória de qualquer maneira, para encostar nas primeiras posições. O grupo está consciente disso e vai buscar isso no jogo de quinta-feira – declarou o camisa 10, durante entrevista coletiva.

Artilheiro da equipe ao lado de Luis Fabiano com seis gols, Jadson também se destaca pelas quatro assistências na temporada. O meia ressaltou que o time precisa entrar “ligado” em campo para evitar os erros na estreia. Na ocasião, Ronaldinho Gaúcho se valeu da “falta de atenção” da defesa tricolor para dar passe para Jô marcar. Depois, o camisa 10 do Galo limpou Wellington e cruzou na medida para Réver anotar o segundo tento do Galo.

Jadson espera pressão para times brasileiros na Bolívia

ustam caro. Vamos conversar para não acontecer mais, entrar muito concentrado, fazer um bom jogo, conseguir a vitória, que é muito importante para o São Paulo – afirmou.

Na primeira fase do torneio continental, a equipe são-paulina encarou o Bolívar (BOL) e conseguiu uma goleada por 5 a 0. O camisa 10 afirma que vai aguardar a conversa com Ney Franco para saber como o adversário virá ao Morumbi, mas sabe qual é o espírito do Tricolor em campo.

– Eu não sei a forma como eles vão jogar, se vão vir para cima ou jogar. Temos de entrar com atitude, mostrar que queremos ganhar o  jogo, não deixá-los respirar em nenhum momento, entrar com essa mentalidade e a gente tem de entrar com tudo – concluiu.

Nessa terça-feira, o grupo volta aos treinamentos no período da manhã, no CT da Barra Funda.

Fonte: Lancenet

ICFUT – Caso Kevin: menor é liberado após confessar a promotor em Guarulhos

Caso Kevin: Menor H.A.M - Corinthians (Foto: Reginaldo Castro)
Menor H.A.M sai da delegacia ‘escoltado’ por policial militar (Foto: Reginaldo Castro)

Após duas horas e 15 minutos de conversa com o promotor Gabriel Rodrigues Alves, o adolescente H. A. M., de 17 anos, deixou a Vara da Infância e da Juventude da cidade de Guarulhos na tarde desta segunda-feira, onde confessou ser o suposto autor do disparo acidental de um sinalizador que matou Kevin Espada, de 14, na Bolívia.

A confissão deve ajudar nas investigações do processo que corre em Oruro (COL) por conta dos incidentes no estádio Jesús Bermúdez, no último dia 20, durante San José e Corinthians, pela Libertadores.

Agora, o promotor irá avaliar se dará continuidade ou não ao caso. Procurado pelo LANCE!Net,o Ministério Público explicou que, por se tratar de um crime que envolve um menor de idade, as informações serão tratadas como segredo de justiça.

Menor acusado do disparo de sinalizador dá depoimento

– Ele não cometeu crime no Brasil, não foi autuado em flagrante, está se apresentado por livre e espontânea vontade e quer pagar pelo fato impensado. Tem bons antecedentes, nunca teve passagem por delegacia nenhuma, então com certeza vai responder o processo em liberdade na justiça brasileira – disse Cabral, que negou que o garoto seja um laranja da uniformizada:

– Isso será demonstrado para a justiça boliviana. Pelo fato de ser menor e a fotografia não poder ser mostrada gera essa dúvida, mas já enviei ao Ministro Conselheiro da Embaixada do Brasil na Bolívia, doutor Eduardo Savóia, a ficha cadastral, a identidade e a foto colorida dele, para que exclua a prisão preventiva dos 12 torcedores, comprovando pela imagem que o menor que está no Brasil foi o autor do disparo – disse.

O advogado, aliás, que concedeu entrevista aos veículos de imprensa que se aglomeravam na porta do local por volta das 11h, foi quem levou o garoto quatro horas depois, no banco da frente do seu carro – onde ele protegeu o rosto com as mãos para até ser visto, mas não fotografado. De boné e óculos escuros, prestou depoimento e reafirmou a versão do advogado, que aponta para um homicídio culposo – sem intenção de matar.

A tendência, agora, é que o promotor comunique o juiz e instaure o processo. Respaldado pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, pode ser punido apenas com uma pena sócio-educativa. Caso ache necessário, porém, o promotor pode aplicar uma pena preventiva de reclusão na Fundação Casa.

Por ora, os corintianos presos em Oruro continuam na mesma situação. Como o Brasil não extradita seu povo, a única chance de o menor ser interrogado no país vizinho e ser submetido às leis locais é voluntariamente – situação improvável, já que a maioridade penal no país tem início aos 16 anos.

Fonte: Lancenet

ICFUT – Valdivia festeja volta, mas descarta jogar 90 minutos: ‘Ainda não dá’

valdivia palmeiras treino (Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte.com)Valdivia viaja para o Paraguai, mas ainda não pode

atuar (Foto: Marcos Ribolli)

Após ficar duas semanas em recuperação de uma lesão na coxa esquerda, o meia Valdivia retornou ao time do Palmeiras no segundo tempo da partida contra o União Barbarense, disputado no último domingo, no Pacaembu, e que terminou com a vitória alviverde por 1 a 0. Nos 30 minutos em que esteve em campo, o gringo buscou jogo, se movimentou, mas mostrou que ainda carece de ritmo.

Apesar de se colocar à disposição do técnico Gilson Kleina para o duelo da próxima quinta-feira, contra o Libertad, em Assunção (PAR), pela Taça Libertadores da América, o camisa 10 ressalta que ainda não se sente pronto para começar jogando.

– Estou feliz em retornar e poder ajudar. Mas foi apenas o meu primeiro jogo após ficar duas semanas parado. Estou aqui para ajudar, independentemente se for um minuto ou 90. Só que precisamos ser conscientes. É preciso ir aos poucos para ganhar confiança. É claro que gostaria de jogar o tempo todo, mas ainda não dá. Não posso correr o risco de voltar para o DM. Preciso jogar minutos, depois vai crescendo, joga um tempo, um jogo, jogos seguidos. A decisão está com o Gilson – afirmou o jogador.

É preciso ir aos poucos para ganhar confiança. É claro que gostaria de jogar o tempo todo, mas ainda não dá”
Valdivia

A atual fase do Palmeiras empolga Valdivia, que já começa a pensar em voos mais altos da equipe em 2013. O chileno vê o time no caminho certo.

– Temos de continuar nesse ritmo, buscando as vitórias e com todo mundo se ajudando. Ainda está no início de temporada, podemos crescer bastante, mas todos estão de parabéns pelo espírito que está sendo mostrado – ressaltou.

Independentemente da vontade do atleta, Gilson Kleina não contava com a possibilidade de escalar o chileno desde o início do jogo desta quinta-feira, contra o Libertad.

– Ele está entendendo uma situação que acontece com todo o grupo. Estamos procurando tirar o máximo de cada um. Para o jogo de quinta, precisamos de um time forte e competitivo. Não que ele não possa fazer isso. Mas, para que ele faça, é preciso respeitar etapas. Hoje ele jogou 30 minutos e foi o nosso homem de criação., assumiu a responsabilidade no segundo tempo e criou muitas situações. Ele vai nos ajudar nos próximos jogos – explicou.

Com a partida contra os paraguaios marcada para quinta-feira, a tendência é que o treinador repita a formação tática das últimas partidas, com cinco homens no meio-campo e apenas um atacante. Em relação ao time, o técnico poderá fazer uma mudança e promover a estreia de Kleber na frente. Recuperado de lesão muscular na coxa esquerda, o ex-jogador do Porto não foi relacionado para o confronto do último domingo para aprimorar a forma física.

Fonte: Globo Esporte