ICFUT–BRASILEIRÃO: Jogos 03/09/2011

SÉRIE A

03/09/2011 18:00 (Saba) Atlético-MG x Avaí Arena do Jacaré
03/09/2011 18:00 (Saba) Figueirense x São Paulo Orlando Scarpelli
03/09/2011 18:00 (Saba) Fluminense x Atlético-GO Raulino de Oliveira

SÉRIE B

03/09/2011 16:20 (Saba) Portuguesa x Paraná Canindé
03/09/2011 16:20 (Saba) Boa-MG x São Caetano Dilzon Melo
03/09/2011 16:20 (Saba) Sport Recife x Guarani Ilha do Retiro
03/09/2011 16:20 (Saba) Americana x ASA-AL Décio Vitta
03/09/2011 16:20 (Saba) Salgueiro-PE x ABC-RN Ademir Cunha
03/09/2011 16:20 (Saba) Vitória-BA x Icasa Barradão

SÉRIE C

03/09/2011 16:00 (Saba) Macaé x Brasiliense Claudio Moacyr de Azevedo
03/09/2011 16:30 (Saba) Guarany x CRB-AL Junco
03/09/2011 17:00 (Saba) Marília x Ipatinga Bento de Abreu
03/09/2011 19:00 (Saba) Águia de Marabá x Araguaina-TO Zinho de Oliveira

SÉRIE D

03/09/2011 15:00 (Saba) Sendas EC x São Mateus-ES Arthur Sendas
03/09/2011 16:00 (Saba) Treze-PB x Bahia de Feira Ernani Sátiro
03/09/2011 16:00 (Saba) Tupi x Gama Mário Helênio
03/09/2011 16:00 (Saba) Brusque x Metropolitano Augusto Bauer
03/09/2011 16:30 (Saba) Peñarol-AM x Nacional-AM Floro Mendonça
03/09/2011 17:00 (Saba) Juventude x Cianorte Alfredo Jaconi

ICFUT – Peixe acerta com Éder Lima

Fonte: lancenet

Santos e Vila Nova-GO chegam a acordo e zagueiro passa por avaliação médica nesta quinta-feira antes de assinar contrato

Eder Lima (Foto: Carlos Costa) Éder Lima passa por exames no Santos nesta quinta e sexta-feira (Foto: Carlos Costa)

O Santos acertou, nesta quinta-feira, a contratação do zagueiro e lateral-esquerdo Éder Lima, 25 anos, que estava no Vila Nova-GO. Peixe e clube goiano entraram em acordo quanto aos valores do negócio e o  jogador chega a Baixada Santista ainda nesta quinta para fazer exames médicos. Se aprovado, assina contrato com o Alvinegro.

Éder Lima atua como zagueiro e, por ser canhoto, também pode ser aproveitado na ala esquerda. A contratação foi um pedido do técnico Muricy Ramalho, que pretende utilizá-lo como suplente de Durval e Léo – que desde a venda de Alex Sandro para o Porto (POR) não tem um reserva.

O jogador foi observado por olheiros do Santos e impressionou por não nenhuma lesão em seu currículo nos últimos dois anos.

Assim que Éder assinar  e tiver a documentação acertada junto a CBF, ele poderá atuar pelo Peixe, já que as inscrições de novos atletas no Brasileiro estão liberadas até o dia 23 de setembro, véspera da 26ª rodada.

Apesar de a transferência depender apenas da realização dos exames médicos e da assinatura do contrato, a diretoria do Peixe adota cautela e prefere não comentar sobre a negociação, que pode ser confirmada nesta sexta.

– Ainda não está concluída a contratação. O jogador vai realizar exames médicos e após isso que vamos nos pronunciar – disse Pedro Luiz Conceição, diretor de futebol do clube.

ICFUT – São Paulo contrata João Filipe em definitivo por cinco anos

Fonte: lancenet

Zagueiro chegou por empréstimo, mas boas apresentações convenceram o Tricolor a comprá-lo

João Filipe (Foto: Eduardo Viana) João Filipe agora é do São Paulo em definitivo (Foto: Eduardo Viana)

Em meio a diversos desfalques para a defesa no meio do Brasileirão, o São Paulo trouxe o zagueiro João Filipe por empréstimo até o final deste ano junto ao Botafogo. Menos de um mês depois, com boas apresentações do jogador, a diretoria são-paulina correu atrás e contratou o beque em definitivo. O defensor acertou um contrato de cinco anos.

Com muitas baixas em seu setor, o camisa 21 foi obrigado a estrear pela equipe dois dias após a sua chegada. Adalberto Batista, diretor de futebol do clube, destacou a rápida adaptação do jogador na nova casa.

– Tivemos que correr pra acertar sua contratação porque a cada semana ele vinha se valorizando com suas atuações em campo. Estamos muito felizes porque o João Filipe chegou e de cara mostrou sua qualidade. Isso dá tranquilidade ao atleta e ao clube. Estamos felizes com o acerto – disse ao site oficial.

Mostrando segurança nas partidas que fez até então, João Filipe ganhou a vaga de Xandão na defesa e se firmou como titular ao lado de Rhodolfo em menos de um mês de clube.

ICFUT – CBF marca nova data para Santos x Botafogo

Fonte: lancenet

Partida, que seria neste domingo, foi remarcada para o dia 19 de outubro, na Vila Belmiro

Botafogo x Santos - Maicosuel (Foto: Alexandre Loureiro) Botafogo venceu o Santos no primeiro turno do Brasileiro no Engenhão (Foto: Alexandre Loureiro)

A CBF remarcou nesta sexta o jogo entre Santos e Botafogo para o dia 19 de outubro, às 20h30 (de Brasília), uma quarta-feira, na Vila Belmiro. O jogo seria disputado inicialmente no próximo domingo, pela segunda rodada do segundo turno do Campeonato Brasileiro, mas foi adiado a pedido do clube paulista.

O adiamento foi solicitado porque o Peixe ficaria desfalcado de Danilo, Neymar e Ganso, trio convocado por Mano Menezes para defender a Seleção Brasileira no amistoso de segunda, contra Gana, em Londres.

A nova data para o duelo alvinegro, porém, pode trazer problemas. Isso porque nesse mesmo dia haverá jogos das quartas de final da Copa Sul-Americana e o Botafogo poderá estar envolvido nessa fase da competição. Nesse caso, a CBF teria que reagendar o confronto.

ICFUT – Valdivia e parte da seleção chilena são furtados em hotel na Suíça

Fonte: espn.com.br

Após perder de virada para a Espanha por 3 a 2, parte da seleção chilena teve outra frustração ao retornar para o hotel em que estão hospedados em Genebra na Suíça. Valdivia revelou em seu Twitter que a delegação foi vítima de furtos.
"[Roubaram] Meu computador, tinha fotos dos meus filhos. Que filhos da p…", reclamou o jogador do Palmeiras, comparando a ação dos criminosos à atuação do árbitro suíco Jerome Laperrier, que o expulsou após ele ter sido substituído e marcou um pênalti nos acréscimos que deu a vitória à Fúria.
"O árbitro nos roubou em campo e agora no hotel vários de nós fomos roubados. Alexis [Sánchez], Bravo, eu, Orellana e outros", relatou. "Que vergonha… Isso é uma vergonha. Não basta o árbitro no campo e no hotel acontece o mesmo. Que péssimo dia na Suíça", continuou o Mago.
O volante Nicolas Córdova foi outra vítima que usou seu microblog para manifestar indignação. "Inacreditável. Metade da equipe foi roubada enquanto jogávamos. Dinheiro, cartões, computadores", publicou Córdova.
"Roubaram todos os jogadores que atuam na Europa. Uma vergonha para a Suíça e para este hotel", também escreveu o meia Felipe Gutiérrez. "Uma vergonha!", decepcionou-se o meia Diego Rubio no Twitter.
A torcida palmeirense ainda pode lamentar mais um problema em relação a Valdivia. O meio-campista, que já era dúvida no amistoso por dores na coxa direita, publicou que segue com dores. "E ainda estou lesionado. Tudo ruim", encerrou o ídolo do do clube.

ICFUT–Entrevista com Christian

Christian admite briga com Gallo e erro em trocar Corinthians pelo Internacional

Ex-centroavante acha que ficou exposto pelo Inter na desavença com o treinador

Ex-centroavante acha que ficou exposto pelo Inter na desavença com o treinador

A terceira passagem de Christian pelo estádio Beira-Rio não lembrou nem de longe a época em que ele decidia jogos contra o Grêmio. Em 2007, o camisa nove arranjou uma desavença com Alexandre Gallo. O então treinador chegou a ‘convocar’ o atacante para esclarecer os fatos no meio de uma entrevista coletiva pós-jogo. Até hoje o ex-jogador não esquece. “A gente, às vezes, não é obrigado a gostar um do outro”, disse.

A ponta de mágoa de Christian também leva em consideração o que ele tinha conseguido antes de voltar para Porto Alegre. No Corinthians, era artilheiro do Paulistão com cinco gols em cinco partidas. Mas preferiu atender ao chamado do então campeão mundial.

Em entrevista ao UOL Esporte, o ex-centroavante confirma as rusgas com Gallo, diz que errou ao sair do Parque São Jorge e que se sentiu exposto na confusão com o técnico. Christian esperava um tratamento diferente do Inter, até por seus ‘serviços’ anteriores.

UOL Esporte: O que tem feito desde que deixou de jogar, Christian?
Christian: Eu cuido dos meus negócios, tenho coisas envolvidas com comércio. No qual, diariamente, tenho que correr atrás. Cuidar e fazer tudo certinho. Virei empresário, vamos dizer assim, na área do comércio.

UOL: Você lida direto com o público? Qual a reação deles ao ver você, um ex-jogador de futebol?
Christian
: Existe bastante isso. Nas reuniões, nos lugares que eu vou sempre existe a lembrança do jogador. Hoje tem o empresário, o cara que cuida dos negócios. Muda totalmente uma coisa da outra, mas sempre fica o carinho do torcedor. Isso é legal.
UOL: O que aconteceu na sua passagem pelo São Paulo? Você foi contratado como um reforço de peso, mas não conseguiu se firmar.
Chistian
: É, acabei não jogando. Mesmo não tendo jogado, eu fiz parte da conquista [o Mundial de Clubes de 2005]. Isso é importante para qualquer jogador. Qualquer um queria estar no meu lugar. Acho que tanto no São Paulo, como no Palmeiras foi uma questão de maturação. Cabeça. Enfim, não deu liga. Muito menos no São Paulo, do que no Palmeiras. No Palmeiras, foi uma passagem rápida. Foi o Rio-São Paulo e depois tive que me reapresentar na França. No São Paulo, não saiu do jeito que eu queria…
UOL: Algo a ver com as pessoas que estavam no clube?
Christian
: Foi mais uma coisa minha. Faltou alguma coisa que não sei explicar. Procurei sempre fazer o melhor. Vinha do futebol japonês, que era totalmente diferente. Precisava de um pouco mais de tempo para me adaptar ao clube e ao futebol brasileiro novamente, mas faz parte. Sou grato ao São Paulo pela oportunidade. Poderia ter sido melhor como foi no Corinthians.
UOL: No Corinthians, foram cinco gols, em cinco jogos. Depois a decisão surpreendente de voltar para o Inter. Por qual motivo?
Christian
: Foi como voltar para casa. Na minha avaliação, foi um erro. Teria que ter continuado no Corinthians. Cheguei e me senti bem. Mas decidi mais pela emoção do que qualquer outra coisa. Acabei voltando para o Inter e consegui o título da Recopa. Foi também importante a passagem, mas se tivesse pensado bem, teria permanecido no Corinthians em 2007.

UOL: Se você tivesse ficado no Corinthians, acredita que 2007 seria diferente?
Christian
: Agora é fácil de falar. Agora é muito mais fácil. Talvez, poderia ter sido diferente. O que posso deixar claro que, naquele momento, houve um erro de avaliação da minha parte. Não deveria ter saído.

UOL: Você só aceitou porque era o Inter?
Christian
: Por ser o Inter. Por ser o clube onde eu me criei. Ter uma segurança contratual, pois tinha um contrato de risco no Corinthians. Isso também pesou muito. Mesmo que o Corinthians tivesse confirmado a proposta, eu teria vindo porque era uma coisa de coração. Esse foi um erro de avaliação meu. Mas tudo bem, faz parte.
UOL: Essa última passagem pelo Inter, inclusive, foi a que você teve maiores percalços.
Christian
: Foi um ano muito difícil. Muito ruim. Já dava para mais ou menos imaginar, pois vinha de um ano muito bom. O próximo ia ser ruim e automaticamente ia cair nas costas de quem estava chegando. Em uma avaliação, os que chegaram não conseguiram manter o nível, mas faz parte do show. Também teve alguns problemas de vestiário com o Gallo. Eu também tive problemas com o Gallo.
UOL: Verdade. Em um certo jogo você apareceu no meio da entrevista coletiva para fazer um esclarecimento, correto?
Christian
: Houve muitos problemas. No meu entendimento, eu fiquei um pouco exposto. Pelo clube e toda a história que eu tinha. Eu fiquei exposto por uma situação que não tinha sido criada por mim. Por essas coisas que foi um ano complicado. Tinha mais um ano de contrato, mas acabei acertando a minha saída do clube. A vida segue, o clube está muito bem e eu sigo minha vida agora como torcedor. O Gallo segue a vida dele, eu sigo a minha, o clube teve várias conquistas após o episódio.
UOL: Muito se falou deste episódio. Você pode comentar algum outro daquela época?
Christian: Essas coisas têm que ficar guardadas. Elas já passaram. Seria até antiético da minha parte. O Gallo é treinador, está na ativa e mesmo se não tivesse, não falaria, pois são coisas de vestiário e seria uma falta de ética. São coisas de vestiário e que naquela época ficaram dentro do vestiário, dentro daquele grupo. No meu entender, não é legal falar sobre isso.
UOL: Você superou as desavenças?
Christian: Nunca houve desavenças. Naquela época, talvez, tenha ficado algumas coisas mal esclarecidas. Mas como falei, ele que siga a vida dele, toda a sorte do mundo onde ele está. Eu sigo a minha e se um dia a gente se encontrar em algum lugar, com certeza, vamos trocar um ‘oi, boa tarde’. ‘Oi, boa noite’. É assim mesmo que funciona. A gente, às vezes, não é obrigado a gostar um do outro. A gente trabalhou juntos e assim que funciona. Na vida, no futebol ou em qualquer outra área que a gente atue.

ICFUT – Proposta do Bahia agrada Joel, e negociação pode ter final feliz

Fonte: globo.bom

Oferta supera valores recebidos nos tempos de Cruzeiro e Botafogo, mas treinador teme exposição excessiva. Renato é segunda opção

Joel Santana no Bem, Amigos! (Foto: Wagner Bordin/SporTV.com)Bahia investe pesado para ter Joel Santana
(Foto: Wagner Bordin/SporTV.com)

Após a “quase-contratação” de Joel Santana no início deste ano, o Bahia pode, enfim, conseguir levar o treinador ao Fazendão. Fontes ligadas ao clube já haviam revelado o contato Tricolor com o técnico poucos minutos após a demissão no Cruzeiro, e os valores apresentados impressionaram. O desgaste da imagem do profissional após as passagens pelo clube mineiro e pelo Botafogo neste ano, porém, ainda trava o acerto.

O salário oferecido pelo Bahia supera o que foi pago a Joel em seus dois últimos clubes. O treinador, por sua vez, ainda analisa o melhor para sua carreira. Precavido, ele busca maiores informações sobre o que encontrará em Salvador e pesa os prós e contras de tamanha exposição em tão pouco tempo. Após mais de um ano no Botafogo, o “papai” pediu demissão no fim de março e pouco depois assumiu o Cruzeiro, onde teve rápida passagem, encerrada de forma surpreendente nesta sexta.

O fato é que as negociações seguem a todo vapor e são conduzidas pessoalmente pelo presidente Marcelo Guimarães Filho. Caso o desfecho não seja favorável, já há também um nome em consenso que surge como opção: Renato Gaúcho, que comandou a equipe no início de 2010 e se desligou do Atlético-PR na última quinta. No entanto, ao deixar o clube paranaense, o treinador alegou saudades do Rio de Janeiro e afirmou que pretendia voltar a morar na cidade. No domingo, contra o Flamengo, no Engenhão, o interino Eduardo Souza dirige o time.
Joel Santana já treinou o Bahia duas vezes: a primeira em 1994 e, depois, em 1999. Foi campeão estadual nas duas vezes.

ICFUT–BRASILEIRÃO SÉRIE B: Resultados 02/09/2011 e notícias

Resultados

02/09/2011 20:30 (Sex) Goiás 1 x 2 Náutico Serra Dourada
02/09/2011 20:30 (Sex) Ponte Preta 1 x 1 Vila Nova-GO Moisés Lucarelli
02/09/2011 20:30 (Sex) Criciúma 2 x 0 Duque de Caxias Heriberto Hulse
02/09/2011 20:30 (Sex) Bragantino 2 x 1 Grêmio-SP Nabi Abi Chedid

Notícias

Fonte: futebolinterior

Ponte vacila, Náutico encosta e Bragantino vence outra vez

Portuguesa ainda lidera, mas o Náutco encostou nos líderes

A Ponte Preta desperdiçou a chance de assumir a liderança isolada do Campeonato Brasileiro da Série B, mesmo que de forma provisória, ao apenas empatar com o Vila Nova, por 1 a 1, em Araraquara, nesta sexta-feira à noite, quando foi aberta a 21.ª rodada. Outros três jogos foram realizados à noite.

Mas quem vacilou mesmo foi o time campineiro, que chegou aos 39 pontos, igualando-se em pontos com a Portuguesa, mas tendo menor saldo de gols: 22 a 14. Além disso, a Portuguesa anda vi jogar neste sábado à tarde, dentro do Canindé, diante do Paraná.
O Vila Nova, que vinha de três derrotas consecutivas, ficou contente com o pontinho conquistado fora de casa. Mas com 24 pontos ainda ocupa a perigosa 16.ª posição. João marcou para a Ponte, mas Leandro Cearense empatou para o time goiano.

Náutico em alta
Quem deu um largo passo para buscar alcançar os líderes foi o Náutico, que bateu o Goiás, por 2 a 1, em pleno Estádio Serra Dourada,em Goiânia. O Timbu já tem 38 pontos, em terceiro lugar, um atrás dos líderes. Pior mesmo para o Goiás, que perdeu a segunda seguida, e continua com 28 pontos, em 11.º lugar.

Para o Goiás marcaram Kieza, com 12 gols na vice-artilharia (Ricardo Jesus, da Ponte, tem 13) e Eduardo Ramos. Nos acréscimos, Iarley diminuiu para os goianos.

Bragantino vence a 3.ª
Em casa, debaixo de muito frio, o Bragantino chegou à sua terceira vitória seguida ao abter o Grêmio Barueri, por 2 a 1. O Massa Bruta não jogou bem, mas venceu e já aparece com 30 pontos, em oitavo lugar. O Barueri, que não perdia há seis rodadas, atuou muito desfalcado e continuou com 29 pontos, em décimo lugar.

Reinaldo e Lincom marcaram para o Braga, enquanto Saldanha anotou para o Barueri.

Criciúma reabilitado
Depois da virada sofrida diante do Guarani, por 4 a 2, o Criciúma buscou a reabilitação e venceu o Duque de Caxias, por 2 a 0, com gols de Rogélio e Baraka. Com 31 pontos, o time catarinense aparece em sexto lugar, enquanto o Duque continua na lanterna, com apenas nove pontos.