Por Cleber Aguiar – Entrevista com Anderson Silva lutador do Timão !!!

Fonte: O Estado de São Paulo

‘Penso em lutar pelo menos mais cinco anos’

Aos 37, ele reitera não ter interesse em lutar com Jon Jones, mas admite a possibilidade, desde que não seja pelo título

LEONARDO MAIA / RIO – O Estado de S.Paulo

Anderson Silva não tem adversários entre os médios no UFC. Com 10 defesas de título consecutivas, o campeão da categoria deve fazer mais lutas com “peso combinado” (com lutadores de categorias diferentes). Nesta entrevista ao Estado, Anderson, de 37 anos, antecipa que seu próximo desafio deve ser o campeão dos meio-médios, o canadense Georges St-Pierre. O Aranha também reitera que não tem interesse em enfrentar o meio-pesado Jon Jones, na luta mais aguardada pelos fãs de MMA (Artes Marciais Mistas), mas admite a possibilidade desde que o cinturão não esteja em jogo.

Sobre a declaração de Dana White, presidente do UFC, de que lhe dará tanto dinheiro que não terá como recusar o duelo, Anderson diz que “Dana está um pouco confuso. Eu não luto por dinheiro. Luto porque amo o meu esporte”. Fato é que o campeão se tornou um ídolo nacional e a parceria com a 9ine, empresa de marketing de Ronaldo, é prova disso. São muitos os patrocínios do lutador, como a Duracell, a mais nova parceira do Spider.

Você já conversou com o Dana White sobre sua próxima luta?

Estou de férias, nem falei de luta com ele. Mas acredito que meu próximo desafio vai ser o Georges St. Pierre. Vamos esperar a luta dele (contra Carlos Condit, 18 de novembro, em Québec). Acredito que depois disso a gente vá lutar.

Fazer essas lutas entre categorias, sem valer cinturão, é uma demonstração de que você não tem adversário entre os médios?

Tem muitos adversários na minha categoria, mas para o show acho que não tem nenhum que seja interessante para o Dana.

Ele falou que vai colocar tanto dinheiro na sua mão que você não vai ter como recusar a luta contra o Jon Jones…

As pessoas confundem essa coisa de grana com estar satisfeito com o que você faz. A grana é importante, mas não pode ser a motivação principal. Acredito que parte do meu sucesso é por isso. Ele (Dana) está se confundindo um pouco. Sou um cara simples. Se tiver que comer arroz com feijão eu vou comer. Meus filhos têm uma boa educação, vou poder sustentá-los até que se formem. Se não for uma coisa que eu queira fazer de coração, ele pode me dar metade do UFC que eu não vou aceitar. O que me motiva é o amor pelo meu esporte.

Existe alguma razão que te faz recusar tal confronto?

Não me motiva lutar na categoria 93 kg porque tem o Rogério Minotouro, o Rafael Feijão, o Fábio Maldonado, o Lyoto Machida, o Glover Teixeira. Todas essas pessoas estão galgando o espaço para tentar lutar pelo cinturão, seja contra o Jon Jones ou com qualquer outro atleta. Vou me manter na minha categoria até eu me aposentar.

O MMA explodiu como fenômeno de massa no Brasil. Você algum dia vislumbrou que isso pudesse acontecer?

Eu faço parte desse processo. Isso tudo começou com a família Gracie e outros atletas que chegaram antes de mim e antes da família Gracie. Eu fico feliz de poder vivenciar este momento importante do esporte.

Como você está lidando com o status de novo ídolo nacional?

Chegar ao status de uma grande estrela é complicado. Eu não estou buscando isso, estou buscando ser melhor do que eu fui no dia anterior. A gente tem uma responsabilidade muito grande que é passar para crianças e para as pessoas que qualquer pessoa normal pode chegar aonde quiser, desde que tenha perseverança e acredite.

Como tem sido a parceria com a 9ine?

Está 100%, temos uma relação ótima, superbacana com toda a equipe, com o Ronaldo. Eu recebo muitos conselhos dele em relação a como devo conduzir a minha carreira. Sempre trocamos ideias, experiências.

Você já comentou que deseja disputar os Jogos do Rio em 2016 no tae kwon do…

Eu gostaria muito de participar da Olimpíada. Espero que possa acontecer. Estou em contato com a confederação (de tae kwon do). Mas tem muita coisa em jogo. Precisaria de uma liberação do meu contrato do UFC. Vou precisar de tempo para treinar, provavelmente participar de alguma seletiva. Mas é um sonho.

Você aceitaria ser um dos técnicos de uma edição do The Ultimate Fighter no Brasil?

Claro. Gostaria muito. Mas ainda não conversamos sobre isso.

O que ainda te motiva aos 37 anos?

Eu luto porque eu gosto, não é pela grana, pelo status. Até porque quando eu comecei não tinha nada disso. Eu amo fazer isso. Enquanto eu sentir essa vontade, eu vou continuar lutando.

Aposentadoria?

Já sou tiozão, tinha de pensar em me aposentar. Mas como eu nunca tive nenhuma lesão grave, sempre me preocupei com preparação física, penso em lutar pelo menos mais 5 anos.

ICFUT – Neymar rebate especulações e garante permanência: “Acreditem em mim”

Fonte: gazetaesportiva

Principal atleta do futebol brasileiro na atualidade, o atacante Neymar garantiu, mais uma vez, a sua intenção de não deixar o país antes da Copa do Mundo de 2014. A Joia rebateu a série de especulações da imprensa europeia, que têm apontado o seu futuro para longe da Vila Belmiro. De acordo com o camisa 11 do Santos, ele cumprirá seu contrato com o clube alvinegro, válido até a próxima Copa.

“Desde quando eu subi para o profissional, em 2009, sempre falo que vou ficar. Sempre tem boatos, Chelsea, Real Madrid ou Barcelona, e eu sempre falando não, que vou ficar. E vocês (jornalistas) sempre falam que eu vou sair. Então, por favor, eu peço que acreditem na minha palavra uma vez”, afirmou Neymar, esfriando os comentários sobre possível transferência para o Velho Continente.

Recentemente, o diário catalão Mundo Deportivo destacou que Peixe e Barcelona teriam um acordo para a contratação da Joia santista e que, caso Neymar desejasse romper esse acerto e se transferir para outro clube da Europa, a equipe espanhola receberia uma indenização de 80 milhões de euros (R$ 210 milhões). O também catalão Sport chegou a noticiar uma possível reunião em São Paulo, na qual o atacante teria pedido ao Barça “que o contratasse o quanto antes".

“Quem toma conta da minha vida, da minha carreira, somos eu e o meu pai. A partir do momento em que vocês ouvirem da minha boca que eu vou sair, ou da boca do meu pai, aí podem ter certeza. Enquanto isso, todos podem ficar tranquilos: não vou sair do Santos”, concluiu.

Os direitos econômicos de Neymar estão divididos da seguinte forma: 55% do Alvinegro Praiano, 40% do grupo DIS e 5% da Teisa (Terceira Estrela Investimentos S.A). Porém, caso a Joia se transfira ao término do seu vínculo com o Santos, nenhuma das partes receberá qualquer tipo de compensação financeira pela negociação.

ICFUT – Once Caldas, campeão da Libertadores 2004, é vendido para fabricante de caminhões dos EUA

Fonte: uol

Once Caldas tem o título da Libertadores de 2004 como grande momento de sua história

Once Caldas tem o título da Libertadores de 2004 como grande momento de sua história

O Once Caldas, clube colombiano que foi campeão da Copa Libertadores de 2004 (eliminando Santos e São Paulo em sua trajetória até o título), foi vendido nesta quinta-feira para a Kenworth, empresa americana que produz caminhões. A companhia assumiu o controle acionário do clube já nesta quitna.

"A partir de hoje mesmo, a Kenworth assume a direção da equipe. Hoje haverá a entrega da instituição do ponto de vista contábil, jurídico e financeiro", afirmou à imprensa o gerente do Once Caldas, Duván Vásquez.

A empresa é uma multinacional americana, que, segundo Vásquez adquiriu cerca de 70% do clube, após comprar as ações de José Manuel López, do próprio Duván Vásquez e Jorge Ivan Jiménez: "Isto fa como que tenham o controle acionário da equipe. Agora, esperam pagar os salários atrasados dos jogadores, que já estão dois meses sem receber", afirmou o gerente.

Apesar da mudança na direção, o Once Caldas seguirá com o mesmo nome. Atualmente, o clube é dirigido pelo argentino Ángel Guillermo Hoyos. Em 13º no Torneio Finalização, dificilmente, o time da cidade de Manizales se garantirá na fase semifinal da competição.

ICFUT – Na presença de cinco mil torcedores, Alex é apresentado no Coritiba

Fonte: lancenet

Maior contratação da história do Coxa, meia vai jogar com a camisa 20

Apresentação de Alex no Coritiba (Foto: Site Oficial do Coritiba)
Alex é apresentado oficialmente pelo Coritiba (Foto: Site Oficial do Coritiba)

O sonho se realizou e a espera terminou: oficialmente, Alex é o primeiro reforço do Coritiba para a temporada 2013. O meia, revelado no Coritiba, em 1995, foi apresentado nesta quinta-feira, no Couto Pereira, diante de cinco mil torcedores que compareceram para ver o antigo ídolo vestir, novamente, a camisa Coxa-Branca.

Uma grande festa foi preparada para a recepção do jogador. Um palco foi montado no meio do campo e ele foi recebido pelo presidente do clube, Vilson Ribeiro de Andrade, pelo gerente de futebol Felipe Ximenes, pelo ex-meia Tostão, pelo ex-atacante Pachequinho e pelo ex-treinador do Coxa Dirceu Krüger, entre outras pessoas da diretoria.

Ao subir ao palco, Alex vestiu a camisa 20 e fez um pequeno discurso, agradecendo à torcida do Coritiba pelo apoio e garantindo que sempre deixou claro sua vontade de voltar para onde começou.

– Obrigado pela presença de todos. Sempre deixei o Ximenes e o presidente tranquilos em relação ao meu retorno que se concretizou – disse.

Após a apresentação, o apoiador participou de uma entrevista coletiva, ainda no palco, e aproveitou para elogiar o elenco do Coritiba e a diretoria do clube, pregando, também, respeito ao ex-clube, o Fenerbahçe (TUR):

– Eu vejo o Coritiba abaixo de poucas equipes dentro de campo no Brasil. Em termos de administração, o Coxa não deve nada pra ninguém. Nunca escondi de ninguém o orgulho de ser coxa-branca. Respeito muito os turcos.

Alex começou sua carreira no Coritiba em 1995 e saiu em 97, rumo ao Palmeiras, após 32 gols em 124 jogos. Quinze anos depois, quis o destino que o meia retornasse para o clube que o revelou para, possivelmente, encerrar sua carreira.

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE A: Resultados, gols, classificação e artilharia

Fonte: futebolinterior

No Rio, o Botafogo levoui a melhor sobre o Vasco, por 3 a 2

Campinas, SP, 18 (AFI) – O São Paulo confirmou a sua vaga no G4 do Campeonato Brasileiro ao bater o lanterna Atlético-GO, por 2 a 0, no Morumbi. Outros dois jogos fecharam, nesta quinta-feira à noite, a 31.ª rodada. Em Recife, na luta contra o descenso, a Sport venceu a Ponte Preta, por 3 a 1, enquanto no rio de Janeiro o clássico entre Botafogo e Vasco da Gama terminou com a vitória botafoguense, por 3 a 2, com um gol no final do ex-bugrino Bruno Mendes.

A vitória no Morumbi deixou o São Paulo com 55 pontos, em quarto lugar. Três pontos atrás do Grêmio (58), além de ter na frente o Atlético Mineiro (60) e o líderFluminense, com 69 pontos e com as duas mãos na taça.

A Ponte Preta decepcionou na Ilha do Retiro diante do valente Sport, que fez 3 a 1, com justiça. O rubro-negro ainda está na zona do rebaixamento, com 30 pontos, em 17.º, e trocou de posição com o Palmeiras, com 29 pontos, em 18.º. A Ponte Preta ficou devendo futebol de novo, continua com 37 pontos, em 14.º lugar. O Dragão continua na lanterninha, com apenas 23 pontos, e virtualmente rebaixado. Ainda estão ameaçados, o Figueirense (28 pontos), o Palmeiras (29) e o Sport (30 pontos).

No Engenhão, num grande jogo, houve o empate carioca. O Vasco da Gama se mantém em quinto lugar, com 50 pontos, enquanto o Botafogo subiu para a sétima posição, com 44 pontos.
A 32.ª rodada será realizada no final de semana, com jogos de sábado e domingo.

Confira os resultados da 31.ª rodada:


Quinta-feira

São Paulo 2 x 0 Atlético-GO

Botafogo 3 x 2 Vasco da Gama

Sport Recife 3 x 1 Ponte Preta

Quarta-feira

Bahia 0 x 1 Palmeiras

Fluminense 2 x 2 Grêmio

Santos 2 x 2 Atlético-MG

Coritiba 2 x 1 Náutico

Cruzeiro 2 x 0Corinthians

Internacional 2 x 3 Figueirense

Portuguesa 0 x 0 Flamengo

Gols

 

 

 

Classificação

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Fluminense-RJ 69 31 20 9 2 51 21 30 74.2
2  Atlético-MG 60 31 17 9 5 51 26 25 64.5
3  Grêmio-RS 58 31 17 7 7 46 27 19 62.4
4  São Paulo-SP 55 31 17 4 10 48 29 19 59.1
5  Vasco da Gama-RJ 50 31 14 8 9 38 34 4 53.8
6  Internacional-RS 45 31 11 12 8 40 30 10 48.4
7  Botafogo-RJ 44 31 12 8 11 45 41 4 47.3
8  Cruzeiro-MG 43 31 12 7 12 38 39 -1 46.2
9  Corinthians-SP 43 31 11 10 10 38 33 5 46.2
10  Santos-SP 42 31 10 12 9 39 39 0 45.2
11  Coritiba-PR 41 31 12 5 14 45 49 -4 44.1
12  Náutico-PE 40 31 12 4 15 38 47 -9 43.0
13  Portuguesa-SP 38 31 9 11 11 35 35 0 40.9
14  Ponte Preta-SP 37 31 9 10 12 34 42 -8 39.8
15  Flamengo-RJ 37 31 9 10 12 31 41 -10 39.8
16  Bahia-BA 35 31 8 11 12 30 35 -5 37.6
17  Sport-PE 30 31 7 9 15 29 49 -20 32.3
18  Palmeiras-SP 29 31 8 5 18 29 41 -12 31.2
19  Figueirense-SC 28 31 7 7 17 36 59 -23 30.1
20  Atlético-GO 23 31 5 8 18 31 55 -24 24.7
LegendaPG – Pontos Ganhos | JG – Jogos Disputados | VI – Vitórias | EM – Empates
DE – Derrotas | GP – Gols Pró | GC – Gols Contra | SG – Saldo de Gols
%A – Porcentual de Aproveitamento de Pontos


 
 
Classificados à Taça Libertadores.
 
 
Classificados à Sul-americana
 
 
Rebaixados à Serie B
 
 
Classficados à Libertadores

 

Artilharia

Atualizado em 18/10 às 23h59

15 GOLS
Fluminense –
Fred
São Paulo – Luis Fabiano

14 GOLS
Portuguesa – Bruno Mineiro

12 GOLS

Figueirense
Aloísio
Náutico – Kieza