ICFUT – Giro pelo futebol 11/10/2010

Fonte:Futebolinterior.com.br

Por Cleber Aguiar – Veja as chances de seu clube !

Fonte: Lancenet.com.br

Em uma semana, chances do Cruzeiro quase quintuplicam

Raposa venceu duas seguidas e rivais direto não somaram pontos na semana; na parte de baixo, Prudente está virtualmente rebaixado

Cruzeiro festeja vitória sobre o Fluminense (Foto: Célio Messias)  

Cruzeiro festeja vitória sobre o Fluminense (Foto: Célio Messias)

LANCEPRESS!

A semana foi para lá de positiva para o Cruzeiro. Nas duas rodadas, disputadas quarta, quinta, sábado e domingo, a Raposa conquistou seis pontos, enquanto os concorrentes diretos pelo título, Corinthians e Fluminense, não somaram sequer um pontinho. Assim, as chances de o Cruzeiro ser campeão cresceram de 11% ao final da última semana para 49% agora, segundo cálculos do matemático Tristão Garcia, do site “Infobola”.

O Fluminense, que era líder até perder para o Cruzeiro neste domingo, em Uberlândia, tinha 39% de chances após a última rodada e agora tem 28%. Prejuízo maior teve o Corinthians, que viu suas chances caírem de 22% para apenas 10% e ainda ficou sem técnico – Adilson Batista pediu demissão . Internacional (com 6%) e Santos (3%) são outros candidatos ao título – vale lembrar que os dois se enfrentam nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, em jogo atrasado da 13ª rodada.

LIBERTADORES

Na briga pela Libertadores, Botafogo, Grêmio e Palmeiras melhoraram suas chances, mesmo não tendo vencido na rodada. Quem mais cresceu nessa briga foi o São Paulo, que com a vitória sobre o Grêmio Prudente viu suas chances aumentarem de 1% para 4% – a diferença para o G-3 agora é de 8 pontos. Cruzeiro (95%) e Fluminense (90%) já estão praticamente garantidos.

REBAIXAMENTO

O Campeonato Brasileiro já tem seu primeiro virtual rebaixado, segundo as contas do matemático: é o Grêmio Prudente, com 99% de chances. O clube do interior paulista perdeu seu 15º jogo em 29 rodadas e está a nove pontos do Avaí, primeiro time fora. Apesar de estar fora da zona agora, o time catarinense tem mais chances de cair do que o Atlético-GO (55% contra 50%). Flamengo e Guarani também estão ameaçados.

Confira as chances e os jogos que restam para cada um:

TIME TIT LIB REB O QUE RESTA
Cruzeiro 49% 95% Grêmio (f), Atlético-MG (c), Prudente (f), São Paulo (c), Vitória (f), Corinthians (f), Vasco (c), Flamengo (f) e Palmeiras (c)
Fluminense 28% 90% Botafogo (c), Atlético-PR (f), Grêmio (c), Inter (f), Vasco (c), Goiás (c), São Paulo (f), Palmeiras (f) e Guarani (c)
Corinthians 10% 69% Vasco (f), Guarani (f), Palmeiras (c), Flamengo (f), Avaí (c), São Paulo (f), Cruzeiro (c), Vitória (f), Vasco (c) e Goiás (f)
Internacional 6% 100%* Santos (f), Flamengo (f), Grêmio (f), Santos (c), Fluminense (c), Atlético-GO (f), Avaí (c), Botafogo (f), Vitória (c) e Prudente (f)
Santos 3% 100%* Inter (c), São Paulo (f), Prudente (c), Inter (f), Vitória (c), Atlético-MG (f), Grêmio (c), Goiás (f), Avaí (f) e Flamengo (c)
Botafogo 1% 12% Fluminense (f), Vitória (c), Atlético-MG (f), Atlético-GO (c), Avaí (f), Ceará (f), Inter (c), Prudente (c) e Grêmio (f)
Atlético-PR 1% 9% Goiás (c), Fluminense (c), São Paulo (f), Palmeiras (c), Flamengo (f), Prudente (c), Grêmio (f), Ceará (f) e Avaí (c)
Grêmio 1% 11% Cruzeiro (c), Inter (c), Fluminense (f), Goiás (f), Ceará (c), Santos (f), Atlético-PR (c), Guarani (f) e Botafogo (c)
Palmeiras 1% 9% Ceará (c), Corinthians (f), Goiás (c), Atlético-PR (f), Guarani (c), Atlético-GO (f), Atlético-MG (c), Fluminense (c) e Cruzeiro (f)
São Paulo 4% Santos (c), Ceará (f), Atlético-PR (c), Cruzeiro (f), Corinthians (c), Vasco (f), Fluminense (c), Atlético-GO (f) e Atlético-MG (c)
Ceará 1% Palmeiras (f), São Paulo (c), Atlético-GO (f), Flamengo (c), Grêmio (f), Botafogo (c), Prudente (f), Atlético-PR (c) e Vasco (f)
Vasco 1% 1% Corinthians (c), Atlético-GO (f), Flamengo (c), Vitória (f), Prudente (c), Fluminense (f), São Paulo (c), Cruzeiro (f), Corinthians (f) e Ceará (c)
Guarani 10% Corinthians (c), Atlético-GO (c), Avaí (f), Atlético-MG (c), Palmeiras (f), Vitória (c), Flamengo (f), Grêmio (c) e Fluminense (f)
Flamengo 11% Inter (c), Vasco (f), Corinthians (c), Ceará (f), Atlético-PR (c), Atlético-MG (f), Guarani (c), Cruzeiro (c) e Santos (f)
Vitória 40% Prudente (c), Botafogo (f), Vasco (c), Santos (f), Cruzeiro (c), Guarani (f), Corinthians (c), Inter (f) e Atlético-GO (c)
Avaí 55% Atlético-MG (f), Goiás (f), Guarani (c), Corinthians (f), Botafogo (c), Inter (f), Atlético-GO (c), Santos (c) e Atlético-PR (f)
Atlético-GO 50% Vasco (c), Guarani (f), Ceará (c), Botafogo (f), Inter (c), Palmeiras (c), Avaí (f), São Paulo (c) e Vitória (f)
Atlético-MG 65% Avaí (c), Cruzeiro (f), Botafogo (c), Guarani (f), Santos (c), Flamengo (c), Palmeiras (f), Goiás (c) e São Paulo (f)
Goiás 68% Atlético-PR (f), Avaí (c), Palmeiras (f), Grêmio (c), Prudente (f), Fluminense (f), Santos (c), Atlético-MG (f) e Corinthians (c)
Prudente 99% Vitória (f), Santos (f), Cruzeiro (c), Vasco (f), Goiás (c), Atlético-PR (f), Ceará (c), Botafogo (f) e Inter (c)

TIT – Chances de título
LIB – Chances de Libertadores
REB – Chances de rebaixamento

*Santos e Inter já estão garantidos na Libertadores-2011

ICFUT – Avaí de treinador novo !

Fonte:Futebolinterior.com.br

Avaí acerta com Vágner Benazzi para evitar rebaixamento
Treinador esteve na Ressacada neste domingo acompanhando a partida
Florianópolis, SC, 10 (AFI) – Correndo sério risco de rebaixamento, o Avaí definiu seu novo treinador para o restante da temporada. Trata-se de Vágner Benazzi, ex-treinador de Portuguesa, Avaí e Figueirense, que chega para tentar manter o time catarinense na primeira divisão.

No último sábado, Benazzi viajou para Florianópolis para acertar os detalhes do contrato e o planejamento para livrar o Leão do rebaixamento. Neste domingo o treinador deve estar na Ressacada para acompanhar o jogo do Avaí diante do Flamengo.

Essa é a segunda passagem do técnico pela Ressacada. Em 2006, Benazzi conquistou a vaga da seletiva catarinense para a disputa da Copa do Brasil de 2007. O treinador ainda comandou o rival Figueirense no ano de 2004, conquistando a acesso à elite do Brasileirão.

“Daqui para frente não podemos pensar em outro resultado senão a vitória. Já passei pelo clube, conheço a capacidade do Avaí se superar dentro de uma competição e sei a força que tem a torcida na Ressacada, vamos utilizar isso a nosso favor”, afirmou o novo treinador do Leão da Ilha.

ICFUT – Classificação e jogos da Série D – Brasileiro 2010

Links  para jogos ao vivo

https://icfut.wordpress.com/2010/07/23/icfut-links-para-transmissao-dos-jogos-da-serie-a-b/

Quarta fase

10/10 – 16h00 Uberaba-MG 0 x 0 Araguaína-TO
10/10 – 16h00 América-AM 2 x 1 Joinville-SC
10/10 – 16h00 Operário-PR 2 x 4 Madureira-RJ
10/10 – 19h00 Vila Aurora-MT 0 x 2 Guarany-CE
2ª RODADA
17/10 – 16h00 Guarany-CE x Vila Aurora-MT
17/10 – 16h00 Joinville-SC x América-AM
17/10 – 16h00 Madureira-RJ x Operário-PR
17/10 – 16h00 Araguaína-TO x Uberaba-MG

ICFUT – Classificação e jogos da Série C – Brasileiro 2010

Links  para jogos ao vivo

https://icfut.wordpress.com/2010/07/23/icfut-links-para-transmissao-dos-jogos-da-serie-a-b/

 

Quartas-de-final

1ª RODADA
9/10 – 16h00 Chapecoense-SC 1 x 1 Ituiutaba-MG
9/10 – 16h00 Salgueiro-PE 1 x 1 Paysandu-PA
10/10 – 10h00 Macaé-RJ 3 x 2 Criciúma-SC
16/10 – 16h00 Águia-PA x ABC-RN
2ª RODADA
16/10 – 16h00 Ituiutaba-MG x Chapecoense-SC
17/10 – 10h00 Paysandu-PA x Salgueiro-PE
23/10 – 16h00 Criciúma-SC x Macaé-RJ
24/10 – 10h00 ABC-RN x Águia-PA

Por ICFUT – Tá Tudo Azul

Cruzeiro Vence Fluminense e é o novo Lider !

Falar em troco ou resposta seria exagero. Até pela relação afetiva entre as partes. Mas é inegável que o destino pregou uma peça no Fluminense na tarde deste domingo, no Parque do Sabiá, em Uberlândia. Ao trocar Cuca por Muricy Ramalho no início do Brasileirão, o Tricolor tinha como objetivo ficar mais próximo do sonhado título nacional. Pois é, mas foi justamente o ex-treinador que tirou a equipe tricolor da ponta da tabela, com a vitória por 1 a 0 do Cruzeiro, em partida válida pela 29ª rodada. Agora, o técnico líder do Brasil é ele.

Na quarta partida em Uberlândia, os mineiros conquistaram a quarta vitória pelo mesmo placar (Corinthians, Flamengo e Inter foram as outras vítimas). De volta ao time após seis rodadas, Wellington Paulista mostrou, ao contrário de muitos tricolores vindos do departamento médico, que o estiramento na coxa esquerda não o incomoda mais e cabeceou firme, aos 14 do primeiro tempo, para garantir os três pontos que colocaram a Raposa no topo da tabela. São 54, contra 52 dos cariocas, que estão em segundo.

Além da liderança, o Flu perdeu ainda Deco, mais um na grande lista de jogadores com problemas musculares, por tempo indeterminado e já acumula três partidas sem vitória. No próximo domingo, o compromisso é contra o Botafogo, às 18h30m (de Brasília), no Engenhão. Já o Cruzeiro, que deixou o gramado ouvindo os gritos de “o campeão voltou”, defende a liderança pela primeira vez contra o embalado Grêmio, também no domingo, às 16h, no Olímpico.

Cai Timão na Tabela, Cai Adilson

A diretoria do Corinthians tentou dar um ar de “comum acordo” à saída de Adilson Batista do comando do time. Mas não foi bem assim. Insatisfeita com o rendimento da equipe nas últimas cinco rodadas do Brasileirão (três derrotas e dois empates), a cúpula alvinegra viu a situação ficar insustentável. E apostou na demissão como solução, muito embora leve a público um discurso contrário.

Uma série de fatores levou ao fim da Era Adilson no Parque São Jorge. Insatisfações de ambos os lados, lesões, tropeços… Aqueles ingredientes tão conhecidos no futebol, aqueles que juntos transformam o dia-a-dia do trabalho mais difícil. O técnico não brigou com ninguém, mas dentro do jogo político do Corinthians não tinha mais clima para ele seguir seu trabalho.

Texto Globo.com

Por ICFUT – Adilson Batista deixa comando do Timão após cinco jogos sem vencer

Logo depois da derrota para o Atlético-GO, neste domingo, no Pacaembu, veio a confirmação da demissão. Diretor diz que técnico pediu para sair

Fonte – globoesporte.com

Adilson Batista CorinthiansDo banco, Adilson viu o seu Corinthians perder para o Atlético-GO no Pacaembu

Peço desculpas por assumir o time como líder e estar deixando em terceiro”
Adilson Batista

Adilson Batista não é mais o técnico do Corinthians. A queda logo após a derrota por 4 a 3 para o Atlético-GO, neste domingo, no Pacaembu, pela 29ª rodada do Brasileirão. O treinador assumiu o comando do Timão após a saída de Mano Menezes, que foi convidado a dirigir a Seleção Brasileira. Estreou contra o Palmeiras, dia 1º de agosto. De lá para cá foram 17 jogos: sete vitórias, quatro empates e seis derrotas.

Quando Adilson chegou, o Corinthians era líder da competição, com 24 pontos em 11 jogos. Agora está em terceiro, com 49, a cinco pontos do líder Cruzeiro. O Timão não venceu nenhum dos últimos cinco jogos, o título ficou distante e o treinador não resistiu. Segundo o diretor de futebol do clube, Mário Gobbi, Adilson pediu para sair.

– O professor nos procurou entendendo que deveria deixar o caminho livre, pois não quer causar nenhum prejuízo ao clube, que vive um momento de decisão. Enxergou com a grandeza de alma, de espírito. Percebeu que, pelo Corinthians, seria boa a saída dele. Quero dizer que foi uma honra ter o Adilson conosco, um treinador competente – afirmou.

Adilson admitiu que não conseguiu dar sequência ao trabalho de Mano Menezes. Por isso, achou melhor sair para não atrapalhar o Corinthians.

ADILSON BATISTA NO COMANDO DO CORINTHIANS
75 DIAS 17 JOGOS 7 VITÓRIAS 4 EMPATES 6 DERROTAS 32 GOLS PRÓ 24 GOLS CONTRA
O Corinthians ainda tem chance de ser campeão”
Adilson Batista

– Entendo a situação e, conversando com o Mário, disse que queria o bem da instituição. Questionaram se eu estaria com medo ou se seria um ato de covardia. A minha carreria é vitoriosa desde o Mogi Mirim. Infelizmente, não foi possível dar sequência ao trabalho do Mano. Então, entendemos que era melhor o Corinthians buscar outro treinador. Peço desculpas ao torcedor por ter assumido o time na primeira posição e estar deixando em terceiro. Acho que o Corinthians ainda tem chance de ser campeão. Vou estar torcendo pelos meninos.

O treinador desmentiu boatos de que houve briga no vestiário após a derrota para o Dragão e que ele teria sido derrubado por complô de jogadores. Mas não gostou de ver uma reunião entre diretores, atletas e torcedores organizados no último sábado, no Parque Ecológico.

– Nenhum atleta tentou me derrubar. É um dos fantasminhas que alguns plantam. O que houve foi dedicação integral de todos eles. Tem coisas que são internas e procuramos guardar lá dentro, mas posso garantir: não houve briga de vestiário, nem desentendimentos. Nada disso… – Às vezes o próprio torcedor cria um clima desfavorável, e os atletas não rendem. Vida que segue. É evidente que não acho legal esse tipo de situação (reunião com a organizada), mas preciso respeitar – falou Adilson.

Gobbi explicou ainda que tudo aconteceu muito rapidamente. Por isso, o clube ainda não pensou num substituto. Ele garantiu que a diretoria corintiana não tinha intenção de demitir Adilson fosse qual fosse o resultado deste domingo. No entanto, logo após a partida, o presidente Andres Sanches deixou o seu camarote bastante transtornado e seguiu em direção ao vestiário. Minutos depois, veio a confirmação de que o técnico estava fora.

– Nós não viemos ao Pacaembu hoje para trocar de treinador. Isso é um fato novo, que aconteceu há meia hora. Como sempre fizemos, vamos sentar com o presidente, ver o que é melhor para o grupo, para o Departamento de Futebol e vamos buscar uma solução. Não temos um plano, porque não tínhamos a intenção e nem cogitávamos a mudança que está acontecendo.

No entanto, Adilson Batista acabou dando pistas. Citou Carlos Alberto Parreira.

– Às vezes, falta sintonia. Mas pode vir um Carlos Alberto Parreira e encaixar. Olha eu dando dica! Mas vocês têm de apertar os homens lá dentro (dirigentes).