ICFUT – Giro pelo futebol – 08/10/2010

Fonte: Futebolinterior.com.br

ICFUT – Classificação e jogos da Liga Europa 2010/2011.

Links  para jogos ao vivo

https://icfut.wordpress.com/2010/07/23/icfut-links-para-transmissao-dos-jogos-da-serie-a-b/

Grupo A P J V E D GP GC SG %
1 Lech Poznan 4 2 1 1 0 5 3 2 66.67
2 Manchester City 4 2 1 1 0 3 1 2 66.67
3 Juventus 2 2 0 2 0 4 4 0 33.33
4 Salzburg 0 2 0 0 2 0 4 -4 0
Grupo B P J V E D GP GC SG %
1 Bayer Leverkusen 4 2 1 1 0 5 1 4 66.67
2 Aris Salónica 3 2 1 0 1 2 2 0 50
3 Rosenborg 3 2 1 0 1 2 5 -3 50
4 At. Madrid 1 2 0 1 1 1 2 -1 16.67
Grupo C P J V E D GP GC SG %
1 Sporting de Lisboa 6 2 2 0 0 7 1 6 100
2 Levski Sofia 3 2 1 0 1 3 7 -4 50
3 KAA Gent 1 2 0 1 1 3 4 -1 16.67
4 Lille 1 2 0 1 1 2 3 -1 16.67
Grupo D P J V E D GP GC SG %
1 PAOK Salónica 4 2 1 1 0 2 1 1 66.67
2 Dinamo de Zagreb 3 2 1 0 1 2 1 1 50
3 Villarreal 3 2 1 0 1 2 3 -1 50
4 Club Brugge 1 2 0 1 1 2 3 -1 16.67
Grupo E P J V E D GP GC SG %
1 Bate Borisov 4 2 1 1 0 6 3 3 66.67
2 Sheriff Tiraspol 3 2 1 0 1 3 2 1 50
3 AZ Alkmaar 3 2 1 0 1 3 5 -2 50
4 Dinamo de Kiev 1 2 0 1 1 2 4 -2 16.67
Grupo F P J V E D GP GC SG %
1 CSKA Moscou 6 2 2 0 0 6 0 6 100
2 Palermo 3 2 1 0 1 3 3 0 50
3 Sparta Praga 3 2 1 0 1 3 5 -2 50
4 Lausanne-Sports 0 2 0 0 2 0 4 -4 0
Grupo G P J V E D GP GC SG %
1 Zenit St. Petesburg 6 2 2 0 0 7 3 4 100
2 AEK Atenas 3 2 1 0 1 5 5 0 50
3 Hajduk Split 3 2 1 0 1 2 3 -1 50
4 Anderlecht 0 2 0 0 2 1 4 -3 0
Grupo H P J V E D GP GC SG %
1 Stuttgart 6 2 2 0 0 5 1 4 100
2 BSC Young Boys 3 2 1 0 1 2 3 -1 50
3 Getafe 3 2 1 0 1 2 3 -1 50
4 Odense 0 2 0 0 2 2 4 -2 0
Grupo I P J V E D GP GC SG %
1 PSV Eindhoven 4 2 1 1 0 3 1 2 66.67
2 Sampdoria 4 2 1 1 0 2 1 1 66.67
3 Metalist Kharkiv 3 2 1 0 1 5 2 3 50
4 Debreceni 0 2 0 0 2 0 6 -6 0
Grupo J P J V E D GP GC SG %
1 Paris Saint-Germain 6 2 2 0 0 3 0 3 100
2 Borussia Dortmund 3 2 1 0 1 4 4 0 50
3 Sevilla 3 2 1 0 1 1 1 0 50
4 Karpaty Lviv 0 2 0 0 2 3 6 -3 0
Grupo K P J V E D GP GC SG %
1 Liverpool 4 2 1 1 0 4 1 3 66.67
2 Napoli 2 2 0 2 0 3 3 0 33.33
3 Utrecht 2 2 0 2 0 0 0 0 33.33
4 Steaua Bucarest 1 2 0 1 1 4 7 -3 16.67
Grupo L P J V E D GP GC SG %
1 Porto 6 2 2 0 0 4 0 4 100
2 Besiktas 6 2 2 0 0 3 1 2 100
3 CSKA Sofia 0 2 0 0 2 0 2 -2 0
4 Rapid de Viena 0 2 0 0 2 1 5 -4 0

 

Dia Hora Grupo Jogo
21/10 14h00 I Metalist Kharkiv x Sampdoria
21/10 14h00 K Napoli x Liverpool
21/10 14h00 H BSC Young Boys x Odense
21/10 14h00 K Utrecht x Steaua Bucarest
21/10 14h00 H Stuttgart x Getafe
21/10 14h00 J Karpaty Lviv x Sevilla
21/10 14h00 G Zenit St. Petesburg x Hajduk Split
21/10 14h00 J Borussia Dortmund x Paris Saint-Germain
21/10 14h00 L CSKA Sofia x Rapid de Viena
21/10 14h00 G Anderlecht x AEK Atenas
21/10 14h00 I Debreceni x PSV Eindhoven
21/10 14h00 L Besiktas x Porto
21/10 16h05 F Palermo x CSKA Moscou
21/10 16h05 A Salzburg x Juventus
21/10 16h05 C Sporting de Lisboa x KAA Gent
21/10 16h05 F Sparta Praga x Lausanne-Sports
21/10 16h05 C Lille x Levski Sofia
21/10 16h05 E Sheriff Tiraspol x Bate Borisov
21/10 16h05 B Aris Salónica x Bayer Leverkusen
21/10 16h05 E AZ Alkmaar x Dinamo de Kiev
21/10 16h05 B At. Madrid x Rosenborg
21/10 16h05 D Villarreal x PAOK Salónica
21/10 16h05 A Manchester City x Lech Poznan
21/10 16h05 D Dinamo de Zagreb x Club Brugge

ICFUT – Classificação e jogos da Liga dos Campeões 2010/2011.

Links  para jogos ao vivo

https://icfut.wordpress.com/2010/07/23/icfut-links-para-transmissao-dos-jogos-da-serie-a-b/



Grupo A
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Internazionale-ITA 4 2 1 1 0 6 2 4 66.7
2 Tottenham -ING 4 2 1 1 0 6 3 3 66.7
3 Twente-NLD 1 2 0 1 1 3 6 -3 16.7
4 Werder Bremen-DEU 1 2 0 1 1 2 6 -4 16.7
Grupo B
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Lyon-FRA 6 2 2 0 0 4 1 3 100.0
2 Schalke 04-DEU 3 2 1 0 1 2 1 1 50.0
3 Benfica-PRT 3 2 1 0 1 2 2 0 50.0
4 Hapoel Tel-Aviv-ISR 0 2 0 0 2 1 5 -4 0.0
Grupo C
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Manchester United -ING 4 2 1 1 0 1 0 1 66.7
2 Rangers-ESC 4 2 1 1 0 1 0 1 66.7
3 Valencia-ESP 3 2 1 0 1 4 1 3 50.0
4 Bursaspor-TUR 0 2 0 0 2 0 5 -5 0.0
Grupo D
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Copenhague-DNK 6 2 2 0 0 3 0 3 100.0
2 Barcelona-ESP 4 2 1 1 0 6 2 4 66.7
3 Rubin Kazan-RUS 1 2 0 1 1 1 2 -1 16.7
4 Panathinaikos-GRC 0 2 0 0 2 1 7 -6 0.0
Grupo E
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Bayern Munique-DEU 6 2 2 0 0 4 1 3 100.0
2 Cluj-ROU 3 2 1 0 1 3 3 0 50.0
3 Roma-ITA 3 2 1 0 1 2 3 -1 50.0
4 Basel-CHE 0 2 0 0 2 2 4 -2 0.0
Grupo F
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Chelsea -ING 6 2 2 0 0 6 1 5 100.0
2 Spartak Moscou-RUS 6 2 2 0 0 4 0 4 100.0
3 Olympique de Marselha-FRA 0 2 0 0 2 0 3 -3 0.0
4 Žilina-SVK 0 2 0 0 2 1 7 -6 0.0
Grupo G
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Real Madrid-ESP 6 2 2 0 0 3 0 3 100.0
2 Milan-ITA 4 2 1 1 0 3 1 2 66.7
3 Ajax-NLD 1 2 0 1 1 1 3 -2 16.7
4 Auxerre-FRA 0 2 0 0 2 0 3 -3 0.0
Grupo H
Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Arsenal-ING 6 2 2 0 0 9 1 8 100.0
2 Shakhtar Donetsk-UKR 6 2 2 0 0 4 0 4 100.0
3 Partizan-SRB 0 2 0 0 2 1 4 -3 0.0
4 Braga-PRT 0 2 0 0 2 0 9 -9 0.0
2ª RODADA
28/09 – 13h30 Spartak Moscou-RUS 3 x 0 Žilina-SVK
28/09 – 15h45 Partizan-SRB 1 x 3 Arsenal-ING
28/09 – 15h45 Roma-ITA 2 x 1 Cluj-ROU
28/09 – 15h45 Braga-PRT 0 x 3 Shakhtar Donetsk-UKR
28/09 – 15h45 Chelsea -ING 2 x 0 Olympique de Marselha-FRA
28/09 – 15h45 Auxerre-FRA 0 x 1 Real Madrid-ESP
28/09 – 15h45 Basel-CHE 1 x 2 Bayern Munique-DEU
28/09 – 15h45 Ajax-NLD 1 x 1 Milan-ITA
29/09 – 13h30 Rubin Kazan-RUS 1 x 1 Barcelona-ESP
29/09 – 15h45 Schalke 04-DEU 2 x 0 Benfica-PRT
29/09 – 15h45 Valencia-ESP 0 x 1 Manchester United -ING
29/09 – 15h45 Tottenham -ING 4 x 1 Twente-NLD
29/09 – 15h45 Rangers-ESC 1 x 0 Bursaspor-TUR
29/09 – 15h45 Internazionale-ITA 4 x 0 Werder Bremen-DEU
29/09 – 15h45 Hapoel Tel-Aviv-ISR 1 x 3 Lyon-FRA
29/09 – 15h45 Panathinaikos-GRC 0 x 2 Copenhague-DNK
3ª RODADA
19/10 – 13h30 Spartak Moscou-RUS x Chelsea -ING
19/10 – 15h45 Olympique de Marselha-FRA x Žilina-SVK
19/10 – 15h45 Ajax-NLD x Auxerre-FRA
19/10 – 15h45 Roma-ITA x Basel-CHE
19/10 – 15h45 Real Madrid-ESP x Milan-ITA
19/10 – 15h45 Braga-PRT x Partizan-SRB
19/10 – 15h45 Bayern Munique-DEU x Cluj-ROU
19/10 – 15h45 Arsenal-ING x Shakhtar Donetsk-UKR
20/10 – 15h45 Manchester United -ING x Bursaspor-TUR
20/10 – 15h45 Panathinaikos-GRC x Rubin Kazan-RUS
20/10 – 15h45 Twente-NLD x Werder Bremen-DEU
20/10 – 15h45 Schalke 04-DEU x Hapoel Tel-Aviv-ISR
20/10 – 15h45 Barcelona-ESP x Copenhague-DNK
20/10 – 15h45 Lyon-FRA x Benfica-PRT
20/10 – 15h45 Rangers-ESC x Valencia-ESP
20/10 – 15h45 Internazionale-ITA x Tottenham -ING

ICFUT – Classificação e Jogos da Série A – Brasileirão 2010

Links  para jogos ao vivo

https://icfut.wordpress.com/2010/07/23/icfut-links-para-transmissao-dos-jogos-da-serie-a-b/

Destaque da Rodada

Cruzeiro assume a vice liderança !

Clube PG JG VI EM DE GP GC SG %A
1 Fluminense-RJ 52 28 15 7 6 49 30 19 61.9
2 Cruzeiro-MG 51 28 14 9 5 38 26 12 60.7
3 Corinthians-SP 49 27 14 7 6 49 32 17 60.5
4 Internacional-RS 44 27 13 5 9 34 27 7 54.3
5 Atlético-PR 43 28 12 7 9 31 33 -2 51.2
6 Botafogo-RJ 43 28 10 13 5 42 32 10 51.2
7 Santos-SP 42 27 12 6 9 45 35 10 51.9
8 Grêmio-RS 42 28 11 9 8 45 33 12 50.0
9 Palmeiras-SP 42 28 10 12 6 35 29 6 50.0
10 São Paulo-SP 38 28 10 8 10 36 38 -2 45.2
11 Vasco da Gama-RJ 37 27 8 13 6 29 27 2 45.7
12 Ceará-CE 35 28 8 11 9 22 29 -7 41.7
13 Guarani-SP 34 28 8 10 10 31 41 -10 40.5
14 Flamengo-RJ 33 28 7 12 9 28 30 -2 39.3
15 Vitória-BA 31 28 7 10 11 32 39 -7 36.9
16 Avaí-SC 29 28 7 8 13 37 44 -7 34.5
17 Atlético-MG 28 28 8 4 16 35 50 -15 33.3
18 Atlético-GO 26 28 7 5 16 35 44 -9 31.0
19 Goiás-GO 25 28 6 7 15 31 48 -17 29.8
20 Grêmio Prudente-SP 21 28 5 9 14 26 43 -17 25.0
28ª RODADA
6/10 – 19h30 Grêmio-RS 4 x 0 Grêmio Prudente-SP
6/10 – 19h30 Fluminense-RJ 0 x 3 Santos-SP
6/10 – 19h30 Guarani-SP 1 x 1 Botafogo-RJ
6/10 – 21h50 Atlético-MG 2 x 1 Corinthians-SP
6/10 – 21h50 Atlético-PR 0 x 0 Vasco da Gama-RJ
6/10 – 21h50 São Paulo-SP 2 x 0 Vitória-BA
6/10 – 21h50 Ceará-CE 1 x 0 Internacional-RS
7/10 – 21h00 Palmeiras-SP 4 x 1 Avaí-SC
7/10 – 21h00 Flamengo-RJ 2 x 0 Atlético-GO
7/10 – 21h00 Goiás-GO 0 x 1 Cruzeiro-MG
29ª RODADA
9/10 – 18h30 Grêmio Prudente-SP x São Paulo-SP
9/10 – 18h30 Santos-SP x Atlético-PR
9/10 – 18h30 Vasco da Gama-RJ x Grêmio-RS
10/10 – 16h00 Botafogo-RJ x Palmeiras-SP
10/10 – 16h00 Goiás-GO x Vitória-BA
10/10 – 16h00 Corinthians-SP x Atlético-GO
10/10 – 16h00 Cruzeiro-MG x Fluminense-RJ
10/10 – 16h00 Avaí-SC x Flamengo-RJ
10/10 – 18h30 Internacional-RS x Atlético-MG
10/10 – 18h30 Ceará-CE x Guarani-SP

ICFUT – Ronaldo teve affair com tenista !

Fonte: Futebolinterior.com.br

Ronaldo teria feito uso de anabolizantes e tido affair com beldade do tênis

Nesta semana, o atual jogador do Corinthians estampou manchetes em inúmeros sites e jornais do mundo todo. O motivo é a biografia não-autorizada do Fenômeno
Ronaldo teria alugado avião para ver a musa

São Paulo, SP, 07 (AFI) – O atacante Ronaldo pode estar longe dos gramados por algum tempo, mas segue sendo manchete internacional. Nesta semana, o atual jogador do Corinthians estampou manchetes em inúmeros sites e jornais do mundo todo. O motivo é a biografia não-autorizada do Fenômeno, “Medo do escuro”, escrita pelo italiano Enzo Palladini. São inúmeros fatos de bastidores que foram descritos pelo autor, inclusive um suposto affair com a ex-tenista Anna Kournikova.

Segundo Palladini, em 1999, quando ainda defendia as cores da Inter de Milão, o brasileiro teria se encantado com a então musa do tênis. O encontro entre ambos teria acontecido quando o Fenômeno estava em Roma e conheceu Kournikova no hotel em que ela estava hospedada para a disputa do torneio de tênis na capital da Itália. Logo, Ronaldo teria tentado um romance com a beldade, tendo, inclusive, alugado um avião para encontrá-la em Moscou, na Rússia. “Em 1999, Ronaldo esteve em Roma e conheceu Anna no hotel em que estava hospedada para a disputa do torneio italiano de tênis. Em seguida, ele alugou um avião particular para fazer uma parada em Moscou e ir a um show de rock. Porém, na verdade, o que ele esperava mesmo era conseguir um jantar romântico com a tenista. Mas isso foi sempre negado”, traz o trecho da biografia divulgado pelo jornal italiano Gazzeta dello Sport.

Atualmente, Kournikova, de 29 anos, namora o cantor espanhol Enrique Iglesias e está afastada das competições oficiais de tênis. Por meio de seu Twitter, Ronaldo comentou a divulgação do fato pelo italiano, mas não poupou críticas. “Hoje saiu na imprensa que teria tomado anabolizante e teria tido um caso com a Kournikova. Esse cara está tentando aparecer faz tempo. Cara idiota!”, escreveu o Fenômeno.

Ronaldo “bombado”?
Além do trecho que aponta o suposto affair entre Ronaldo e a tenista russa, o livro ainda aponta que o jogador teria feito uso de anabolizantes na época em que atuava pelo PSV, da Holanda. Palladini afirma que o Fenômeno tomou os medicamentos, entre eles anabolizantes. Isso teria comprometido o desenvolvimento ósseo do joelho do atleta, que ainda estava em fase de cescimento.

“Havia um certo mistério em torno da primeira grave lesão de Ronaldo, ligada ao rápido crescimento de ossos e músculos no período holandês. Um mistério que foi trazido à tona pelo médico Bernardino Santi, coordenador da área antidoping da CBF: ‘Na Holanda, deram anabolizantes a Ronaldo. A sua musculatura na época se tornou incompatível com a estrutura óssea de seus joelhos. Conversei com colegas holandeses e com pessoas que trabalharam junto ao PSV, mas não diretamente com o médico do clube. Davam algumas vitaminas a Ronaldo, entre elas anabolizantes, que podem ter ajudado a desenvolver um crescimento maior do que o natural. Um homem que parou de crescer aos 20 anos, já estava na Holanda aos 17 e sob tratamento’”.

Em 2008, logo após sua primeira cirurgia no joelho, Ronaldo declarou que não fez o uso de anabolizantes. Em seguida, De Santi foi demitido pela CBF.

ICFUT – Arena da Ponte Preta pode atrasar !

Fonte: Futebolinterior.com.br

Copa do Mundo no Brasil pode atrasar construção da Arena Ponte Preta

Mesmo tendo recebido uma proposta da Odebrecht, a mesma que vai construir o Estádio do Corinthians, os dirigentes da Macaca já admitem o atraso

Campinas, SP, 07 (AFI) – Se por um lado a Copa do Mundo de 2014 no Brasil irá beneficiar alguns times grandes, como Corinthians, Atlético-PR, Internacional, entre outros, com a construção e modernização de Estádios, uma equipe do interior de São Paulo não terá a mesma oportunidade. A Ponte Preta, da cidade de Campinas, que atualmente disputa da Série B do Campeonato Brasileiro, já tem um projeto de construção de estádio desde o ano de 2008, mas ainda não tem uma data certa para iniciar as suas obras.

A Ponte Preta, mesmo tendo recebido uma proposta da Construtora Odebrecht, a mesma que vai construir o Estádio do Corinthians, os dirigentes do clube do interior, já admitiram que podem adiar os planos para o próximo ano, já que o estádio do Timão tem prioridade por causa da Copa do Mundo.

Majestoso será vendido
Para começar as obras, a Ponte Preta irá vender o seu atual Estádio, o Moisés Lucarelli e dizem que o acerto da venda do estádio já está quase acertada. Mesmo com a venda, o time de Campinas continuará jogando no seu estádio, até que a nova Arena seja construída e só depois o local onde está localizado o Moisés Lucarelli será repassado à companhia, que ainda não teve o seu nome divulgado. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da equipe. A nova Arena da Ponte Preta só poderá a começar a ser construída, depois que a Traffic, empresa responsável pelo projeto, viabilizar a construção perantes aos órgãos públicos, para obter uma série de requisitos legais, como aprovação de órgãos ambientais.

Por ICFUT – Cruzeiro vence o Goiás e agora faz minifinal contra o Flu no domingo

Raposa vence por 1 a 0 e fica a um ponto do Tricolor, líder do Brasileirão. Esmeraldino segue em situação delicada na luta contra o rebaixamento

Fonte – globoesporte.com

Mudança no G-3 do Campeonato Brasileiro. Na vice-liderança, sai o Corinthians, entra o Cruzeiro. A vitória da Raposa por 1 a 0 sobre o Goiás, no Serra Dourada, na noite desta quinta-feira, colocou ainda mais fogo na disputa pelo título da competição. E também manteve o time Esmeraldino, penúltimo colocado, em situação difícil na briga para evitar o rebaixamento.

Com a vitória, a Raposa chegou a 51 pontos, um a menos que o líder Fluminense. E as duas equipes se enfrentam no próximo domingo, no Parque do Sabiá, às 16h (de Brasília), em uma minidecisão do Brasileirão. Curiosamente, o duelo entre as duas equipes no segundo turno do campeonato em 2009 também foi marcante, mas para o Tricolor carioca em sua arrancada para não cair à Segunda Divisão. Perdia por 2 a 0, no Mineirão, e saiu de campo com a vitória por 3 a 2. O técnico do Flu à época? Cuca, que agora leva o Cruzeiro em outra arrancada: rumo ao sonho do título.

Vice-lanterna, com 25 pontos, a quatro do Avaí, primeiro time fora do Z-4, o Goiás segue agonizando. No próximo domingo, novamente no Serra Dourada, às 16h, enfrenta o Vitória, 15º colocado, com 31. A equipe baiana, que terá a estreia do técnico Antônio Lopes, vem se aproximando perigosamente dos últimos quatro colocados. Um confronto em que os três pontos são um torneio à parte.

Nervosismo e pouca inspiração

Enquanto o Goiás entrou em campo pressionado pela vitória do Atlético-MG sobre o Corinthians, o Cruzeiro foi para o jogo impulsionado pelas derrotas de Fluminense (para o Santos) e do próprio Timão. Apesar da necessidade da vitória, o técnico Jorginho escalou o time no 3-6-1, demonstrando preocupação com o meio-campo celeste formado pelo trio de volantes “modernos” Fabrício, Henrique e Marquinhos Paraná, além do habilidoso meia argentino Montillo. E se o comandante esmeraldino não pode contar com o atacante Felipe, vetado ainda nos vestiários por conta de uma lesão muscular, Cuca não pôde escalar o zagueiro Cláudio Caçapa, recuperando-se de uma contusão na perna esquerda.

E em campo o futebol não foi dos melhores. De nenhuma das partes. Tanto que o gol do Cruzeiro foi marcado por um jogador do Goiás, tamanha a falta de pontaria dos atacantes celestes. Jonílson usou a cabeça, mas contra o próprio patrimônio. E o Esmeraldino mostrou por que é um dos sérios candidatos ao rebaixamento. Inoperante no ataque, o time goiano pecou muito na marcação e mostrou enorme falta de criatividade. Para piorar, após o apito final, seus torcedores brigaram nas arquibancadas, de onde ecoavam gritos de protesto contra a péssima campaha da equipe.

Poucas jogadas de perigo agitaram o primeiro tempo. Em uma delas, o atacante cruzeirense Robert invadiu a grande área sozinho e tentou driblar o goleiro Harlei, mas o camisa 1 salvou os donos da casa, aos 39 minutos. Três minutos depois, a melhor chance da etapa inicial. Thiago Ribeiro quase abriu o placar ao mandar uma bomba no travessão, após cobrança de escanteio de Montillo.

Gol contra e vice-liderança

O técnico Cuca parece que utilizou o intervalo para dar um choque nos jogadores, e a equipe foi para cima com mais qualidade. Logo aos quatro minutos, Montillo quase arrancou o grito de gol da torcida cruzeirense ao chutar uma bola rente a trave. E se o ataque celeste era ineficiente, o Goiás resolveu dar uma ajuda. Montillo fez boa jogada, cruzou da direita, e o volante Jonílson, de peixinho, marcou um golaço de cabeça. Só que foi contra.

Com a desvantagem no placar, Jorginho resolveu abrir a equipe lançando Wellington Saci e Camacho nas vagas de Júnior e Marcelo Costa. Com isso, o Cruzeiro passou a jogar nos contra-ataques. Aos 22, Thiago Ribeiro perdeu a chance de matar o jogo. Ernando bobeou e perdeu a bola para o atacante, que chutou por cima, de frente para o gol.

A noite não era mesmo dos atacantes cruzeirenses. Aos 34, foi a vez de Robert desperdiçar chance incrível ao chutar para fora, livre, na pequena área. Nos dez minutos finais, os donos da casa esboçaram uma reação, mas sem sucesso. O time goiano deixou o campo xingado pela própria torcida, que brigou nas arquibancadas. Já os jogadores da Raposa foram para o vestiário saudados pelos torcedores celestes que compareceram e fizeram a festa no Serra Dourada.

Goiás 0 x 1 cruzeiro
Harlei; Valmir Lucas, Ernando e Marcão; Wendel (Otacílio Neto), Wellington Monteiro, Carlos Alberto, Jonílson, Marcelo Costa (Wellington Saci) e Júnior (Camacho); Rafael Moura. Fábio; Rômulo, Léo, Edcarlos e Pablo; Paraná, Henrique, Fabrício (Fabinho) e Montillo; Robert (Everton) e Thiago Ribeiro (Jonathan).
Técnico: Jorginho Técnico: Cuca
Gols: Jonílson (contra), aos dez minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Ernando, Marcão, Otacílio Neto e Rafael Moura (Goiás); Léo (Cruzeiro)
Local: Serra Dourada, Goiânia. Data: 07/10/2010 Árbitro: Marcelo de Lima Henrique Auxiliares: Dibert Pedrosa Moises e Ediney Guerreiro Mascarenhas Público: 6.170 pagantes Renda: R$ 124.525

 

VAMOS CRUZEIRO SER CAMPEÃO

Por ICFUT – Valdivia brilha, Palmeiras goleia o Avaí e encerra jejum no Pacaembu

Meia chileno faz dois gols e ajuda Alviverde a bater o agonizante Leão por 4 a 1. Equipe volta a vencer no estádio paulistano depois de mais de um mês

Fonte – globoesporte.com

 

valdivia comemora gol do palmeiras contra o avaí
Valdivia sorri comemorando um de seus gols no
Pacaembu

Aquela história de maldição, uruca ou mandinga envolvendo Palmeiras e Pacaembu acabou na noite desta quinta-feira. Virou assunto morto e enterrado após a vitória maiúscula sobre o Avaí, um dos piores visitantes deste Campeonato Brasileiro. A goleada de 4 a 1 encerrou uma sina envolvendo a equipe palestrina e o estádio municipal paulistano: o Alviverde não vencia no local desde o dia 19 de agosto, quando bateu o Vitória por 3 a 0, pela Copa Sul-Americana.

O fim da maldição, assunto na Academia durante a semana, passou pelos pés precisos de Valdivia. O Mago fez a sua melhor partida desde que voltou ao clube, em agosto deste ano. Driblou, sofreu faltas, deu passes e fez gols. Dois, sendo um deles uma pintura, com preciso chute da intermediária do campo. O jogo ainda foi marcado por uma cena curiosa. Para dizer o mínimo.

O goleiro Zé Carlos, da equipe catarinense, defendeu pênalti cobrado por Kleber quando a partida estava 2 a 1. Em vez de sair jogando, ou até mesmo comemorar, deu um tapa no rosto do atacante palmeirense, que estava sentado. O camisa 1 foi expulso pelo árbitro Cláudio Francisco Lima e Silva, que marcou novo pênalti. Com o jovem Neto no gol, o Gladiador acertou a cobrança e ampliou a vantagem.

Agora, o Palmeiras, com 42 pontos, mas ainda na nona posição, enfrenta o Botafogo, no Engenhão, no domingo, às 16h (de Brasília). Depois disso, a equipe de Luiz Felipe Scolari se volta para a Sul-Americana. Encara o Universitario de Scure, na quinta-feira da próxima semana, na Bolívia.

Já o Avaí segue agonizando no Brasileirão. Está no limite da zona do rebaixamento, na 16ª posição, com 29 pontos, um a mais que o Atlético-MG, primeira equipe do Z-4. Na próxima rodada, o time de Edson Neguinho tenta se recuperar diante do Flamengo, na Ressacada, também às 16h de domingo.

Magia x irregularidade

O retorno do Palmeiras ao Pacaembu começou com um susto. Logo aos três minutos, Davi acertou a trave de Deola, provocando arrepios na torcida alviverde. Parecia que a volta ao “estádio dos caras (corintianos)”, forma como Kleber se referiu à arena municipal durante a semana, seria mais uma vez de agonia.

No entanto, um toque de magia mudou o clima para os palmeirenses que conseguiram chegar ao estádio, mesmo com a forte chuva que atingiu São Paulo até uma hora e meia antes da partida. Kleber sofreu falta pelo lado esquerdo, e Marcos Assunção logo se apresentou. Ao invés do chute direito, o camisa 28 colocou com precisão na cabeça de Valdivia. Gol do Mago, o primeiro desde que retornou. O 25º do camisa 10 pelo clube, considerando sua primeira passagem. E um tento que encerra um jejum de 12 partidas em branco – o último gol do chileno havia ocorrido contra o Vitória, em um 3 a 0 no Palestra Itália, em 7 de agosto de 2008.

Valdivia estava bem em campo. Durante a primeira etapa, ele fez uma de suas melhores exibições desde que voltou. Sofreu faltas, arriscou, deu passes. Mas o Palmeiras, apesar de dominar a partida, ainda tinha dificuldades. E bobeou na defesa.

Aos 37 minutos, o Avaí teve um escanteio. No bate-rebate, a bola sobrou na pequena área. Na tentativa de encerrar a jogada, Edinho acabou acertando o gol e empatando a disputa. No lance, ele viu Roberto, que estava em posição de impedimento, aparecer de repente, mas não teve jeito. O árbitro anotou o gol para o atleta do time catarinense: 1 a 1.  E a sina do Palmeiras de não conseguir um bom resultado no Pacaembu persistia. Ao menos no primeiro tempo.

Noite de magia e confusão

Valdivia voltou do intervalo com tudo. E não demorou muito para o Mago dar mais um toque refinado no confronto. Depois de um drible de corpo, ele armou o pé direito e disparou contra Zé Carlos. Sem chances para o goleiro do Avaí. Um golaço. O 2 a 1 no placar mexeu com os torcedores, que começaram a cantar “Festa no chiqueiro”, mesmo fora do Palestra Itália.

Depois da magia, a confusão. Rivaldo foi derrubado na área por Patric. Os atletas do Avaí contestaram a marcação do pênalti, mas não houve jeito. Kleber, porém, bateu de forma displicente, no meio do gol. Zé Carlos defendeu sem dificuldades, mas para ele não foi suficiente. O goleiro pegou a bola e provocou o atacante palmeirense. Deu um tapinha no rosto do Gladiador e zombou da sua batida. Com o camisa 30 alviverde no chão, Cláudio Francisco Lima marcou nova penalidade.

Com Renan no gol – Zé Carlos foi expulso depois de levar o segundo amarelo – , Kleber não perdeu. Bateu seguro, no lado esquerdo do jovem arqueiro, e comemorou os 3 a 1, aos 13 minutos. Com um a mais em campo, o jogo passou a ficar mais tranquilo para o Palmeiras. O único susto foi aos 24, quando Caio tentou duas vezes contra Deola, mas o goleiro palestrino foi bem nas defesas.

E houve tempo até para Gabriel Silva, atleta revelado pelas categorias de base do Palmeiras, marcar. E com o pé direito. Com liberdade, o lateral-esquerdo armou o chute e fez um golaço, no ângulo de Renan. O placar de 4 a 1 enterrava de vez qualquer maldição do Pacaembu.

PALMEIRAS 4 x 1 AVAÍ
Deola, Vitor (Patrik), Maurício Ramos, Fabrício e Gabriel Silva; Edinho, Marcos Assunção (Pierre), Márcio Araújo, Rivaldo (Lincoln) e Valdivia; Kleber. Zé Carlos; Patric, Emerson, Gabriel e Pará; Bruno Silva (Renan), Rodrigo Thiesen, Caio (Marcelinho) e Davi; Robinho e Roberto.
Técnico: Luiz Felipe Scolari. Técnico: Edson Neguinho.
Gols: Valdivia, aos 11, e Roberto, aos 37 minutos do primeiro tempo. Valdivia, aos 4 minutos, Kleber, aos 13, e Gabriel Silva, aos 25 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Bruno Silva, Emerson e Zé Carlos (Avaí). Cartão vermelho: Zé Carlos (Avaí).
Local: Pacaembu, em São Paulo. Árbitro:Cláudio Francisco Lima e Silva (SE). Auxiliares:Vaney Alves de Lima e Edmo Oliveira Santos (ambos do SE). Público: 6.306 pagantes. Renda: R$ 208.850,00.

Por ICFUT – Val desencanta, e Flamengo vence Atlético-GO na estreia de Luxa

Vitória por 2 a 0 tem Diego Maurício, autor do segundo gol, como melhor em campo. Time carioca sai das cercanias do Z-4

Fonte – globoesporte.com

Foi de joelhos e com as mãos em direção ao céu atrás de uma das balizas do Raulino de Oliveira que Val Baiano comemorou a cabeçada redentora. Depois de virar motivo de chacota e de amargar um jejum de dez partidas no Flamengo, o atacante apareceu para abrir o placar na estreia de Vanderlei Luxemburgo na noite desta quinta-feira. Diego Maurício, o melhor em campo, fechou o placar na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-GO após 28 rodadas do Campeonato Brasileiro.

O placar foi magro, mas a disposição da equipe, não. Apoiados pelos empolgados torcedores de Volta Redonda, os jogadores atuaram quase todo o tempo no campo rival. E a se a dupla Diogo e Deivid não correspondeu – o primeiro saiu machucado e o segundo teve atuação ruim -, os atacantes que Vanderlei Luxemburgo colocou em campo resolveram.

A estreia vitoriosa do novo treinador coloca o Flamengo, que não vencia há cinco jogos, na 14ª posição, com 33 pontos, a cinco da zona de rebaixamento. O Atlético-GO, com a terceira derrota seguida, se mantém no Z-4, em 18º, com 24 pontos. O time comandado por Renê Simões permaneceu no campo defensivo por 90 minutos e sofreu o castigo pela covardia.

Novo técnico, velhos problemas no Fla

O clima na chuvosa noite de quinta-feira era favorável ao Flamengo. A torcida não lotou, mas compareceu em número razoável ao estádio. E o apelo da grife Luxemburgo funcionou. O treinador entrou em campo com um impecável terno preto e foi tão ou mais festejado que os jogadores.

Dentro de campo, porém, o time repetiu erros de partidas anteriores e apesar de rondar a área do Atlético-GO pouco finalizou. Aos 19, Diogo pediu para ser substituído por causa de dores no tornozelo direito. Diego Maurício o substituiu. A primeira chance foi aos 22, quando Petkovic cobrou falta lateral, e Willians desviou para fora. Nos dois dias de treino tático que deu, Luxemburgo ensaiou essa jogada.

val baiano comemora gol do flamengo sobre o atlético-goVal Baiano volta para o campo de defesa aliviado após desencantar

 

Encolhido, o time visitante arriscou finalizações de longe, sem direção. Mas conseguiu controlar com certa facilidade os ataques do adversário. Principalmente por causa da lentidão de Petkovic, dos erros de passe de Correa e do estado letárgico de Deivid. Situações repetidas no Flamengo. Seja de Silas ou de Luxemburgo.

Apenas a velocidade de Diego Maurício destoava do ritmo rubro-negro. Aos 30, ele arrancou e tocou para Correa. O volante girou e chutou à esquerda do gol de Márcio. Mas foi só. O primeiro tempo terminou com uma sequência de passes errados e chutes para o alto de corar de raiva qualquer torcedor.

Val Baiano e Diego Maurício decidem

No intervalo, Luxemburgo detectou o problema na ligação entre meio-campo e ataque e trocou Kleberson por Marquinhos. No primeiro lance, Diego Maurício iniciou jogada e Correa terminou. Márcio se esticou e colocou para escanteio.

O Atlético-GO era praticamente nulo do meio-campo para frente. E o Flamengo apertava. Só que Deivid errava na mesma proporção. Sorte dos mandantes que havia um Diego Maurício em campo para, pelo menos, ameaçar. Ele arrancou pela direita aos e bateu forte. Márcio espalmou e a bola foi no lado de fora da rede. Enquanto isso, o Dragão não acertou nem falta quase na linha da grande área.

diego mauricio comemora gol do flamengo contra o atlético-goDiego Mauricio comemora o segundo gol do Flamengo contra o Atlético-GO

 

Deivid saiu, e Val Baiano, quem diria, entrou aplaudido. A confiança deu frutos. Aos 30 minutos, Marquinhos cruzou da direita, Val subiu na segunda trave e cabeceou com estilo, no canto esquerdo de Márcio: 1 a 0, alívio para o atacante, euforia de Luxemburgo e reconhecimento da torcida: “Ah, é Val Baiano”.

O Atlético-GO ensaiou uma pressão, mas, por merecimento, Diego Maurício tinha que fazer o dele. E fez. Recebeu passe de Juan, aos 40, e bateu colocado no canto esquerdo do goleiro do Dragão. A torcida agradeceu a ele e ao treinador. O jogo terminou com gritos de “Luxa”.

Após o jogo, os jogadores se uniram dentro de campo para fazer uma corrente positiva e festejar juntos a importante vitória. Val Baiano e Diego Maurício, os heróis da partida, jogaram suas camisas para a torcida.

Ficha técnica:

FLAMENGO 2 x 0 ATLÉTICO-GO
Marcelo Lomba; Léo Moura, Welinton, David Braz e Juan; Willians, Correa, Kleberson (Marquinhos) e Petkovic; Diogo (Diego Maurício) e Deivid (Val Baiano). Márcio, Adriano, Daniel Marques, Gilson e Thiago Feltri; Pituca, Robston,Diguinho (William) e Renatinho (Anaílson); Diogo Campos e Marcão (Juninho).
Técnico: Vanderlei Luxemburgo. Técnico: René Simões.
Gol: Val Baiano, aos 30, Diego Maurício, aos 40 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Petkovic, Deivid (Fla); Pituca, Robston, Daniel Marques (Atlético-GO).
Estádio: Raulino de Oliveira. Data: 07/10/2010. Árbitro: Marcio Chagas da Silva (RS). Assistentes: Marcelo Bertanha Barison (RS) José Eduardo Calza (RS).
Renda: R$ 176.620,00 Público: 7.772 pagantes