Por Rogerinho – Acaba mais uma novela no São Paulo: Marcelo Cañete é contratado

Depois de algumas semanas de especulações, meia argentino assinou vínculo de três anos

FONTE – IG ESPORTE

Após uma longa negociação envolvendo o São Paulo, o Boca Juniors, da Argentina, e a Universidad Católica, do Chile, a diretoria do clube paulista concluiu, nesta quarta-feira, a contratação do meio-campista argentino Marcelo Cañete. O novo reforço tricolor assinou um vínculo de três temporadas e a apresentação oficial deve acontecer até sexta-feira.

Segundo o próprio São Paulo, a transação exigiu muito cautela e não era simples de ser concluída, já que envolvia três clubes.

Um acordo foi feito com o Boca Juniors, mas a Católica ainda precisava aceitar a quebra de contrato de Cañete, que iria até o final de 2011. O empresário do atleta, Rodrigo Vilarino, também exigiu uma compensação financeira e, por um momento, travou o negócio.

Por conta das dificuldades no acerto, a negociação ficou bastante ameaçada. O meia chegou a declarar à imprensa chilena que sua ida para o São Paulo não aconteceria mais. Mas, com a insistência do São Paulo, que vê em Cañete um jogador de muito potencial, a história deu uma reviravolta e o argentino finalmente defenderá o time em 2011.

“Assim como aconteceu com o Piris, essa foi outra negociação trabalhosa, complexa, mas que felizmente para a nossa coletividade também acabou coroada com êxito”, disse o vice-presidente de futebol, João Paulo de Jesus Lopes, ao site oficial do São Paulo.

Para o diretor de futebol Adalberto Baptista, Cañete, de apenas 21 anos de idade, tem tudo para dar muitas alegrias ao torcedor são-paulino. “Ele é um grande jogador, ídolo no Chile e apontado como atleta de muito futuro no futebol argentino. Tenho plena confiança de que nos ajudará a alcançar novas conquistas”, completou o cartola.

Além de Cañete, o São Paulo já anunciou os reforços de Cícero, Denilson e Piris para a temporada. Felipe Melo esteve muito próximo de um acerto, mas o volante preferiu ficar na Europa.

A frustração, porém, deve ficar por conta do zagueiro uruguaio Coates. O defensor do Naciona-URU pode até defender as cores são-paulinas, mas não agora.

FICHA TÉCNICA

Nome: Marcelo Cañete

Posição: meio-campista

Nascimento: 16/04/1990 – 21 anos

Local de nascimento: Lugano (ARG)

Altura: 1,79m Peso: 73kg

Clubes: Boca Juniors (2010/2011), Universidad Católica (2011), São Paulo (2011)

Por Edgar Santista – CR7 em quatro tempos.

CR7 usa relógio inovador de R$ 5,3 mil

 O atacante Cristiano Ronaldo não tem mais desculpas para chegar atrasado aos treinos do Real Madrid. O craque português comprou um estiloso relógio que mostra a hora de quatro locais diferentes ao mesmo tempo. O design do relógio, que custa 2,1 mil libras (R$ 5,3 mil), é baseado na Ferrari 308 GTB/GTS Quattrovalvole, fabricada em 1984, e a pulseira é feita de pele de cobra.

O jornal “Daily Mail” explica que Ronaldo tem motivos para ter o acessório. O atacante vive em Madri, a família é da região de Santo Antônio, em Portugal. A namorada russa passa a maior parte do tempo em Nova York, e o Real Madrid está em turnê de pré-temporada em Los Angeles, na costa oeste dos Estados Unidos

Por Cleber Aguiar – Atacante André já está em BH e pode ser apresentado esta tarde

Fonte: Globo.com

Jogador desembarcou no meio da manhã e faz exames médicos

Por Matheus Maciel Belo Horizonte

andré novo reforço do atlético-mg (Foto: Matheus Maciel / GLOBOESPORTE.COM)Atacante André chega animado ao novo clube
(Foto: Matheus Maciel / GLOBOESPORTE.COM)

O atacante André já está em Belo Horizonte. O ex-santista e mais novo reforço do Atlético-MG desembarcou no meio da manhã desta quarta-feira e, à tarde, realiza exames médicos. Ele pode ser apresentado esta tarde. Se aprovado, assina contrato de um ano com o clube mineiro, que revelou poucos detalhes da negociação.

De acordo com a assessoria de imprensa do Galo, adquiriu parte dos direitos enconômicos do jogador – valores não informados. O clube mineiro venceu a disputa com o Flamengo, que também estava interessado no atacante.

André, que não se adaptou ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia (que comprou os direitos do jogador junto ao Santos), e nem ao Bourdeaux, da França (clube para o qual estava emprestado), chegou pelo desembarque internacional do Aeroporto de Confins. Caminhou apressado até o estacionamento, onde parou para conversar com a reportagem do GLOBOESPORTE.COM e da TV Globo Minas. E falou o que espera do novo clube.

– A expectativa é a melhor. Vou fazer exames, conversar com o presidente para acertar aqui logo. Depois, começar a treinar e jogar.

André despontou no futebol brasileiro defendendo o Santos, então comandado pelo atual técnico do Galo, Dorival Júnior. O atacante é a esperança do torcedor atleticano para tirar o time da incômoda 15º colocação no Brasileirão. E o jogador, que chega animado, promete não decepcionar.

– O torcedor pode ficar tranquilo, que o time vai sair dessa situação.

André Felipe Ribeiro de Souza é natural de Cabo Frio-RJ e tem 20 anos.Já foi campeão da Copa do Brasil e do Campeonato Paulista em 2010, com o Santos de Dorival Júnior. O atacante atuou 51 partidas com a equipe da Vila Belmiro e marcou 28 gols. Ele chegou à categoria de base do time da Vila Belmiro em 2009 proveniente da Cabofriense, equipe que formou o jogador.

ICFUT – Alessandra Quintino elege Kaká como jogador mais sexy

Fonte: Futebolinterior.com.br

A ex-dançarina do “É o Tchan” gosta da timidez e da seriedade do meia

Kaká ainda não conseguiu se firmar no Real Madrid e vem passando por vários problemas de contusão, mas fora de campo sua moral ainda segue alta. A ex-dançarina do grupo “É o Tchan”, Alessandra Quintino (foto), elegeu o craque como o jogador mais sexy do mundo.

Veja video da gata !

Por Cleber Aguiar – Fresta na janela: último dia para transferências do exterior é nesta 4ª

Fonte: Globo.com

Clubes brasileiros têm até o fechamento do expediente da CBF para inscrever atletas que estavam jogando fora do país

A janela de transferências internacionais abriu no dia 20 de junho, e por ela passaram jogadores que vieram dos mais variados países. Mas quando a CBF encerrar o expediente nesta quarta-feira, não passa mais ninguém. Ou seja, os clubes que buscam contratações no exterior têm algumas horas para aproveitar essa última fresta. 

Algumas equipes já tiveram êxito na corrida contra o tempo. O Flamengo assinou com o zagueiro Alex Silva, do Hamburgo-ALE, na segunda-feira. Mesmo dia em que o volante Denílson, ex-Arsenal, acertou o seu retorno ao São Paulo.

INFO Janela 19-07 22h40 (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)

Ao todo, os clubes da Série A do Brasileirão contrataram 34 jogadores. Quatro são estrangeiros: os atacantes Santiago García (estava no Nacional-URU e foi para o Atlético-PR), Ezequiel Miralles, (ex-Colo Colo-CHI, agora no Grêmio); o meia Manuel Lanzini (emprestado pelo River Plate-ARG ao Fluminense); e o lateral-direito Ivan Piris (contratado pelo São Paulo junto ao Cerro Porteño-PAR).

Botafogo, Vasco e Grêmio fizeram diferente. Contrataram jogadores por empréstimo no ano passado, gostaram do que viram e neste ano decidiram adquirir os atletas em definitivo. Foi assim com Marcelo Mattos, Eduardo Costa e Gabriel, respectivamente.

Empréstimos renovados

A janela de transferência também serviu para o Vasco renovar os vínculos com o meia Felippe Bastos e com o atacante Eder Luis, ambos do Benfica-POR. Contratos de jogadores que têm vínculos com clubes estrangeiros também precisam ser renovados no prazo estipulado.

Luan, atacante do Palmeiras e vinculado ao Toulouse-FRA, passa por esse problema. Seu contrato de empréstimo termina no dia 31 de julho. Se o Alviverde conseguir a renovação depois do fechamento da janela, terá de fazer uma solicitação à Fifa para fazer valer o novo acordo, já que uma nova transferência seria enviada pelo clube francês.

– Tudo que o sistema eletrônico bloqueia precisa ser avaliado pela Fifa. Ela sempre tenta preservar a competição e também proteger a carreira do jogador, então coloca tudo isso na balança na hora de liberar o jogador ou não – explicou o advogado especializado em direito esportivo Marcos Motta.

No ano passado, o zagueiro Rodrigo conseguiu se transferir do Grêmio para o Inter em outubro. Era reforço colorado para o Mundial de Clubes e, caso não tivesse realizado mais de seis jogos pelo Tricolor, até poderia jogar o Brasileiro mesmo com a transferência efetuada após o fechamento da janela.

Quando a necessidade é um problema

Três clubes ainda não se aproveitaram da janela de transferência internacional. Preferiram (ou só tiveram condições de adquirir) jogadores que ainda não participaram de sete jogos no Brasileirão ou foram atrás de atletas de outras divisões. São os casos de América-MG, Atlético-GO e Coritiba.

O Inter foi um caso à parte nesta reta final. Sem usar a janela de transferências até a véspera, a equipe gaúcha se mobilizou para inscrever Sandro Silva, do Málaga-ESP. O zagueiro Alcides (Dnipro-UCR) e o atacante Jô (Manchester City-ING) podem ser as novidades do último dia.

Montagem Janela de Transferência  Alex Silva, Ibson, Renato e Ale (Foto: Montagem sobre foto da Ag. Estado) Alex Silva, Ibson, Renato e Alex: quatro dos 28 que voltam ao país (Foto: Montagem sobre foto da Ag. Estado)

Transferências em cima da hora, aliás, são um problema. Pelo menos para quem está mais interessado na transação, seja jogador, clube vendedor ou clube comprador. No desespero para fechar o negócio dentro do prazo, ceder acaba sendo a única opção.

– Quem está por cima em uma negociação se dá melhor. O jogador bom é mais valorizado, e, se um clube não quer vender, coloca o valor lá no alto. Quem tem menos estrutura leva a pior – opinou o empresário Giuseppe Dioguardi, que trabalha com jogadores como Kleber, do Palmeiras.

É o que aconteceu com o atacante André, do Dínamo de Kiev-UCR. O clube ucraniano não tinha tanto interesse em negociá-lo e por isso não se sentiu seduzido por ofertas muito abaixo da multa rescisória. Ainda por cima, passou-se a ter uma espécie de leilão entre Flamengo e Atlético-MG, o que elevou as propostas de ambos os clubes, os “necessitados” da transação. O jogador, por sua vez, queria voltar e aceitava receber menos do que no exterior. O Galo levou a melhor na disputa.

Marco Aurélio Cunha, que por muito tempo comandou o futebol do São Paulo, lembra que o clube vendedor nem sempre está na situação melhor.

– A negociação em que o clube está necessitando de dinheiro é ruim, pois é um leilão que está acabando. E, para o comprador, há muitas variáveis que precisam ser analisadas, como idade do jogador, prazo do contrato em vigor, o poder de compra…

O certo é que todas essas negociações dos clubes brasileiros se encerram nesta quarta-feira. Depois que o prazo da CBF terminar, os jogadores que estão fora do país só terão uma opção: assistir ao Brasileirão pela TV e esperar a janela ser aberta de novo, em janeiro.

ICFUT – Copa América 2011 – Semi-Finais Venezuela x Paraguai

Folha de São Paulo

Semifinal inédita une venezuelanos na desforra à fama de fregueses no futebol

 

FLÁVIA MARREIRO
DE CARACAS

Na terra do beisebol, das misses e das novelas, Eduardo Bautista, 18, bate no peito: “Acabou isso de nos humilharem, de acharem que são três pontos garantidos. A Venezuela se faz respeitar”.
Com o amigo Daniel Castillo, 14, Eduardo buscava comprar ontem, no centro de Caracas, uma camisa da seleção venezuelana, “La Vinotinto”, que faz campanha histórica e disputa hoje uma inédita semifinal da Copa América contra o Paraguai.
É a partida mais importante da história do futebol no país, que jamais esteve em uma Copa do Mundo e cujos jogadores falam do sonho de estar no Brasil em 2014.
O tom de desforra dos garotos está por todos os lados: nas declarações dos jogadores e do polêmico treinador César Farias, 38, o mais jovem do torneio, e também na imprensa local, nem sempre em paz com a equipe.
Ressoa a mágoa de ser freguês frequente da “casta mundialista”, as seleções que já disputaram a Copa do Mundo, mas especialmente as piadas chilenas antes do duelo de domingo, vencido pela “Vinotinto” (2 a 1).
Um anunciante da equipe do Chile fez um spot afirmando que os venezuelanos só entendiam de novela.
“Estamos orgulhosos de sermos venezuelanos e demonstramos que não sabemos somente fazer novelas”, rebateu o goleiro titular da equipe, Renny Vega.
“Ouço nossos rivais dizerem: “Perdemos porque não jogamos bem. E nós? Continuam nos menosprezando”, disse o técnico venezuelano.
O jornal esportivo “Meridiano” considerou a pressão e as duas bolas da trave do Chile, mas reconheceu o desempenho da seleção.
“Dizer que a Venezuela foi superior não seria honesto, mas afirmar que os criollos fizeram melhor as coisas e foram mais contundentes é totalmente legítimo”, afirmou.
“Saímos em caravana no domingo, foi uma festa”, declarou o estudante Eduardo, que mora nos arredores da Grande Caracas.
Num bairro nobre da capital, picapes fecharam vias principais para a festa, enquanto o convalescente presidente Hugo Chávez, em Cuba para fazer quimioterapia, comemorava pelo Twitter.
Para hoje, o governo Chávez anunciou telões em parques e praças da cidade.
O inusual clima de união e alegria compartilhada na Venezuela, onde até o corredor da F-1 Pastor Maldonado, com patrocínio oficial, divide chavistas e antichavistas, fez um site humorístico do país lançar: “Cansados de futebol e união, políticos exigem que Chávez volte a ser assunto”.

Fonte: O Estado de São Paulo

Farías tenta colocar Vinotinto na 1ª decisão

Paulo Galdieri – O Estado de S.Paulo

BUENOS AIRES

O famoso grito de “sí, se puede”, entoado geralmente pelas seleções sul-americanas com menor poder de fogo, por décadas não foi nem sequer sussurrado pelos venezuelanos. Mas desde que o técnico Cesar Farías assumiu o comando da Vinotinto, o coro que antes era só otimista está cada vez mais verdadeiro.

O treinador de apenas 38 anos – e que tem pinta e idade mais para ser um jogador veterano do que um comandante de uma seleção nacional – já é quem tem os melhores resultados com o time em toda a sua história.

Farías assumiu o cargo em 2007. Até hoje, foram 50 jogos sob seu comando. Nesse período, tornou-se o único que tem mais vitórias do que empates ou derrotas. Foram 18 triunfos e 16 derrotas. O aproveitamento do time com ele é de 46,6%.

Hoje, a 51.ª partida dele como treinador da Venezuela, é sem dúvida, a mais importante. Na semifinal contra o Paraguai, às 21h45, tentará levar a sua seleção pela primeira vez a uma final.

Para Farías, ser o artífice de uma façanha não é exatamente um problema, nem sequer é inédito. Foi com ele no banco que a Venezuela venceu o Brasil pela primeira vez, em um amistoso em 2009, em Boston, nos EUA.

O placar de 2 a 0 no time então dirigido por Dunga causou comoção no país – aquela também fora a primeira vez que os venezuelanos saíram de campo sem levar nenhum gol dos brasileiros.

Veja como foi o jogo na 1º fase entre as duas seleções !

No mesmo ano, ele foi o responsável por levar a Venezuela a disputar seu primeiro Mundial em qualquer categoria, o sub-20 disputado no Egito. De quebra, revelou o atacante Salomón Rondón, destaque desta edição da Copa América.

O treinador chegou ao comando da seleção principal com apenas cinco anos de carreira, que começou em 2002, como técnico do modesto Trujillanos.

A missão de Farías com a seleção era dar continuidade à revolução no futebol venezuelano, iniciada no começo do século 21, sob o comando do técnico argentino Luis Omar Pastoriza e que teve sequência nas mãos de Richard Páez.

A chegada da Venezuela à semifinal já é um feito histórico. Até esta edição, um 5.º lugar erasua melhor colocação – e, mesmo assim, com importância relativa, já que aquela edição, no Uruguai, teve seis participantes.

FICHA TÉCNICA
PARAGUAI X VENEZUELA

Local: Estádio Mundialista Mendoza, em Mendoza (Argentina)
Data: 20 de julho de 2011 (Quarta-feira)
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Francisco Chacón (México)
Assistentes: Leonel Leal (Costa Rica) e Humberto Clavijo (Colômbia)

PARAGUAI: Justo Villar; Ivan Píris, Darío Verón, Paulo Da Silva e Marecos; Vera, Christian Riveros, Victor Cáceres e Estigarribia; Lucas Barrios (Haedo Valdez) e Roque Santa Cruz
Técnico: Gerardo Martino

VENEZUELA: Renny Vega; Roberto Rosales, Perozo, Vizcarrondo e Gabriel Cichero; Franklin Lucena, Luis Seijas (Giacomo Di Giorgi), César González e Juan Arango; Maldonado e Nicolás Fedor
Técnico: César Farías

ICFUT – CLASSIFICAÇÃO & JOGOS – BRASILEIRÃO SÉRIE B – 2011

Destaque da Rodada

CLASSIFICAÇÃO P J V E D GP GC SG %
1
Portuguesa
23
11
7
2
2
28
13
15
69.7
2
Ponte Preta
23
11
7
2
2
23
11
12
69.7
3
Paraná
20
11
6
2
3
17
11
6
60.6
4
Americana
20
12
6
2
4
15
15
0
55.6
5
ABC
20
11
5
5
1
17
11
6
60.6
6
Náutico
19
11
5
4
2
13
11
2
57.6
7
Vitória
17
11
5
2
4
14
13
1
51.5
8
Sport
17
11
4
5
2
15
12
3
51.5
9
Criciúma
17
11
4
5
2
10
8
2
51.5
10
Goiás
15
12
5
0
7
16
19
-3
41.7
11
Vila Nova
14
11
4
2
5
12
10
2
42.4
12
ASA
14
11
4
2
5
12
18
-6
42.4
13
Barueri
13
11
4
1
6
10
14
-4
39.4
14
São Caetano
13
11
3
4
4
15
18
-3
39.4
15
Icasa
13
12
3
4
5
13
17
-4
36.1
16
Salgueiro-PE
12
11
3
3
5
10
11
-1
36.4
17
Boa Esporte
12
11
3
3
5
8
10
-2
36.4
18
Bragantino
12
11
3
3
5
13
20
-7
36.4
19
Guarani
9
11
2
3
6
10
15
-5
27.3
20
Duque de Caxias
4
12
0
4
8
11
25
-14
11.1

Artilharia

10 GOLS
Ponte Preta – Ricardo de Jesus

7 GOLS
Duque de Caxias – Somália
Portuguesa – Edno

6 GOLS
ABC – Elionar Bombinha
Náutico – Kieza
Vitória – Neto Baiano

11ª RODADA
12/07 – 21h00 São Caetano-SP 2 x 0 ASA-AL
12/07 – 21h00 Náutico-PE 3 x 2 Americana-SP
15/07 – 21h00 Boa Esporte-MG 1 x 2 Portuguesa-SP
15/07 – 21h00 Paraná-PR 2 x 1 Vila Nova-GO
15/07 – 21h00 Goiás-GO 4 x 1 Vitória-BA
16/07 – 16h20 Salgueiro-PE 2 x 1 Criciúma-SC
16/07 – 16h20 Ponte Preta-SP 2 x 0 Guarani-SP
16/07 – 16h20 Bragantino-SP 3 x 2 Sport-PE
16/07 – 16h20 Grêmio Barueri-SP 1 x 2 Icasa-CE
16/07 – 21h00 ABC-RN 3 x 0 Duque de Caxias-RJ
12ª RODADA
19/07 – 21h00 Americana-SP 1 x 3 Goiás-GO
19/07 – 21h00 Duque de Caxias-RJ 1 x 1 Icasa-CE
22/07 – 21h00 São Caetano-SP x Grêmio Barueri-SP
22/07 – 21h00 Sport-PE x Salgueiro-PE
22/07 – 21h00 ASA-AL x Guarani-SP
23/07 – 16h20 Criciúma-SC x Paraná-PR
23/07 – 16h20 Vila Nova-GO x Náutico-PE
23/07 – 16h20 Vitória-BA x Portuguesa-SP
23/07 – 16h20 Ponte Preta-SP x Bragantino-SP
23/07 – 21h00 Boa Esporte-MG x ABC-RN

Por Cleber Aguiar – Kassab vai a Itaquera assinar isenção

Fonte: O Estado de São Paulo

Prefeito sanciona hoje lei de incentivo para a arena, em cerimônia concorrida, e Corinthians anuncia acordo com Odebrecht

[videolog 678630]
Almir Leite – O Estado de S.Paulo

As últimas pendências que ainda restavam em relação à arena de Itaquera, palco paulista para a Copa do Mundo de 2014, para atender de maneira formal à Fifa estão resolvidas.

Jose Patricio/AE
Jose Patricio/AE
Nova fase. Itaquera começa a receber as fundações

Hoje o prefeito Gilberto Kassab sanciona a lei que concede incentivos fiscais de até R$ 420 milhões para a construção do estádio. E o Corinthians anunciou ontem ter chegado a acordo com a Odebrecht para tocar a obra, contratada em regime de preço fixo e orçada em R$ 820 milhões.

Os dois atos, nessa altura, são meras formalidades para a Fifa e o Comitê Organizador Local (COL), pois a entidade aceitou na semana passada as garantias financeiras que viabilizarão a arena – o pacote fiscal é parte da engenharia.

Mas são necessários e serão usados como uma demonstração de força de São Paulo na “luta”” para receber a partida de abertura da Copa – algo que todos os envolvidos no processo apostam ser também apenas uma questão de formalização.

A assinatura do projeto de incentivo (Projeto de Lei 288/2011) hoje, às 10h30, no canteiro de obras do Itaquerão, terá ares de grande solenidade, com palanque e vários discursos.

Além do prefeito Kassab (sem partido) têm participação prevista na cerimônia o governador Geraldo Alckmin (PSDB), o ministro do Esporte, Orlando Silva, o coordenador de operações do COL, Ricardo Trade, o secretário de articulação da Copa em São Paulo, Gilmar Tadeu Ribeiro, o presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, e representantes da construtora, entre outros.

Kassab vai vetar a emenda dos vereadores condicionando a validade do projeto à confirmação do Itaquerão como palco da abertura da Copa, mas até a chiadeira de opositores ao projeto teve o volume reduzido. Já não há quem acredite que o Mundial não vai começar na capital e, além disso, a Câmara Municipal está em recesso.

De qualquer forma, o Ministério Público estadual diz estar acompanhando de perto os atos relacionados a Itaquera e preparado para agir em caso de suspeita de irregularidades.

Parceria. Corinthians e a Construtora Odebrecht também chegaram de maneira oficial ontem a um “entendimento para a construção do estádio””.

O clube vai arcar com o que teria sido o custo de seu estádio para 48 mil pessoas e vai se valer também dos CIDs, os Certificados de Incentivo ao Desenvolvimento que serão emitidos pela Prefeitura. E será pedido o empréstimo de R$ 400 milhões da linha de crédito do BNDES. Estouros no orçamento serão responsabilidade do Corinthians.

A garantia financeira do empreendimento vai ser assegurada “inicialmente”” pela Odebrecht Participações e Investimentos – braço da empresa que atua no investimento em setores de infraestrutura, transportes, logística, arenas esportivas e irrigação. A obra será feita pela Odebrecht Infraestrutura.

O contrato será assinado até o início da próxima semana.

Ritmo da obra. Os trabalhos em Itaquera, iniciados em 30 de maio, estão na fase da colocação das estacas para a fundações. A previsão é que essa fase leve de 3 a 4 meses. Ainda não está definido quando serão reposicionados os dutos da Petrobrás, que deverá indicar uma empresa para executar o trabalho.