ICFUT – Dossiê da unificação dá margens para contestação

Fonte: http://www.lancenet.com.br

Pelé pode ser reconhecido oficialmente como hexacampeão brasileiro

(Crédito: Renato Cordeiro)

O dossiê entregue à CBF para a possível unificação dos títulos brasileiros a partir de 1959, ao qual o LANCENET! teve acesso com exclusividade, trata a imprensa como “a testemunha mais importante” para o reconhecimento da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa como campeonatos nacionais.

O documento afirma que “a cobertura dos jornais deixava claro que a competição dava ao seu vencedor o título de campeão brasileiro”. No entanto, uma pesquisa na Biblioteca Nacional do Rio revela que o tema dividiu opiniões (ver quadro).

A proposta do dossiê é de que os títulos da Taça Brasil (1959 a 1968) e do Robertão (1967 a 1970) sejam equiparados aos do Campeonato Brasileiro disputado a partir de 1971. O primeiro, de fato, surgiu como uma competição reconhecidamente nacional. Jornais da época exaltaram sua criação, que teve como objetivo indicar o representante do país na Copa Libertadores (veja abaixo reações da imprensa sobre as competições).

 

Sobre o primeiro campeão brasileiro
O GLOBO – 20/12/1971
Sobre o primeiro Brasileiro, em 1971
“O Atlético é o primeiro campeão
nacional de clubes, título conquistado
justa e merecidamente, ao derrotar
por 1 a 0 o Botafogo no Maracanã.”
GAZETA ESPORTIVA – 30/3/1959
Sobre a primeira Taça Brasil, em 1959
“Foi a vez do E.C. Bahia vencer a Taça
Brasil, o primeiro campeonato brasileiro
de clubes.”
Opiniões ilustres
JORNAL DO BRASIL – 8/12/1966
Armando Nogueira, sobre a
Taça Brasil de 1966
“O campo enlameado do Pacaembu
consagrou, ontem à noite, o grande
campeão do Brasil, o Cruzeiro de
Tostão, Dirceu lopes, Natal e Raul.”
O GLOBO – 20/12/1971
João Saldanha, sobre o
Brasileiro de 1971
“(…) o primeiro Campeonato Brasileiro
de Clubes joga também a primeira pá de
cal nos campeonatos de secundária
importância e que são disputados
deficitariamente (…).”
Brasileiro ou Robertão?
JORNAL DO BRASIL – 11/12/1968
Sobre o Robertão de 1968
“O Santos conquistou o título de
campeão do Torneio Roberto Gomes
Pedrosa ao derrotar o Vasco por
2 a 1, ontem à noite (…)”
O DIA – 11/12/1968
Sobre o Robertão de 1968
“Não há dúvida alguma quanto à
justiça da conquista do time praiano, que
provou ser o melhor do Brasil através
deste torneio de caráter nacional.”
Qual foi o primeiro?
O GLOBO – 28/5/1984
Sobre o Brasileiro de 1984
“E o time tricolor, assim, conquistou
o título de campeão brasileiro, pela
primeira vez em sua história (…)”
O GLOBO – 21/12/1970
Sobre o Robertão de 1970
“Fluminense, campeão do Brasil”
Brasileiro ou Taça Brasil?
FOLHA DE S. PAULO – 3/4/1963
Sobre a Taça Brasil de 1962
“Realizando uma de suas grandes
exibições, o Santos conquistou
ontem à noite, pela segunda vez,
a Taça Brasil, obtendo
consequentemente o título de
bicampeão brasileiro de futebol.”
O GLOBO – 3/4/1963
Sobre a Taça Brasil de 1962
“(…) o Santos ganhou a partida e
ficou, pela segunda vez
consecutiva, com a Taça Brasil.”

 

João Havelange, então presidente da Confederação Brasileira de Desportos (CBD, atual CBF), anunciou na época em tom claro: a Taça Brasil apontaria o campeão do Brasil e indicaria o representante para o Campeonato Sul-Americano de Clubes (atual Libertadores). Em princípio, a imprensa seguiu o mesmo raciocínio, assim denominando o vencedor do torneio.

Em poucos anos, no entanto, parte dos veículos mudaram seus critérios e passaram a denominar os vencedores apenas como “campeões da Taça Brasil”. No dia 4 de setembro de 69, o jornal “Estado de São Paulo” estampou: “Botafogo ganha a Taça”. No texto, o clube carioca não é tratado como campeão brasileiro.

A divisão se agravou com a criação do Robertão, em 1967. O torneio, que por dois anos concorreu com a Taça Brasil, era entendido como ampliação do Rio-São Paulo. O “Jornal do Brasil”, maior diário do país à época, nunca negou o valor da competição, tida como a mais importante do país. O “JB”, porém, não o via como um Nacional.

“O Roberto Gomes Pedrosa continua sendo uma espécie de meio caminho para um futuro campeonato nacional de clubes, solução única para o futebol profissional no Brasil”, afirmou o “Jornal do Brasil” na edição de 6 de setembro de 68.

Confira um bate bola exclusivo com Odir Cunha, autor do dossiê:

LANCENET!: Há muitas críticas em torno do possível reconhecimento da Taça Brasil como um título brasileiro. Como o senhor encara isso?
ODIR CUNHA: Não interessa o número de participantes e de jogos da competição, o que importa é a finalidade, que era apontar um campeão brasileiro. O formato utilizado era o possível para a época. Muitos clubes brasileiros são campeões mundiais com apenas um jogo, e não devem ser contestados como tal. A Taça Brasil foi a competição mais ética de todas, pois não houve uma única mudança ou virada de mesa. As pessoas podem alegar que a competição era precária, mas era precária em relação ao país de hoje. Não se pode renegar os primórdios.

LNET!: Outro tema controverso sobre a unificação é o fato de que haveria dois campeões brasileiros nas temporadas de 67 e 68. Não é estranho?
Essa é uma discussão que pode acontecer. Mas, se formos honestos, veremos que há muitos precedentes no Brasil. Há vários títulos estaduais divididos no Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo. O Flamengo ganhou dois Campeonatos Estaduais em 1979. Creio ser melhor
incluir do que excluir.

LNET!: O dossiê deixa margem para alguma contestação? A unificação dos títulos está garantida?
As provas apresentadas no documento são concretas. Não há como a CBF não unificar. Se partir do critério técnico, não há como.
Queria que todos encarassem isso pelo lado positivo. O passado dos grandes clubes brasileiros será mais estudado e valorizado.

ICFUT – Sindicato dos atletas confirma ‘rebeldia’ de Valdivia

Fonte: http://www.lancenet.com.br

Rinaldo Martorelli, presidente do sindicato dos atletas de São Paulo, confirmou neste domingo que o Palmeiras protocolou uma carta de recomendações para se precaver quanto à conduta de Valdivia nas férias. O Mago, que sofreu com uma fibrose e uma lesão na coxa esquerda no fim da temporada, se recusou a assinar o documento feito pela comissão técnica. O clube enviou a carta ao sindicato, sem a assinatura do chileno.

Os demais jogadores receberam as mesmas recomendações e não se recusaram a seguir a norma interna. A informação foi divulgada pelo Blog do Perrone, do Uol. No início do mês, o LANCENET! revelou que Luiz Felipe Scolari estava insatisfeito com a conduta de Valdivia e que este entraria em 2011 na mira do técnico. Para Felipão, faltou empenho ao jogador no tratamento da fibrose, que o afastou da reta final da Copa Sul-Americana.

– O clube protocolou isso há duas semanas. Tive a confirmação ontem (sábado) com meu corpo jurídico – afirmou Martorelli, em entrevista à Rádio Globo.

De acordo com o presidente do sindicato, porém, a conduta é apenas uma forma de o Palmeiras se precaver. Há pouco valor jurídico no documento, já que o regimento interno adotado não foi aprovado pelo próprio sindicato, ou pelo Ministério Público.

– Toda empresa tem um regimento interno, que tem de ser aprovado pelo Ministério Público e pelo sindicato. O Palmeiras não fez isso, então pode ser contestado. Se o clube quer romper o contrato por conta disso, por exemplo, pode ser contestado na Justiça. É bom para o clube começar a ter esse procedimento, mas tem de realizar da forma como a lei exige. A empresa pode exigir mais do que o funcionário pode dar – disse.

Martorelli ressaltou, porém, que não há nada de ilegal.

– A gente percebe, analisando o histórico recente do Palmeiras, que o atleta, com relação à contusão dele, teve dissabores. A gente fica até feliz pelo clube ter uma conduta profissional, preocupado com a volta do Valdivia. E fez essa recomendação, que o atleta se recusou. Parece que o Palmeiras está impondo uma conduta nas férias e o atleta se rebelou. Quanto ao procedimento externo, que é válido que exista, os clubes têm de entender que, para isso ser válido, é preciso assistência do Ministério Público e do sindicato. Isso pode ser contestado – afirmou.

– O atleta tem de entender que sua profissão requer que tenha mais cuidados quando está fora. A gente exige profissionalismo dos clubes e tem de fazer o mesmo com os atletas. O sindicato serve apenas de um cartório. Isso tem pouco valor jurídico – completou Rinaldo Martorelli.

O sindicato irá entrar em contato com o departamento jurídico do Palmeiras nesta semana para debater sobre o caso. A diretoria alviverde não pretende tomar nenhuma medida contra Valdivia. Por ordem de Felipão, o clube protocolou o documento apenas por precaução e para deixar claro que o Mago se recusou a seguir as orientações físicas e médicas nas férias.

ICFUT – Após terminar com cantora, jogador conquista Coelhinha da Playboy na balada

Fonte: http://www.futebolinterior.com.br

Kayla ficou famosa em 2008, quando foi escolhida Playmate do Mês de Agosto

O lateral-esquerdo Ashley Cole, do Chelsea e da seleção inglesa, parece ter superado bem a separação com a cantora e modelo Cheryl Cole. Segundo a imprensa inglesa, o jogador está de caso com a ex-Coelhinha da Playboy norte-americana Kayla Collins.

Os tablóides britânicos relatam que os dois teriam ficado na boate Buddha Funky, em Londres. Dizem as más línguas que o novo casal trocou beijos “calientes” e que ninguém fez questão de controlar as “mãos bobas”.

Kayla ficou famosa em 2008, quando foi escolhida Playmate do Mês de Agosto e teve fotos publicadas na revista naquela edição. A deusa loira também participou do reality show britânico 10th Series, da ITV.

Já Ashley Cole saiu recentemente de um relacionamento conturbado com Cheryl. Considerada uma das mulheres mais sexys do mundo, a inglesa deixou o jogador acusando-o de infidelidade.

Veja mais fotos de Kayla

ICFUT – Santos deve apresentar ex-volante do Cruzeiro nesta segunda

Fonte: http://www.futebolinterior.com.br

Charles sofreu uma lesão na coxa esquerda durante um jogo pelo Campeonato Russo

A diretoria do Santos deve apresentar mais um reforço, nesta segunda-feira. O time alvinegro depende apenas de um aval do departamento médico para assinar o contrato com o volante Charles, que estava defendendo o Lokomotiv Moscou, da Rússia.

 

 

Charles sofreu uma lesão na coxa esquerda durante um jogo pelo Campeonato Russo. O jogador passou por cirurgia há cerca de um mês e, desde então, vem realizando fisioterapia na clínica do médico do Cruzeiro, Otacílio da Matta, em Belo Horizonte.

Atualmente com 25 anos, Charles Fernando Basílio da Silva é natural do Rio de Janeiro. Ele foi revelado nas categorias de base do Cruzeiro, mas deu seus primeiros passos como profissional por Ipatinga (2005 e 2006-2007) e Cabofriense-RJ (2006).

Foi na Raposa, no entanto, que o jogador ganhou destaque entre os anos de 2007 e 2008. Com a camisa celeste, ele disputou 67 partidas, anotou sete gols e conquistou um Campeonato Mineiro.

Até agora, o Peixe já anunciou as contratações dos meias meias Vitor Hugo (ex-Santa Cruz) e Elano (ex-Galatasaray-TUR).

ICFUT – Zagueiro recebe proposta de time italiano e pode deixar o Palmeiras

Fonte: http://www.www.futebolinterior.com.br

O grande problema é que a diretoria alviverde recusou a primeira oferta

Palmeiras, o zagueiro Danilo recebeu uma proposta tentadora do Bari, clube da primeira divisão italiana. O grande problema é que a diretoria alviverde recusou a primeira oferta feita pelos italianos.

Embora os valores não tenham sido divulgados, o empresário do defensor, Márcio Rivelino, revelou que a proposta salarial é três vezes maior a que o atleta recebe no clube palestrino.

A primeira oferta foi para um contrato de empréstimo por apenas seis meses, com prioridade de compra. Como não chegou-se a um acordo, a ideia dos dirigentes do Barifazer uma proposta para contratar Danilo em definitivo.

Danilo Laranjeira tem 26 anos e foi revelado nas categorias de base do Paulista, de Jundiaí. Antes de atuar pelo Palmeiras, ele havia defendido também o Galo do Japi, o Ituano e o Atlético-PR, de onde saiu em 2008.

ICFUT – Técnico da Roma elogia desempenho de Adriano e prevê melhora em 2011

Fonte: http://www.gazetaesportiva.net

Mesmo com atuações apagadas pela Roma, que lhe renderam o prêmio de pior jogador do ano no Campeonato Italiano, o atacante Adriano começa a ganhar a confiança do técnico Cláudio Ranieri. No último sábado, na vitória por 1 a 0 sobre o Milan, o Imperador entrou como titular pela segunda vez na competição e, mesmo sem ter feito grandes jogadas ofensivas, foi elogiado por Ranieri.

“Eu fiquei muito satisfeito com o desempenho do Adriano pela forma como ele segurou a bola e deu espaço para o time respirar. Vocês vão ver como ele se tornará importante para a Roma no ano que vem”, afirmou o treinador à imprensa italiana.

Apesar de ser desejado por Palmeiras e Corinthians como reforço para a próxima temporada, Adriano já afirmou que pretende permanecer na Roma até o final de seu contrato, que vai até 2012. Entretanto, os clubes paulistas ainda buscam formas para conseguir a liberação do atacante junto ao clube italiano para que o Imperador volte ao futebol brasileiro, onde já defendeu o Flamengo e o São Paulo.

ICFUT – Portugueses colocam Liedson na mira do Corinthians

Fonte: http://www.terra.com.br

Segundo o jornal A Bola de Portugal, a contratação de Liedson voltou à pauta no Corinthians. O atacante do SportingL Lisboa seria o segundo nome na lista do time paulista, caso não consiga repatriar Adriano.

A repercussão da negociação entre o atacante da Roma e Corinthians também já passou a ganhar espaço no noticiário patrício. A imprensa esportiva portuguesa ressalta as dificuldades no negócio e colocam Liedson como uma opção para o clube paulista no setor ofensivo.

A diretoria do Corinthians já teria sondado o jogador por meio de seu empresário, Renato Silva, mas a princípio o interesse seria de contar com Liedson a partir do segundo semestre de 2011.

ICFUT – Para Neymar, amigo Ganso será melhor que Zidane

Fonte: http://www.terra.com.br

Neymar elogia Ganso e compara amigo a Zidane
Foto: Reuters

O astro santista Neymar fez questão de elogiar seu amigo Paulo Henrique Ganso e o comparou ao ídolo francês Zinedine Zidane, eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa em 1998, 2000 e 2003. Mas segundo Neymar, o camisa 10 do Santos, que se recupera de uma grave lesão no joelho, será ainda melhor que Zidane.

“Para mim ele é um gênio. Eu falo para ele que ele é o ‘Zidane 2’. E falo também que ele será melhor que o Zidane”, afirmou Neymar, em entrevista à Rede Globo. Neymar comentou ainda sobre a chegada de Elano ao Santos e disse que o agora companheiro de equipe é um jogador completo. “É um cara que arma, desarma, faz gol. É um cara que faz tudo, um jogador completo”.

ICFUT – Andrés admite exagero nos gastos para o ano do centenário

Fonte: http://www.yahoo.com.br

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, admitiu que gastou mais do que deveria em 2010. Por causa do centenário do clube, o dirigente extrapolou o orçamento do futebol em cerca de 25 a 30%.

“Em 2010, eu exagerei. Era ano importante, do centenário, mas o Corinthians ainda pode contratar. Não vou gastar cinco milhões de euros em um atleta, mas dá para pagar salário e luva de alguém livre ou emprestado”, explicou o mandatário alvinegro à Rádio Jovem Pan.

Segundo Andrés, a situação econômica do Corinthians não é fácil, mas está sob controle. Ele avalia que a dívida do clube gira em torno de R$ 115 milhões, e revelou que quando assumiu o comando, em 2008, teve que pagar quase R$ 70 milhões. Entre os credores estavam os ex-técnicos Daniel Passarella e Emerson Leão, o jogador Nilmar e seu ex-clube, o Lyon (FRA).

“Em 2007, arrecadamos apenas R$ 63 milhões, mesmo com a venda do William (para o Shaktar Donetsk, da Ucrânia) por R$ 30 milhões. Há uma defasagem de fluxo de caixa que estamos melhorando ano a ano. Às vezes eu atraso uma luva ou um prêmio, mas é sempre contornável”, garantiu.

Andrés afirmou que conseguiria pagar a dívida inteira do Corinthians caso montasse o time com R$ 2 milhões, mas ele acredita que o principal problema gira em torno de apenas R$ 40 milhões, pois o resto será saldado com a Timemania.

“Nós investimos muito, em centro de treinamento, diversas coisas. Tivemos que exagerar. Eu consigo pagar a dívida se fizermos um time com R$ 2 milhões. O torcedor pode ficar tranquilo, pois meu mandato não acabou e quem sabe até lá não estará tudo pago?”, indagou o presidente, que comanda o clube até dezembro de 2011.

ICFUT – Hernanes abre caminho da vitória do Lazio em jogo eletrizante com Udinese

Fonte: globo.com

Brasileiro faz gol com um minuto de jogo no triunfo por 3 a 2, em Roma

Em um jogo movimentado no Olímpico de Roma, o Lazio sofreu, mas bateu o Udinese por 3 a 2, neste domingo, pela 17ª rodada do Campeonato Italiano. Com as duas equipes atuando ofensivamente, a partida foi marcada por bons lances durante os 90 minutos. E quem brilhou mais uma vez  foi o brasileiro Hernanes, que balançou a rede adversária, abrindo o caminho da vitória de sua equipe.

Com o triunfo, o Lazio segue na vice-liderança da competição com 33 pontos e encostou no líder Milan, que tem 36 e foi derrotado no sábado pelo Roma, por 1 a 0.

Hernanes acerta belo chute no começo

Com um minuto de jogo, o Lazio se lançou ao ataque e balançou logo a rede adversária. Rocchi fez boa jogada e rolou para Hernanes na entrada da área. O brasileiro deu um tapa na bola e mandou no canto esquerdo do goleiro Handanociv. Ainda no primeiro tempo, o ex-são paulino acertou um belo chute no travessão.

Na etapa final, o jogo ganhou mais emoção com quatro gols. Logo aos três minutos, o Udinese igualou o placar. Após rebote de escanteio, Di Natale recebeu pela direita e cruzou na área. Sánchez apareceu sem marcação e testou para o para o gol. Dois minutos depois, o Lazio conseguiu novamente a vantagem com Biava, que recebeu passe de  André Dias para marcar.

Com 2 a 1 no placar, o Lazio acabou recuando em campo e deu espaços para o Udinese, que empatou o jogo aos 15 minutos. Isla cruzou na entrada da área, Denis acertou uma bela cabeçada no cantinho esquerdo e deixou tudo igual.

Após o gol sofrido, o time romano foi ao ataque. Mauri recebeu passe na esquerda da área, saiu da marcação e bateu com força. O goleiro da Udinese espalmou, fazendo grande defesa.

Mas, aos 43 minutos, o Lazio foi recompensado pelo esforço em campo. Ledesma cruzou na primeira trave, e Kozák subiu para cabecear. No entanto, Zapata tocou na bola de cabeça e empurrou contra seu próprio patrimônio decretando a vitória do vice-líder do Italiano por 3 a 2.

Confira os jogos do Campeonato Italiano

Sábado
Cesena 1 x 0 Cagliari
Milan 0 x 1 Roma

Domingo
Lazio 3 x 2 Udinese
Bari 1 x 1 Palermo
Catania 1 x 0 Brescia
Chievo 1 x 1 Juventus
Napoli 1 x 0 Lecce
Parma 0 x 0 Bologna
Sampdoria x Genoa (início às 17h45m de Brasília)