ICFUT – Campeonato Brasileiro Série B – 2011

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1  Portuguesa-SP 4 2 1 1 0 5 1 4 66.7
2  Paraná-PR 4 2 1 1 0 3 2 1 66.7
3  Ponte Preta-SP 3 1 1 0 0 5 0 5 100.0
4  Sport-PE 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
5  Vitória-BA 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
6  Goiás-GO 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
7  ASA-AL 3 2 1 0 1 2 6 -4 50.0
8  Criciúma-SC 1 1 0 1 0 2 2 0 33.3
9  Guarani-SP 1 1 0 1 0 2 2 0 33.3
10  Salgueiro-PE 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
11  Duque de Caxias-RJ 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
12  ABC-RN 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
13  São Caetano-SP 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
14  Bragantino-SP 1 1 0 1 0 1 1 0 33.3
15  Americana-SP 1 2 0 1 1 2 3 -1 16.7
16  Ituiutaba-MG 0 1 0 0 1 1 2 -1 0.0
17  Gremio Barueri-SP 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
18  Icasa-CE 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
19  Vila Nova-GO 0 1 0 0 1 0 1 -1 0.0
20  Náutico-PE 0 1 0 0 1 0 4 -4 0.0

Asa 2 x1 Americana 2011

ASA vence o Americana (SP) por 2×1 e esquece goleada

O ASA entrou em campo em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro da Série B e conseguiu. O placar não foi tão elástico, mas o que vale é que o Alvinegro conquistou os três primeiros pontos, ao vencer a Americana-SP, nesta terça-feira (24), pelo placar de 2×1. O Alvinegro também recuperou-se da goleada sofrida, no último sábado, para a Ponte Preta, por 5×0 – na rodada de estreia da competição.

A partida foi válida pela 2ª rodada da Série B e o time alvinegro jogou ao lado de sua torcida, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Mas em uma noite fria e de muita chuva naquela cidade, o Alvinegro contou com a presença de um público pequeno no estádio, pouco mais de dois mil torcedores.

Com essa vitória, para dar moral ao time, o Alvinegro saiu da lanterna da competição e passou para a sétima colocação, com os três primeiros pontos conquistados. No dia 3 de junho (sexta-feira) os alagoanos vão enfrentar o Goiás, às 21 horas, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO. E a Americana desceu para o 15º lugar, com um ponto, e na próxima rodada vai encarar o Paraná Clube, no sábado (4), às 16h20, no Estádio Décio Vitta, em Americana-SP.

1º tempo sem gols

O time da Americana começou levando certo perigo ao ASA, obrigando o goleiro Tutti a fazer boas defesas. A boa oportunidade do ASA veio aos 10 minutos, quando teve chance de abrir o placar, mas perdeu quando o atacante Alexsandro chutou mal, deu uma furada e não aproveitou, com o goleiro da Americana já batido.

E o Alvinegro teve outra boa oportunidade, quando Alexsandro encarou a defesa da Americana, girou, bateu e a bola sobrou para Raul que chutou e colocou no fundo na rede, mas o assistente já estava com a bandeira levantada, marcando jogada de impedimento, e o gol do Alvinegro foi anulado.

Aos 30 minutos, foi a vez de Raul fazer o lançamento para Alexsandro, que foi derrubado, mas o árbitro Marielson Alves disse que não houve nada.

O jogo era equilibrado, com chances para as duas equipes, mas todas foram desperdiçadas e o gol acabou não saindo para nenhuma delas, uma vez que não souberam finalizar. E o primeiro tempo foi encerrado com o placar de zero a zero.

Vitória do ASA no 2º tempo

Logo no início da segunda etapa, aos 5 minutos, um susto para o ASA, quando Fumagalli quase abriu o marcador em favor do time da Americana. Depois de cobrança de falta de Paulo Sérgio, o goleiro Tutti defendeu e Fumagalli pegou o rebote, mas quando chutou foi para fora, para alívio do torcedor alvinegro que a essa altura já se impacientava nas arquibancadas, pedindo que o técnico Vica fizesse substituições na equipe.

O ASA errava muitos passes no início dessa etapa, não conseguia se encontrar. Diante disso, o técnico Vica fez logo duas substituições. Colocou Didira no lugar de Raul e Vitinha no lugar de Marielson. E deu certo. Aos 16 minutos, Vitinha levantou a bola na área para Didira e ele abriu o placar, com o gol escancarado, entrou com bola e tudo, com o goleiro Jailson já batido: 1×0.

Mas a alergia do ASA durou pouco, quando Rafael Chorão, que havia acabado de entrar em campo, deixou tudo igual, aos 23 minutos. Um belo chute de fora da área, com a bola entrando no ângulo, sem chances para a defesa do goleiro Tutti: 1×1.

A resposta do ASA foi imediata. Aos 25 minutos, o time alagoano passou de novo à frente do marcador, com um gol assinalado por Sérgio Bueno. Didira serviu a Alexsandro, que mandou para Sérgio Bueno e ele bateu cruzado, de fora da área. A bola foi cheia de veneno e morreu no fundo da rede, sem chances para o goleiro Jailson: 2×1.

No finalzinho do jogo, o meio-campista Alê, da Americana, acabou sendo expulso. Ele já tinha recebido o cartão amarelo em um lance anterior e cometeu falta violenta em Vitinha. Resultado: acabou indo para o chuveiro mais cedo. E assim foi o jogo, com a vitória do Alvinegro: 2×1.

FICHA TÉCNICA

ASA 2×1 Americana – 2ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B

Data: 24/05/11 – Horário: 21 horas

Local: Estádio Coaracy da Mata Fonseca – Arapiraca-AL

Árbitro: Marielson Alves Silva

Assistentes: Adailton José de Jesus Silva e José Dias da Hora

Renda: R$ 14.450,00 – Público pagante: 1.407 – Público Total: 2.115

Cartões amarelos: Sérgio Bueno (ASA); e André Luiz (Americana)

Cartão vermelho: Alê (Americana)

Gols: Didira (16’) e Sérgio Bueno (25’) – 2º tempo – ASA; Rafael Chorão (23’) – Americana – 2º tempo

EQUIPES

ASA – Tutti; Sérgio Bueno, Thiago Alves, Leandro Cardoso, Toninho e Maurin; Marcelo Costa, Galiardo, Raul (Didira) e Marielson (Vitinha); Alexsandro (Anderson). Técnico: Vica.

Americana – Jailson; Paulo Sérgio, Jorge Luiz, Thiago Gomes e Magal (Diego Dedoné); Alê, Júlio César (Rafael Costa), Leo Silva e Fumagalli (Rafael Chorão); Lúcio Flávio e André Luiz. Técnico: Toninho Cecílio.

Paraná 1×1 Portuguesa – 2011

Fonte: Gazetaesportiva.net

Paraná cede empate para a Lusa e perde chance de liderar

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

O Paraná Clube perdeu a chance de liderar de forma isolada a Série B do Campeonato Brasileiro ao ceder o empate em 1 a 1 para a Portuguesa, na Vila Capanema. A equipe paranista chegou a jogar toda a primeira etapa com um jogador a mais e à frente no placar, mas permitiu o gol do adversário depois do intervalo. O resultado deixa os dois times com quatro pontos, na ponta da tabela, mas aguardando o complemento da rodada.

A Lusa teve Jael expulso logo aos três minutos de bola rolando e, para piorar sua situação, tomou o primeiro gol aos sete minutos, com Wellington, que pegou sobra de bola para completar para as redes. Os paulistas empatam aos 27 minutos da etapa final, com um belo gol de Henrique.

Na próxima rodada o Paraná Clube encara o Americana, apenas no sábado, dia 04 de junho, no interior de São Paulo. Já a Portuguesa era pela frente na sexta-feira, dia 03 de junho, no Estádio do Canindé, o ABC.

O jogo – A partida começou movimentada, mas, logo aos três minutos, Jael agrediu Léo e foi expulso, deixando a Lusa com um jogador a menos logo no início. Com um jogador a mais, o Tricolor aproveitou para crescer e, aos sete minutos, Wellington aproveitou sobra de bola para arrematar para o fundo do gol. O detalhe é que o jogador, ainda com a camisa do Arapongas, marcou o gol que rebaixou o time no Estadual.

A pressão era total do Paraná, que estava mais próximo do segundo gol. Aos 15 minutos, Serginho cobrou falta e carimbou a barreira. Aos 18 minutos, boa jogada individual de Henrique, que invadiu a área e arrematou em cima da defesa. A equipe da casa ficou no quase mais uma vez aos 20 minutos, com Lima, que mandou um petardo, com muito perigo, pela linha de fundo.

O torcedor se animava na arquibancada com um Tricolor muito mais agressivo do que no início da temporada. Aos 25 minutos, Wellington bateu falta e Weverton se esticou para fazer grande defesa. Sem conseguir ampliar a vantagem, os paranaenses tomaram um susto aos 33 minutos, em cobrança de falta e Marco Antônio que bateu na trave. Os paulista reagiram e, aos 44 minutos, Henrique chutou forte e Zé Carlos salvou.

Na segunda etapa, a partida recomeçou quente e, aos cinco minutos, foi a vez de Thiago Santos ser expulso, igualando em números os atletas das equipes. Aos oito minutos os jogadores pedirem vermelho para Guilherme, que pegou forte Kevin, mas ficou no amarelo. Aos 10 minutos, Wellington cobrou falta com violência e Weverton espalmou. Na resposta, Marcelo Cordeiro bateu cruzado e ninguém completou na área.

O jogo era equilibrado, mas o ritmo caiu um pouco, com chances reais de gol escassas. Os dois treinadores aproveitaram então para colocar sangue novo nos times. Aos 19 minutos, Diego tentou invadir a área, mas foi desarmado pela defesa da Lusa. Ate que, aos 27 minutos, Henrique entrou com facilidade na zaga paranista e chutou no cantinho para empatar com um belo gol.

A Portuguesa, satisfeita com o empate arrancado na casa do adversário, cadenciava o jogo, enquanto o Tricolor saía para o desespero. Aos 31 minutos, Diego chegou a ensaiar o drible no goleiro, mas foi interceptado pelo camisa 1. Henrique, com um chute torto, perdeu mais uma chance aos 36 minutos. Aos 40 minutos, foi a vez de Packer disparar o míssil para boa defesa de Weverton. A torcida, que começou esperançosa, para varar, foi embora na bronca.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ CLUBE 1 X 1 PORTUGUESA

Local: Estádio Durival Britto e Silva, em Curitiba (PR)
Data: 24 de maio de 2011, terça-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Schmidt (SC)
Assistentes: Angelo Rudimar Bechi e Eberval Lodetti (ambos de SC)
Cartões amarelos: Thiago Santos, Diego e Serginho (Paraná); Mateus, Guilherme e Rogério (Portuguesa)
Cartões vermelhos: Thiago Santos (Paraná); Jael (Portuguesa)

Gols:
PARANÁ: Wellington, aos sete minutos do primeiro tempo
PORTUGUESA: Henrique, aos 27 minutos do segundo tempo

PARANÁ: Zé Carlos; Henrique, Luciano Castán, Cris e Lima; Serginho, Wellington (Packer), Leandro Oliveira e Thiago Santos; Kelvin e Leo (Diego) (Maycon Freitas)
Técnico: Ricardo Pinto

PORTUGUESA: Weverton; Marcos Pimentel, Jaime, Mateus e Marcelo Cordeiro; Guilherme, Henrique, Ananias (Cleiton) e Marco Antônio (Leandro Love); Jael e Luís Ricardo (Ivo)
Técnico: Jorginho

1ª RODADA
20/05 – 21h00 Goiás-GO 1 x 0 Gremio Barueri-SP
20/05 – 21h00 Salgueiro-PE 1 x 1 São Caetano-SP
20/05 – 21h00 Bragantino-SP 1 x 1 ABC-RN
21/05 – 16h20 Portuguesa-SP 4 x 0 Náutico-PE
21/05 – 16h20 Americana-SP 1 x 1 Duque de Caxias-RJ
21/05 – 16h20 Ponte Preta-SP 5 x 0 ASA-AL
21/05 – 16h20 Vitória-BA 1 x 0 Vila Nova-GO
21/05 – 16h20 Criciúma-SC 2 x 2 Guarani-SP
21/05 – 16h20 Sport-PE 1 x 0 Icasa-CE
21/05 – 21h00 Ituiutaba-MG 1 x 2 Paraná-PR
2ª RODADA
24/05 – 21h00 ASA-AL 2 x 1 Americana-SP
24/05 – 21h00 Paraná-PR 1 x 1 Portuguesa-SP
27/05 – 21h00 São Caetano-SP x Ituiutaba-MG
27/05 – 21h00 Gremio Barueri-SP x Bragantino-SP
27/05 – 21h00 Vila Nova-GO x Ponte Preta-SP
28/05 – 16h20 Icasa-CE x Vitória-BA
28/05 – 16h20 Guarani-SP x Sport-PE
28/05 – 16h20 Duque de Caxias-RJ x Criciúma-SC
28/05 – 16h20 Náutico-PE x Goiás-GO
28/05 – 21h00 ABC-RN x Salgueiro-PE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s