Por Cleber Aguiar – Após outra vitória, Ney Franco elogia preparação física

Fonte: Portal POP

 

Luis Robayo/AFPVitória brasileira foi exaltada por treinador da Seleção

O Brasil derrotou o México por 2 a 0 e conquistou a vaga para a final do Mundial Sub-20, contra Portugal. O técnico Ney Franco parabenizou a condição física dos atletas. “Faço uma consideração, um elogio ao nosso departamento de preparação física, comandada pelo Alexandre Lopes. O que vimos do Brasil, além da parte técnica e tática, é que isso tudo aconteceu depois de uma prorrogação contra a Espanha”, afirmou o treinador ao Globoesporte.com.

O zagueiro Bruno Uvini temeu uma nova prorrogação, que poderia desgastar mais ainda os jogadoers. “Claro que passa um pouco na cabeça, mas no calor do jogo ali, sabendo da condição do nosso time, que àquela altura tinha jogadores agudos como Dudu e Negueba, poderíamos criar chances de gol. Como também poderia ter ido para a prorrogação, mas sabíamos que no final faríamos um golzinho ao menos. Segurava ali atrás porque sairia gol lá na frente”, resumiu.

Veja os melhores momentos  :

 

Por Cleber Aguiar – SUA CASA MINHA CASA

Fonte: Folha de São Paulo

Com aproveitamento de 75% quando joga fora do Morumbi, São Paulo desponta como melhor visitante da era dos pontos corridos no Brasileiro

RAFAEL REIS
DE SÃO PAULO

O São Paulo encontra hoje o cenário perfeito para afastar os traumas causados pelos dois últimos tropeços.
Após estrear na Copa Sul-Americana com derrota para o Ceará e empatar com o Atlético-PR, enfrenta o América-MG, em Sete Lagoas.
Mais do que encarar o lanterna do Brasileiro, o que anima Adilson Batista a apostar em um resultado positivo é o fato de a partida ser disputada longe do Morumbi.
Distante de sua casa, o São Paulo venceu seis dos oito jogos que fez. E tem aproveitamento de 75% como visitante, o melhor da história do Brasileiro no formato atual.
Na era dos pontos corridos, iniciada em 2003, só o Corinthians campeão de 2005 terminou a 16ª rodada com retrospecto tão bom atuando longe dos seus domínios.
Para se ter uma ideia de como a campanha são-paulina fora do Morumbi é relevante, o Fluminense, melhor visitante do ano passado, tinha 63% de aproveitamento nesta altura do campeonato.
Em 2004, o Palmeiras liderava tal estatística com 50%.
Em 2003, o Cruzeiro se sagrou campeão com a melhor campanha fora. Naquele ano, obteve 63,8% dos pontos. “Quando jogamos fora, nossos adversários atacam mais e nos dão espaço. Como temos um time técnico lá na frente, conseguimos conquistar os resultados se formos bem na defesa”, tentou explicar o lateral esquerdo Juan.
E é graças aos resultados expressivos obtidos fora de casa que o São Paulo se mantém na briga pela liderança.
O time, que só perdeu como visitante para Corinthians e Flamengo, os dois primeiros na classificação, acumula insucessos no Morumbi, onde somou 14 dos 24 pontos disputados (58,3% do total).
“Também jogamos bem no Morumbi. Fomos bem superiores contra o Atlético-GO e o Atlético-PR. Mas eles foram lá e fizeram dois gols”, declarou Juan, citando empates como mandante contra times que lutam contra o descenso.
Após a partida de hoje, o São Paulo inicia uma sequência de jogos importantes em casa. No domingo, recebe o Palmeiras. Na quarta-feira, decide contra o Ceará sua permanência na Sul-Americana.


NA TV
América-MG x São Paulo
21h Sportv e Sportv HD

Por Cleber Aguiar – Humoristas engrossam a lista dos botafoguenses ilustres da TV

Fonte: Portal Uol

O UOL Esporte Vê TV dá sequência à série sobre os times do coração das personalidades de televisão brasileira apresentando dez torcedores ilustres do Botafogo. O alvinegro carioca está bem representado poe beldades, mas o time se destaca mesmo pela preferência entre os humoristas, como mostra a lista a seguir.

Regina Casé
Atualmente ela é apresentadora dominical, mas o começo da sua carreira foi marcado pelas participações no programa “TV Pirata”, clássico do humor dos anos 80. Uma de suas personagens mais célebres foi Edicléia Carabina, chefe de uma torcida organizada do Botafogo que foi convidada para o quadro “TV Macho”. Ao menos quanto à preferência pelo time, ela não precisou interpretar.

Marcelo Adnet
O comediante cresceu no bairro carioca do Humaitá e já apareceu mais de uma vez no ar com a camisa do Botafogo em programas da MTV, começando pelo “Quinze Minutos”, em 2008. Sua paixão é tanta que ele chegou a criar uma versão em inglês do hino botafoguense, interpretada na voz de Joel Santana: “Bootfire, bootfire, champion…”

Hélio de la Peña
O casseta nunca escondeu sua paixão pelo alvinegro, mesmo nos piores momentos. Ainda no jornal “Planeta Diário” na década de 1980, permitiu a criação da campanha “Hei de vencer, mesmo sendo Botafogo”. Mais recentemente, depois do título carioca de 2010, lançou o livro infantil “Meu Pequeno Botafoguense”.

Carioca do Pânico
Márvio Lúcio, o Carioca do programa “Pânico na TV”, costuma ir aos estádios como imitador do técnico Muricy Ramalho, do Santos. Mas, fora do expediente, ele só veste uma camisa: a do Botafogo. Quando o time foi campeão carioca no ano passado, ele até invadiu o programa “Bola na Rede”, da RedeTV!, vestindo o uniforme alvinegro.

Fernanda Machado
A atriz que interpreta Luciana em “Insensato Coração” nasceu em Maringá, no interior do Paraná, notório reduto corintiano. Mas ela escolheu o Botafogo para torcer. Famosa também pelo seu papel em “Tropa de Elite”, ela estrelou uma campanha pela paz nos estádios vestindo a camisa alvinegra.

Fernando Vanucci
O apresentador não é humorista, mas teve seus momentos de comédia depois da Copa de 2006 com o discurso “Ah, Itália” que motivou a criação de um troféu dedicado a ele neste blog. Estrela da TV nos anos 1980, o mineiro de Uberaba escolheu o time de General Severiano para torcer, e não perdeu a compostura nem ao anunciar momentos tristes do clube, como o rebaixamento à Série B.

Stepan Nercessian
Vice-campeão da Dança dos Famosos de 2006, o ator é torcedor fanático, figura fácil na torcida do Botafogo. A partir deste ano, tornou-se o mais conhecido representante botafoguense no Congresso, ao assumir um mandato de deputado federal.

Flávia Alessandra
É a beldade botafoguense que mais aparece com a camisa do clube, até por ser presença frequente nos desfiles de apresentação de novos uniformes. A atriz de Morde & Assopra, duas vezes capa da Playboy, é costumeiramente citada com orgulho pela torcida do Botafogo para sustentar a alegação de que o time tem as representantes mais belas.

Murilo Benício
O ator de “Força Tarefa” é presença frequente nos jogos, mas nem sempre veste a camisa para ir ao estádio. Foi o caso na final da Taça Guanabara de 2010, quando o Botafogo derrotou o Vasco. Murilo estava à paisana nas arquibancadas. Mas, segundo relato de fãs, enlouqueceu quando o time de Loco Abreu fez gol e encaminhou a vitória.

Nana Gouvêa
A modelo é outra que engrossa a lista das musas botafoguenses. Mas a sua relação com o time é até mais profunda. Afinal, a sua carreira embalou depois que ela apareceu em uma revista Playboy de 1996 como “Musa do Botafogo”. A partir de então, ela fez diversos ensaios sensuais. Hoje em dia, é atriz da Globo e seu último papel foi na novela “Araguaia”.

Por Cleber Aguiar – Renato Gaúcho leva Atlético-PR do inferno ao céu em 9 jogos

Fonte: Portal Terra

Renato Gaúcho ainda não conseguiu tirar Atlético-PR da zona do rebaixamento, mas esboça recuperação. Foto: Fernando Borges/Terra

Renato Gaúcho tem feito um ótimo trabalho desde que assumiu o Atlético-PR
Foto: Fernando Borges/Terra

Elaine Felchacka

Renato Gaúcho foi apresentado no Atlético-PR no dia 7 de julho. Na ocasião, assumiu o time com apenas um ponto ganho em oito jogos e somente dois gols marcados, amargando a lanterna do Campeonato Brasileiro. Mas em 9 jogos, a história mudou.

Já na primeira partida, o treinador conseguiu um empate com o Avaí, mas o início da reação veio no terceiro jogo, com vitória sobre o Botafogo, na 11ª rodada.

A partir daí, o time deslanchou, o ataque passou a funcionar e Renato Gaúcho, em nove jogos, sofreu apenas duas derrotas. Não perde há cinco rodadas e depois de passar pelo Cruzeiro, na noite da última quarta-feira, pela primeira vez respirou aliviado com o time fora da zona de rebaixamento.

O treinador elevou o aproveitamento do time e hoje tem uma equipe dez vezes melhor nas mãos. Quando chegou, eram apenas 4,1% de aproveitamento, somando os pontos conquistados ¿ 15 em 27 disputados ¿, nos jogos em que comandou tem 55% de aproveitamento.

Observando o desempenho a partir da vitória sobre o Botafogo, confronto que marcou o início de um novo Atlético-PR neste Brasileiro, Renato é ainda mais feliz nos números, com 66% de aproveitamento. Apenas uma derrota em sete jogos, sendo dois empates e quatro vitórias.

Por Cleber Aguiar – Alexandre Gallo não é mais técnico do Avaí

Fonte: Diário de Santa Catarinense

Técnico deixa o clube depois de 13 partidas

Alexandre Gallo não é mais o técnico do Avaí. Após mais uma derrota, a sétima sob o seu comando, o treinador não aguentou a pressão e está fora do Leão. Gallo chegou ao clube no dia 14 de junho com a missão de tirar o time da zona de rebaixamento. Após 13 partidas, muitas formações, contratações e dispensas, o treinador não conseguiu em nenhum momento tirar o clube do Z-4. Ao todo, Alexandre Gallo conquistou três vitórias, empatou outros três jogos e perdeu sete partidas.

O auxiliar técnico Maurício Copertino e o preparador físico Elliot Alves também deixam os respectivos cargos.

Os 13 jogos de Alexandre Gallo

17/8 – Avaí é derrotado pelo Vasco por 2 a 0 na Ressacada
13/8 – Avaí joga mal, tem jogador expulso e é goleado pelo Cruzeiro
7/8 – Avaí perde para o São Paulo de virada na Ressacada e segue no Z-4

Um sopro de esperança
3/8 –
Avaí joga bem, mantém ascensão e vence o Ceará por 3 a 0

31/7 – Avaí, de virada, derrota o Corinthians por 3 a 2 na Ressacada

27/7 – Avaí perde de virada por 2 a 1 para o Botafogo
21/7 – Avaí perde de virada para o Inter
16/7 – Avaí vence a primeira partida no Brasileirão 

Empates em sequência
9/7-
Avaí fica no 0 a 0 com o Atlético-PR

6/7 – Avaí patina e apenas empata com o Bahia na Ressacada
29/6 – Avaí deixa escapar a vitória sobre o Grêmio no final

26/6 – Avaí, em casa, perde de 1 a 0 para o Fluminense
19/6 – A estreia de Alexandre Gallo
Avaí é goleado por 5 a 0 pelo Palmeiras

Reforços com o aval de Gallo
11/8 –
Meia Lincoln

24/7 –  Caíque, Marcos Paulo e Caçapa
14/7 – Anderson Lessa
7/7 – Leandro Lima
24/6 – Welton Felipe

Por Cleber Aguiar – Aeroportos não atenderão demanda da Copa, diz Ipea

Fonte: Valor Online

O coordenador de Infraestrutura do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea), Carlos Campos, disse que as obras de ampliação dos aeroportos para a Copa do Mundo não darão conta da demanda em 2014 em pelo menos dez locais. O pesquisador comparou as projeções de ampliação dos aeroportos feitas pela Infraero com um crescimento anual de 10% – um cálculo “conservador”, segundo Campos.

Por Cleber Aguiar – Ronaldinho Gaúcho é convocado e volta à Seleção após nove meses

Fonte: Globo.com

Jogadores que atuam no Brasil voltarão a tempo para partidas de 7 de setembro, mas perderão duas rodadas antes do amistoso contra Gana

Por Márcio Iannacca Rio de Janeiro

Ronaldinho com a camisa da Seleção Brasileira (Foto: Getty Images)Ronaldinho com a camisa da Seleção Brasileira:
nove meses de ausência (Foto: Getty Images)

Ronaldinho Gaúcho está de volta à Seleção Brasileira. Após nove meses longe da amarelinha sob o comando de Mano Menezes, o atacante do Flamengo renasceu para o time canarinho. Nesta quinta-feira, o treinador divulgou a lista de convocados para o amistoso contra Gana, no dia 5 de setembro, em Londres, e o nome do vice-artilheiro do Campeonato Brasileiro está incluído entre os 24 atletas.

Segundo a CBF, os dez jogadores que atuam no Brasil estarão de volta ao país até o dia 6, terça, para que estejam à disposição dos clubes na quarta, dia de rodada do Brasileirão. Assim, Ronaldinho e o volante Ralf poderiam entrar em campo na partida entre Corinthians e Flamengo, que pode até decidir a liderança da competição.

Porém, os atletas de clubes nacionais perderão duas rodadas do Brasileirão, já que a apresentação está marcada para o dia 30 deste mês: há jogos nos dias 31 e 1º de setembro, quarta e quinta, e no fim de semana seguinte (confira a tabela completa). Mano Menezes já avisou que não vai abrir mão dos jogadores convocados (veja no fim da matéria os jogos em que eles vão desfalcar suas equipes no Brasileiro).

Outros jogadores a ganharem nova chance como Mano são o lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid, o goleiro Fábio, do Cruzeiro, e os atacantes Hulk, do Porto, e Leandro Damião, do Internacional. As principais ausências são as de André Santos, do Fenerbahçe, Fred, do Fluminense, e Ramires, do Chelsea. A novidade é o lateral-direito Danilo, do Santos e da Seleção sub-20.

Em 13 jogos no comando da Seleção Brasileira, Mano obteve seis vitórias, quatro empates e três derrotas. Os tropeços foram justamente para equipes de grande tradição no futebol mundial. França (1 a 0, em Paris), Argentina (1 a 0, em Doha, no Qatar) e Alemanha (3 a 2, em Stuttgart). O duelo diante dos hermanos, em novembro do ano passado, foi justamente o último de Ronaldinho pela equipe (veja o vídeo).

Depois de pegar Gana, o Brasil fará dois amistosos com a Argentina, em 14 e 28 de setembro, apenas com jogadores dos campeonatos nacionais. A convocação para o primeiro jogo será no dia 9 de setembro, pelo site oficial da CBF.

Confira abaixo a lista completa de Mano Menezes:

GOLEIROS
Julio César (Inter de Milão)
Fabio (Cruzeiro)
Jefferson (Botafogo)

LATERAIS
Daniel Alves (Barcelona)
Danilo (Santos)
Marcelo (Real Madrid)
Adriano (Barcelona)

ZAGUEIROS
Lúcio (Inter de Milão)
Thiago Silva (Milan)
David Luiz (Chelsea)
Dedé (Vasco)

VOLANTES
Lucas Leiva (Liverpool)
Ralf (Corinthians)
Luiz Gustavo (Bayern de Munique)
Elias (Atlético de Madri)

MEIAS
Paulo Henrique Ganso (Santos)
Lucas (São Paulo)
Fernandinho (Shakhtar)

ATACANTES
Alexandre Pato (Milan)
Robinho (Milan)
Neymar (Santos)
Hulk (Porto)
Ronaldinho Gaúcho (Flamengo)
Leandro Damião (Inter)

Partidas dos times com jogadores convocados:

Botafogo (Jefferson): Palmeiras (dia 31, em casa) e Santos (dia 4, fora)

Corinthians (Ralf): Grêmio (dia 1, em casa) e Coritiba (dia 4, fora)

Cruzeiro (Fábio): Figueirense (dia 31, em casa) e Palmeiras (dia 4, fora)

Flamengo (Ronaldinho): Avaí (dia 31, fora) e Bahia (dia 4, em casa)

Inter (Leandro Damião): Santos (dia 31, em casa) e Ceará (dia 4, fora)

Santos (Danilo, Ganso e Neymar): Inter (dia 31, fora) e Botafogo (dia 4, em casa)

São Paulo (Lucas): Fluminense (dia 31, em casa) e Figueirense (dia 3, fora)

Vasco (Dedé): Ceará (dia 1, em casa) e América-MG (dia 4, fora)

ICFUT – Gols, jogos e Classificação – Brasileirão 2011- Série A

CLASSIFICAÇÃO P J V E D GP GC SG %
1
Corinthians
37
17
11
4
2
29
14
15
72.5
2
Flamengo
34
16
9
7
0
30
15
15
70.8
3
Vasco
33
17
10
3
4
25
20
5
64.7
4
São Paulo
32
16
10
2
4
27
20
7
66.7
5
Botafogo
28
17
8
4
5
24
17
7
54.9
6
Palmeiras
27
16
7
6
3
21
11
10
56.2
7
Internacional
26
17
7
5
5
25
20
5
51
8
Fluminense
24
16
8
0
8
19
17
2
50
9
Coritiba
24
17
7
3
7
31
23
8
47.1
10
Figueirense
23
17
6
5
6
17
21
-4
45.1
11
Ceará
22
17
6
4
7
24
27
-3
43.1
12
Cruzeiro
21
17
6
3
8
23
19
4
41.2
13
Bahia
19
16
4
7
5
19
21
-2
39.6
14
Grêmio
18
16
4
6
6
16
21
-5
37.5
15
Atlético-GO
16
16
4
4
8
15
19
-4
33.3
16
Atlético-PR
16
17
4
4
9
17
25
-8
31.4
17
Santos
15
15
4
3
8
18
25
-7
33.3
18
Atlético-MG
15
17
4
3
10
22
33
-11
29.4
19
Avaí
13
17
3
4
10
18
38
-20
25.5
20
América-MG
11
16
2
5
9
18
32
-14
22.9

Artilharia

10 GOLS
Santos –
Borges

9 GOLS
Flamengo – Ronaldinho Gaúcho

8 GOLS
Flamengo – Deivid

17ª RODADA
17/08 – 19h30 Avaí-SC 0 x 2 Vasco da Gama-RJ
17/08 – 19h30 Fluminense-RJ 3 x 0 Figueirense-SC
17/08 – 19h30 Atlético-PR 2 x 1 Cruzeiro-MG
17/08 – 19h30 Ceará-CE 3 x 0 Grêmio-RS
17/08 – 21h50 Atlético-MG 2 x 3 Corinthians-SP
17/08 – 21h50 Internacional-RS 1 x 0 Botafogo-RJ
17/08 – 21h50 Santos-SP 2 x 3 Coritiba-PR
18/08 – 21h00 América-MG x São Paulo-SP
18/08 – 21h00 Palmeiras-SP x Bahia-BA
18/08 – 21h00 Flamengo-RJ x Atlético-GO

 

Por Cleber Aguiar – Palmeiras pode trocar Felipão por Carpegiani

Fonte: O Estado de São Paulo

Vice-presidente Roberto Frizzo já teria acertado com o ex-técnico do São Paulo para assumir o comando do time

Paulo Galdieri – O Estado de S.Paulo

A relação entre Luiz Felipe Scolari e a diretoria do Palmeiras está por um fio. A ponto de a diretoria do clube já ter até engatilhado um substituto para o lugar dele.

Segundo apurou a reportagem do Estado, o vice de futebol do clube, Roberto Frizzo, tem dito a conselheiros que se mostraram preocupados com o caso que se Felipão deixar o clube ele tem um acordo com Paulo César Carpegiani para assumir logo em seguida.

A escolha de Carpegiani como eventual substituto para Felipão tem como motivo a praticidade. Primeiro, porque se trata de um técnico desempregado. Em segundo lugar, porque Frizzo e Fabiano Carpegiani, filho do treinador e empresário de atletas, têm tido um bom relacionamento.

Fabiano Carpegiani diz não saber de um contato entre seu pai e a diretoria do Palmeiras. “Não estou sabendo de nada. Estou fora do País”, desconversa.

A permanência de Felipão no Palmeiras só não foi encerrada ainda por causa da multa contratual, que teria de ser paga a ele, e o medo dos dirigentes de terem que arcar com a responsabilidade de uma eventual queda de rendimento do time.

O presidente Arnaldo Tirone afirma desconhecer a sondagem a Carpegiani. “Isso eu não sei, tem que perguntar para o Frizzo. Mas o Felipe é o nosso técnico e não quero trocá-lo. Ele só sai do Palmeiras se quiser.”

Roberto Frizzo tomou conhecimento de que a reportagem seria publicada e ligou ao Estado, por volta das 22h30, para dar a sua versão. Ele nega que queira a saída de Felipão. “Não pensei nisso em nenhum momento e o Felipe é o nosso técnico. Podemos às vezes ter pontos de vista divergentes com ele, mas não quer dizer que tenhamos problemas. Não tem procedência.”

Tirone afirma que a situação no departamento de futebol é contornável. “As pessoas têm divergências de opinião e personalidades diferentes, é normal.”

O episódio do empréstimo de Pierre para o Atlético-MG, sem que o clube mineiro tivesse que ceder Ricardo Bueno – um acordo costurado por Felipão, mas ignorado por Frizzo na hora de fechar o negócio -, deixou o relacionamento profissional entre eles muito complicado.

A situação ficou tão delicada que há relatos de que Felipão, de cabeça quente, teria pedido demissão na reunião que teve com a diretoria anteontem.

O descontentamento do treinador com as atitudes de Roberto Frizzo já vem há algum tempo. Entre os problemas que Scolari enxerga no departamento de futebol estão o que ele considera como uma abertura exagerada para empresários de atletas no CT do clube.

Mas também há irritação de parte da diretoria do Palmeiras com o treinador. Uma das queixas de conselheiros é de que Felipão defende demais os seus alguns jogadores no elenco e rifa com facilidade quem não está nesse grupo – Kleber estaria no primeiro grupo e Pierre e Lincoln, seriam integrantes do segundo.

Nota Oficial do Site do Palmeiras :

Nota Oficial: Frizzo desmente informação do portal ‘O Estado de S.Paulo’
Agência Palmeiras
Assessoria de Imprensa
17/08/2011 23h33

O vice-presidente de futebol do Palmeiras, Roberto Frizzo, desmentiu a notícia publicada na noite desta quarta-feira (17) pelo portal ‘O Estado de S.Paulo’, de que o clube teria acertado com o técnico Paulo César Carpegiani, demitido recentemente do São Paulo, para o lugar de Luiz Felipe Scolari.

A presidência e a diretoria de futebol do Palmeiras reiteram que Luiz Felipe Scolari é um profissional extraordinário, exemplar, competente e um dos principais treinadores do mundo, e que em nenhum momento cogitou-se a troca de comando, pois o trabalho está sendo muito bem conduzido pelo atual treinador palmeirense.

“Tratam-se de cinco ou seis ratazanas do esgoto, que insistem em querer tumultuar o ambiente do Palmeiras. O Felipão é o nosso técnico, continuará sendo e tem a total confiança da presidência e da diretoria de futebol do Palmeiras”, declarou o vice-presidente.

Assessoria de Imprensa S.E. Palmeiras