Por Cleber Aguiar – Dia do goleiro: na academia de Zetti, sonhos de quem troca pés pelas mãos

Fonte: Globo.com

Ex-jogador treina anônimos que até têm habilidade com a bola, mas escolheram vestir a camisa 1 em uma escola específica no assunto

Por Sergio GandolphiSão Paulo

 

Até pouco tempo atrás, goleiro era aquele jogador que não possuía nenhuma habilidade com a bola nos pés e acabava “largado” no gol. Zetti e Marcos, campeões mundiais pela Seleção Brasileira, são alguns exemplos de referências embaixo das traves, mas que assumiam a limitação técnica na linha.

– Eu tinha habilidade com as mãos, mas não com os pés, e adorava jogar futebol. Nas peladas, me mandavam sempre para o gol. E deu certo – resumiu Zetti, falando do início da sua vitoriosa trajetória no futebol.

Aos 47 anos, Zetti acompanha as mudanças na posição que o projetou. Nesta quinta-feira, 26 de abril, ele vai festejar mais um dia do goleiro, o quarto como proprietário de uma academia que tem como objetivo treinar sucessores (assista no vídeo acima).

Acredite: a posição de goleiro, aquela em que não se pode falhar (Julio César e Deola que o digam), foi a escolha de inúmeros atletas que até tinham condições de jogar na linha, mas preferiram atuar embaixo das traves.

– Aqui na academia a gente faz o mesmo trabalho que os goleiros recebem no profissional, mas com amadores, com inúmeros perfis de atletas. E todos escolheram jogar no gol, não são jogadores ruins na linha, não… – diz Zetti.

O ex-jogador conta com mais de 200 alunos em sua academia.

– Ser goleiro não significa pegar a bola que vai ao gol de qualquer jeito. É preciso uma técnica para cair, para segurá-la e isso só aparece com treinamento – completa o ex-jogador, reserva de Taffarel na Seleção Brasileira campeã da Copa do Mundo de 1994.

 

Crianças, adolescentes, adultos, meninas, senhores… Os perfis se misturam na academia “Fechando o gol”, todos atrás de um condicionamento físico melhor. Bunyu Izuka, 70 anos, 56 dedicados às defesas, é um desses exemplos:

– Eu era volante quando jogava na escolinha, com 14 anos. Um dia precisavam de um goleiro, fui para o gol, peguei bem, gostei da posição e fiquei. Gosto de ser goleiro e treino duas vezes por semana para disputar campeonatos na categoria da minha idade – conta.

O desejo de se destacar nos clubes amadores espalhados por São Paulo ou ter uma qualidade de vida melhor são situações que motivam esses goleiros “por opção”.

Ser goleiro não significa pegar a bola que vai ao gol de qualquer jeito. É preciso de uma técnica para cair, para segurá-la e isso só aparece com treinamentos”
Zetti

– Eu também jogava na linha, não comprometia, mas sempre gostei da posição, de assistir a jogos e prestar atenção no goleiro. E o fato de o camisa 1 vestir um uniforme diferente me motivou também. Falo que ser goleiro é um estilo de vida – explica Gérson Domingues, 45 anos, diretor comercial.

– Mesmo eu sendo gordinho, consigo fazer minhas defesas e comento que preciso sempre ser melhor que o goleiro adversário. Prefiro o treino duro da posição a ficar uma hora na esteira em uma academia. E, devagar, já consegui até emagrecer – completa José Fernandes Dias, 34 anos.

Isabela Alchorne também está no “time” dos fanáticos pela posição. Aos 13 anos, treina para defender em grande estilo sua equipe feminina.

– Eu jogava handebol e tinha facilidade de arremessar. Por isso, acabou sendo tranquilo me adaptar nesta posição. Além do fato de eu gostar bastante de futebol – explica ela, que brinca:

– É engraçado jogar com meninos. Eles começam chutando fraco, achando que vão fazer gol de qualquer jeito. Quando percebem que a bola não está entrando, chutam muito mais forte.

Há também muitos garotos que sonham seguir os passos de Zetti, Marcos e Taffarel. Bruno Santos Henriques, Matheus Biguetti de Lacerda e Gianlucca Castellano Fabiano são anônimos que esperam transformar a posição em coisa séria.

O primeiro, aos oito anos, apenas sonha ser um jogador de futebol. O segundo, atleta do sub-13 do Corinthians, já deu um passo para isso, enquanto o terceiro, aos 16 anos, planeja defesas mais ousadas fora do país.

– Quero estudar nos Estados Unidos e espero conseguir uma vaga na universidade lá como goleiro. Quero defender o time de futebol deles, em troca de uma bolsa de estudos. Espero que dê certo, por isso estou treinando – conta Gianlucca.

Goleiros por opção ou ocasião, profissionais ou anônimos, em alta ou em baixa, não importa… Hoje, 26 de abril, todos têm um motivo para comemorar: o fato de serem goleiros.

Zetti academia de goleiros (Foto: Anderson Rodrigues / Globoesporte.com)Meninos, meninas, marmanjos, senhores… todos goleiros (Foto: Anderson Rodrigues / Globoesporte.com)

ICFUT – Traída por Balotelli, Raffaella Fico dá o “troco” com dois marmanjos na TV

Fonte: Futebolinterior.com.br

O polêmico jogador do Manchester City revelou ter traído a gata com uma prostituta

 Um dos jogadores mais polêmicos do futebol atual, o atacante do Manchester City Mario Balotelli é famoso por suas “puladas de cerca”. O que ele não esperava é que sua amada, a bela modelo Raffaella Fico, 24 anos, daria o troco em rede nacional.
E aí, gostou Balotelli?

Na verdade, não chegou a ser um caso de adultério. A gata de cabelos negros fez uma performance sensual de dança ao lado de dois homens. A apresentação fez parte de um quadro do reality show Isola dei Famosi, do qual a musa participa.

Depois do “showzinho” de Raffaella, a imprensa europeia não perdeu a oportunidade de divulgar o “troco”. Afinal, recentemente o falastrão italiano chegou a admitir que teve relações sexuais com a prostituta inglesa Jennifer Thompson, famosa por ter revelado um caso extraconjugal com o atacante Wayne Rooney, do Manchester United.

E olha que a namorada de Balotelli não é santa. Após ganhar fama no Big Brother, Raffaella causou muita polêmica ao afirmar que iria colocar sua virgindade em leilão pela bagatela de 1 milhão de euros. Mais tarde, porém, ela voltou ao centro dos holofotes ao afirmar que teve sua primeira relação sexual com o atacante português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid.

 

Será que o casal segue em lua de mel?

Balotelli e suas polêmicas
Pelo menos no quesito polêmicas, Jenny combina com Balotelli. Apesar de ter apenas 21 anos, o atacante já acumula uma série de polêmicas que o torna um personagem folclórico. Dentro de campo, ele já teve discussão com o atacante Cassano, hoje no Milan; fez gestos obcenos à torcida da Juventus, quando atuava pela Inter de Milão; e pisou na cabeça de Scott Parker, em jogo do City contra o Tottenham.

Contudo, suas grandes peripécias estão fora de campo. O atacante traiu a ex-namorada Sophie Reade, com a melhor amiga dela; fez ameaças via SMS a outra ex, a ex-Miss Itália Melissa Castagnoli; foi flagrado com a camisa do Milan quando defendia a rival Inter.

Até mesmo algumas contravenções já marcaram a vida do italiano de origem ganesa. No ano passado, ele foi pego tentando invadir um presídio feminino de Brescia, com o seu irmão Enock, de 17 anos. Depois, foi punido por um trote violento onde jogou dardos em jogadores da base do Manchester City.

Mais recentemente, ele foi acusado de ter traído Raffaella Fico com a atriz pornô Holly Henderson. Os dois foram flagrados pelos “paparazzi”. Mas nem só de más notícias vive o garotão. Em 2011, o jogador virou manchete, após doar um valor equivalente a R$ 2,5 mil a um sem-teto. Ele fez a doação, após deixar o Casino 235, na cidade de Manchester, onde havia ganho R$ 65 mil.

Em uma de suas últimas peripécias, o jogador foi visto em uma boate de striptease, no último dia 2 de março, às vésperas do duelo dos Citzens contra o Bolton pelo Campeonato Inglês. Tudo aconteceu dias depois do fanfarrão ter declarado amor a sua noiva Raffaella Fico, após marcar um gol em jogo contra o Blackburn. Por baixo do uniforme, ele vestia uma camisa com os dizeres: “Raffaella te amo”. Antes, ele já havia presenteado a ex-musa do Big Brother italiano com um porsche.

ICFUT – Copa do Brasil 2012 – Gols e melhores momento da rodada ( 25/04/2012 )

Melhores Momentos Portuguesa 0 X 0 Bahia | Copa Do Brasil – 25/04/2012

Melhores Momentos | Palmeiras 2 X 1 Paraná- Copa do Brasil- 25/04/2012

Goiás 2 x 0 Atlético-MG – Melhores Momentos – Copa do Brasil 2012 – 25/04/2012

Oitavas-de-final
1ª RODADA
25/04 – 19h30 Portuguesa-SP 0 x 0 Bahia-BA
25/04 – 21h50 Paraná-PR 1 x 2 Palmeiras-SP
25/04 – 21h50 Goiás-GO 2 x 0 Atlético-MG

ICFUT – REAL MADRID 2(1)X1(3)BAYERN MUNIQUE – Bayern Classificado nos penaltis.

Fonte: Globo.com

CR7 e Kaká param na muralha Neuer, e Bayern elimina o Real nos pênaltis

Português marca duas vezes no tempo normal, mas perde o seu na disputa final. Alemães decidirão a Liga dos Campeões contra o Chelsea em casa

Por Cahê MotaDireto de Madri

 Poderia ser o jogo de Cristiano Ronaldo, que marcou duas vezes no tempo normal. Ou poderia ser o de Kaká, que saiu do banco de reservas no fim do segundo tempo para se aproveitar do cansaço dos rivais. Mas era a noite de Manuel Neuer. O goleiro titular da seleção alemã se consagrou ao defender as penalidades do português e do brasileiro e ainda contou com um chute para fora de Sergio Ramos para levar o Bayern de Munique à grande decisão da Liga dos Campeões, após vitória por 3 a 1 nos pênaltis e derrota por 2 a 1 até a prorrogação, nesta quarta-feira, no Santiago Bernabéu. Detalhe: a finalíssima será na Allianz Arena, casa do Bayern, contra o Chelsea, no próximo dia 19 de maio.

Por pouco Iker Casillas também não foi herói. O goleiro espanhol defendeu duas cobranças dos bávaros – de Kroos e Lahm -, mas Alaba, Mario Gómez e Schweinsteiger deram números finais a uma emocionante e exausta semifinal. O holandês Arjen Robben, que não participou da disputa final, marcou no primeiro tempo, justamente de pênalti.

Com o sonho do 10º título continental adiado novamente, resta aos merengues concentrarem os seus esforços no Campeonato Espanhol, competição em que o time é líder com sete pontos de vantagem para o arquirrival Barcelona, que também se despediu da Champions nesta semana. Restam quatro rodadas.

FICHA TÉCNICA

REAL MADRID-ESP (1) 2 x 1 (3) BAYERN DE MUNIQUE-ALE

Gols:

REAL MADRID: Cristiano Ronaldo, aos seis e 14 minutos do primeiro tempo

BAYERN DE MUNIQUE: Arjen Robben, aos 26 minutos do primeiro tempo

Pênaltis:

REAL MADRID: Converteu Xabi Alonso e perderam Cristiano Ronaldo, Kaká e Sergio Ramos

BAYERN DE MUNIQUE: Converteram Alaba, Mario Gómez e Schweinsteiger e perderam Kroos e Lahm

REAL MADRID: Casillas; Arbeloa, Pepe, Sergio Ramos e Marcelo; Khedira, Xavi Alonso, Ozil (Granero), Di María (Kaká) e Cristiano Ronaldo; Benzema (Higuaín) Técnico: José Mourinho