Por Rogerinho – Coreia do Sul bate o tambor, domina os gregos e vence sem sustos: 2 a 0

Com boa atuação de Park Ji-Sung, do Manchester, seleção asiática estica o jejum grego em Copas e arranca a primeira vitória no Mundial da África do Sul

Nas arquibancadas, a batalha foi indigesta. Os torcedores da Coreia do Sul levaram seus tambores para o estádio Nelson Mandela Bay, em Porto Elizabeth, mas não conseguiram abafar as barulhentas vuvuzelas dos sul-africanos. Dentro do campo, a missão foi bem mais fácil. A seleção asiática dominou uma apática Grécia neste sábado e venceu com tranquilidade por 2 a 0. Após os dois empates da véspera, coube aos sul-coreanos arrancar a primeira vitória na Copa do Mundo.

Ainda não foi desta vez que a Grécia fez um gol em Mundiais. Jogando um futebol burocrático, a equipe do técnico Otto Rehhagel até conseguiu mostrar alguns lampejos no segundo tempo, mas manteve a tradição e chegou à quarta derrota em quatro jogos – as outras três foram em 1994. Como se não bastasse a crise econômica no país, os gregos ainda foram obrigados a ver uma estreia amarga no futebol.

Park Ji-Sung comemoração Coreia do SulPark Ji-Sung comemora o seu gol, o segundo da Coreia do Sul na partida

A Coreia do Sul passa a ser a primeira seleção asiática a bater uma europeia fora de casa em Copas. O jogo que deveria ser a primeira “pelada” do Mundial da África do Sul acabou sendo um jogo movimentado, que deixou os torcedores satisfeitos no estádio – menos os gregos, claro.

O sol em Porto Elizabeth não chegou a castigar os jogadores, que entraram em campo sob temperatura amena no início da tarde de sábado. O técnico da Grécia, Otto Rehhagel, surpreendeu ao deixar no banco Krygiacos, bom no jogo aéreo. Salpingidis também começou na reserva, dando lugar a Samaras no esquema 4-3-3.

O sul-coreano Huh Jung Moo armou seu time no 4-3-2-1. Park Chu-Young era o único na frente, mas nem por isso ficou isolado. Foi a Coreia a protagonista das principais tramas ofensivas do primeiro tempo.

O primeiro susto, contudo, quem deu foi a Grécia, logo aos três minutos. Torosidis perdeu ótima chance ao receber o cruzamento na entrada da pequena área e chutar para fora.

Aos sete, os tambores falaram mais alto quando o lateral Young-Pyo cobrou falta na ponta esquerda, perto da bandeirinha de escanteio. O goleiro não saiu, e a bola passou por cima toda a defesa grega para encontrar Li Jung-Soo livre. Na pequena área, de frente para o gol, ele só escorou para o fundo da rede.

O foco migrou para o árbitro neozelandês Michael Hester aos 15, quando ele ignorou um pênalti de Torosidis no meia Chung-Young – não confundir com o atacante Chu-Young. Ele fez bela jogada pela direita e, dentro da área, foi deslocado pelo joelho do rival. Os telões do estádio não faziam cerimônia e mostravam replays de lances, inclusive os mais polêmicos.

Diante de uma Grécia apática, a Coreia criou as melhores chances do primeiro tempo, mas nem assim evitou vexames como o de Chu-Young. Aos 22, o atacante recebeu livre dentro da área e concluiu com um chute constrangedor de tão torto.

Aos 27, Park Ji-Sung teve seu primeiro momento de brilho. O atacante do Manchester United enfiou um lançamento preciso para Chu-Young, que entrou nas costas da zaga, mas demorou demais para concluir. O zagueiro Vyntra atrapalhou o chute, que acabou desviado pelo goleiro Tzorvas com o pé esquerdo.

No intervalo, Otto Rehhagel mostrou que não estava satisfeito com seu capitão. Karagounis deu lugar a Patsa. Salpingidis também entrou, no lugar de Samaras, na tentativa de criar alguma chance para uma seleção que só tinha chutado a gol uma vez no primeiro tempo.

Otto só não podia prever que seu zagueiro entregaria o ouro logo aos seis minutos da segunda etapa. Vyntra errou um domínio de bola no meio campo e perdeu a bola para Park Ji-Sung. O astro coreano partiu em direção à área e, com tranquilidade, bateu cruzado na saída de Tzorvas. Coreia 2 a 0.

Salpingidis apareceu bem pela primeira vez aos 25, quando ganhou na força pelo lado esquerdo e rolou para a conclusão de Kapetanos, que tinha substituído Charisteas. A Jabulani saiu por cima do gol de Jung Sung Ryong, e os torcedores levaram as mãos às cabeças nas arquibancadas.

As substituições de Rehhagel surtiram efeito, e o futebol da Grécia melhorou. Aos 35, Gekas matou a bola dentro da área e, de virada, obrigou Sung-Ryong a fazer grande defesa de mão trocada, mandando a escanteio. A resposta foi imediata, com belo chute de Chu-Young, que Tzorvas se esticou para espalmar pela linha de fundo. Aos 40, o goleiro grego apareceu mais uma vez, salvando em chute rasteiro de Chung-Yong.

O esforço grego no segundo tempo se mostrou inútil. Àquela altura, já era tarde para evitar mais uma derrota. A Coreia chegou a ensaiar um olé e, sem sustos, estreou com o pé direito na Copa.

COREIA DO SUL 2 x 0 GRÉCIA
Jung Sung Ryong; Lee Young-Pyo, Cho Yong-Hyung, Lee Jung-Soo e Cha Du-Ri; Ki King-Woo, Ki Sung-Yueng (Namil), Lee Chung-Yong (Jae-Sung), Park Ji-Sung e Yeom Ki-Hun; Park Chu-Young (Seung-Yeoul) Tzorvas; Seitaridis; Papadopoulos e Vyntra e Torosidis; Tziolis, Karagounis e Katsouranis (Patsa); Gekas, Samaras (Salpingidis) e Charisteas (Kapetanos)
Técnico: Huh Jung Moo Técnico: Otto Rehhagel
Gols: Jungsoo, aos 7 do primeiro tempo; Park Ji-Sung, aos 6 do segundo tempo.
Cartões amarelos: Torosidis, aos 11 do segundo tempo.
Estádio: Nelson Mandela Bay, em Porto Elizabeth. Data: 12/06/2010. Horário: 8h30m (de Brasília). Árbitro: Michael Hester (Nova Zelândia). Assistentes Jan Hendrik Hintz (Nova Zelândia) e Tevita Makasini (Trinidad e Tobago)

Opinião Pessoal – Me surpreendeu esse resultado, achei que a Grécia era um pouquinho melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s