Por Cleber Aguiar – Neymar perde chance incrível, mas Brasil lidera e fica em Newcastle

Fonte: Globo.com

Seleção de Mano vence Nova Zelândia por 3 a 0 e termina no topo do Grupo C. Rival das quartas de final será conhecido ainda nesta quarta-feira

Por Márcio Iannacca Direto de Newcastle, Inglaterra

Destaque na vitória do Brasil por 3 a 1 sobre a Bielorrússia no último domingo, Neymar se “deu o luxo” de perder um gol incrível nesta quarta-feira contra a Nova Zelândia. Mas o lance não abalou a Seleção, que venceu sem sustos por 3 a 0 em Newcastle. Com o resultado, o time de Mano Menezes assegurou o primeiro lugar do Grupo C (nove pontos e 100% de aproveitamento), posto que mantém o time na cidade nas quartas de final. O ponto negativo do triunfo foi a expulsão de Alex Sandro, no segundo tempo.

Danilo, Leandro Damião e Sandro marcaram para o Brasil, que poderia ter aumentado a goleada com Neymar. Na etapa final, o craque recebeu sozinho de Marcelo na área, com o gol vazio, e chutou por cima. O jogador lamentou o lance:

– Bati certo na bola – explicou o jogador para Mano.

O rival do próximo sábado no estádio St. James Park será conhecido ainda nesta quarta: o segundo colocado do Grupo D. No momento, o Japão lidera com seis pontos, seguido por Honduras (quatro), Marrocos (um) e Espanha (zero, já eliminada). Às 13h (de Brasília), dois jogos: Japão x Honduras e Espanha x Marrocos. Em Glasgow, o Egito venceu a Bielorrússia por 3 a 0 e garantiu o segundo lugar da chave do Brasil, com seis pontos. Os gols foram de Salah, Mohsen e Aboutrika. Os europeus estão eliminados com três, enquanto a Nova Zelândia termina com apenas um. Os egípcios pegam o líder do D.

Sandro comemora gol do Brasil contra a Nova Zelândia (Foto: Reuters)Sandro comemora terceiro gol do Brasil contra a Nova Zelândia (Foto: Reuters)

Brasil começa melhor com time mista

Mano aproveitou a classificação antecipada para poupar alguns titulares: o goleiro Neto,  o volante Rômulo, o meia Oscar e os atacantes Hulk e Alexandre Pato. Ganso teria sua primeira chance desde o início, mas ficou fora por dores na coxa esquerda e pode até ser cortado dos Jogos.

O Brasil começou melhor a partida, envolvendo a Nova Zelândia com trocas rápidas de passe . Alex Sandro, que entrou no meio de campo na vaga de Oscar, era uma boa opção pelo lado esquerdo, sempre contando com o apoio do lateral Marcelo. Danilo e Sandro formavam a dupla de volantes.

Diferentemente da partida passada, Alexandre Pato ficou no banco. Leandro Damião iniciou entre os titulares. Ainda no ataque, Lucas foi escalado na vaga de Hulk, poupado por estar pendurado com um cartão amarelo. Gabriel foi o titular no lugar de Neto.

No entanto, a partir dos 13 minutos da etapa inicial, a Seleção ficou um pouco perdida. Mano Menezes passou a figurar um pouco mais na área técnica para orientar o posicionamento. Ficou incomodado por algumas vezes com a saída de bola, principalmente com erros cometidos pelo lado direito.

Enquanto Mano orientava do lado de fora, Thiago Silva buscava o acerto dentro das quatro linhas. O capitão buscou o diálogo por diversas vezes para acertar a equipe. E parece que a conversa surtiu efeito. No lance seguinte, aos 22, Danilo tabelou com Damião, invadiu a área e tocou na saída do goleiro: 1 a 0.

Bronca em Lucas e segundo gol ainda na etapa inicial

O Brasil voltou a pressionar mais em busca do segundo gol. Mas, por vezes, pecou pelo preciosismo. Como no lance de Lucas, aos 26. O apoiador passou duas vezes pelo mesmo marcador e tentou mais uma jogada. Mano não perdoou.

– Para que mais um drible? Você já fez toda a jogada… – questionou na beira do campo o comandante canarinho.

Alex Sandro recebe o cartão vermelho na partida do Brasil contra a Nova Zelândia (Foto: Reuters)Alex Sandro recebe o cartão vermelho e está fora das quartas de final no sábado (Foto: Reuters)

Mesmo com a bronca, o Brasil era infinitamente melhor. Aos 29, Alex Sandro recebeu um belo passe de calcanhar de Marcelo. O jogador invadiu a área e cruzou para Leandro Damião, que só teve o trabalho de escorar para as redes. Festa e mais tranquilidade no banco de reservas.

Neymar perde gol na cara, e Alex Sandro é expulso

O Brasil precisou de apenas seis minutos para matar o jogo no segundo tempo. Marcelo cobrou falta com efeito para a área, a bola passou por dois brasileiros e sobrou para Sandro fazer o terceiro em Newcastle.

Neymar lamenta gol perdido (Foto: Reuters)

Aos 16, Neymar perdeu a chance do quarto no melhor estilo “Inacreditável Futebol Clube”: Lucas tocou para Rafael na direita, o lateral cruzou na medida para Neymar, mas, mesmo com o gol vazio, o atacante pegou mal e jogou por cima.

Outro lance inacreditável foi a expulsão de Alex Sandro. Primeiro, o jogador do Porto recebeu cartão amarelo aos 25. Seis minutos depois, o atleta simulou uma falta dentro da área e recebeu o vermelho. Mano ficou irritado com o árbitro de Gâmbia.

– Apita p… nenhuma – gritou o técnico, que não poderá contar com Alex Sandro nas quartas de final.

Brasil 3 x 0 Nova zelândia
Gabriel, Rafael, Thiago Silva, Juan e Marcelo; Sandro (Rômulo), Danilo e Alex Sandro; Lucas, Neymar (Alexandre Pato) e Leandro Damião (Oscar) O´Keeffe, Hogg, Smith, Nelsen e Thomas (Myers); Payne, Barbarouses (Howieson), McGlinchey e Smeltz; Rojas (Lucas) e Wood
Técnico: Mano Menezes Técnico: Neil Emblen.
Gols: Danilo, aos 22 do primeiro tempo; Leandro Damião, aos 29 do primeiro tempo; Sandro, aos 6 do segundo tempo
Cartões amarelos: Myers, Hogg (Nova Zelândia); Alex Sandro (Brasil). Cartão vermelho: Alex Sandro (Brasil)
Local: St. James Park, em Newcastle (Inglaterra). Árbitro: Bakary Papa Gassama (GAM). Auxiliares: Jason Damoo (Ilhas Seychelles) e Angesom Ogbamariam (Eritréia)

Por Cleber Aguiar – Só recebem: telefones da sede do Fla são cortados por falta de pagamento

Fonte:Globo.com

Diretoria toma conhecimento do problema e pretende normalizar a situação nesta quarta-feira

Por Eduardo Peixoto, Janir Jr. e Richard Souza Rio de Janeiro

 Os telefones da sede do Flamengo, na Gávea, receberam ligações internas e até externas normalmente durante toda a terça-feira. Mas nenhum funcionário conseguiu fazer contato além dos muros da Gávea sem recorrer aos seus próprios telefones celulares. Segundo o GLOBOESPORTE.COM apurou, as linhas telefônicas do clube foram cortadas por falta de pagamento, o que impossibilitou fazer chamadas. Os aparelhos apenas recebiam.

Como a presidente Patricia Amorim está em Londres para acompanhar as Olimpíadas, o problema chegou ao conhecimento da diretoria. Pego de surpresa na noite desta terça-feira, o presidente interino Hélio Paulo Ferraz tomou conhecimento do contratempo, e espera encontrar uma solução nesta quarta para que o serviço seja normalizado.

O corte dos telefones virou assunto na pauta dos funcionários na sede da Gávea. Até a noite desta terça, os serviços para quem tentasse fazer ligação externa seguiam inativos.

Por Cleber Aguiar – Jogo entre Flamengo e Atlético-MG vai ser adiado

Fonte: O Dia Online

POR Hugo Perruso

Rio –  A CBF resolveu acatar o pedido do Botafogo de interditar o Engenhão por duas semanas para recuperar o gramado e vai anunciar nesta quarta-feira o adiamento do jogo entre Flamengo e Atlético-MG, que seria realizado sábado. O diretor de competições da entidade, Virgílio Elísio, fez nesta terça-feira uma vistoria no gramado do estádio e tomou a decisão, já comunicada aos dois clubes e à Federação do Rio. Com isso, o tão aguardado reencontro do Rubro-Negro com  Ronaldinho terá de esperar mais um pouco.

Foto: Divulgação

Reencontro com Ronaldinho vai demorar mais um pouco para acontecer | Foto: Divulgação

Como a decisão pela interdição do Engenhão será comunicada nesta quarta-feira, três dias antes do duelo, não haveria tempo hábil para escolher outro estádio, além de atrapalhar a programação dos clubes.  Não está confirmada a nova data, mas como Fla e Galo estão fora da Sul-Americana,  poderiam jogar numa data destinada à competição, como o dia 22.

O Estatuto do Torcedor diz que uma partida só pode ser trasnferida ou adiada com 10 dias de antecedência, mas há uma cláusula que permite a decisão por “motivos de força maior”.

Por Cleber Aguiar – Ganso treina separado e vira dúvida para jogo contra Nova Zelândia

Fonte: Gazetaesportiva.net

Newcastle (Inglaterra)

 

A ideia do técnico Mano Menezes em testar Paulo Henrique Ganso entre os titulares da Seleção Brasileira pode ser prejudicada. Nesta terça-feira, o meia não treinou com o grupo principal na cidade de Newcastle (Inglaterra) em função de uma lesão e é encardo como dúvida para o jogo do dia seguinte contra a Nova Zelândia.

Ganso sente um incômodo na coxa esquerda que começou ainda no jogo de domingo contra a Bielo-Rússia, no Old Trafford, em Manchester. Agora, ficará em tratamento e será reavaliado nesta quarta-feira.

A presença de Ganso seria uma forma de Mano Menezes preservar algum titular do setor ofensivo. O atacante Hulk está entre os favoritos a ganhar um descanso em função de ter um cartão amarelo – se levar outro, desfalca a Seleção nas quartas de final.

No entanto, a tendência é que o Brasil mantenha a base das partidas iniciais, até porque Mano Menezes conta com um banco limitado. Apenas 18 jogadores foram inscritos na competição olímpica.

O Brasil já conseguiu, de forma antecipada, a classificação para a etapa de mata-mata dos Jogos Olímpicos. O País soma seis pontos no grupo C depois das vitórias contra Egito e Bielo-Rússia e depende só de um empate na última rodada para assegurar a liderança da chave.

 

 

Por Cleber Aguiar – Após dois jogos, Bill é apresentado e já projeta dupla com Neymar

Fonte: Globo.com

Atacante, que já atuou contra Atlético-MG e Ponte Preta no Brasileirão, já está na expectativa de atuar ao lado do camisa 11. ‘Estou feliz de estar aqui’

Por Lincoln Chaves Santos, SP

Bill, Santos (Foto: Lincoln Chaves de Oliveira / Tv Tribuna)Bill foi apresentado pelo Santos nesta terça-feira
(Foto: Lincoln Chaves  / Globoesporte.com)

Bill está integrado ao elenco do Santos há oito dias. De lá para cá, já participou de dois jogos (Atlético-MG e Ponte Preta) pelo Alvinegro no Campeonato Brasileiro, mas somente na tarde desta terça-feira que o atacante de 28 anos foi, enfim, apresentado pelo Peixe no CT Rei Pelé.

Em sua primeira entrevista coletiva, Bill já admitiu a expectativa de atuar ao lado de Neymar. O novo reforço santista elogiou o camisa 11 – que está com a Seleção olímpica em Londres e só deve retornar à equipe para a 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

– Estou aqui só para trabalhar, mas se Deus quiser vou poder jogar com ele (Neymar). Todo mundo sabe da capacidade dele. É um moleque que está crescendo a cada dia. Estou feliz de estar aqui e de ter essa oportunidade de atuar com ele – destacou o jogador, que enalteceu a oportunidade de trabalhar com o técnico Muricy Ramalho.

– Agradeço à diretoria do Santos por estar confiando em mim. Estou feliz por isso, de ter um treinador como o Muricy. Acho que posso fazer história. O que falta agora é só o gol. Vou trabalhar forte para fazer o meu melhor – emendou o atacante.

Titular nas duas vezes que foi a campo – na primeira delas, contra o Atlético-MG, sem sequer realizar um treino tático – Bill ainda não marcou em seu novo clube. Apesar disso, o atacante se diz tranquilo e aposta que o ritmo de jogo a ser obtido nas próximas rodadas pode alavancar seu desempenho e o próprio rendimento do Santos no Brasileirão.

– No momento (a principal dificuldade) é só ritmo de jogo. A equipe está bem e focada. É difícil sem Neymar e Ganso, além dos jogadores que saíram. Mas as peças que estão chegando são essenciais para melhorarmos no campeonato. É trabalhar e erguer a cabeça, pois faremos um grande trabalho – analisou o atacante.

Neste domingo, contra o Náutico, o Santos contará mais uma vez com Bill entre os titulares. A nova missão do camisa 9? Dar fim à seca de gols do Peixe como visitante no Brasileirão – o Alvinegro é o único time que ainda não marcou fora de casa. A equipe é a 16ª colocada do torneio, com 13 pontos.