Por Edgar Santista – CBF deve oficializar titulos brasileiros dos campeonatos realizados até 1970, Santos e Palmeiras serão os maiores campeões do Brasil.

Entenda como eram a Taça Brasil e
o Torneio Roberto Gomes Pedrosa

Campeões das competições que antecederam o Brasileirão entre 1959 e 70 também serão reconhecidos pela CBF como campeões nacionais

Quando o Fluminense conquistou o título brasileiro no último dia 5, os torcedores do Tricolor carioca entoaram, no Engenhão, o coro de “tricampeão”. Estavam incluindo na conta a Taça de Prata de 1970. Posição que acabou se tornando uma realidade com a decisão da CBF de passar a considerar as conquistas da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa como títulos brasileiros. A informação foi publicada inicialmente no blog “Primeira Mão”.

Taça Brasil

Disputada de 1959 a 68, e com molde semelhante às primeiras Copas do Brasil, a Taça Brasil contava com a participação de um representante por estado: o campeão estadual. Nas duas primeiras edições, portanto, contou com 16 e 17 times, respectivamente. A partir de 61, o ganhador do ano anterior passou a ter vaga assegurada na edição seguinte. Assim, São Paulo teve dois representantes em 61: Palmeiras (campeão paulista de 60) e Santos (vencedor da Taça Brasil em 60), deixando a competição com 18 times.

A competição era disputa de forma regionalizada, com grupos formados pela proximidade geográfica. Os campeões paulista e carioca tinham o privilégio de entrar já em fases mais avançadas (semifinal e quartas de final). O mesmo direito era conferido ao vencedor da edição anterior.

Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Taça de Prata

Em 1967, o até então Torneio Rio-São Paulo deixou de ser disputado para a criação do Torneio Roberto Gomes Pedrosa. O nome foi uma homenagem ao goleiro Pedrosa, do São Paulo e da seleção brasileira da Copa de 34, que morreu em 54 como presidente da Federação Paulista de Futebol. A edição pioneira reuniu 15 clubes de cinco estados: cinco times do Rio de Janeiro (Guanabara), cinco de São Paulo, dois de Minas Gerais, dois do Rio Grande do Sul e um do Paraná, sendo chamada popularmente de “Robertão”. No ano seguinte, a competição passou a se chamar de Taça de Prata e abriu espaço para o futebol nordestino, com 17 clubes e a participação de um representante da Bahia e outro de Pernambuco.

Nos quatro anos em que foi disputado, o Robertão teve o mesmo sistema de disputa. Os times eram dividos em dois grupos, mas todos se enfrentavam todos contra todos em turno único. Porém, se classificavam os dois primeiros de cada chave. Na fase final, os quatro clubes jogavam em ida e volta, sendo campeão o time que somasse mais pontos.

A competição seguiu até 70, quando foi substituído pelo primeiro Campeonato Brasileiro em 71, quando passou a ter oficialmente este nome, mas foi disputado sob o mesmo formato que o Robertão.

Veja os títulos que a CBF vai passar a contar na lista de campeões nacionais

Taça Brasil
1959 – Bahia
1960 – Palmeiras
1961 – Santos
1962 – Santos
1963 – Santos
1964 – Santos
1965 – Santos
1966 – Cruzeiro
1967 – Palmeiras
1968 – Botafogo

Torneio Roberto Gomes Pedrosa / Taça de Prata
1967 – Palmeiras
1968 – Santos
1969 – Palmeiras
1970 – Fluminense

Fonte. Blog Primeira mão/ globoesporte.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s