Por Cleber Aguiar – Repercussão da saída de Ricardo Teixeira na política

Fonte: Diário do Comércio – SP

‘Exterminamos um câncer do futebol’

Bola na rede: Romário comemora a saída de Ricardo Teixeira e torce para que José Maria Marin não siga os passos dele no cargo /Leonardo Prado-Agência Câmara

O deputado federal Romário (PSB-RJ) celebrou ontem à tarde o anúncio da saída definitiva de Ricardo Teixeira do comando da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e com palavras duras. Em texto contundente, publicado em sua conta no Facebook, o Baixinho comparou a queda de Teixeira ao “extermínio de um câncer”, apesar de dizer que acha “muito difícil e quase impossível” que “a CBF dê uma nova cara para o nosso futebol”.

Na mensagem, Romário alfineta o novo presidente da CBF, José Maria Marin e diz esperar que o cartola siga na linha, “senão, teremos que exterminar a AIDS também”. Apesar da desconfiança, o deputado socialista deseja boa sorte ao novo presidente. Abaixo, a íntegra da carta:

Boa tarde, Galera!

Hoje podemos comemorar. Exterminamos um câncer do futebol brasileiro. Finalmente, Ricardo Teixeira renunciou a presidência da CBF. Espero que o novo presidente, João (sic) Maria Marin, o que furtou a medalha do jogador do Corinthians na Copa São Paulo de Juniores, não faça daquele ato uma constante na Confederação. Senão, teremos que exterminar a AIDS também.

Desejo boa sorte ao novo presidente e espero que a partir de hoje (acho muito difícil e quase impossível) a CBF dê uma nova cara para o nosso futebol.

Tô muito feliz em saber que participei deste momento de vitória e de mudança. Não só acredito (…), que uma limpeza geral deve ser feita na CBF. Só então poderemos ficar tranquilos de que a mudança acontecerá em todos os sentidos.

Álvaro Dias lamenta: ‘Saída demorou muito’

Osenador Álvaro Dias (PSDB-PR), disse ontem, em pronunciamento na tribuna, que o governo deveria influir na escolha do dirigente do Comitê Organizador Local (COL) da Copa de 2014, como forma de garantir a lisura no uso do dinheiro público destinado ao empreendimento.

De acordo com o senador, apenas 8,8% das verbas destinadas à competição esportiva têm origem privada. Por isso, ele requereu ao ministério dos Esportes informações sobre todos os compromissos assumidos pelo governo. “O povo está pagando pela organização da Copa”, afirmou, acrescentando que “a responsabilidade é do governo brasileiro”.

Dias lamentou ainda que a renúncia de Ricardo Teixeira, tanto da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) quanto do COL não tivesse ocorrido muito antes. O senador, que em 2001 presidiu a CPI do Futebol para investigar denúncias de irregularidades na entidade, atribuiu a longevidade de Teixeira à cumplicidade de autoridades do Legislativo, do Executivo e do Judiciário, cooptadas pelo poder econômico e político.  “A renúncia de Teixeira se dá muito mais em resposta à pressão externa que interna, porque no Brasil ele obteve apoio de dirigentes e políticos que chegaram a se manifestar na forma de apelo para que ele continuasse dirigindo a CBF”, acusou Dias.

O senador recordou que foi exatamente a CPI do Futebol, realizada há pouco mais de dez anos no Senado, que revelou a existência de contas correntes de paraísos fiscais ligadas a Teixeira. Essas contas estableciam uma triangulação de recursos que chegavam ao Brasil. Recentemente a BBC de Londres, lembrou Dias, apresentou ao mundo fatos criminosos relacionados ao futebol os quais tiveram origem naquela CPI do Senado.

De acordo com o senador, a CPI do Futebol indiciou 17 dirigentes, de federações e de clubes, incluindo Teixeira. Em razão das apurações do colegiado , mais de R$ 160 milhões foram recuperados pela Receita Federal e Banco Central, decorrentes de transações marginais realizadas com a venda e empréstimos de jogadores a clubes do exterior.

Dias questionou ainda a utilização e os custos da manutenção futura das obras previstas para a Copa de 2014, repetindo denúncias já divulgadas de superfaturamento como na reforma do estádio Mané Garrincha, em Brasília. Até agora foram acrescido R$ 260 milhões ao orçamento original com 11 aditivos em contratos.

Nem todos, porém, comemoraram. O ex-jogador Bebeto disse que “foi uma surpresa” a saída de Teixeira e que “só ele poderia explicar o que aconteceu”. O ex-treinador da Seleção Brasileira, Carlos Alberto Parreira, campeão da Copa de 94, disse que o ex-dirigente deixa “um legado muito positivo, de muitas vitórias”.

Para Patrícia Amorim, presidente do Flamengo, a renúncia de Teixeira foi “surpreendente”, mas ela espera que o estatuto da CBF seja respeitado e que não “prejudiquem a organização do Campeonato Brasileiro”, afirmou ao site G1.

Saída de Teixeira agradou Dilma

A saída de Ricardo Teixeira, agora ex-presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), agradou à presidente Dilma Rousseff, disse um assessor da presidente. O afastamento em relação ao governo foi uma das causas da renúncia do dirigente esportivo que passou 23 anos à frente da entidade.

Até o início da noite de ontem Dilma não tinha conversado com José Maria Marin, substituto de Teixeira na CBF – que é uma entidade privada – e no Comitê Organizador Local, responsável pela organização da Copa do Mundo de 2014. A presidente autorizou apenas o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, a falar sobre o tema.

Por hora, disse o aliado da presidente, ela está mais preocupada em acalmar os conflitos com sua base aliada no Congresso e pediu a Aldo que a mantivesse informada sobre eventuais desdobramentos.

Nesta terça-feira (13) ela visitará o Senado para receber um prêmio, em uma tentativa de mostrar deferência ao Congresso após a derrota na votação para reconduzir ao cargo o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT).

Para evitar protagonismo de Teixeira, envolvido em denúncias de corrupção e investigado por uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), Dilma deu demonstrações públicas de apoio a Pelé como a cara dao Copa no Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s