Por Cleber Aguiar – ‘Velhinhos’, Juninho e Felipe vão ter que aguentar maratona

Fonte: O Dia Online

POR RAPHAEL ZARKO

Rio – Do confronto contra o Atlético-MG, domingo, até o segundo jogo da Copa Sul-Americana contra o Palmeiras, em São Paulo, o Vasco vai ter nove partidas em um intervalo de um mês. A média é de quase um jogo a cada três dias, o que colocaria em risco os meias Felipe e Juninho, de 33 e 36 anos, respectivamente. Mas, para o preparador físico do Vasco, Rodrigo Poletto, os dois têm condições de suportar a ‘maratona’.

“São dois atletas muito bem trabalhados, talvez até por terem tido a mesma base no Vasco. Além disso, eles se cuidam, têm uma vida regrada, não dormem tarde, alimentam-se bem. Juninho e Felipe têm toda essa consciência de profissionalismo que serve de exemplo até para os mais garotos”, afirmou o preparador.
Apesar da boa condição física dos veteranos da equipe, Poletto explica que em algum momento esses jogadores terão um descanso e ficarão fora de alguns jogos e viagens.

“Precisamos pensar no bem-estar dos atletas, então em um determinado momento vamos ter que poupá-los de alguns jogos. Estamos pensando toda essa estrutura em conjunto com o departamento de futebol, com a fisiologia”, disse Poletto, que lembra como o trabalho de musculação pode ajudar na recuperação física dos atletas.
“A musculação é fundamental, é um trabalho preventivo de antes e depois dos jogos para evitar lesões, para que eles tenham estrutura muscular melhor e que os permita ter vida longa dentro de campo”.

Rodrigo Poletto ressaltou a importância de ter um grupo grande e qualificado para tantos jogos em duas competições diferentes. “Fazemos trabalhos complementares com todos os jogadores, mas individualizamos esse treinamento. Claro que temos um padrão da preparação física, mas conversamos com eles e, se houver necessidade, seguramos um pouco em uma atividade ou outra. Até no treinamento técnico mesmo”, afirma Poletto.

Com tantos cuidados na preparação física do time, o técnico Ricardo Gomes não deve ter problemas para escalar Juninho contra o Atlético-MG. Embora ainda não tenha começado a sequência de jogos da equipe, o treinador preferiu evitar coletivos até agora nesta semana. Certo é que Felipe não joga, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. No lugar dele, os candidatos a vaga são Diego Souza, que seria uma opção menos provável, e Eduardo Costa, que já está regularizado e voltaria a compor a dupla de volantes com o jovem Romulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s