Por Eder – Com homenagem ao Japão, Corinthians vence Americana e assume a vice liderança do Campeonato Paulista

FONTE :Agência Corinthians

Após um sábado de Sangue Corinthiano, o Timão entrou em campo na tarde deste domingo (20) prestando uma homenagem às vítimas das tragédias naturais do Japão. Além de cada camisa ter uma bandeira do país, os nomes de todos os jogadores apareciam escritos em japonês. Na frente da barra das camisas, havia a frase “Força, Japão!”, também escrita na língua oriental. E não foi só no uniforme que o Timão fez bonito. Em seu reencontro com a fiel no Pacaembu, o Alvinegro derrotou o Americana por 1 a 0 e agora está na liderança do Campeonato Paulista, com 31 pontos.
O Timão começou administrando bem a partida e, logo aos 9 min, o artilheiro da equipe na temporada abriu o placar. Paulinho soltou a bomba de fora da área e o goleiro Jaílson espalmou. No rebote, Liedson, sempre na hora e no lugar certo, apareceu para mandar para o fundo da rede. Foi o oitavo gol do atacante em apenas nove jogos no ano de 2011.

Dois minutos depois, o Alvinegro quase ampliou. Morais cruzou da esquerda e Dentinho apareceu para finalizar no segundo pau. A bola passou por cima do gol para alívio da defesa do Americana. O time do Parque São Jorge já tinha domínio completo da partida a essa altura. Aos 19 min, Fábio Santos arriscou de cobertura de fora da área, mas o goleiro estava atento e defendeu com segurança.

A primeira boa chance da equipe visitante veio aos 22 min. Fumagalli recebeu na entrada da área e chutou forte de esquerda. A bola saiu rente ao travessão. Com o resultado parcial positivo e maior posse de bola, o Timão diminuiu o ritmo de jogo e até os minutos finais não houve chances que levaram muito perigo para nenhum dos times.

O Corinthians voltou para o 2° tempo sem nenhuma alteração e por pouco não marcou aos 4 min. Morais arriscou de fora da área e a bola foi no canto esquerdo do goleiro. Jaílson teve que se esticar muito para espalmar para escanteio.

Aos 12 min, Bruno César tentou de fora da área e mandou por cima do gol. No lance seguinte, Paulinho passou para Dentinho, que driblou o marcador e chutou com muito perigo. Paulinho novamente fez uma boa jogada. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para o volante, que emendou de virada e por pouco não acertou o ângulo direito.

O Timão estava melhor na partida e criava mais chances. Morais arriscou de fora da área aos 19 min e fez a bola passar rente à trave. Na jogada seguinte, Alessandro foi até a linha de fundo e cruzou na medida para Liedson. O camisa 9 chutou de primeira e o goleiro Jaísol ficou parado, apenas vendo a bola passar a poucos centímetros de seu gol.

O técnico Tite fez a primeira substituição aos 26 min. Bruno César saiu para a entrada de Ramirez. Um minuto depois, Morais puxou o adversário pela camisa e levou cartão amarelo. O Alvinegro voltou a chegar com perigo aos 34 min. Dentinho recebeu cruzamento e chutou de primeira. A bola desviou na zaga e saiu pela linha de fundo. Logo após, Tite colocou Willian no lugar do atacante.

Aos 38 min, Morais disparou para o ataque e tocou para Willian. O atacante entrou na área e soltou a bomba. A bola bateu na parte de fora da rede esquerda do goleiro. Morais foi substituído depois por Danilo.

Nos cinco minutos finais, o Americana passou a buscar o empate com mais empenho, mas a defesa do Corinthians estava muito bem e o goleiro Júlio César não fez sequer uma defesa na 2ª etapa. Quem chegou mais perto de marcar o gol foi o Timão aos 45 min. Willian tocou de calcanhar para Paulinho, que chutou de primeira e contou com a ótima defesa de Jaílson. Final de jogo: 1 a 0.

Com nove vitórias, quatro empates e apenas uma derrota, o Alvinegro recebe a equipe do Oeste na próxima quarta-feira (23) em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Paulista. O jogo será realizado no estádio do Pacaembu e está marcado para às 21h50.

Por Rogerinho – Messi diz à revista que jogaria no Corinthians ou no São Paulo

Messi também elogiou jogadores brasileiros

Fonte – gazetaesportiva.net

Destaque na equipe Barcelona e eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa em 2009 e 2010, o argentino Lionel Messi não descartou a chance de jogar com a camisa do Corinthians ou do São Paulo. Em entrevista à revista infantil Recreio, o jogador foi questionado sobre uma possível oportunidade de defender um clube brasileiro e destacou as duas equipes como as mais indicadas. “A verdade é que times como São Paulo e Corinthians são equipes em que qualquer jogador gostaria de estar”, contou o argentino. Quanto aos atletas brasileiros, o argentino não escondeu sua admiração por atletas já consagrados nos gramados. “Admiro muito Ronaldo, Deco, Cafu, Silvinho, entre tantos outros”, disse. Apesar da declaração, as chances do astro mundial jogar em solo brasileiro são remotas. Messi conta com um contrato válido até 2016 com o clube catalão e uma multa rescisória de 250 milhões de euros (aproximadamente R$ 643 milhões).

ICFUT – Que moral !

Fonte: Globo.com

Roberto Carlos, Tardelli e Jucilei prestigiam evento de luta na Rússia

Trio do Anzhi vê equipe da Rússia vencer Ucrânia em luta olímpica

Diego Tardelli, Jucilei e Roberto Carlos no Anzhi (Foto: Divulgação)Roberto Carlos, Diego Tardelli e Jucilei, os três brasileiros do Anzhi, foram os convidados especiais do Campeonato Mundial de Luta Olímpica no sábado, em Makhashkala, e viram a equipe  da Rússia vencer a Ucrânia na competição. Tardelli, que ainda não estreou pelo clube, disse que ficou encantado com a reação da torcida e pediu o mesmo apoio dos fãs russos ao time nos jogos de futebol. Após empatar em 0 a 0 com o Krosnadar na primeira rodada, o Anzhi volta a campo na segunda-feira contra o atual campeão Zenit. (Foto: Divulgação)

ICFUT – Brasil apaga no 2º tempo e perde a primeira no Sul-Americano Sub-17

Fonte: globo.com

Após duas vitórias por virada no torneio no Equador, garotada faz 1 a 0 sobre o Paraguai na etapa inicial, mas acaba derrotada por 2 a 1

A Seleção Brasileira perdeu para o Paraguai por 2 a 1 neste sábado, em Ibarra (Equador), e conheceu sua primeira derrota no Sul-Americano Sub-17. Após vencer duas vezes de virada, a garotada começou na frente pela terceira rodada, mas "apagou" no segundo tempo e acabou sem a vaga antecipada no hexagonal final.

O Brasil lidera o Grupo B com seis pontos, seguido por Colômbia (quatro), Chile (quatro), Paraguai (três) e Venezuela (zero). Uma vitória garantia ao time do técnico Emerson Ávila a classificação faltando uma rodada para o final da primeira fase.

O próximo jogo da Seleção é com os colombianos, sexta-feira. Na terça, quando o Brasil folga, a Colômbia pega os venezuelanos e podem passar a garotada brasileira na tabela. No mesmo dia, Paraguai e Chile também se enfrentam.

A Seleção saiu na frente com um gol do atacante Lucas Piazon, que já está negociado pelo São Paulo com o Chelsea por € 7,5 milhões (R$ 17,7 milhões). Aos 31 minutos do primeiro tempo, o "novo Kaká" chutou forte cruzado, a bola entrou e furou a rede.

O lance gerou uma pequena confusão. Alguém da arquibancada gritou para a comissão técnica do Paraguai que a bola não teria entrado. Os paraguaios passaram a reclamar bastante com o trio de arbitragem, tentando convencer o juiz de que o gol não teria sido legal.

Após o gol de Piazon, a melhor chance da Seleção foi uma cobrança de falta de Hernani aos 38 minutos do primeiro tempo que acertou a trave do goleiro Alejandro Bogado. No segundo tempo, o Paraguai reclamou de um pênalti não dado do goleiro Charles em Caballero, aos sete minutos.

Os paraguaios passaram a dominar a etapa final e aproveitaram falhas da defesa brasileira para conseguir a virada. Aos 32, Caballero recebeu um belo lançamento entre a defesa, ficou sozinho cara a cara com Charles e chutou. O goleiro defendeu, mas o retobte sobrou para Giménez, que dominou na pequena área e entrou com bola e tudo: 1 a 1.

A virada saiu quatro minutos depois. Após cobrança de escanteio, a defesa do Brasil não subiu, Caballero subiu bem e marcou de cabeça, garantindo a vitória de 2 a 1 dos paraguaios, que haviam perdido na estreia por 3 a 1 para a Colômbia (o Paraguai só tem dois jogos no torneio até agora).

Antes de perder para o Paraguai, o time de Emerson Ávila havia sofrido para vencer os dois primeiros jogos do Sul-Americano. Na estreia, a Seleção bateu a Venezuela por 4 a 3 com dificuldades, depois de levar 2 a 0 no placar. A segunda vitória também veio de virada: 2 a 1 sobre o Chile, com um belo gol de falta do camisa 10 Adryan, meia do Flamengo.

Neste sábado, o técnico escalou a equipe titular com Charles, Wallace, Josué, Marquinhos e Emerson; Rodrigo, Marlon Bica, Hernani e Adryan; Lucas Piazon e Pedro Paulo.

 brasil x paraguai   (Foto: Divulgação/CBF)Adryan jogou bem no primeiro tempo, mas caiu de produção na etapa final  (Foto: Divulgação/CBF)

ICFUT – Ganso faz seu jogo de número 100: faltou brilho!

Fonte: lancenet

Meia escapou de levar cartão vermelho por falta dura e foi substituído nos minutos finais da partida

Ganso em partida contra o Bragantino (Foto: Ari Ferreira) Ganso fez sua 100ª partida contra o Bragantino (Foto: Ari Ferreira)

Paulo Henrique fez neste sábado seu centésimo jogo com a camisa santista como profissional, mas a partida não ficou marcada na carreira como ele gostaria. Apagado, não conseguiu repetir o futebol jogado diante do Botafogo-SP e deixou o campo nervoso, assim como praticamente todo o time santista.

Durante a partida, não conseguiu escapar da marcação e se exaltou durante alguns minutos. No segundo tempo, chegou a pisar no tornozelo do adversário e poderia ter recebido o cartão vermelho, mas acabou punido apenas com o amarelo.

Assim como vinha acontecendo, Ganso acabou substituído nos minutos finais da partida, pois ainda está em fase final de recuperação no joelho esquerdo. Ele disse que isso já estava combinado com o técnico Marcelo Martelotte e não ficou chateado pela mudança, mas espera ter condições para ficar até o fim logo.

– O Marcelo Martelotte já havia falado comigo, sabia que não ficaria até o fim do jogo. Aos poucos vamos melhorando, acabei de voltar e preciso pegar ritmo – disse o meia, no fim da partida em Bragança.

Nos 100 jogos que fez pela equipe profissional, Ganso marcou 24 gols e ganhou dois títulos, da Copa do Brasil e do Paulistão. Em sua primeira Copa Santander Libertadores, espera por outra boa campanha.

ICFUT – PAULISTÃO: Resultados de jogos 19/03/11

Fonte: gazetaesportiva.net, futebolinterior

Noroeste 1 x 0 Ponte Preta

Depois de exatos dois meses, a Ponte Preta perdeu sua invencibilidade de 12 partidas, sendo 11 pelo Campeonato Paulista e uma pela Copa do Brasil. Em um jogo de baixo nível técnico, o Noroeste conseguiu bater o time de Campinas, por 1 a 0, com um gol irregular na tarde deste sábado, no Estádio Alfredo de Castilho, em Bauru, na abertura da 14.ª rodada. O tento anotado por Otacílio Neto acabou acontecendo, após uma falta sobre o goleiro Bruno.

Portuguesa 4 x 1 Mirassol

A Portuguesa conseguiu um grande resultado, e se aproximou do G8 do Campeonato Paulista. Na tarde deste sábado, jogando pela 14ª rodada, no Estádio do Canindé, contra o Mirassol, o time teve um pouco de dificuldades na primeira etapa, mas voltou melhor no segundo tempo, e conseguiu golear por 4 a 1.

Os donos da casa, que não venciam há dois jogos, e marcaram com Jael (2), Luís Ricardo e Henrique, chegaram aos 18 pontos, e estão na nona colocação, a dois pontos do Oeste, o oitavo. Enquanto isso, o Mirassol se manteve com 23 pontos, na sexta colocação.

Bragantino 2 x 1 Santos

O mau momento do Santos piorou ainda mais. No início da noite deste sábado, em Bragança Paulista, o time da Vila Belmiro perdeu por 2 a 1 para o Bragantino e deve se distanciar de seus rivais na tabela de classificação do Campeonato Paulista. Os gols dos donos da casa foram de Léo Jaime e Marcelinho. Elano descontou, de pênalti. Na saída do jogo, os santistas reclamaram bastante da arbitragem.

O Santos continua com os mesmos 28 pontos de São Paulo, Corinthians e Palmeiras, porém os rivais entrarão em campo no domingo com o objetivo em comum de ficar na ponta da classificação. Já o Bragantino subiu nas posições intermediárias da tabela, agora com 19 pontos ganhos.

O próximo compromisso do Santos será contra o Mogi Mirim, quarta-feira, na Vila Belmiro. Resta saber se Marcelo Martelotte continuará no comando da equipe até lá – o técnico interino já estava pressionado por causa da derrota para o Colo Colo, na Copa Libertadores da América. No mesmo dia, o Bragantino visitará o São Caetano.

Santo André 2 x 0 Oeste

Após estar vencendo por 2 a 0, o Santo André bobeou e levou o empate do Oeste, deixando escapar a chance de sair da zona de rebaixamento, pelo menos provisoriamente. Já o Oeste, foi a 21 pontos e garantiu sua permanência no G-8 até a próxima rodada.

Precisando da vitória, e jogando em seus domínios, o Santo André foi para cima e quase abriu o placar com Aloísio, mas o gol só saiu no final da primeira etapa. Aos 40 minutos, Célio Codo bateu colocado, da entrada da área, e mandou no canto esquerdo do goleiro Fábio.

O Ramalhão voltou do intervalo disposto a selar a vitória. Aos 13 minutos, Aloísio levantou bola na área, em cobrança de falta, e Allan desviou para o fundo do gol. Com os 2 a 0 no placar, o Santo André relaxou e acabou sofrendo o empate. Reinaldo invadiu a área pela esquerda e chutou, desequilibrado, na saída do goleiro Neneca, para diminuir. Aos 31, Fernandinho cruzou e Fábio Santos empurrou para empatar.

O prejuízo para os donos da casa poderia ter sido maior. Já nos acréscimos, Roger entrou livre na área, driblou Neneca e chutou, mas Marcelo Godri salvou em cima da linha o que seria o gol da virada do Oeste.

Botafogo 2 x 1 Paulista

O Botafogo mostrou poder de reação neste sábado para deixar a zona de rebaixamento e respirar no Campeonato Paulista. Em casa, a equipe de Ribeirão Preto saiu atrás no placar, mas conseguiu virar e vencer o Paulista por 2 a 1.

O time visitante teve problemas ainda no primeiro tempo, aos 27, quando João Paulo foi expulso de campo por falta sobre Leandro. Já no fim da etapa, aos 44, parte dos refletores do estádio apagou, o que deixou a partida paralisada por cerca de 15 minutos.

Já depois do intervalo, o Galo saiu na frente no placar. Depois de cobrança de escanteio, Eli Sabiá subiu mais que a marcação e cabeceou no canto, sem dar chances ao goleiro.

Porém, o Botafogo se lançou ao ataque para virar o placar. Assim, aos 17, Andrezinho bateu falta para a área e Demerson cabeceou, exigindo boa defesa de Felipe. Mas o rebote sobrou para Anselmo, que só teve o trabalho de empurrar para as redes.

A equipe de Ribeirão Preto pulou na frente do placar aos 34. João Henrique fez o passe na direita para Assisinho, que chutou cruzado para superar o arqueiro da equipe visitante.

Com a vitória, o Botafogo chegou aos 14 pontos e ocupa agora a 14ª colocação no Estadual. O Paulista, por sua vez, aparece no oitavo lugar, com 21.