VIDEOTECA ICFUT – 100 ANOS DE FLAXFLU

História do Futebol Carioca – Primeiro Fla x Flu

Fla x Flu – 10 gols históricos do Flamengo, desde 1965

Flamengo x Fluminense – Campeonato Carioca 1963

FLAMENGO 4X2 FLUMINENSE CAMPEÃO CARIOCA 1991

Final campeonato carioca de 1995, Fluminense 3 X 2 Flamengo

Virada Histórica! Fluminense 3 x 5 Flamengo – 2010

VIRADA HISTORICA – O Jogo mais Emocionante da História !!! Fluminense 3 x 5 Flamengo, Show de Adriano Imperador 3 Goals – Flamengo 5×3 Fluminense – Campeonato Carioca 2010

Funk – Frank(Flamengo) e MC Mascote(Fluminense)-Duelo Fla x Flu.

Caju e Castanha – Desafio do Fla x Flu

Dudu Nobre e Toni Platão festejam 100 anos do Fla x Flu

Globo Esportivo Especial – Centenário do Fla x Flu

ICFUT – BRASILEIRÃO 2012 – SÉRIE A – JOGOS,CLASSIFICAÇÃO,GOLS,ARTILHARIA E LINK AO VIVO.

LINK AO VIVO DOS JOGOS DA SÉRIE A DO BRASILEIRÃO 2012 – CLIQUE AQUI

Atlético-GO 0 x 1 Náutico Pela 8ª Rodada Brasileirão Serie A
Botafogo 3 x 0 Bahia Pela 8ª Rodada Brasileirão Serie A 2012
Internacional 2 x 1 Cruzeiro Pela 8ª Rodada Brasileirão Serie A 2012
Sport 1 x 1 Corinthians pela 8º rodada do Brasileirão 2012
Fluminense 1 x 0 Flamengo Pela 8ª do Brasileiro 2012
Ponte Preta 1 x 0 Palmeiras Pela 8ª Rodada do Brasileirão 2012
Santos 4 x 2 Grêmio Pela 8ª Rodada do Brasileirão 2012
São Paulo 3 x 1 Coritiba Pela 8ª Rodada do Brasileirão 2012
Figueirense 1×1 Vasco – BRASILEIRÃO SERIE A 08/07/2012
Atlético-MG 2 X 0 Portuguesa – Brasileirão 2012

5 GOLS
Vasco –
Alecsandro
Náutico – Araújo

4 GOLS
Botafogo – Herrera
Cruzeiro – Wellington Paulista
Flamengo – Vágner Love
Internacional – Leandro Damião
São Paulo – Luis Fabiano

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Atlético-MG 19 8 6 1 1 12 3 9 79.2
2  Fluminense-RJ 18 8 5 3 0 15 5 10 75.0
3  Vasco da Gama-RJ 17 8 5 2 1 15 11 4 70.8
4  São Paulo-SP 15 8 5 0 3 11 9 2 62.5
5  Internacional-RS 15 8 4 3 1 12 7 5 62.5
6  Cruzeiro-MG 14 8 4 2 2 11 8 3 58.3
7  Botafogo-RJ 12 7 4 0 3 17 13 4 57.1
8  Grêmio-RS 12 8 4 0 4 9 8 1 50.0
9  Flamengo-RJ 12 8 3 3 2 13 12 1 50.0
10  Ponte Preta-SP 12 8 3 3 2 9 8 1 50.0
11  Náutico-PE 10 8 3 1 4 9 15 -6 41.7
12  Sport-PE 9 8 2 3 3 8 10 -2 37.5
13  Portuguesa-SP 8 8 2 2 4 5 10 -5 33.3
14  Santos-SP 8 8 1 5 2 7 7 0 33.3
15  Figueirense-SC 8 8 1 5 2 8 10 -2 33.3
16  Coritiba-PR 7 8 2 1 5 13 16 -3 29.2
17  Bahia-BA 7 8 1 4 3 6 10 -4 29.2
18  Palmeiras-SP 5 8 1 2 5 7 10 -3 20.8
19  Corinthians-SP 5 7 1 2 4 4 8 -4 23.8
20  Atlético-GO 2 8 0 2 6 4 15 -11 8.3
8ª RODADA
7/07 – 18h30 Internacional-RS 2 x 1 Cruzeiro-MG
7/07 – 18h30 Botafogo-RJ 3 x 0 Bahia-BA
7/07 – 21h00 Atlético-GO 0 x 1 Náutico-PE
8/07 – 16h00 Fluminense-RJ 1 x 0 Flamengo-RJ
8/07 – 16h00 São Paulo-SP 3 x 1 Coritiba-PR
8/07 – 16h00 Figueirense-SC 1 x 1 Vasco da Gama-RJ
8/07 – 16h00 Santos-SP 4 x 2 Grêmio-RS
8/07 – 18h30 Atlético-MG 2 x 0 Portuguesa-SP
8/07 – 18h30 Ponte Preta-SP 1 x 0 Palmeiras-SP
8/07 – 18h30 Sport-PE 1 x 1 Corinthians-SP
9ª RODADA
14/07 – 18h30 Corinthians-SP x Náutico-PE
14/07 – 18h30 Figueirense-SC x Atlético-MG
14/07 – 21h00 Ponte Preta-SP x Coritiba-PR
15/07 – 16h00 Internacional-RS x Santos-SP
15/07 – 16h00 Cruzeiro-MG x Grêmio-RS
15/07 – 16h00 Bahia-BA x Flamengo-RJ
15/07 – 16h00 Botafogo-RJ x Fluminense-RJ
15/07 – 18h30 Vasco da Gama-RJ x Atlético-GO
15/07 – 18h30 Sport-PE x Portuguesa-SP
15/07 – 18h30 Palmeiras-SP x São Paulo-SP

Por Cleber Aguiar – Inter vence Cruzeiro aos olhos de Diego Forlán

Fonte:Lancenet.com.br

Com ataque inspirado, Colorado bate a Raposa por 2 a 1

A presença de Diego Forlán no Beira-Rio, e toda a expectativa com relação ao futuro com o novo contratado do Internacional podem ter feito diferença. Após um primeiro tempo inspiradíssimo de sua linha de frente, o Colorado bateu o Cruzeiro neste sábado por 2 a 1, no Beira-Rio. Oscar e Leandro Damião marcaram para os gaúchos. O gol da celeste saiu após a bicicleta de Léo.

Com a vitória, o Internacional chega a 15 pontos e ‘dorme’ no G4 do Brasileirão, só podendo ser ultrapassado pelo saldo de gols pelo rival Grêmio. Os cruzeirenses caíram para o quinto lugar, com 14 pontos. As duas equipes voltam a jogar no domingo. O Inter pega o Santos, no Beira-Rio, enquanto o Cruzeiro recebe o Grêmio no Independência.

EFICIENTE, INTER DESEQUILIBRA

Após Diego Forlán ser apresentado para os torcedores, o jogo, que prometia ser brigado e equilibrado até o fim começou a pender para o lado vermelho aos sete minutos. Dagoberto fez boa tabela com D’Alessandro, e o argentino encontrou Oscar, que chutou sem qualquer chance para Fábio: 1 a 0.

O gol sofrido não assustou o time de Celso Roth. Com a marcação adiantada, o Cruzeiro tentou se lançar ao ataque, principalmente pelos lados, e tentou bolas alçadas para Anselmo Ramon. No entanto, a única tentativa que assustou a torcida do Beira-Rio foi uma bomba de William Magrão, que passou por Nei e explodiu na trave.

Enquanto o ataque cruzeirense não funcionava com efeito, Dagoberto recebeu bola na intermediária e encontrou Leandro Damião na esquerda. O camisa 9 só esperou Fábio sair para marcar o segundo gol, aos 36 minutos. Dois minutos depois, Tinga teve a chance de diminuir o placar para o Cruzeiro, mas seu chute parou na boa defesa de Muriel.

A quatro minutos do fim, Dagoberto passou por Léo e chutou na saída de Fábio, mas a bola caprichosamente saiu à esquerda do gol.

LÉO FAZ GOL DE BICICLETA, MAS CRUZEIRO NÃO EMPATA

O técnico Celso Roth fez o Cruzeiro voltar para a segunda etapa menos conservador: o zagueiro Victorino deu lugar ao atacante Wallyson. O jogador deu passe para Everton, que, na pequena área chutou por cima do gol, logo aos dois minutos.

Com o Internacional recuado, o time celeste voltou a pressionar, e viu uma boa arrancada de Everton terminar em passe para Wallyson. O atacante chutou fraco, para a defesa de Muriel. A acomodação colorada teve castigo. Em cobrança de escanteio, Anselmo Ramon cabeceou para a área. Léo, completamente livre, mandou para a rede, diminuindo para 2 a 1, aos 19.

Os colorados acordaram e assustaram quando Leandro Damião driblou Fábio, mas adiantou a bola. Em seguida, D’Alessandro chutou à direita do gol de Fábio. Só que logo, o time do Cruzeiro voltou a pressionar. Montillo lançou Anselmo Ramon, mas seu chute foi afastado.

Vendo a equipe dominada, Dorival Junior lançou Jajá e Marcos Aurélio nos lugares de D’Alessandro e Dagoberto, respectivamente. O Cruzeiro ainda alternou jogadas para Wallyson e Anselmo Ramon, mas saiu de campo com sua segunda derrota.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 2×1 CRUZEIRO
Estádio: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: Marco Antônio Pessanha (RJ) e Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ).
Cartões amarelos: D’Alessandro, Muriel (Internacional), Mateus, Léo, Wallyson, Anselmo Ramon (Cruzeiro)
Gols: Oscar, 7/1T (1-0), Leandro Damião, 36/1T (2-0), Léo, 19/2T (2-1).

INTERNACIONAL: Muriel; Nei, Indio, Bolívar e Fabrício; Elton, Josimar, Oscar e D’Alessandro (Jajá, 34/2T); Dagoberto (Marcos Aurélio, 34/2T) e Leandro Damião. Técnico: Dorival Junior.

CRUZEIRO: Fábio; Leo, Victorino (Wallyson – intervalo), Mateus e Everton (Diego Renan, 19/2T); William Magrão, Leandro Guerreiro, Tinga e Montillo; Fabinho (Souza, 12/2T) e Anselmo Ramon. Técnico: Celso Roth.

Por Cleber Aguiar – Lúcio exalta superação do Náutico após série de duas derrotas seguidas

Fonte:Portal Terra

Araújo marcou o gol da vitória do Náutico contra o Atlético-GO e encerrou sequência ruim da equipe. Foto: Carlos Costa/Futura Press

Araújo marcou o gol da vitória do Náutico contra o Atlético-GO e encerrou sequência ruim da equipe
Foto: Carlos Costa/Futura Press

Uma goleada por 5 a 1 para o Atlético-MG, em Belo Horizonte, e uma derrota por 2 a 0 para o Fluminense, dentro de casa, fizeram com que o Náutico acendesse o sinal de alerta no Brasileiro. O time precisou entrar em campo neste sábado com uma mentalidade diferente e conseguiu os três pontos após Araújo marcar o gol que decretou o triunfo por 1 a 0 sobre o Atlético-GO.

Satisfeitos com a forma como o Náutico se comportou durante os 90 minutos, os jogadores enalteceram a superação da equipe e pediram a manutenção do trabalho nas próximas rodadas. Para o ala Lúcio, o time precisará seguir eficiente no ataque e continuar convertendo as chances criadas em oportunidades claras de gol para neutralizar o ímpeto de seus próximos oponentes.

“Deixamos pontos importantes escaparem dentro de casa. Criamos muito contra o Fluminense e não conseguimos concluir a gol. Hoje, criamos algumas oportunidades e tivemos qualidade para colocar a bola dentro do gol. Temos que manter esta sequencia e chegar bem para conseguir mais três pontos no próximo jogo”, analisou o experiente jogador alvirrubro.

Na próxima rodada, o Náutico terá um importante compromisso pela frente. A equipe viajará até São Paulo para enfrentar o atual campeão da Copa Libertadores, Corinthians. Com dez pontos conquistados no Brasileiro, a equipe pernambucana se distanciou consideravelmente da zona do rebaixamento e poderá se aproximar do pelotão de frente da competição caso conquiste uma nova vitória contra Corinthians.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 0 X 1 NÁUTICO

Data/hora: 7/7/2012, às 21h00 (de Brasília)

Local: Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)

Assistentes: Marcio Eustáquio Santiago (MG) e por Guilherme Dias Camilo (MG)

Cartões amarelos: Felipe (NAU); Gabriel (ATG)

Renda e público: R$: 12.510,00 / 2.048 pagantes

Gols: Áraújo, 23’/1ºT (1-0); Cidinho, 45’/1ºT (2-0); Elkeson, 2’/2ºT (3-0)

ATLÉTICO-GO: Márcio, Gustavo (Patrick – Intervalo), Gabriel e Paulo Henrique (Reniê – 9’/1ºT); Joílson, Pituca, Marino, Bida e Eron; Wesley (Danilinho – 29’/2ºT) e Felipe – Técnico: Hélio dos Anjos.

NÁUTICO: Felipe, Jean Rolt, Ronaldo Alves (Auremir – 25’/2ºT) e Márcio Rosário; Lúcio, Elicarlos, Alessandro, Martinez e Souza (Breitner – 19’/2ºT); Rhayner (Cleverson – 27’/2ºT) e Araújo – Técnico: Alexandre Gallo.

Por Cleber Aguiar – Botafogo joga bem, faz 3 a 0 sobre o Bahia, e Seedorf aplaude de pé

Fonte:Globo.com

Botafogo 3 x 0 Bahia 16 ° Gols: Cidinho (2) , Elkeson

8ª RODADA
No dia da festa para recepcionar o craque holandês no Engenhão, Cidinho faz dois e Elkeson completa a vitória alvinegra com belo gol
DESTAQUES DO JOGO
  • lance capital

    2 do 2º tempo

    Elkeson recebe passe de Renato e bate de primeira, num belo gol. O Botafogo faz 3 a 0 e mata qualquer possibilidade de reação do Bahia.

  • o nome do jogo

    Cidinho

    O meia de 19 anos e 1,69m concluiu com sucesso duas de suas três finalizações no jogo. Foi a primeira partida como titular neste Brasileiro.

  • a decepção

    Souza

    O atacante, que ameaçou fazer o “chororô” para a torcida, saiu no intervalo, após três faltas cometidas, um cartão amarelo e zero finalização. 

A CRÔNICA
por GLOBOESPORTE.COM

 

O sábado foi de festa para os alvinegros. O Engenhão, que recebeu público de 20.746 torcedores (16.718 pagantes), foi palco da apresentação de Seedorf e de uma boa atuação do Botafogo, que bateu o Bahia por 3 a 0. O destaque foi Cidinho, que fez sua primeira partida como titular neste Campeonato Brasileiro e marcou duas vezes. Elkeson, em chute de primeira, marcou um belo gol e fechou a vitória, que arrancou aplausos do craque holandês no camarote.

O Botafogo chega a 12 pontos, provisoriamente em sexto lugar. Terá chance de se posicionar melhor na tabela na quarta-feira, quando fará o jogo adiado da sétima rodada, contra o Corinthians, às 19h30m, no Pacaembu. No próximo fim de semana, fará o clássico contra o Fluminense, no domingo.

O Bahia, que ainda não venceu fora de casa, continua com sete pontos, em 16º lugar. Para que entre na zona de rebaixamento, bastará uma vitória de Palmeiras, Santos ou Corinthians neste domingo. Na próxima rodada, a equipe terá a chance de recuperar em casa, diante do Flamengo.

Antes da partida, uma rápida apresentação de Seedorf, que durou seis minutos, animou o público, com fogos, chuva de papel picado e apresentação do humorista Marcelo Adnet, que provocou o Flamengo. O holandês chegou ao estádio de helicóptero, foi até o gramado, brincou com a bola e foi ovacionado pelos torcedores. Agradeceu o carinho e disse que começa a trabalhar com os novos companheiros na próxima semana.

A torcida, que gritou “olé” já aos 23 minutos do segundo tempo, aplaudiu Cidinho quando ele deixou o campo para a entrada de Fellype Gabriel. O jogador brincou após a partida com a semelhança na pronúncia do seu nome com o de Seedorf.

– O nome é parecido, né? A brincadeira já está rolando, mas não penso em mudar a grafia do meu para Seedinho, não (risos) – afirmou o meia de 19 anos, contando a experiência de conhecer o holandês no vestiário. – Ele nos cumprimentou e desejou boa sorte. Aos poucos vamos começar a trabalhar juntos, e será muito legal.

O técnico Falcão lamentou a má atuação e o baixo poder de fogo do Bahia, que concluiu a gol apenas quatro vezes (contra 13 do adversário).

– É muito pouco. Quando joga mal, é difícil de ganhar. Como também não tem garantia de que, jogando bem, vai conseguir um bom resultado. Tenho que analisar a atuação, e foi abaixo do que pensamos para o Bahia. O Botafogo fez uma belíssima atuação, e quando tem esse casamento, do time adversário jogando bem e a gente errando tudo, a tendência é perder o jogo.

cidinho botafogo gol bahia (Foto: Satiro Sodré / Agif)Cidinho, usando uma touca após choque após choque com adversário, acena para a torcida. Jogador marcou duas vezes na vitória por 3 a 0 (Foto: Satiro Sodré / Agif)

Bota abre vantagem no primeiro tempo

Ainda na empolgação da festa para o holandês, o time do Botafogo adotou uma postura ofensiva e encurralou o Bahia. Tentava a maioria de suas subidas pelo lado esquerdo de ataque, e logo aos seis minutos a jogada teve efeito. Márcio Azevedo levou a bola até a linha de fundo e cruzou na medida para Cidinho. O meia de 1,69m subiu e desviou de cabeça, longe do alcance de Marcelo Lomba: 1 a 0. Seedorf, que viu o jogo ao lado de familiares e do ídolo alvinegro Jairzinho, levantou-se e comemorou com palmas.

Depois da alta velocidade no início, a partida caiu de ritmo, e as chances de gol ficaram raras. Souza, no entanto, tratou de esquentar os ânimos. O atacante, que havia provocado durante a semana dizendo que poderia fazer a comemoração “chororô” novamente, deixou o pé em uma entrada em Antônio Carlos e ainda o acertou com o braço. O zagueiro se revoltou e foi tirar satisfação. Os dois levaram o amarelo. A torcida alvinegra, que já vaiava o jogador, começou a gritar “Souza é um m…”.

Com o jogo amarrado, o ex-botafoguense Fahel também deu uma pitada maior de emoção. Fez boa jogada e arriscou o chute, que não saiu como ele desejava. Jefferson defendeu firme. Depois, quem trabalhou até o fim da primeira etapa foi Marcelo Lomba. Em sua melhor intervenção, voou para salvar uma falta cobrada por Andrezinho. Aos 45 minutos, no entanto, Lomba não teve muito que fazer. Cidinho arriscou de longe, a bola desviou em Titi e foi para rede: 2 a 0.

seedorf botafogo camarote engenhão (Foto: André Durão / Globoesporte.com)Seedorf assiste à partida de um camarote no Engenhão (Foto: André Durão / Globoesporte.com)

Elkeson faz belo gol e sacramenta vitória alvinegra

Assim como havia feito no primeiro tempo, o Botafogo iniciou o segundo em alta velocidade, pressionando o adversário. Logo aos dois minutos, depois de um bate-rebate na área, Renato levantou a cabeça e lançou para a entrada da área na direção de Elkeson. Ele pegou de primeira, de perna esquerda, e fez um lindo gol.

Cidinho ainda teve a chance de fazer o seu terceiro gol depois de boa trama armada por Andrezinho e Lucas, mas, de cara para o gol, chutou em cima do marcador. A revelação alvinegra até marcou novamente – e de cabeça -, mas o árbitro anulou porque viu falta em Marcelo Lomba. O Bahia, que já estava com Jones Carioca no lugar de Souza desde o intervalo, pouco ameaçava.

Lomba voltou a mostrar serviço em uma cabeçada de Elkeson. O meia-atacante desviou, e o goleiro tricolor defendeu com o pé. Seedorf não viu o lance, já que deixou o Engenhão aos 20 minutos do segundo tempo. Sem correr muitos riscos, o Botafogo gastou o tempo, e os jogadores tentaram muitos lances de efeito. No fim, a vitória coroou um dia que vai demorar para sair da memória da torcida alvinegra.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 3 X 0 BAHIA

Local: Estádio Olímpico João Havelange, o Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 7 de julho de 2012, sábado

Horário: 18h30 (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (SP)

Assistentes: Marcelo Van Gasse (Fifa-SP) e João Chaves (SP)

Cartões amarelos: Antônio Carlos, Elkeson e Jadson (Botafogo) e Souza, Titi, Elias, Hélder, Danny Morais (Bahia)

Gols – BOTAFOGO: Cidinho aos 6 e aos 45 minutos do 1Tempo e Elkeson aos 2 minutos do 2Tempo

BOTAFOGO: Jéfferson, Lucas, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Márcio Azevedo; Lucas Zen, Renato, Andrezinho, Vítor Júnior (Sassá) e Cidinho (Fellype Gabriel); Elkeson (Jadson)

Técnico: Oswaldo de Oliveira

BAHIA: Marcelo Lomba, Fabinho, Danny Morais, Titi e Hélder; Fahel, Kléberson, Gabriel e Mancini; Elias (Lulinha) e Souza (Jones Carioca)

Técnico: Paulo Roberto Falcão

ICFUT – JOGOS,CLASSIFICAÇÃO & ARTILHARIA BRASILEIRÃO – SÉRIE D -2012

3 GOLS
Cianorte-PR – Henrique
Mogi Mirim-SP – Tardelli

2 GOLS
Atlético Acreano-AC
– Eduardo
CSA-AL- Ronaldo
Juventude-RS- Jonatas
Remo-PA – Fábio Oliveira e Marcelo Maciel
Sampaio Corrêa-MA – Arlindo Maracanã e Celio Codó
Vilhena-RO – Edilsinho
Vitória da Conquista-BA – Roni

Grupo A1
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Atlético Acreano-AC 3 1 1 0 0 3 1 2 100.0
2  Vilhena-RO 3 2 1 0 1 4 3 1 50.0
3  Remo-PA 3 2 1 0 1 6 6 0 50.0
4  Penarol-AM 3 3 1 0 2 4 7 -3 33.3
5  Náutico-RR 0 0 0 0 0 0 0 0
Grupo A2
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Sampaio Corrêa-MA 6 2 2 0 0 7 1 6 100.0
2  Araguaína-TO 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
3  Comercial-PI 1 2 0 1 1 1 5 -4 16.7
4  Santos-AP 0 0 0 0 0 0 0 0
5  Mixto-MT 0 1 0 0 1 1 3 -2 0.0
Grupo A3
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Horizonte-CE 4 2 1 1 0 3 1 2 66.7
2  Ypiranga-PE 4 3 1 1 1 6 7 -1 44.4
3  Campinense-PB 3 2 1 0 1 3 3 0 50.0
4  Baraúnas-RN 2 2 0 2 0 1 1 0 33.3
5  Petrolina-PE 2 3 0 2 1 5 6 -1 22.2
Grupo A4
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  CSA-AL 6 2 2 0 0 6 2 4 100.0
2  Sousa-PB 4 2 1 1 0 3 2 1 66.7
3  Feirense-BA 4 3 1 1 1 5 5 0 44.4
4  Itabaiana-SE 1 2 0 1 1 3 4 -1 16.7
5  Vitória da Conquista-BA 1 3 0 1 2 4 8 -4 11.1
Grupo A5
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Ceilândia-DF 6 2 2 0 0 4 2 2 100.0
2  Crac-GO 5 3 1 2 0 4 1 3 55.6
3  Aparecidense-GO 3 3 1 0 2 1 4 -3 33.3
4  CENE-MS 1 2 0 1 1 3 4 -1 16.7
5  Sobradinho-DF 1 2 0 1 1 0 1 -1 16.7
Grupo A6
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Friburguense-RJ 7 3 2 1 0 3 1 2 77.8
2  Nacional-MG 4 2 1 1 0 1 0 1 66.7
3  Aracruz-ES 2 2 0 2 0 1 1 0 33.3
4  Guarani-MG 1 2 0 1 1 0 1 -1 16.7
5  Volta Redonda-RJ 1 3 0 1 2 0 2 -2 11.1
Grupo A7
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Mogi Mirim-SP 7 3 2 1 0 5 3 2 77.8
2  Cianorte-PR 4 2 1 1 0 6 0 6 66.7
3  Cerâmica-RS 3 2 1 0 1 4 3 1 50.0
4  Concórdia-SC 1 2 0 1 1 3 5 -2 16.7
5  Marília-SP 1 3 0 1 2 4 11 -7 11.1
Grupo A8
 Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Brasil-RS 4 3 1 1 1 2 1 1 44.4
2  Juventude-RS 4 3 1 1 1 2 2 0 44.4
3  Metropolitano-SC 3 2 1 0 1 2 3 -1 50.0
4  Arapongas-PR 2 2 0 2 0 0 0 0 33.3
5  Mirassol-SP 2 2 0 2 0 0 0 0 33.3
3ª RODADA
7/07 – 16h00 Aracruz-ES 1 x 1 Friburguense-RJ
8/07 – 15h00 Mirassol-SP 0 x 0 Juventude-RS
8/07 – 16h00 Concórdia-SC 2 x 2 Marília-SP
8/07 – 16h00 Ypiranga-PE 2 x 1 Campinense-PB
8/07 – 16h00 Volta Redonda-RJ 0 x 0 Guarani-MG
8/07 – 16h00 CENE-MS 1 x 1 Crac-GO
8/07 – 16h00 Feirense-BA 1 x 3 CSA-AL
8/07 – 16h00 Aparecidense-GO 1 x 0 Sobradinho-DF
8/07 – 16h00 Brasil-RS 2 x 0 Metropolitano-SC
8/07 – 17h00 Penarol-AM 1 x 0 Vilhena-RO
8/07 – 17h00 Itabaiana-SE 2 x 2 Vitória da Conquista-BA
8/07 – 17h00 Baraúnas-RN 1 x 1 Petrolina-PE
8/07 – 17h00 Mogi Mirim-SP 0 x 0 Cianorte-PR
9/07 – 20h30 Comercial-PI x Mixto-MT
10/07 – 20h30 Santos-AP x Sampaio Corrêa-MA
10/07 – 20h30 Náutico-RR x Remo-PA
4ª RODADA
14/07 – 16h00 Aracruz-ES x Volta Redonda-RJ
14/07 – 17h00 Santos-AP x Comercial-PI
14/07 – 18h00 Araguaína-TO x Mixto-MT
14/07 – 19h00 Atlético Acreano-AC x Vilhena-RO
15/07 – 15h30 Arapongas-PR x Metropolitano-SC
15/07 – 16h00 Sousa-PB x CSA-AL
15/07 – 16h00 Ceilândia-DF x Sobradinho-DF
15/07 – 16h00 Horizonte-CE x Campinense-PB
15/07 – 16h00 Concórdia-SC x Mogi Mirim-SP
15/07 – 16h00 Nacional-MG x Guarani-MG
15/07 – 16h00 CENE-MS x Aparecidense-GO
15/07 – 17h00 Baraúnas-RN x Ypiranga-PE
15/07 – 17h00 Náutico-RR x Penarol-AM
15/07 – 17h00 Cerâmica-RS x Cianorte-PR
15/07 – 17h00 Itabaiana-SE x Feirense-BA
15/07 – 17h00 Mirassol-SP x Brasil-RS

ICFUT – JOGOS , CLASSIFICAÇÃO & ARTILHARIA DO BRASILEIRÃO SÉRIE C – 2012

3 GOLS
Macaé-RJ –
Zambi

2 GOLS
Luverdense-MT –
Rubinho

Macaé-RJ – Norton
Madureira-RJ –
Rodrigo Lindoso

Paysandu-PA – Kiros
Salgueiro-PE –
Clebson
Vila Nova-GO
– Pedro Júnior

Grupo A
   Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Paysandu-PA 6 2 2 0 0 4 1 3 100.0
2  Icasa-CE 4 2 1 1 0 3 0 3 66.7
3  Salgueiro-PE 4 2 1 1 0 4 2 2 66.7
4  Águia-PA 4 2 1 1 0 2 1 1 66.7
5  Luverdense-MT 3 2 1 0 1 2 2 0 50.0
6  Santa Cruz-PE 2 2 0 2 0 3 3 0 33.3
7  Guarany-CE 1 2 0 1 1 2 3 -1 16.7
8  Cuiabá-MT 1 2 0 1 1 1 2 -1 16.7
9  Fortaleza-CE 1 2 0 1 1 0 2 -2 16.7
10  Rio Branco-AC 0 0 0 0 0 0 0 0  
11  Treze-PB 0 2 0 0 2 0 5 -5 0.0
 
 
Grupo B
   Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Macaé-RJ 6 2 2 0 0 8 2 6 100.0
2  Madureira-RJ 6 2 2 0 0 3 0 3 100.0
3  Chapecoense-SC 4 2 1 1 0 3 2 1 66.7
4  Santo André-SP 4 2 1 1 0 2 1 1 66.7
5  Vila Nova-GO 3 2 1 0 1 6 4 2 50.0
6  Duque de Caxias-RJ 3 2 1 0 1 2 2 0 50.0
7  Caxias-RS 3 2 1 0 1 2 5 -3 50.0
8  Brasiliense-DF 0 2 0 0 2 1 3 -2 0.0
9  Tupi-MG 0 2 0 0 2 2 6 -4 0.0
10  Oeste-SP 0 2 0 0 2 2 6 -4 0.0
2ª RODADA
6/07 – 19h30 Oeste-SP 1 x 2 Caxias-RS
7/07 – 16h00 Guarany-CE 1 x 2 Paysandu-PA
7/07 – 16h00 Águia-PA 2 x 1 Cuiabá-MT
7/07 – 16h00 Macaé-RJ 4 x 2 Tupi-MG
8/07 – 15h00 Chapecoense-SC 3 x 2 Vila Nova-GO
8/07 – 16h00 Salgueiro-PE 2 x 2 Santa Cruz-PE
8/07 – 16h00 Brasiliense-DF 1 x 2 Santo André-SP
8/07 – 16h00 Duque de Caxias-RJ 0 x 2 Madureira-RJ
8/07 – 16h00 Icasa-CE 3 x 0 Treze-PB
8/07 – 16h00 Luverdense-MT 2 x 0 Fortaleza-CE
11/07 – 20h30 Treze-PB x Santa Cruz-PE
3ª RODADA
14/07 – 15h00 Madureira-RJ x Tupi-MG
14/07 – 15h30 Santo André-SP x Vila Nova-GO
14/07 – 16h00 Macaé-RJ x Oeste-SP
14/07 – 16h00 Guarany-CE x Salgueiro-PE
14/07 – 16h00 Santa Cruz-PE x Rio Branco-AC
15/07 – 15h00 Caxias-RS x Chapecoense-SC
15/07 – 16h00 Cuiabá-MT x Luverdense-MT
15/07 – 16h00 Brasiliense-DF x Duque de Caxias-RJ
15/07 – 16h00 Icasa-CE x Águia-PA
16/07 – 20h30 Paysandu-PA x Fortaleza-CE
18/07 – 20h30 Rio Branco-AC x Treze-PB