ICFUT – Conheça a "joia" de 16 anos do Flamengo que encanta a Europa

Fonte: terra.com.br

 . Foto: Getty Images

Camisa 10 da Seleção Sub-17, flamenguista Adryan já desperta interesse de "gigantes" clubes europeus
Foto: Getty Images

  • Grande nome da Seleção Brasileira Sub-17 e do time do Flamengo campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Adryan, 16 anos, já desperta o interesse dos gigantes europeus. Segundo a imprensa local, as boas atuações pelo time verde e amarelo fizeram com que o Manchester United alimentasse um interesse em contar com o jovem jogador, assim como o Real Madrid, do técnico José Mourinho.

Habilidoso com a bola nos pés e muito veloz, Adryan é tratado como uma joia rara dentro da Gávea. Diante do contrato de três anos e de uma multa considerada baixa, o procurador do jogador, Reinaldo Pitta, garantiu que na próxima semana se reunirá com os dirigentes do Flamengo para rever os valores e redigir um novo vínculo.

Otimista, o empresário diz que todos no Flamengo acreditam no potencial de Adryan, visto como uma grande promessa para o futuro do clube. "A tendência é ele permanecer no Flamengo. Todo mundo lá tem uma esperança muito grande no Adryan, como há muito não deposita em nenhum outro jogador vindo da base. Na próxima semana vamos assinar um novo contrato, dentro da expectativa que foi criada em cima do jogador", disse Pitta.

No entanto, tanto o empresário quanto os familiares de Adryan admitem que, caso apareça uma proposta "irrecusável" para o jogador e para o Flamengo, a situação pode mudar. "Se for uma proposta muito vantajosa é outra história. Mas nada vai ser feito se o Flamengo não quiser", completou.

Pai e fiel companheiro de Adryan, "seu" Toninho concorda com o empresário do filho. Torcedor do Flamengo, ele sonha ver seu garoto brilhar pelo time do coração, mas, honesto, não descarta uma saída, caso algum clube europeu faça uma super-proposta.

"A vontade dele é se profissionalizar e jogar pelo Flamengo. Mas se houver uma proposta irrecusável, nós vamos ver. Uma coisa é a vontade do jogador, outra é a independência financeira dele", disse Toninho, que comentou o fato de o nome do filho ter sido sondado por clubes como o inglês Manchester United e o espanhol Real Madrid. "É emocionante ver o trabalho dele reconhecido dessa forma", disse.

    ICFUT – Imagem de Adriano perde valor e não substitui Ronaldo no Corinthians, dizem especialistas

    Fonte: uol.com.br

    adriano-concede-entrevista-coletiva-durante-apresentacao-ao-corinthians-1301587390933_615x300

    As inúmeras polêmicas e o pouco futebol desvalorizaram a imagem de Adriano, mas o Corinthians pode ajudar na recuperação e lucrar com isso. A análise é de especialistas de marketing diante da recente contratação do atacante pelo clube paulista. Segundo eles, os riscos são grandes, mas se os pontos negativos forem bem administrados, o marketing alvinegro, até agora cauteloso, pode ter sucesso. Nada, contudo, que se compare ao que o Corinthians conseguiu com Ronaldo.

    O grande desafio é o perfil do Adriano. Ele tem uma característica mercadológica diferente em relação a Ronaldo e Ronaldinho, por exemplo, mas há espaço para trabalhar esse estilo de jogo agressivo e esse perfil diferente”, opinou Amir Somoggi, diretor de esporte da BDO, uma das maiores empresas de consultoria e auditoria do mundo.

    O desafio se concentra totalmente na postura de Adriano fora de campo. Os últimos anos de sua carreira foram marcados por faltas, atrasos, problemas com bebida, polêmicas na vida pessoal e fotos que levantaram suspeitas. Adriano se destacou na conquista do Brasileiro de 2009 pelo Flamengo, mas esse foi o único ponto alto esportivo das últimas temporadas. Gols e boas atuações ficaram mais raros. As lesões aumentaram.

    “A marca Adriano vem perdendo valor. Os fatos negativos estão se sobrepondo aos positivos. O Corinthians tem certeza que trouxe um problema e sabe o tamanho da dinamite, mas me parece estar preparado para gerenciar as crises. E é melhor saber encarar de frente os problemas com o Adriano do que ter um time médio sem uma grande figura como ele”, opinou Marcelo Boschi, especialista em marketing, gerenciamento de marcas e branding da ESPM-RJ.

    Os primeiros momentos de Adriano no Corinthians exemplificam a preocupação já existente no Parque São Jorge. O clube decidiu não fazer nenhuma grande festa em sua apresentação. Optou por algumas fotos no gramado e uma entrevista coletiva simples. A escolha do clube é não “forçar a barra” com a imagem do atacante e esperar que ele mostre serviço em campo.

    A diferença para Ronaldo, a outra grande contratação midiática do Corinthians recente, é grande. O clube fez festa para o Fenômeno em sua chegada e logo começou a explorar sua imagem. O salário acima de R$ 1 milhão era pago com receita de patrocínio captado por ele. Até hoje, a camisa de Ronaldo é a mais vendida. E será difícil para Adriano, em termos de marketing, ocupar plenamente o posto deixado pelo amigo agora aposentado.

    “Alguma lacuna o Adriano pode cobrir, atraindo pessoas para o estádio e alguns patrocinadores, mas o Ronaldo está em outro patamar, até mesmo em relação ao Ronaldinho [do Flamengo], por exemplo”, projetou Amir Somoggi.

    “O Corinthians conseguiu gerenciar a imagem do Ronaldo mesmo depois de aspectos absolutamente negativos, mas ele tem uma incrível capacidade de reverter isso. Ele, no fim, consegue ser um bom moço. No caso do Adriano é difícil avaliar como ele reage à gestão de sua carreira. Ele não suporta bem as restrições impostas a um atleta”, completou Marcelo Boschi.

    ICFUT – Souza, do Flu, se irrita com torcedores por Twitter: ‘Tenho dinheiro para comprar todos os computadores de vocês’

    Fonte: globo.com

    Souza: não é a primeira vez que o jogador se envolve em polêmica no Twitter / Foto: Ivo Gonzalez

    Concentrados para o jogo contra o Nacional, em Montevideu-URU, pela Libertadores da América, alguns jogadores do Fluminense conversaram com internautas através de Twitcam. A conta de Twitter usada foi a do atacante Emerson, que costuma conversar com seus seguidores, mas outros atletas participaram da conversa, como Rafael Moura, Valencia, Diguinho e Souza, que se envolveu em uma polêmica com um torcedor.

    Questionado sobre a sua falta de habilidade com tecnologia, o meia se mostrou incomodado e respondeu de imediato:

    – Tenho dinheiro para comprar todos os computadores de vocês – disse o apoiador, que logo recebeu o alerta de Rafael Moura:

    – Vai fazer igual aos caras do Santos? – questionou o atacante.

    O He-Man lembrou episódio ocorrido no ano passado envolvendo alguns jogadores do Santos. Na ocasião, o goleiro Felipe se irritou com os comentários de um seguidor que o chamou de "mão de alface" e devolveu:

    – Aí fera… o que eu gasto com o meu cachorro de ração é o teu salário por mês. Então não f…

    Souza seguiu os conselhos de Rafael Moura e deu fim a polêmica. A conversa com os seguidores prosseguiu com Emerson desejando sorte ao técnico Muricy Ramalho e pedindo apoio aos torcedores.

    – Amanhã (quarta-feira) vamos estar juntos nessa guerra. E mandem essa energia positva dai do Brasil para nós aqui. Pensamento positivo que amanhã (quarta-feira) vai dar tudo certo.

    ICFUT – Ponte Preta apresenta projeto definitivo de nova Arena

    Fonte: futebolinterior

    o com os espaços sociais da Arena é feita por meio de quatro elevadores, possibilitando acessos exclusivos para dirigentes de equipes rivais, imprensa e funcionários.
    "São quatro amplos vestiários, para casos de partidas preliminares. Cada um deles têm de área para troca de roupas, chuveiros e sanitários a sala de massagens e piscina. Há também duas áreas de aquecimento com grama sintética que interligam cada par de vestiários, com grama sintética, sala de imprensa para coletivas e uma sala menor de entrevistas, tudo atendendo aos pormenores determinados pela Fifa”, explica Mário Rache Freitas, diretor de projetos especiais da Contern.

    As 30 mil cadeiras do estádio são todas cobertas, distribuídas em duas cabeceiras para 4 mil lugares (uma delas para os visitantes) e as laterais com 11 mil lugares cada uma. “Não há nenhum obstáculo em frente à nenhuma cadeira, possibilitando excelente visão de todos os lugares. As cabeceiras foram distribuídas no eixo norte-sul, para que o sol não fique atrás dos gols e a área VIP, onde ficam camarotes e cabines de imprensa, não pega sol de frente durante a tarde”, diz Freitas.

    Os camarotes são divididos entre familiares (para seis pessoas) e empresariais (para 20 pessoas) e serão alugados por períodos de dois a três anos. Todos são fechados por vidro, protegendo do vento e garantindo visão integral. Para a imprensa, são 25 cabines com cabeamento subterrâneo e possibilidade de flexibilização de tamanho caso necessário.
    Toda a água da Arena é reaproveitada, inclusive a da chuva, para drenagem e irrigação, possibilitando economia de recursos naturais. A cobertura do estádio é de policarbonato translúcido, pois como toda a Arena é coberta (exceto o campo), a luminosidade tem que passar pela cobertura para não prejudicar a grama.
    A praça de alimentação tem 1370 metros e há ainda o belíssimo restaurante, ligado à área VIP, camarotes e imprensa, com visão para o campo de um lado e, do outro, televisores e visão da praça da Arena. Haverá ainda uma academia de musculação para o público associado e um centro de convenção de 4 mil metros. “A realização de eventos e feiras irá mobilizar bastante a Arena, pois Campinas não tem outro espaço tão grande para convenções. Também pretendemos fazer um show na Arena a cada um ou dois meses”, prevê Carnielli.

    Confira mais alguns números da Arena:

    – 480 holofotes distribuídos por cima da estrutura e iluminando o campo

    – O empreendimento irá gerar 300 empregos diretos

    – Estão previstos para utilização 20 mil metros cúbicos de concreto (ou 2 mil betoneiras)

    – Serão utilizadas 60 carretas de aço (1,5 mil toneladas)

    ICFUT – Seedorf perto do Timão !

    Fonte: Wikipédia.org.br

    Clarence Seedorf

    Real Madrid

    Seedorf foi para o Real Madrid em 1996, onde, em sua primeira temporada, ajudou a equipe a recuperar o título de La Liga. Em sua segunda temporada (1997-1998), ele desempenhou um papel importante no sucesso da equipe na Liga dos Campeões com o Real Madrid conseguiu uma vitória por 1-0 sobre a Juventus na final – o segundo título da Liga dos Campeões de sua carreira. Apesar de jogar no Real Madrid, Seedorf marcou um gol notável contra o Atlético de Madrid, um tiro de cerca de 45 metros de distância.

    A magia de Seedorf no Real Madrid tornou-se menos proeminente após a chegada do treinador holandês Guus Hiddink na temporada 1998-1999 e terminou quando ele foi transferido de volta para a Itália durante a temporada 1999-2000 – desta vez para a Internazionale, por uma taxa de cerca de 44 dólares milhões de liras italianas (cerca de € 23 Mi)
    Inter de Milão

    Apesar de ajudar a equipe para a final da Copa Itália em 2000, um jogo que acabou por perder, Seedorf não poderia ajudar a trazer nenhum troféu importante para o clube. No entanto, ele será lembrado por muitos fãs Inter para seus dois gols contra o Juventus de Turim em um empate 2-2 na 09 de marco de 2002, sendo que ambos foram excelentes esforços de longo alcance.

    AC Milan

    Depois de dois anos com a Internazionale, Seedorf passou para os rivais da cidade Milão em 2002, trocado com Francesco Coco.title acordo entre Inter de Milão e AC Milan para </ Ele ganhou a Copa da Itália com o Milan em 2003, que foi a primeira vez que havia vencido a competição em 26 anos. Na mesma temporada, Seedorf ganhou sua terceira medalha na Champions League, para se tornar o primeiro jogador a ganhar a Liga dos Campeões com três clubes diferentes. A todos os italianos viram final Milan bateu a Juventus nos pênaltis após um 0 -0 empate, apesar de Seedorf não converter sua penalidade.

    Na temporada seguinte, 2003-2004, Seedorf jogou um papel no Milan, que ganhou Serie A. Foi também o título da liga Seedorf quarta nacionais vitória da sua carreira, depois de seu título, dois holandeses Ajax e ganha com a vitória de um espanhol com o Real Madrid.

    Seedorf jogou um papel importante como Milan chegou à final da Champions League novamente em 2005. Ele começou a de Istambul empate contra o Liverpool, em que Milan inventado a perder uma vantagem de 3-0, acabando por perder nos pênaltis após um empate 3-3. Seedorf não ter nenhum desses penalties. O Milan também terminou em segundo lugar noScudettoperdendo para a Juventus em 2005.

    A jogo escândalo de manipulação de manchada Serie A e Milão foram enfraquecidos pelo escândalo, mas foram autorizados a continuar na Europa na temporada seguinte, o que levou seus melhores jogadores de permanecer no clube. papel Seedorf como papel de Kaká tornou-se cada vez mais impressionantes, com o par combinado com estilo para marcar e fornecer os gols que levou Milan passado Bayern de Munique e Manchester United a outra final da Champions League, mais uma vez contra o Liverpool, vencendo-os por 2-1, em Atenas, com Seedorf recolher sua quarta medalha na UEFA Champions League. Nesse mesmo ano, Seedorf foi uma parte de um esquadrão de Milão, que venceu o Mundial de Clubes de 2007, tornando-se o primeiro jogador europeu a conquistar o troféu, com três clubes diferentes (Ajax, em 1995, e Real Madrid em 1998). Ele acabou ganhando a Bola de Prata para a competição.

    No final da temporada 2006-07, Seedorf foi eleito o melhor meia da Liga dos Campeões. Ele jogou o seu jogo 100 na Liga dos Campeões em 04 de dezembro contra o Celtic.

    Em Milão, Seedorf formou uma parceria formidável meio-campo com Gennaro Gattuso e Andrea Pirlo, que começou desde a temporada 2002-03. Este trio de meio-campo ainda é utilizado na formação inicial, apesar de sua forma tem diminuído ao longo dos últimos dois anos. Sob a orientação do técnico Carlo Ancelotti, seu papel era o de apoiar um meia-atacante, seja ele Rivaldo, Rui Costa, Kaká ou Ronaldinho Gaúcho.
    Prêmios

    Melhor jogador do campeonato neerlandês: 1993 e 1994
    Melhor meio-campo da Liga dos Campeões da UEFA: 2007

    Títulos

    Ajax

    Copa dos Países Baixos: 1992/1993
    Supercopa dos Países Baixos: 1993 e 1994
    Campeonato Neerlandês: 1993/1994 e 1994/1995
    Liga dos Campeões da UEFA: 1994/1995
    Mundial Interclubes: 1995

    Real Madrid

    Campeonato Espanhol: 1996/1997
    Supercopa da Espanha: 1997
    Liga dos Campeões da UEFA: 1997/1998
    Mundial Interclubes: 1998

    Milan

    Copa da Itália: 2002/2003
    Liga dos Campeões da UEFA: 2002/2003 e 2006/2007
    Supercopa Européia: 2003 e 2007
    Campeonato Italiano: 2003/2004
    Supercopa da Itália: 2004
    Mundial de Clubes da FIFA: 2007

    Curiosidades
    Broom icon.svg

    Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
    Este artigo pode ser melhorado, integrando ao texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

    Ganhador da Liga dos Campeões da UEFA quatro vezes, foi o único a ganhar por três clubes diferentes. Ganhou pelo Ajax em 1995, com o Real Madrid em 1998 e pelo Milan em 2003 e 2007.
    Nasceu no Suriname, assim com outros jogadores famosos que jogaram com ele pela seleção dos Países Baixos, como Edgar Davids, Aron Winter, Marc de Vries, Jimmy Floyd Hasselbaink, Ulrich van Gobbel, dentre outros.
    Surgiu para o futebol no Ajax, e nos três anos que ficou lá, jogou com Edwin van der Sar, os irmãos Frank e Ronald de Boer, Davids, Patrick Kluivert, Marc Overmars e Dennis Bergkamp.
    É casado com uma brasileira e, por isso, fala português fluentemente.[1]

     

     

    ICFUT – Apresentadora promete tirar roupa se clube vencer campeonato !

    Fonte: Futebolinterior.com.br

    Uauuuu! Apresentadora promete ficar nua se seu time for campeão

    Caterina Balivo diz que ficará vestida apenas com a faixa de campeão se Napoli vencer
    Quem terá coragem de torcer para o Milan?

    Campinas, SP, 05 (AFI) – A torcida Napoli deve ganhar, nos próximos dias, o reforço de milhões de novos adeptos. Tudo por conta da promessa feita pela estonteante apresentadora Caterina Balivo. A bela morena de cabelos longos prometeu fazer um strip-tease se o clube napolitano conquistar o Campeonato Italiano.

    “Se o meu time do coração, o Napoli, conquistar o ‘scudetto’ eu estaria disposta a fazer um strip-tease”, disparou Caterina, afirmando que durante o “showzinho” ficaria vestida apenas com a faixa de campeão italiano. A gata tem 31 anos e apresenta o programa Pomeriggio sul 2, na RAI 2. Esta, porém, não é a primeira vez que uma musa promete tirar a roupa no mundo do futebol. Durante a Copa do Mundo da África do Sul isso virou moda. A modelo Larissa Riquelme promete se despir se o Paraguai chegasse às semifinais. O mesmo aconteceu com a argentina Luciana Salazar e a uruguaia Monica Farro.

    A holandesa Bobbi Eden foi além. A bela loira, que é atriz pornô, prometeu fazer sexo oral com as amigas em todos seus seguidores no Twitter, caso a Holanda fosse campeã. Para azar de todos, nem o Paraguai chegou as semifinais e nem Argentina, Uruguai ou Holanda foram campeãs.

    O Napoli atualmente ocupa a vice-liderança do Italiano, com 62 pontos. Três a menos que o líder Milan, faltando sete rodadas.

    Por Cleber Aguiar – Ponte Preta apresenta projeto definitivo de nova Arena .

    Fonte: Futebolinterior.com.br

    Ponte Preta apresenta projeto definitivo de nova Arena

    O investimento total ficará entre R$ 110 milhões e R$ 140 milhões

     

    Campinas, SP, 06 (AFI) – A Ponte Preta apresentou nesta quarta-feira o projeto definitivo de construção da Arena Multiuso Padrão Fifa que será erigida onde hoje se localiza o Centro de Treinamento do Jardim Eulina, às margens da Anhanguera. A nova Arena terá 30 mil lugares cobertos – não inclusos aí locais para imprensa e prestadores de serviço -, estacionamento com 2502 vagas, centro de convenções de quatro mil metros quadrados, restaurante com visão do campo, praça de alimentação, museu do futebol, academia de musculação para o público e infraestrutura de ponta para os atletas.

    O investimento total ficará entre R$ 110 milhões e R$ 140 milhões. “Há uma possibilidade de já construirmos todo um espaço de 3,8 mil metros quadrados para lojas e neste caso o projeto teria o valor mais caro. Mas podemos optar pelo valor menor e deixar esta parte para depois. Os valores estão previstos para vir da venda do Majestoso, comercialização de produtos da própria Arena, inclusive os naming rights, e de investidores já identificados para participar da SPE que se formará para administrar a Arena”, diz o presidente Sérgio Carnielli. A previsão inicial é de que a Arena seja concluída em 24 meses pela Contern Construções e Comércio, empresa do Grupo Bertin que há mais de 20 anos atua nos mais diferentes segmentos de infraestrutura, como energia, transportes, indústria e edificações. Não há prazo certo, porém, para o início das obras, já que a Ponte conta com verbas da venda do Majestoso e o estádio, no momento, encontra-se sob estudo de tombamento.

    “A Ponte solicitou aceleração dos estudos ao Conselho de Defesa do Patrimônio de Campinas (Condepac), pois enquanto os estudos existirem não podemos fazer nada no estádio. A informação que temos é que esses estudos, com o pedido feito, devem ser conclusos em maio ou início de junho”, diz Carnielli, acrescentando que não acredita em um tombamento total do estádio e espera que a decisão do Conselho não prejudique o clube.

    “Respeitamos o Condepac, que foi acionado por terceiros para fazer esse estudo, mas somos totalmente contrários ao tombamento, pois isso engessaria a instituição, independentemente de Arena ou não: nem mesmo reformas necessárias para disputa de campeonatos poderiam ser feitas sem autorizações prévias, dificultando obtenção de alvarás, e nunca mais poderíamos dispor de nosso próprio patrimônio em prol da Ponte Preta”, pontua o presidente.

    Padrão Fifa e reaproveitamento de água
    O projeto elaborado pela Contern segue com exatidão a cartilha da Fifa no tocante a estrutura para atletas e exigências para o conforto da torcida. São ao todo seis andares. Na área dos vestiários, por exemplo, que fica um nível abaixo da arquibancada e meio piso abaixo do gramado, os ônibus das equipes tem acesso exclusivo e a conexão com os espaços sociais da Arena é feita por meio de quatro elevadores, possibilitando acessos exclusivos para dirigentes de equipes rivais, imprensa e funcionários.

    “São quatro amplos vestiários, para casos de partidas preliminares. Cada um deles têm de área para troca de roupas, chuveiros e sanitários a sala de massagens e piscina. Há também duas áreas de aquecimento com grama sintética que interligam cada par de vestiários, com grama sintética, sala de imprensa para coletivas e uma sala menor de entrevistas, tudo atendendo aos pormenores determinados pela Fifa”, explica Mário Rache Freitas, diretor de projetos especiais da Contern.

    As 30 mil cadeiras do estádio são todas cobertas, distribuídas em duas cabeceiras para 4 mil lugares (uma delas para os visitantes) e as laterais com 11 mil lugares cada uma. “Não há nenhum obstáculo em frente à nenhuma cadeira, possibilitando excelente visão de todos os lugares. As cabeceiras foram distribuídas no eixo norte-sul, para que o sol não fique atrás dos gols e a área VIP, onde ficam camarotes e cabines de imprensa, não pega sol de frente durante a tarde”, diz Freitas.

    Os camarotes são divididos entre familiares (para seis pessoas) e empresariais (para 20 pessoas) e serão alugados por períodos de dois a três anos. Todos são fechados por vidro, protegendo do vento e garantindo visão integral. Para a imprensa, são 25 cabines com cabeamento subterrâneo e possibilidade de flexibilização de tamanho caso necessário.

    Toda a água da Arena é reaproveitada, inclusive a da chuva, para drenagem e irrigação, possibilitando economia de recursos naturais. A cobertura do estádio é de policarbonato translúcido, pois como toda a Arena é coberta (exceto o campo), a luminosidade tem que passar pela cobertura para não prejudicar a grama.

    A praça de alimentação tem 1370 metros e há ainda o belíssimo restaurante, ligado à área VIP, camarotes e imprensa, com visão para o campo de um lado e, do outro, televisores e visão da praça da Arena. Haverá ainda uma academia de musculação para o público associado e um centro de convenção de 4 mil metros. “A realização de eventos e feiras irá mobilizar bastante a Arena, pois Campinas não tem outro espaço tão grande para convenções. Também pretendemos fazer um show na Arena a cada um ou dois meses”, prevê Carnielli.

    Confira mais alguns números da Arena:

    – 480 holofotes distribuídos por cima da estrutura e iluminando o campo

    – O empreendimento irá gerar 300 empregos diretos

    – Estão previstos para utilização 20 mil metros cúbicos de concreto (ou 2 mil betoneiras)

    – Serão utilizadas 60 carretas de aço (1,5 mil toneladas)

    Por Cleber Aguiar – Santos joga sua vida hoje !

    Fonte: O Estado de São Paulo

    Santos tenta salvar temporada na Vila

    Um tropeço diante do Colo Colo, às 21h50, elimina equipe da principal competição do ano e já cria crise logo na chegada do técnico Muricy Ramalho

    SANCHES FILHO – O Estado de S.Paulo

    SANTOS- O técnico Muricy Ramalho estará nas tribunas, mas com as mãos atadas no jogo mais importante do Santos na temporada. O time precisa desesperadamente de uma vitória sobre o Colo Colo, às 21h50 (de Brasília, com acompanhamento ao vivo da rádio Estadão ESPN), na Vila Belmiro, para se manter com chances de classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores.

    José Patrício/AE
    José Patrício/AE
    O alvo. Torcida não perdoa Ganso por planejar deixar o Santos, mas nesta quarta a expectativa é que o meia tenha trégua em jogo decisivo

    O resultado passa por uma trégua da sua exigente torcida com o maestro Paulo Henrique Ganso. A situação do meia já não era boa na semana passada e piorou muito com a derrota santista no clássico contra o Palmeiras (1 a 0), no domingo, em casa.

    Ganso ainda está longe de mostrar o brilhante futebol de antes da cirurgia no joelho esquerdo, em agosto do ano passado, porém, o motivo das acusações de mercenário de que foi vítima é outro: sua decisão de recusar o plano de carreira, a triplicação do salário e insistir na transferência para o futebol europeu na metade do ano.

    “Ganso encara muito bem qualquer tipo de pressão. Todos esses meninos tinham o sonho de disputar a Libertadores e vão querer continuar na competição. Fomos nós que nos colocamos nessa situação de pressão e vamos sair dela”, garante o técnico interino Marcelo Martelotte, de saída do posto, mas ainda garantido na comissão técnica. “Os jogadores estão preparados para enfrentar qualquer tipo de reação do torcedor.”

    O time santista vai ter de entrar em campo mais concentrado do que em Santiago, há 21 dias, quando fez 1 a 0 e não soube segurar a vantagem – perdeu por 3 a 2 e complicou-se de vez na competição. “Encaramos o jogo como o início de uma segunda chance na Libertadores. Temos de vencer porque é a partida mais importante do ano e por não termos pelo menos empatado o primeiro duelo contra eles”, diz Martelotte.

    Apoio do novo treinador. Como a diretoria não perdeu tempo e contratou Muricy 20 horas depois da derrota no clássico, é provável que o torcedor deixe de lado as hostilidades e apoie o time. A chegada de um novo comandante também ter reflexo em campo. Não se sabe se Muricy vai cumprir a promessa de apenas cumprimentar os jogadores ou se fará uma preleção e passará alguma orientação.

    Reação. Para começar a reagir na mais importante competição sul-americana, os santistas vão ter de suportar a rígida marcação e possíveis provocações dos chilenos e ainda a arbitragem da competição, em geral mais tolerante com entradas duras.

    Como o volante Arouca e o lateral Jonathan ainda estão se recondicionando para voltar a jogar, Martelotte vai manter a formação que iniciou o jogo contra o Palmeiras, com Pará na lateral-direita, Léo na esquerda e dois volantes de marcação – Adriano e Danilo. Neymar e Zé Eduardo formam o ataque.

    Como o interino não levou Maikon Leite nem para a reserva no domingo, alegando que iria precisar mais dele no jogo de hoje, é quase certo a sua entrada no segundo tempo, principalmente se o time não conseguir furar a retranca no primeiro tempo.

    ABAIXO DA MÉDIA
    3 gols marcou o Santos em 3 jogos pela Libertadores
    4 gols sofreu o time até agora

    SANTOS – Rafael; Pará, Durval, Edu Dracena e Léo; Adriano, Danilo, Elano e Ganso; Neymar e Zé Eduardo. Técnico: Marcelo Matelotte.

    COLO COLO – Castillo; Magalhães, Cabrera, Scotti e Jerez; Salcedo, Mena, Wilchez e Fuenzalida; Jorquera e Miralles. Técnico: Américo Gallego.

    Árbitro – Roberto Silveira (URU); Horário – 21h50 (de Brasília); TV – SporTV; Rádio – Estadão ESPN (AM 700/FM 92,9); Local – Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP).

    Ganso pode ser contratado pelo Milan

    Partida de hoje à noite contra o Colo Colo, pela Libertadores, seria decisiva para o futuro do meia

    ROMA – O meia Paulo Henrique Ganso poderia romper o contrato com o Santos e ser contratado pelo Milan para a próxima temporada do futebol europeu, caso o time da Vila Belmiro seja eliminado da Copa Libertadores nesta noite.

    Helvio Romero/AE - 11/3/11
    Helvio Romero/AE – 11/3/11
    Ganos reclama que ganha um terço do salário de Neymar

    É o que afirma nesta quarta-feira o diário esportivo italiano La Gazzetta dello Sport. Segundo o jornal, a partida desta noite entre Santos e Colo Colo pela Libertadores é “decisiva” para o futuro do jogador, de 21 anos.

    Nos últimos dias, o meia brasileiro recebeu insultos por parte dos torcedores do Santos, que o chamaram de “mercenário”. Essas críticas ocorrem três meses depois de Ganso dizer à imprensa que não se sente valorizado pelo clube paulista, que paga a ele apenas um terço do que recebe o atacante Neymar.

    La Gazzetta dello Sport explica que, diante deste clima “tão tenso”, o jogador decidiu “mudar de estratégia” com seu representante na Itália, onde o Milan e a Inter de Milão demonstraram interesse em contratá-lo.

    “Ganso decidiu acelerar os passos e pede um preço de mercado, mas sem a multa rescisória de 50 milhões de euros que o Santos exige para inibir os interessados europeus”, destaca o jornal.

    O contrato de Ganso com o Santos termina em 2015 e, por enquanto, o clube não quis reduzir o valor da multa, como o meia pede há meses.