ICFUT – Giro pelo futebol 08/06/2010

Fonte: Futebolinterior.com.br

Cruzeiro acertou com o técnico CUCA.

» Times do Brasileirão podem “ajudar” Ponte Preta com reforços
» Definido! Inter de Milão confirma técnico para temporada
» Você sabia? Técnicos “estrangeiros” nunca ganharam um Mundial
» Acabou! Empresa desiste de gerenciar futebol do América-SP
» Segundona: Em boa fase, Olé Brasil troca de preparador físico
» Ex-craque colombiano aponta os favoritos na Copa
» Vadão comemora bom início da Portuguesa na Série B
» Guará promete reformas em estádio e define planejamento
» Após ser dispensado, atacante do Cruzeiro manda recado à torcida
» Confiança! Time da Segundona quer classificação na próxima rodada
» “Esse Mundial tem tudo para ser do Robinho”, afirma Lula
» Guarani confirma local da inter-temporada durante a Copa
» Série C: Atacante, dispensado no Náutico, é apresentado no Brasil
» Boa ajuda! Presidente Lula quer ajudar Timão a construir Estádio
» Sport aproveita recesso da Série B para “dar um trato” na Ilha
» Série D: Santa Cruz apresentou lateral que estava na Série B
» Novo técnico tenta acabar com a “zica” do Ipatinga na Série B
» Brasil chega à Copa como destaque não somente pelo futebol
» Técnico chega ao Vila Nova-GO pedindo a chegada de reforços
» Times do Brasileirão organizam torneio amistoso durante a Copa
» Empresa multinacional lança Guia Oficial FIFA 2010
» América-MG desiste da Taça Minas Gerais de olho na Série B
» Mesmo em alta, Guarani promete anunciar mais três reforços
» Após críticas de Lopes, Luxa insinua que jogador é “vagabundo”
» Fora! Goleiro é operado e desfalca Cruzeiro em excursão
» Segundona: Mauaense contrata ex-atacante da Francana
» BOMBA! Meia faz acordo com o Santos e adia despedida
» Segundona: Guarulhos anuncia técnico que veio de time da A3
» Abre o olho! Timão tem início semelhante ao ano que foi rebaixado
» Reforço? Lateral paraguaio diz que está próximo do Vasco
» Concurso elege a miss Copa do Mundo. Confira as três primeiras!
» Val Baiano pode acertar sua volta para clube brasileiro
» Opinião Marcelo Gotti: Pedras e diamantes
» Ceará renova contrato com ídolo da torcida até 2013
» Zagueiro de seleção da Copa acerta com time inglês
» Adversário do Brasil goleia Moçambique no último teste para Copa
» Bye, bye! Lateral acerta rescisão e deixa o Bahia na Série B
» Flamengo próximo de acertar com atacante de time da Série B
» Vitória perto de contratar ex-zagueiro de Corinthians e Sampa
» Atlético-MG de olho em ex-atacante do Milan e ex-Internacional
» Série C: Gama trabalha parte física em dois períodos
» Folga? Jogadores do Prudente trocam recesso pelo trabalho duro
» Blindadora de carros prepara construção de quarto forno
» Você sabia? Brazuca foi primeiro técnico a cair durante uma Copa
» Antigo reduto da segregação racial entra no clima do Mundial
» Reforço! Flamengo confirma volante de time de Zico
» Definido! Cruzeiro confirma novo técnico até o fim de 2011
» Ronaldo Fenômeno revela qual foi seu maior arrependimento
» País proíbe apostas em jogos do Mundial; gringos não escapam
» Mandela inspira luta de craque negro contra o racismo

Por Cleber Aguiar – Jornal inglês critica escolha de brasileiro para o 1º jogo !

Atendendo a pedidos PROGRAMA ICFUT muda de horário!!!

Sábado da 13:00hs as 14:00hs

Castanha brasil para ref Inglaterra

Um árbitro controverso que sorri enquanto dishing fora cartões vermelhos se encarregará de estréia da Inglaterra na Copa do Mundo contra a E.U.A. no sábado.
Bungling Carlos Simão, apelidado Simple Simon, começou a acenar, apesar de ser proibida no ano passado para uma série de gafes.

O sindicalista brasileiro, 44 anos, provocou indignação mundial no torneio de 2006 para enviar inexplicavelmente fora sueco Teddy Lucic contra a anfitriã Alemanha – e sorrindo como ele fez.

Fãs postaram um vídeo no YouTube sobre ele chamou a vergonha das decisões, enquanto os funcionários têm marca-lhe um “ladrão”. Em 2001, um jogador ainda ameaçou processar Simon por abusar de sua ex.

Por Cleber Aguiar – Parreira vai para 8º Copa.

Fonte: O Estado de São Paulo

Na 8ª Copa, Parreira sente frio na barriga

Técnico comanda pela primeira vez a seleção anfitriã de um Mundial e diz que time está ‘pronto para boa performance’

Antero Greco – O Estado de S.Paulo

ENVIADO ESPECIAL
JOHANNESBURGO
Carlos Alberto Parreira tem 67 anos e já viveu extremos nos sete Mundiais de que participou: foi campeão com o Brasil (1970 e 1994) e demitido do cargo de técnico da Arábia Saudita na segunda rodada em 1998. Não deveria surpreender-se com as andanças do circo do futebol. Ainda assim, sente frio na barriga à medida que se aproxima a estreia da África do Sul na Copa de que será anfitriã. Vive dias de jovem à espera da primeira experiência.

“Não me importa o fato de ser a oitava Copa da minha carreira”, afirmou no final da tarde de ontem, após o treino no perfeito gramado da Wits University, na região mais nobre de Johannesburgo. “Nem penso no que já passei, nas disputas anteriores”, insistiu. “Parece que elas nunca aconteceram. Dá ansiedade como se jamais tivesse disputado um Mundial.”

O desafio de Parreira é também inédito. Nunca antes havia assumido o time da casa para dirigir numa Copa. Nas aventuras anteriores, ou entrava como franco-atirador ? foi assim com Kuwait (1982), Emirados Árabes (1990) e Arábia Saudita (1998) ? ou com o time favorito, como em 1994 e em 2006, ambas com a seleção brasileira. Agora, tem a responsabilidade de não decepcionar, com equipe teoricamente mais frágil do que França, México e Uruguai, rivais no Grupo A. Mesmo assim, o discurso é encorajador.

“Posso afirmar sem risco de errar que meu time está pronto para uma boa performance”, afirmou, em entrevista-relâmpago, após o treino, incentivado por centenas de torcedores e ao som de dezenas de vuvuzelas. “E está pronto do ponto de vista técnico, físico e psicológico”, reforçou. “Nos últimos três meses, cresceu a confiança da equipe e ela chega em forma no momento certo, o do começo da Copa.”

A seleção sul-africana sustenta invencibilidade de 12 jogos na arrancada final de preparação, computadas as apresentações que fez durante o estágio no Brasil. “Os jogadores têm consciência da responsabilidade, da esperança dos torcedores e não vão decepcioná-los”, avisou, em discurso incentivador. “Mais do que nunca, deixaremos a torcida orgulhosa”, em alusão à palavra proud (orgulho, em inglês) que há no lema do ônibus oficial.

Parreira tem clara noção de seu papel de representante dos anfitriões. O treino da África do Sul foi aberto, com segurança discreta e nada truculenta. Assim que viu repórteres brasileiros atrás do alambrado, saiu do gramado e veio cumprimentá-los. Avisou que não estava prevista coletiva, que não pretendia falar. Mas, após duas horas de exercícios e bate bola, com o frio da noite chegando e a imprensa à espera, abriu exceção. Gesto de cordialidade, que anda em baixa entre seus pares.

ICFUT – Relembre o jogo Austrália ( prejudicada ) x Itália 2006

Fonte: O Estado de São Paulo


Austrália ainda não engoliu eliminação para Itália em 2006

Daniel Akstein Batista e Jamil Chade – O Estado de S.Paulo

A Austrália volta à Copa do Mundo com um estranho sentimento. Dirigentes e jogadores da equipe não esquecem o que ocorreu na Alemanha, quando o time perdeu para a Itália, por 1 a 0, nas oitavas de final. O pênalti marcado sobre o lateral-esquerdo Fabio Grosso, já nos acréscimos, revoltou os australianos.

Na época, até o presidente da Fifa, Joseph Blatter, admitiu que a Austrália deveria ter saído com a classificação no duelo com a Azurra, que depois partiria para a sua quarta conquista Mundial.

Lembrar agora do passado ainda é motivo de irritação. “Os jogadores são profissionais e têm de esquecer o que aconteceu quando entram em campo, mas ainda está na mente de todos”, contou John Boultbee, diretor da Federação Australiana de Futebol. “O país ainda não esqueceu. Foi um assunto nacional na época e todos os políticos criticaram, mas eles tiveram de parar com as reclamações, pois a comunidade italiana é muito grande na Austrália e eles não queriam perder votos”, prosseguiu.

A partir do dia 13, quando estreiam contra a Alemanha, os australianos tentam repetir o feito de quatro anos atrás ? mas desta vez, esperam sem serem prejudicados pela arbitragem. “Temos de desfazer este gosto amargo que ficou daquele Mundial”, falou Boultbee.

Em 2006, a Austrália havia passado com a segunda vaga no grupo que tinha o então campeão do mundo, o Brasil. A seleção da Oceania perdeu para os brasileiros por 2 a 0, mas conseguiu empatar com a Croácia, por 2 a 2, e bateu o Japão por 3 a 1.

Repetirá? No sábado, perdeu para os Estados Unidos por 3 a 1, em Johannesburgo, no último teste antes da Copa.

ICFUT – Um Goleiro contador de história infantis !

Fonte: O Estado de São Paulo

Um goleiro contador de histórias infantis

Australiano Schwarzer aproveita as poucas horas vagas para escrever contos de futebol para crianças

Daniel Akstein Batista – O Estado de S.Paulo

ENVIADO ESPECIAL
MAGALIESBURGO

O país é novo e a bola é sua melhor amiga. E é com o futebol que as amizades começam a se formar. A história bem que poderia ser verdadeira (talvez até seja em algum lugar), mas aqui ela não passa de uma ficção. E quem a conta é Mark Schwarzer, goleiro da Austrália de 37 anos que vai disputar a segunda Copa do Mundo – esta na Alemanha em 2006 – e que nas poucas horas vagas escreve livros para crianças.

Megs é o personagem principal de seus contos. Um garoto que chega à Austrália, vindo da Inglaterra, sem conhecer ninguém e tem dificuldades para arrumar novos companheiros. Bom de bola, passa a usar a redonda para conhecer os colegas da nova escola. E se dá bem.

Schwarzer escreve os contos com um amigo. A série do menino estrangeiro teve início em 2007 – e na semana que vem está previsto o lançamento do quinto livro. “São as experiências das nossas próprias vidas”, diz o goleiro. “A criança chega à Austrália e usa o futebol para buscar novos amigos”, conta.

O atleta é filho de alemães e joga no Fulham, da Inglaterra. É pai de um menino e uma menina e usa as características das duas crianças para também criar os traços dos personagens. Assim como sua mulher, que ganha vida no lançamento seguinte.

As horas vagas na África do Sul não têm sido válidas para Schwarzer rabiscar folhas. A seleção australiana costuma passear no Mandela Square, um pequeno shopping situado em Sandton, luxuoso bairro de Johannesburgo. “Meu próximo livro está saindo agora. E tenho de me preocupar com o Mundial”, fala o goleiro, que não imaginava ver suas histórias serem publicadas – apenas na Austrália, por enquanto. “Eu sempre escrevia coisas, até que meu amigo (Neil Montagnana-Wallace) falou para fazermos um livro.”

Após o fim da série, o jogador pretende mudar o estilo. “Os livros atuais são para um público de 8 a 14 anos. Quero agora escrever para as crianças menores.”

Na sua segunda Copa, Schwarzer também está envolvido em projetos de caráter solidário e inovou na semana passada ao treinar de óculos escuros. Uma ideia para mostrar a visão do goleiro em seus movimentos, para ajudar a corrigir o posicionamento – e também para a imagem ser divulgada às televisões. “Mas não vou usá-lo nos jogos”, garante o camisa 1, de 37 anos e que sonha levar sua seleção na África do Sul a uma campanha melhor do que a da Alemanha, em 2006. Naquele mundial a Austrália passou da primeira fase com quatro pontos e depois caiu nas oitavas, diante da Itália, com derrota por 1 a 0, num gol polêmico.

Por Zé Reis – Geninho pede demissão do Atlético-GO

Treinador surpreende e deixa o clube após a primeira vitória no Brasileiro. Sérgio Soares pode pintar

Fonte: Lancenet

O técnico Geninho pegou todo mundo de surpresa no Atlético, na tarde dessa segunda-feira. Após conquistar a primeira vitória no Campeonato Brasileiro (sobre o Cruzeiro no domingo passado), o treinador pediu demissão.

A falta de motivação para continuar à frente do Atlético foi o principal motivo para a decisão de Geninho. O técnico se reuniu com a diretoria do clube na parte da tarde para informar sua decisão. Apesar de deixar o Dragão, Geninho se diz satisfeito pela boa temporada que fez no clube.

– Conquistamos o estadual e o clube chegou pela primeira vez na fase semifinal da Copa do Brasil. Não começamos bem o Brasileiro devido a vários desfalques. Com a parada da Copa, o clube vai poder trazer outro profissional que terá tempo para trabalhar o elenco. O Atlético merece retomar posições pela estrutura e seriedade – elogiou.

O diretor de futebol do Atlético, Adson Batista, ainda tentou convencer o técnico a mudar de ideia. Segundo ele, o clube perdeu um excelente profissional, que em pouco tempo de trabalho conseguiu conquistas importantes.

– Ele me procurou e pediu para sair, eu tentei argumentar, mas não tive sucesso. Perdemos um treinador, mas não perdemos um amigo. O Geninho vai deixar História no clube. Mas por motivos pessoais ele resolveu sair. Ele disse que está cansado, desgastado. E acha que é o momento de deixar o clube – disse.

Até agora a diretoria não divulgou os nomes que procura para o lugar de Geninho. Mas Sérgio Soares (Santo André) está bem cotado.

Por Vander – Fábio Costa perto de acerto com o Atlético-MG

Presidente do Santos confirma a negociação

Fonte: Lancenet

O presidente Alexandre Kalil e o técnico Vanderlei Luxemburgo prometeram uma ampla reformulação no elenco do Atlético-MG e ela vai começar pelo gol. Na temporada o Galo já teve Carini, Aranha e Marcelo, mas nenhum dos três conseguiu se firmar e muito menos conquistar a torcida.

A solução, então, foi buscar Fábio Costa no Santos. Encostado no time paulista, o goleiro é velho conhecido de Vanderlei Luxemburgo. Juntos eles trabalharam na equipe paulista e foram campeões paulista.

O LANCE!NET apurou que Fábio Costa chegará a Belo Horizonte ainda nessa semana para fazer exames médicos e ser emprestado até o fim do ano que vem.

– Não tem nada formalizado, mas já está muito bem encaminhado. A situação está com o departamento jurídico. Minutamos os contratos e faltam resolver as últimas cláusulas. É um empréstimo até dezembro de 2011, salvo alguma mudança de última hora – disse Luiz Álvaro Ribeiro, presidente do Santos.

A Fera, como é chamado pelos torcedores dos clubes pelos quais passou, não joga uma partida oficial desde o ano passado, quando se contundiu no confronto com o Galo, ainda pelo primeiro turno do Brasileiro.

Já recuperado da lesão no pé direito, Fábio Costa tem treinado separado do grupo, já que ele não faz parte dos planos de Dorival Júnior. A possível chegada de Fábio Costa só aumenta os rumores das saídas de pelo menos dois dos três goleiros que Luxemburgo usou no ano.