Por Cleber Aguiar – Com gol de Paulo André, Corinthians vence Internacional e embala

Fonte: Gazetaesportiva.net
Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

 

O Corinthians superou os desfalques e obteve mais uma vitória neste Campeonato Brasileiro. Na noite desta quinta-feira, no estádio do Pacaembu, o Timão aproveitou o gol do zagueiro Paulo André para vencer o Internacional por 1 a 0.

Com o resultado positivo, o clube paulista embalou na competição e ainda assumiu o nono lugar do Nacional, com 24 pontos. O Colorado, por sua vez, desperdiçou a oportunidade de alcançar a zona de classificação para a próxima Copa Libertadores, pois permanece com 30 pontos.

O técnico Tite colocará novamente sua equipe em campo no domingo, às 16 horas (de Brasília), no clássico contra o Santos, na Vila Belmiro. Já o clube gaúcho tem compromisso no mesmo dia, às 18h30, novamente na capital paulista, desta vez contra a Portuguesa, no Canindé.

O jogo: O técnico Tite avisou com antecedência que o Corinthians teria problemas de entrosamento no sistema ofensivo e, durante todo o primeiro tempo, Adílson e Martínez realmente pouco produziram. O argentino, principalmente, ficou apagado durante os 45 minutos iniciais.

Enquanto isso, o Inter apostou toda sua esperança nos cruzamentos para o estreante Rafael Moura, assustando os donos da casa logo aos 40 segundos de partida, quando Nei alçou da direita e o atacante apareceu livre atrás da zaga para mandar de cabeça para as redes, mas o árbitro assinalou impedimento do jogador.

Logo depois, aos três minutos, o Alvinegro respondeu. Adílson dominou pela esquerda e bateu rasteiro, fraco, mas Muriel deu rebote para o meio da área. Danilo tentou chegar para finalizar e foi abafado pelo goleiro, que se redimiu do erro.

Com uma forte marcação no meio-campo por parte das duas equipes, o Colorado voltou a levar perigo, desta vez em bola parada. Jajá bateu escanteio com efeito e quase marcou um gol olímpico, mas o goleiro salvou ao tirar de soco. Com o adversário melhor em campo, o Corinthians só voltou a atacar de forma efetiva no meio da etapa, no lance em que Adílson foi travado na hora do chute, ao receber na esquerda da área.

Na jogada seguinte, Ralf arriscou batida da intermediária e viu a defesa do goleiro. Apesar de mais organizado, o Inter também pouco fez para assustar Cássio, pois insistiu nas bolas alçadas. Aos 34, Rafael Moura chegou à linha de fundo pela esquerda e cruzou na pequena área. Cássio deixou a meta e interceptou, antes de Elton completar.

Apesar de as equipes não terem passado por alterações, o segundo tempo começou em um ritmo mais acelerado. Jajá fez lançamento em profundidade para Fred, que ganhou da zaga na corrida, mas Cássio deixou o gol para afastar com um chute forte. Do outro lado, Muriel deixou a bola escorregar ao defender cobrança de falta e Adílson chegou para aproveitar, mas o goleiro foi rápido para desfazer a falha.

Mesmo com as jogadas do começo, o jogo perdeu emoção na sequência, e o técnico Tite decidiu alterar a linha de frente, com Giovanni na vaga de Adílson. Mas, diante do bloqueio colorado, a alternativa foi arriscar de longe, em chute de Willian Arão, defendido por Muriel.

Do outro lado, Fernandão também decidiu mudar o Inter. Fred deixou o jogo para a entrada de Dátolo. Porém, o Internacional cochilou atrás justamente no tipo de jogada que mais utilizou na frente. Aos 23 minutos, Douglas cobrou falta para a área e viu Paulo André subir mais que a defesa para desviar para as redes.

Na tentativa de reagir, Fernandão fez duas mudanças na sequência. Lucas Lima e Mike entraram nas vagas de Jajá e Kleber, respectivamente. A torcida do Corinthians, por outro lado, passou a pedir a entrada do chinês Zizao, mas o técnico Tite ignorou os apelos.

 

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 0 INTERNACIONAL

Local:   Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 16 de agosto de 2012, quinta-feira
Horário:   21 horas (de Brasília)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Márcio Soares Maciel (ambos de GO)
Cartões amarelos: Paulo André, Alessandro, Chicão (Corinthians). Elton (Inter)
Público: 27.282 pagantes
Renda: R$ 769.271,06
GOLS: CORINTHIANS: Paulo André, aos 23 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos (Marquinhos); Ralf, Willian Arão, Douglas e Danilo; Juan Martínez (Denner) e Adílson (Giovanni)
Técnico: Tite

INTERNACIONAL: Muriel; Nei, Bolívar, Índio e Fabrício; Élton, Josimar, Kleber (Mike), Fred (Dátolo) e Jajá (Lucas Lima); Rafael Moura
Técnico: Fernandão

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s