Por Rogerinho – Entrevista com Luís Fabiano

Louco para chegar ao Brasil, Luis Fabiano explica escolha pelo Tricolor

Em entrevista ao site oficial, atacante fala sobre adaptação da família ao país, detalhes da negociação com o São Paulo e desejo de jogar no clube

Por GLOBOESPORTE.COM Sevilha (ESP)

Ainda na Espanha, mas ligado no São Paulo. Após anunciar o retorno ao clube paulista, Luis Fabiano faz tratamento com o fisioterapeuta do Tricolor em Sevilha e falou ao site oficial do clube sobre a expectativa do retorno, a preocupação com a adaptação das filhas ao Brasil e o motivo da escolha pelo time paulista. Confira a entrevista.

luis fabiano são paulo (Foto: Felipe Espíndola / saopaulofc.net)Em Sevilha, Luis Fabiano posa com a camisa do São Paulo

.

Expectativa pelo retorno ao São Paulo

“Neste momento, eu estou com um sentimento inexplicável. Apesar de estar voltando para o lugar onde eu sempre sonhei, é um time que levei dentro do meu coração desde a minha saída. Ao mesmo tempo estou triste pelo Sevilla, já que foram seis anos de conquistas no clube. Foi um time que me deu a possibilidade de disputar a Copa do Mundo. Poder reencontrar o torcedor são-paulino e voltar a jogar no Morumbi é algo que venho buscando há muito tempo”.

Desejo de jogar no Brasil

“Muitas coisas fazem você pensar em retornar. Primeiro teve a eliminação na Copa do Mundo, que foi muito difícil. Foram seis anos no Sevilla e tenho uma sensação de dever cumprido. Tive algumas desilusões. Algumas coisas não aconteceram da forma natural que eu achei que ocorreriam. E fizeram com que eu parasse para pensar que estava na hora de mudar de ares, time, cidade, objetivos… E nada melhor que voltar para o lugar no qual fui muito feliz e seguir esta minha história no São Paulo”.

Vontade da família e adaptação

“Tem um peso muito grande. Você sempre quer estar na sua casa, perto da família. Mas você tem de valorizar muitas coisas antes de voltar. Sabemos de todos os problemas de viver no Brasil. Estamos cientes das dificuldades que vamos encontrar, mas eu sei que fiz a escolha certa em voltar. Adaptação da família me preocupa um pouco, já que minhas filhas nunca moraram no Brasil. Não sei como será na escola. Mas, quando decidimos retornar, colocamos na cabeça que estávamos prontos para superar as dificuldades”.

Início das negociações com o Tricolor

“Começaram pelas nossas trocas de mensagens (com o assessor Felipe Espindola). Que tinha uma possibilidade de o São Paulo fazer uma proposta. Conversei com o presidente Juvenal Juvêncio algumas vezes. Quando ele falou que realmente viria alguém para a Espanha para tentar negociar, apresentar uma proposta, eu sabia que teria de colocar alguma ajuda da minha parte. Quase um mês de conversa e no fim deu tudo certo”.

Certeza de sucesso no acerto

“Sinceramente eu sempre acreditei que daria certo. Até pelo fato de meu ciclo no Sevilla ter terminado. Eu falei para o presidente da minha vontade. Mas tive uma reunião com ele e aí duvidei. Ele estava irredutível. Outro fato que eu acho que foi fundamental foi a minha lesão. Se eu estivesse 100%, eu iria seguir até junho aqui e não teria esta possibilidade de voltar agora”.

Motivo de escolher o São Paulo

“É um sentimento que não tem explicação. Uma coisa que vem do fundo do coração. O tratamento que eu sempre tive no São Paulo, as coisas que eu fiz por este clube… Me sinto muito bem no Tricolor”.

ICFUT – AS “10 MAIORES RIVALIDADES DO FUTEBOL MUNDIAL”

                                                             1º. Celtic x Rangers, Escócia
                                                             2º. Lazio x Roma, Itália
3º. Boca Juniors x River Plate, Argentina
4º. Al Ahly x Zamalek, Egito
5º. Galatasaray x Fenerbahce, Turquia
6º. Olympiakos x Panathinaikos, Grécia
7º. Red Star Belgrade x Partizan Belgrade, Sérvia
8º. Wydad x Raja Casablanca, Marrocos
9º. Corinthians x Palmeiras, Brasil
10º. Peñarol x Nacional, Uruguai

Saiu essa publicação pela Rede Americana CNN em 2008

Eu, Alexandre, acrescento:Será que ainda é válida…
Esqueceram a importância de FLA-FLU, GRE-NAL, BA-VI entre outros já que Brasil é o país do futebol. Falta mais times brasileiros nessa lista, afirmo!

-Podem comentar que também achei polêmico esse edito!

ICFUT – Candidato à presidência do Sporting quer Felipão, diz jornal

Fonte: ig.com.br

Técnico do Palmeiras tem um filho que estuda em Lisboa e por isso Godinho Lopes crê que pode contratá-lo

O nome de Luiz Felipe Scolari segue sendo comentado em Portugal. Após ser técnico e levar a seleção portuguesa a um vice-campeonato da Eurocopa e à semifinal da Copa de 2006, o técnico do Palmeiras estaria na mira de uma das maiores equipes do país: o Sporting, de Lisboa.

De acordo com informações do jornal A Bola, Felipão seria o nome forte da candidatura de Godinho Lopes à presidência do clube, em eleições que ocorrem no próximo dia 26. O objetivo seria trazê-lo para guiar o trabalho de reestruturação dos Leões, que recentemente perderam o atacante Liedson para o Corinthians.

Um dos motivos para uma resposta positiva do comandante, segundo a publicação, seria o fato de ele ter um filho que estuda na capital lusitana.

O diário ainda colocou como outra opção para Scolari uma ida ao Fluminense, que está sem técnico desde o último domingo, quando Muricy Ramalho deixou as Laranjeiras, após o empate em 0 a 0 com o Flamengo.

ICFUT – Mais da metade dos clubes já assina com Globo para Brasileiro

Fonte: folha.com

Pelo menos 11 clubes –ou a maioria do grupo– já assinaram com a Rede Globo para os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro de 2012 e 2014, apurou a Folha. O último deles foi o Grêmio, exatamente a ex-agremiação do atual presidente do Clube dos 13, Fábio Koff.

Com exceção do Grêmio, os nomes dos demais clubes ainda não foram divulgados oficialmente, mas já é certo que estão acordados com a emissora carioca.

O CASO

A situação acontece semanas após o cisma entre as equipes e a diretoria da entidade, tradicional responsável por negociar os contratos, devido a discordâncias entre as partes. Além do Grêmio, já haviam anunciado o rompimento os quatro do Rio (Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco), Corinthians, Palmeiras, Santos, Cruzeiro e Coritiba. Nesta quarta-feira, o Vitória finalmente se posicionou e também ficou do lado dos ‘rebeldes’.

O processo licitatório para os direitos de TV aberta do Clube dos 13, na última sexta-feira, apontou a única participante, a Rede TV!, como vencedora, com o lance de R$ 1,548 bilhão. Mas a Globo já havia avisado que, descontente com os critérios adotados para o triênio 2012-2014, partiria para se acertar diretamente com os times.

Ricardo Nogueira – 27.fev.11/Folhapress

Cinegrafista trabalha em São Paulo 1 x 1 Palmeiras

Cinegrafista trabalha em São Paulo 1 x 1 Palmeiras

A desistência da Record pegou os cartolas de surpresa e tumultuou o ambiente, que contou com a presença de representantes de seis clubes.

A Record, por meio de um comunicado oficial, disse depois que o processo de negociação pelos direitos de TV entre clubes e emissoras vem sendo um "jogo de cartas marcadas".

"Alguns clubes, antes de ouvir qualquer proposta por parte da Record, já indicam que tem acordos pré-acertados com outra emissora", afirmou o texto, em uma clara referência à TV Globo.

"Os responsáveis por estes acordos que prejudicam os torcedores, clubes e patrocinadores devem vir a público para revelar como foram as negociações e qual o valor acertado previamente, sem concorrência, sem transparência e baseados nos mesmos princípios que ajudaram a reduzir o poder dos clubes", disse o comunicado.

"A Record informa que não aceita participar de um jogo com cartas marcadas".

A emissora acrescentou que a situação atual gerou incerteza jurídica e que não tinha convicção de que a proposta vencedora tenha os direitos de transmissão das partidas de todos os clubes.

No último dia 25, a Globo divulgou o comunicado para explicar a sua conduta. Leia na íntegra:

"Os dirigentes efetivamente preocupados com os legítimos interesses dos seus clubes e, acima de tudo, os torcedores são testemunhas dos volumosos investimentos que a Rede Globo tem feito ao longo desses anos, numa parceria pelo aprimoramento do nosso futebol, na busca de um espetáculo emocionante, com profissionalismo e qualidade.

Essa contribuição tem se traduzido no crescimento das receitas dos clubes, não só através das receitas obtidas com a venda dos direitos de transmissão, bem como com a comercialização de outros direitos, incluindo propaganda nos uniformes e publicidade nos estádios.

As exigências e modificações nos conteúdos das plataformas implicam na desestruturação de um produto complexo, que foi construído ao longo dos últimos 13 anos, inviabilizando assim qualquer perspectiva de um retorno compatível com os investimentos na compra dos direitos.

As condições impostas na carta-convite não se coadunam com nossos formatos de conteúdo e de comercialização, que se baseiam exclusivamente em audiência e na receita publicitária, sendo incompatíveis com a vocação da televisão aberta que, por ser abrangente e gratuita, é a principal fonte de informação e entretenimento para a maioria dos brasileiros.

Assim é, em respeito ao interesse do público, que a Rede Globo se sente impedida de participar desta licitação e pretende manter diálogo com cada um dos clubes para chegarmos a um formato para a disputa pelos direitos de transmissão que privilegie a parte mais importante desse evento: o torcedor.

Central Globo de Comunicação"

ICFUT – Copa do Brasil homenageia vítimas de tragédia no Japão

Fonte: ig.com.br

Partidas da competição nacional terão um minuto de silêncio em homenagem aos atingidos pelo desastre

A CBF divulgou nota em seu site oficial para anunciar que todos os jogos desta quarta-feira e também de quinta, pela Copa do Brasil, deverão ser precedidos por um minuto de silêncio. A determinação visa homenagear as vítimas do terremoto, seguido por um tsunami, que causou a morte de milhares de pessoas no Japão na última sexta-feira.

O torneio nacional contará com oito partidas nesta quarta-feira e mais duas na quinta, todas válidas por sua segunda fase. Uberaba x Palmeiras e Fortaleza x Flamengo, que começam às 21h50 desta quarta, estão entre os confrontos em que a homenagem será realizada.

A CBF anunciou a determinação um dia depois que a Uefa, entidade que controla o futebol europeu, cobrar a execução do minuto de silêncio antes de todos os duelos desta semana válidos por competições geridas por ela. No caso, a determinação vale para a Liga dos Campeões da Europa, que terá nesta quarta-feira os dois últimos jogos das oitavas de final, e também para os quatro confrontos das quartas de final da Liga dos Campeões da Europa de Futebol Feminino, agendados para esta quarta e quinta.

ICFUT – São Paulo chama Mundial vencido pelo Corinthians de torneio de verão e protótipo

Fonte: uol.com.br

O São Paulo aproveitou o lançamento de seu novo site oficial para cutucar o Corinthians. O clube tricolor se referiu ao Mundial de Clubes de 2000, vencido pelo arquirrival, como torneio de verão e protótipo patrocinado pela Fifa.

A descrição aparece na seção Soberania, em um texto que cita as reformas no estádio do Morumbi, palco de jogos do Corinthians pelo torneio internacional.

“Adaptado a novas condições de segurança e conforto, a capacidade de público do Gigante [Morumbi] foi reduzida. Um novo sistema de iluminação, muito mais potente, foi inaugurado em 1999. Em janeiro do ano seguinte, todas as reformas foram finalizadas a tempo de se disputar um torneio de verão, protótipo patrocinado pela FIFA”, registra o texto.

O termo protótipo é utilizado porque foi o primeiro Mundial de clubes promovido pela Fifa. O segundo aconteceu apenas em 2005 e foi vencido justamente pelo São Paulo, com o Japão como sede.