Por Rogerinho – São Paulo 2 x 0 Internacional

Caros ICFUTISTAS, como as coisas mudam no futebol em tão pouco tempo, no dia 12 de maio o São Paulo era um mero azarão contra o Cruzeiro, todo mundo dava como certa a eliminação do São Paulo, Cléber (do ICFUT) apostando comigo, Alexandre (do ICFUT) dizendo que era vitória do Cruzeiro nos dois jogos, tudo que é jogador e ex jogador apontando o Cruzeiro como favorito, eu cheguei a ver na Sportv que nunca em um confronto entre times brasileiros na Libertadores um time era tão favorito.

Pois bem, 10 dias depois de azarão viramos os maiores favoritos para o título da Libertadores, e essa vitória de hoje mostrou isso, um time vibrante, com uma defesa fortísssima e um contra golpe mortal, assim que tem que ser, pena que demorou tanto tempo pra esse técnico incompetente mudar para o 3-5-2, há 1 mês eu já pedia isso.

Pra vc Cléber meus sentimentos por perder mais duas apostas em menos de uma semana, para todos são paulinos(as) um aviso: Nosso grande São Paulo de 2005 à 2008 parece que está voltando, tomara que o técnico não estrague tudo nessa parada antes das semi finais da Libertadores.

Por Allisson – Palmeiras se despede do Palestra com vitória

Alviverde vence o Tricolor por 4 a 2 na última partida antes do estádio fechar para reformas

Ewerthon foi o autor de dois gols (Crédito: Junior Lago)
Victor Moraes

Crise? Que crise? Este deve ser o pensamento dos torcedores palmeirenses após o jogo deste sábado contra o Grêmio. Na despedida do Palestra Itália, que fechará até 2012 para reformas, o Palmeiras não se importou com o momento conturbado que vive o clube, após demissão do treinador e afastamento de jogadores, e venceu o Grêmio por 4 a 2.

O Verdão não vencia uma partida por dois gols de diferença desde o dia 25 de fevereiro, quando goleou o Flamengo-PI por 4 a 0. Com o resultado, a equipe paulista chega a sete pontos e segue invicto no Brasileirão 2010. Já o Grêmio continua sem vencer no campeonato nacional.

Para os torcedores alviverdes mais temerosos, os minutos iniciais da partida não apresentava uma situação muito boa. Mesmo jogando em casa, sofreu pressão gremista, que rondava perigosamente a área de Marcos.

Apesar de não estar bem em campo, o Palmeiras conseguiu abrir o placar, aos 15 minutos com Ewerthon. O atacante contou com a bobeira de Rodrigo e teve a contribuição do goleiro Victor, que deixou a bola passar.

O mesmo Ewerthon foi o responsável por ampliar, aos 29 minutos. Ele aproveitou o rebote de chute de Cleiton Xavier e, impedido, empurrou para as redes. Mas dois minutos depois Jonas diminiu. Ele recebeu lançamento nas costas da zaga e bateu cruzado, de perna esquerda, superando marcos.

Aos 45, Douglas e marcos Assunção trocaram xingamentos e ambos acabaram expulsos pelo árbitro.

No início do segundo tempo, um susto para a torcida alviverde. Fábio Rockemback cobrou falta, Hugo se antecipou e subiu livra para cabecear no canto e igualar o placar.

Mas o susto não afetou o Palmeiras, que retomou a frente no marcador com Maurício Ramos, de cabeça, após escateio cobrado pro Vitor. Para tranquilizar a torcida que foi ao Palestra Itália se despedir do estádio, Cleiton Xavier completou cruzamento de Vinícius e fez o quarto.

Festa da torcida Palmeirense, que agora só deve voltar a ver o time no Palestra Itália no segundo semestre de 2012, na moderna arena que será erguida no local

FICHA TÉCNICA:
PALMEIRAS 4 X 2 GRÊMIO

Estádio: Palestra Itália, São Paulo (SP)
Data/hora: 22/5/2010 – 18h30
Árbitro: Paulo H. Henrique Godoy Bezerra (SC)
Auxiliares: Carlos Berkenbrock (SC) e Angelo R. Bechi (SC)
Renda/público: R$ 538.961,00 / 18.365 pagantes
Cartões amarelos: Edinho, Márcio Araújo (PAL); Douglas, Adílson, Fábio Rockemback, Ozeia (GRE)
Cartões vermelhos: Douglas, 45’/1ºT (GRE); Marcos Assunção, 45’/1ºT (PAL)
GOLS: Ewerthon, 15’/1ºT (1-0); Ewerthon, 29’/1ºT (2-0); Jonas, 31’/1ºT (2-1); Hugo, 4’/2ºT (2-2); Maurício Ramos, 16’/2ºT (3-2); Cleiton Xavier, 25’/2ºT (4-2)

PALMEIRAS: Marcos, Vitor, Danilo, Léo (Maurício Ramos, 39’/1ºT) e Armero; Edinho, Marcos Assunção, Márcio Araújo e Cleiton Xavier; Ewerthon (Souza, 39’/2ºT) e Vinícius (Paulo Henrique, 46’/2ºT). Técnico: Parraga.

GRÊMIO: Victor, Joílson, Ozeia, Rodrigo e Bruno Collaço (Maylson, 20’/2ºT); Adílson, Fábio Rockemback, Hugo e Douglas; Leandro (William, 22’/2ºT) e Jonas. Técnico: Silas.

Fonte: Lancenet

Video do Jogo

Opinião do porco: Incrivel como os reforços do verdão (Sáida de Zago e Robert)  surtiram efeito tão precocemente, nem parecia aquele time morto do jogo contra o vasco. Vencemos  um semi-finalista da Copa do Brasil e ainda por cima conseguimos golear. claro que não dá pra se enganar, o time ainda continua fraco, mas depois de um show de horrores contra o vasco os palmeirenses conseguiram ver uma luz no fim do túnel (só espero que não seja um trem vindo na nossa direção)…