Por Silvana – A SELEÇÃO DA COPA DE DAVID BECKHAM

1. Muslera (Uruguai) – O goleiro da Lazio, pra mim, é uma descoberta, já que fez sua estreia internacional há poucos meses. O Uruguai não tomou gols na fase de grupos e as duas defesas de pênalti contra Gana mostraram que ele tem personalidade para evoluir.

2. Sergio Ramos (Espanha) – Tendo jogado com o Sergio em Madri, eu posso dizer que ele é um dos defensores mais determinados e comprometidos que eu conheço. Ele gosta de ir para o ataque e ama arriscar chutes quando tem chance. Fez uma grande Copa do Mundo.

3. A. Cole (Inglaterra) – Eu também gostei das atuações do Fábio Coentrão, de Portugal, mas Ashley, pra mim, é o melhor lateral esquerdo do mundo e, provavelmente, o destaque da Inglaterra na Copa do Mundo. Ele nunca para de correr, marca muito bem e adora contra-atacar.

4. Puyol (Espanha) – A semifinal mostrou o quanto ele é importante para a Espanha. Além de ter sido muito forte na defesa, fez um gol crucial, que colocou sua seleção na final da Copa. Eu joguei contra ele antes. Puyol tem talento natural, muita presença e uma grande ética como jogador. É um exemplo. A parceria dele com o Piqué vem sendo essencial à Espanha.

5. Mensah (Gana) – O capitão ganês foi muito sólido ao longo do torneio e muito azarado nas quartas de final, contra o Uruguai. Também é um exemplo de liderança e não tem medo de colocar o corpo à frente por sua equipe.

6. Schweinsteiger – Fez uma grande Copa do Mundo e um jogo particularmente impressionante contra a Inglaterra. Tem todos os atributos do meio-campo moderno. Você gostaria de tê-lo junto a você em qualquer equipe.

7. Sneijder (Holanda) – Um jogador talentoso que teve uma grande temporada pelo seu clube e pela sua seleção. Ele tem visão de jogo para passar a bola e uma impressionante habilidade para matá-la. Fez muitos gols na Copa como um meia avançado. Definitivamente, será um jogador a ser observado durante a final, no domingo.

8. Xavi (Espanha) – Você pode escalar Alonso ou Iniesta, mas eu adoro assistir ao Xavi jogar. Todo time precisa de um Xavi. Ele é um motor para a Espanha e para o Barcelona, além de ser um jogador muito inteligente. Tem visão de jogo e habilidade para o passe incríveis. Ele fica com a bola nas situações mais delicadas e, para mim, é o principal jogador da Espanha. Ele merece os maiores elogios e é, ao lado do Sneijder, o melhor jogador da Copa.

9. Müller (Alemanha) – Não foi um nome muito falado antes da Copa, mas seus quatro gols e três assistências em cinco jogos são uma marca incrível para um atacante de 20 anos. Foi uma pena ele não ter jogado a semifinal. A Alemanha perdeu seu ritmo e sua precisão nas finalizações.

10. Forlán (Uruguai) – Um atacante que fica melhor conforme passam os anos. Eu tive o prazer de jogar com o Diego no Manchester United e pudemos ver que jogador talentoso ele era. Agora, ele tem total confiança. Ele foi duas vezes artilheiro do Campeonato Espanhol e, com quatro gols e muitas assistências na África do Sul, fez uma grande Copa.

11. Villa (Espanha) – Artilheiro da Copa até agora, é um dos melhores finalizadores do mundo. Ele é capaz de jogar usando qualquer um dos pés e é devastador na frente do gol. É assustador que ele esteja indo para o Barcelona, que já é um time muito bom.

Três substitutos:

Bradley (Estados Unidos) – O time dos Estados Unidos me pareceu muito bom e foi azarado por ter saído da Copa. Meu companheiro de equipe, o Donovan, ficou muito impressionado com o Bradley. Se os EUA produzirem jogadores como ele no futuro, o futebol deles evoluirá muito.

Maicon (Brasil) – O Brasil produz grandes laterais e eu tive a sorte de jogar com um deles, o Roberto Carlos, no Real Madrid. Maicon é mais um dessa linha de produção. Acho que ele jogou muito bem pela seleção e teve uma grande temporada na Inter. Seu gol no primeiro jogo (contra a Coreia do Norte) foi incrível.

Messi (Argentina) – Como você não tem o melhor jogador do mundo entre seus titulares? Ele fez de tudo na Copa, menos gols. Azar. Foi ótimo assistí-lo.

Fonte: Yahoo Esportes

Por Rogerinho – Platini passa bem após desmaiar em Johanesburgo

JOHANESBURGO (Reuters) – O presidente da União das Associações Europeias de Futebol (Uefa), Michel Platini, foi levado a um hospital na noite desta sexta-feira depois de desmaiar em um restaurante em Johanesburgo, na África do Sul, afirmou à Reuters um representante da entidade, William Gaillard.

“Ele está bem. Ele vinha sofrendo de um resfriado e um pouco de gripe e desmaiou antes de comer em um restaurante”, disse Gaillard sobre o ex-jogador e técnico francês.

“Ele ainda está no hospital e passa por exames, mas está bem e consciente. Ele não teve um ataque cardíaco”, afirmou.

Um comunicado conjunto da Fifa e da Uefa disse que Platini irá permanecer em observação no hospital durante a noite como medida de prevenção.

Gaillard, um dos conselheiros especiais de Platini, disse que o presidente da Uefa, de 55 anos, desmaiou antes de comer no início da noite no restaurante Pigalle, no subúrbio de Sandton.

“Sua glicemia estava um pouco baixa porque ele não havia comido e teve um pouco de febre. Ele se levantou e simplesmente desmaiou”.

“Todos os exames até o momento mostraram que não há motivo para preocupações”, acrescentou Gaillard.

“Eu falei com alguém que estava com ele no hospital há uns cinco minutos e ele disse que Michel estava bem”.

O gerente do restaurante, Johnny Miranda, disse à Reuters TV que Platini reclamou que não estava se sentindo bem e que deu alguns passos antes de desmaiar.

Platini é um dos maiores jogadores da história do esporte e ajudou a França a conquistar a Eurocopa de 1984. Ele também foi treinador da seleção francesa entre 1988 e 1992.

Platini foi eleito presidente do corpo europeu que gere o futebol em 2007.

Fonte: Yahoo Esportes

Por Silvana – Confira o que seu clube fez na pausa para a Copa do Mundo

Período foi utilizado como preparação para o retorno do Campeonato Brasileiro. Quem volta melhor?

Fonte: Lancenet

A Copa do Mundo da África do Sul tomou conta do noticiário esportivo nas últimas semanas. A atenção estava voltada para a competição, mas nem por isso os clubes brasileiros deixaram de se preparar para o retorno do Campeonato Brasileiro.

Contratações, vendas, mudanças nas comissões técnicas e amistosos. Teve até clube que foi julgado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) e perdeu 3 pontos na tabela.

Enfim, os últimos dias foram de trabalho duro para as 20 equipes que almejam o título nacional. Para você, leitor, ficar por dentro do que rolou, o LANCENET! levantou a programação dos clubes no período da Copa.

Confira abaixo:


1º colocado
17 pontos

2º colocado
17 pontos

3º colocado
15 pontos

4º colocado
12 pontos

5º colocado
12 pontos

6º colocado
11 pontos

7º colocado
10 pontos

8º colocado
9 pontos

9º colocado
9 pontos

10º colocado
9 pontos

11º colocado
9 pontos

12º colocado
8 pontos

13º colocado
8 pontos

14º colocado
8 pontos

15º colocado
7 pontos

16º colocado
7 pontos

17º colocado
6 pontos

18º colocado
5 pontos

19º colocado
5 pontos

20º colocado
4 pontos

Por Silvana – No Morumbi, arquibancada a R$ 100 para São Paulo e Inter

Em uma eventual final, preços dos ingressos devem subir ainda mais

Fonte: Lancenet

Os ingressos para a partida entre São Paulo e Internacional, no dia 5 de agosto, no Estádio do Morumbi, já estão disponíveis pela Internet. O torcedor terá de pagar um preço mais caro do habitual. As arquibancadas amarela e laranja são os setores mais baratos do Morumbi e custarão 70 reais.

Já a arquibancada azul, setor que costuma ser o primeiro a se esgotar, é vendida a R$ 100. Em jogos do Campeonato Brasileiro, o mesmo assento custa R$ 30. O ingresso mais caro sai por R$ 360.

– Não vemos problemas e temos certeza que os ingressos se esgotarão. Essa é a expectativa da diretoria – afirmou Osvaldo Vieira, diretor financeiro do clube.

Devido ao alto preço das entradas, a diretoria espera arrecadar mais de R$ 4 milhões com a renda. Na final da Libertadores de 2005, contra o Atlético-PR, três milhões e 300 mil reais entrarão nos cofres do clube.

Caso o Tricolor avance para a final da competição, não está descartado um outro aumento no preço dos ingressos:

– Isso ainda vai ser discutido. Pode ser que se mantenha o mesmo ou ocorra uma pequena majoração. A gente vai se reunir para discutir – completou Vieira.

A partir desta sexta-feira, já é possível comprar os ingressos pela Internet através do site www.futebolcard.com. As bilheterias do estádio iniciarão as vendas no dia 14 de julho.

Por Rogerinho – Messi cura ‘ressaca’ da Copa no Rio de Janeiro

Ele não fez nenhum gol na Copa, tampouco fez jus à condição de melhor jogador do mundo. Após ser eliminado com a Argentina depois de uma goleada sofrida para a Alemanha, Messi aproveita a folga no Rio de Janeiro ao lado da namorada Antonella Roccuzzo. O craque foi flagrado nesta quinta-feira em um jantar em um hotel na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. Será que o hermano procurou a Cidade Maravilhosa para curar a ‘ressaca’ da Copa do Mundo? (Crédito: Delson Silva/Agnews)

Fonte: Lancenet

Por Edgar Santista – K9 é do peixe

Acabou a novela! Keirrison é do Santos

Fiorentina (ITA) libera substituto de André, que fica no Peixe por empréstimo até julho de 2011

Com final feliz, o casamento entre Keirrison e Santos, enfim, foi consumado. Após longas tratativas, iniciadas ainda no período de recesso do clube para a Copa do Mundo, o clube mandou uma comitiva à Barcelona e acertou nesta sexta-feira a liberação de K9.

O LANCENET! apurou que a rescisão contratual do jogador com a Fiorentina (ITA) foi assinada hoje, via fax. Sendo assim, Marcos Malaquias, empresário do atacante, não precisará viajar para Florença.

Mesmo com mais um ano de contrato com o clube italiano, o jogador já havia sido preterido. Ficou, inclusive, fora da lista dos 32 convocados para a pré-temporada, em Cortina d’Ampezzo, na Itália, que será realizada entre os dias 15 e 30 de julho.

K9 deve chegar à Santos nesta segunda-feira e ficará por empréstimo no clube até julho de 2011 para o objetivo de disputar a Copa Libertadores e chegar a Seleção Brasileira.

Para contratá-lo, o Peixe superou a concorrência local de Grêmio, Cruzeiro, Flamengo e Corinthians; além de Ajax (HOL) e Racing Santander (ESP).

A novela teve um desfecho positivo na manhã desta sexta. Com um sinal verde do Barcelona (ESP) e da Fiorentina, o contrato foi assinado. O advogado do clube, João Vicente Gazolla, esteve acompanhado por Pedro Luiz Conceição e Jamelli, diretor e gerente de futebol, respectivamente, e estiveram mais uma vez reunidos com Andoni Zubizarreta.

O LANCENET! tentou contato com Malaquias, que não atendeu as ligações da reportagem, mesma tática adotada pela diretoria do Santos. Mas via Twitter, microblog da internet, o agente do jogador dá indícios do acerto:

– Depois d uma madrugada e manha atribulada uma pausa p tomar cafe!! Mas valeu a muito a pena .. Dia produtivo d mais… (sic).

Keirrison baixará significativamente a quantia que recebia na Europa para jogar no Brasil, cerca de 125 mil euros mensais (R$ 275 mil), e se adequará ao teto salarial do Peixe é de R$ 160 mil.

O jogador, mais uma vez, volta a trabalhar com o técnico Dorival Júnior – um dos principais responsáveis pela sua chegada – com quem manteve constante contato.

Sob o comando de Dorival, no Coritiba, K9 foi artilheiro do Brasileirão de 2008 e um dos artilheiros do país naquela temporada.

Substituto para André

Keirrison chega à Vila Belmiro com a missão de substituir André, vice-artilheiro do time, com 26 gols, mas que foi negociado com o Dinamo de Kiev (UCR).

André se despede do Santos após o segundo jogo da final da Copa do Brasil, contra o Vitória, no dia 4 de agosto.

Ficha técnica:

Nome: Keirrison de Souza Carneiro
Nascimento: 3/12/1988, em Dourados (MS)
Altura: 1,84m
Peso: 80 kg
Carreira: Coritiba (2005-2009), Palmeiras (2009), Barcelona-ESP (2009), Benfica-POR (2009-2010) e Fiorentina-ITA (2010).

Títulos: Campeonato Brasileiro da Série B (2007), Campeonato Paranaense (2008), Campeonato Português (2009-2010) e Taça da Liga de Portugal (2009-2010).

Gols de Keirrison pelo Coxa em 2008

Fonte: Lancenet

Por Cleber aguiar – Fifa ficou irritada com Simon

Fonte: Lancenet.com.br

Fifa se irrita com postagem de Simon no Twitter

Simon antecipou árbitro de Holanda x Brasil (Foto: Reuters)

Simon  antecipou árbitro de Holanda x Brasil (Foto: Reuters)

DE PRIMA

O árbitro Carlos Eugênio Simon foi descartado da Copa do Mundo depois de anunciar em seu Twitter a identidade do árbitro da partida Brasil x Holanda.

A Fifa já havia definido o nome, mas não havia anunciado oficialmente. E ficou irritada ao ver que Simon quebrara a orientação de não se manifestar sobre assuntos internos.

Por José Reis – Bruno uns dos jogadores mais caro da história do Mengão.

Fonte: Globo.com

Bruno é um dos mais caros da história, e Fla ainda deve por ele

Clube gastou cerca de 4 milhões de euros para ter 90% dos direitos do goleiro. Rubro-negro ainda está pagando pela sua aquisição

Por Rodrigo Benchimol e Eduardo Peixoto Rio de Janeiro

Bruno e Macarrão indo para Bangu 2 (Foto: AE)

Bruno e Macarrão indo para Bangu 2

O lado passional fica à margem de quase toda a negociação que envolve grandes cifras no futebol. Cada jogador é visto como uma mercadoria e tem um preço de mercado de acordo com a sua qualidade. No caso envolvendo a aquisição de Bruno, preso pelo desaparecimento da ex-mamorada Eliza Samudio, este valor é alto e histórico na Gávea: cerca de € 4 milhões (em torno de R$ 9 milhões). Esse é o custo aproximado gasto pelo clube pela compra de 90% dos direitos econômicos do goleiro. O curioso é que o Flamengo, que suspendeu o contrato com o jogador, ainda não acabou de pagar toda a operação.

Como a compra de Bruno foi dividida em várias etapas, os dirigentes envolvidos na sua contratação não recordam com precisão todo o mecanismo que foi sendo feito. O goleiro chegou à Gávea em agosto de 2006 por um empréstimo sem custos de um ano. Conforme o término do contrato foi se aproximando, o Flamengo foi negociando a aquisição de um percentual dos direitos do jogador. Isso foi se repetindo a cada janela de transferências, quando as ofertas do exterior chegavam ao grupo de investidores ligado a Kia Joorabchian, o mesmo que comandou a parceria da MSI com o Corinthians.

– Sempre fizemos tudo para ficar com ele. Chegamos a ir a Londres e ficamos uma semana lá negociando. Os caras (investidores) queriam colocar o Bruno no Benfica. Aí corremos atrás de soluções para prorrogar o empréstimo. Mas foram negociações distintas e foi tudo picado. O Flamengo ia lá e comprava um percentual, depois negociava outro. Mas eu confesso que não recordo esses detalhes de cabeça – afirmou Kleber Leite, vice de futebol do Flamengo entre 2005 e 2009.

Uma destas operações, talvez a mais famosa, foi a que envolveu a saída de Diego Tardelli, em janeiro de 2009. O Flamengo cedeu os 50% dos direitos que tinha do atacante ao Atlético-MG. Em troca, o clube mineiro não cobrou cerca de R$ 1 milhão por um percentual que era devido pela compra de 25% de Bruno, acumulou uma dívida de R$ 400 mil junto ao São Paulo, e ainda pagou R$ 300 mil aos rubro-negros.

A partir daí, o Flamengo passou a ter 90% dos direitos do goleiro, tendo gasto, aproximadamente, um total € 4 milhões por ele. Mas esse valor não foi quitado completamente e até hoje, mesmo depois de ter suspendido o contrato, o clube ainda deve aos investidores ligados a Kia.

– Quando eu assumi o futebol, em julho de 2009, a dívida pela aquisição do Bruno era um pouco mais de 700 mil euros (cerca de R$ 1,55 milhão). Toda hora estávamos sendo ameaçados por propostas que vinham de fora e, consequentemente, sofríamos pressões dos investidores pela quitação desta quantia que já não vinha sendo paga há algum tempo. Aí houve uma composição com o empresário do Bruno (Eduardo Uram) e com os investidores para que essa dívida fosse equacionada via Clube dos 13. Se eu não me engano, houve um parcelamento em dez prestações a serem debitadas a partir deste ano, ou no fim do ano passado. Não sei ao certo – explicou Marcos Braz, vice de futebol até abril deste ano.

Como na Gávea todo mundo está evitando qualquer tipo de comentário envolvendo Bruno, o GLOBOESPORTE.COM entrou em contato com a assessoria de imprensa do Flamengo. Após entrar em contato com Michel Levy, o vice de finanças que está na África do Sul, os assessores confirmaram que o clube não considera que deve mais nada, já que foi feito o acordo através do Clube dos 13. Sem informar valores e quem está recebendo este dinheiro, foi explicado que ainda falta uma pequena quantia a ser descontada.

O valor que o Flamengo está deixando de receber vem das cotas de televisionamento, e ainda faltariam cerca de R$ 300 mil para a dívida com o grupo de investidores ser quitada completamente.

Independentemente de quanto ainda deve, a compra de Bruno está entre as maiores já realizadas na história recente do clube. As duas maiores operações nos últimos anos foram para comprar, parceladamente, em 2007, 100% dos direitos de Kleberson, por € 2 milhões (cerca de R$ 6,6 milhões); e os US$ 1,2 milhão (R$ 2 milhões) por 20% de Toró, em janeiro de 2006.

Num passado um pouco mais distante, aparecem duas outras transações que talvez sejam equivalentes ao que foi gasto com Bruno. Em 1995, o Flamengo pagou US$ 5 milhões para contar com Edmundo (vale lembrar que este caso vem sendo discutido judicialmente até hoje pelo fato de o dinheiro usado na operação ter vindo de um empréstimo ou de uma doação do Consórcio Plaza, que construiria um shopping na Gávea, mas não o fez). Em 1999, o clube gastou cerca de US$ 6 milhões para comprar o atacante Leandro Machado.

– A vinda do Romário não custou nada. Fizemos uma operação de marketing na época. A contratação do Adriano também não custou nada, por conta da vontade dele e de uma composição que foi feita. Talvez a operação mais cara do Flamengo tenha sido a do Edmundo, mas mesmo assim não gastamos nada. O caso do Bruno foi diferente. Tratava-se de um goleiro que o Flamengo não tinha há muitos anos. E o retorno esportivo dado empatou todo o investimento que foi feito. Basta ver os títulos que ele ajudou a conquistar, sendo decisivo em praticamente todos – afirmou Kleber Leite.

Bruno, que ainda tem contrato até dezembro de 2012, conquistou o Tri do Carioca (2007/08/09) e o Brasileiro do ano passado, sempre fazendo defesas importantes e, inclusive, defendendo pênaltis em jogos decisivos.

Por Éder – Candidatos a melhores da Copa 2010.

Fonte: Lancenet.com.br

Finalistas dominam os indicados ao prêmio de melhor da Copa

Seleção Brasileira fica de fora da festa

Sneijder e Villa: os artilheiros da Copa estão entre os finalistas da Fifa (Crédito: EFE)

Sneijder e Villa: os artilheiros da Copa estão entre os finalistas  da Fifa

LANCEPRESS!

A Fifa divulgou nesta sexta-feira os dez jogadores indicados ao prêmio Bola de Ouro da Copa do Mundo da FIFA África do Sul 2010. Holanda e Espanha, finalistas do Mundial da África, contam com cinco jogadores entre os indicados. O Brasil não teve nenhum representante.

Os candidatos são: Diego Forlán (Uruguai) Asamoah Gyan (Gana), Andrés Iniesta (Espanha), Lionel Messi (Argentina), Özil (Alemanha), Robben (Holanda), Schweinsteiger (Alemanha), Wesley Sneijder (Holanda), David Villa (Espanha) e Xavi (Espanha).

E MAIS: Três concorrem ao título de melhor jovem

//

A votação está aberta para jornalistas credenciados e será encerrada após a final entre Holanda e Espanha. O anúncio do vencedor será divulgado logo após a partida, a fim de evitar possíveis equívocos.

Na Copa do Mundo do Japão e da Coreia do Sul em 2002, o goleiro alemão Oliver Kahn, foi eleito o melhor jogador do Mundial antes da final entre Brasil e Alemanha, quando falhou em um dos gols de Ronaldo na vitória da Seleção Brasileira.

Já em 2006, O francês Zidane foi eleito o melhor da Copa da Alemanha antes de enfrentar a Itália na final, quando foi expulso ao agredir o zagueiro italiano Materazzi.

Confira os últimos vencedores da Bola de Ouro:

1982: Paolo Rossi (Itália)
1986: Maradona (Argentina)
1990: Schillaci (Itália)
1994: Romário (Brasil)
1998: Ronaldo (Brasil
2002: Kahn (Alemanha)
2006: Zidane (França)

Por Cleber Aguiar – Robinho e Ganso fora do clássico !

Fonte: Lancenet.com.br

Dorival confirma Ganso e Robinho fora do clássico

Treinador do Peixe não poderá contar com os dois jogadores para partida contra o Palmeiras, no dia 15

Ganso ainda se recupera de uma lesão (Crédito: Ivan Storti)

Ganso  ainda se recupera de uma lesão

LANCEPRESS!

Perto da reestreia no Campeonato Brasileiro – contra o Palmeiras, no dia 15 –, o técnico Dorival Júnior confirmou que o Santos terá dois importantes desfalques: Paulo Henrique e Robinho

– Para esta primeira partida já está totalmente descartada. Só se acontecer um fator muito positivo, mas, em um primeiro momento, ambos estão descartados – disse o treinador.

Ambos ainda estão longe do condicionamento ideal e, por isso, serão poupados. Robinho se reapresentou ao clube no último dia 5 e, como ganhou uma semana de folga, pela participação na Copa do Mundo, só volta aos trabalhos nesta segunda-feira.

Já Ganso ainda se recupera de lesão. Na última quinta-feira, o meia viajou para São Paulo para passar ser examinado e já faz trabalhos de fortalecimento, no campo, mas ainda sem contato com bola.

Além deles, Léo também se trata um estiramento na coxa esquerda e é dúvida. A ideia de Dorival é ter o time completo para o primeiro jogo da final da Copa do Brasil, contra o Vitória, dia 28, no Barradão.