Por A. Tiago – Palmeiras perde mais uma em casa !

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 0 x 2 PONTE PRETA

Local: Estádio do Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 20 de março de 2010, sábado
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Ferreira Lima
Assistentes: Reinaldo Rodrigues dos Santos e Fábio Aparecido Gomes Ribeiro

Público Pagante
: 17.255 torcedores
Renda: R$480.060,00

Cartões Amarelos:
Diego Souza, Pierre e Márcio Araújo (Palmeiras); Danilo Portugal, Otacílio Neto e Marcos Rocha (Ponte Preta)

Gols: PONTE PRETA – Diego, aos 30 minutos do segundo tempo; e Finazzi aos 37 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Marcos; Márcio Araújo, Gualberto, Danilo e Armero; Pierre (Ivo), Edinho (Lenny), Cleiton Xavier e Diego Souza; Ewerthon e Robert
Técnico: Antônio Carlos Zago

PONTE PRETA: Eduardo Martini; Marcos Rocha, Diego, Léo Olveira e Vicente; Deda, Danilo Portugal (Galhardo), Tinga (Manteiga), Pirão e Fabiano Gadelha (Finazzi); Otacílio Neto.
Técnico: Sérgio Guedes.

Por Silvana – Jorge Wagner o prejudicado

Fonte: Lancenet.com.br

Jorge Wagner: ‘o prejudicado’ de Gomes

Treinador admite que necessidade de improvisação na lateral esquerda atrapalhou o camisa 7 no meio

Jorge Wagner voltou à briga por vaga no meio de campo

Jorge  Wagner voltou à briga por vaga no meio de campo

O ano começou com o técnico Ricardo Gomes escalando o meia Jorge Wagner na lateral esquerda. A fim de implantar o esquema 4-4-2, mas sem poder contar com o jovem Diogo, que entrou na Justiça contra o clube, o são-paulino teve de apelar para a improvisação.

Nos últimos jogos, porém, Junior Cesar voltou a conquistar a confiança de Ricardo Gomes. E, com a contratação de Carleto, o elenco passou a ter duas opções para o setor. Desta forma, Jorge Wagner pôde finalmente passar a disputar uma vaga onde se sente à vontade: no meio de campo.

– Ano passado tive uma fase boa atuando no meio. É onde eu gosto de jogar – já afirmava há cerca de um mês, enquanto era improvisado.

No fim da semana passado, Jorge Wagner foi titular no meio de campo na vitória por 2 a 1 contra o Rio Branco. Porém, Ricardo Gomes admite que a concorrência no setor é bastante grande. Dessa forma, faz mea culpa pelo fato de o camisa 7 estar num patamar abaixo de seus concorrentes.

– Ele foi prejudicado pela falta de opção. Atuando como lateral ele saiu da briga por uma vaga no meio de campo, mas aos poucos está voltando. É um jogador que gosto bastante e que vai voltar a ter oportunidades de começar jogando no meio. Se corresponder, volta ao time como no ano passado – garantiu o treinador.

Contra o Mogi Mirim, neste domingo, o meio de campo será formado por Rodrigo Souto, Cleber Santana, Hernanes e Léo Lima.

ICFUT – Giro pelo Futebol 21/03/2010

Fonte: Futebolinterior.com.br

FLUMINENSE ENFRENTA RESENDE E SONHA COM SEMI DA TAÇA RIO

» Barueri 3 x 4 Taubaté – Burro da Central vira no fim e cola no G8
» Série A3: XV goleia, entra no G8 e Taubaté vence nos acréscimos
» Flamengo 0 x 1 Atlético Sorocaba – Caiu mais um na Série A2
» Juventus 1 x 1 Penapolense – Empate com gosto de derrota
» XV de Jaú 4 x 1 Francana – Goleada e volta ao G8 da Série A3
» No futuro: Após derrota, Antônio Carlos já pensa no Brasileirão
» Novos ares! Cabañas deixa México para se tratar na Argentina
» FOTOS: Loiraça, Top Model revela todo seu amor pelo Guarani
» Portal FI traz TODOS OS RESULTADOS deste sábado. Confira!
» RN: No jogo dos líderes, ABC vence e se mantém com 100%
» Loterias: Não perdendo a rotina, Mega-Sena acumula de novo
» MS: Cene vence Comercial e dispara na liderança do Grupo B
» PE: Sport abre dez pontos sobre o segundo e garante vaga
» RS: Novo Hamburgo bate Juventude e se mantém com 100%
» TO: Com rodada quase completa, Estadual tem novo líder
» Grêmio Prudente apresenta nova camisa com novo escudo
» SC: Figueira vence e assume vice-liderança; Criciúma é o terceiro
» Timão é recebido com festa em Prudente, mesmo sem Fenômeno
» ES: Jaguaré tropeça e perde oportunidade de encostar no G4
» Opinião Abner Luiz: Um exemplo do Peixe!
» AC: Visitantes se dão bem e Idependência é líder isolado
» RO: Spray de pimenta e confusão abrem a quarta rodada
» Com reservas, Santos perde amistoso nos EUA por 3 a 1
» AM: Manicoré goleia e afunda ASA na abertura da rodada
» BA: Times do Interior seguem sem vencer na segunda fase
» RJ: Vasco perde do Olaria e torcida pede cabeça de técnico
» RR: Finalistas do 1º turno são definidos após duas goleadas
» CE: Ferroviário e Quixada vencem e encostam na liderança
» Paulistão: Santo André supera Santos e Palmeiras perde em casa
» Paulista A3: Red Bull volta a vencer; Ferroviária e Bafo goleiam
» Bandeirante 1 x 5 Ferroviáira – Júlio César faz três e dá show
» Série A2: Noroeste se classifica e Guarani dorme na zona
» Linense 2 x 1 União São João – Foi no apagar das luzes…
» PA: Primeiro finalista será definido neste domingo. É clássico!
» AL: CRB tropeça e perde a chance de ser novo líder
» Espanhol: Sem Luís Fabiano, Sevilla perde e pode deixar G4
» BOMBA! Após nova derrota, técnico deixa time do Paulistão
» XV de Piracicaba 3 x 1 Itapirense – O acesso é a realidade!
» Santo André 4 x 1 Bragantino – Novo líder goleia com facilidade
» Francês: Auxerre vence Le Mans e assume liderança provisória
» Marília 4 x 1 Taquaritinga – CAT pode ter dado adeus à Série A2
» São Paulo x Mogi Mirim – Cada um quer a sua vaga!
» DF: Última rodada define dois classificados e outro rebaixado
» MG: Cruzeiro sofre, mas bate América-TO e mantém liderança
» Red Bull 2 x 0 Palmeiras-B – Touro volta a vencer e se isola
» Catanduvense 2 x 1 São José – Bruxo vira e foge da zona da degola
» Italiano: Inter de Milão só empata e pode perder a liderança
» RJ: Técnico nega clima de revanche na véspera do clássico
» Espanhol: Sem Kaká, Real vence de virada e se isola na ponta
» Grêmio Osasco 0 x 3 Rio Preto – Jacaré respira aliviado na A2

Por José Reis – O maior duelo do Rio!

Fonte: O Dia Online


Um novo duelo neste domingo

Clássico de maior rivalidade do momento no Rio, Fogão e Mengão voltam a se enfrentar

Rio – É impossível não tratar o clássico entre Flamengo e Botafogo como a principal rivalidade carioca no momento. As últimas três finais foram disputadas entre as duas equipes e, na semifinal da Taça Guanabara, um jogo emblemático consagrou o menino Caio, xodó de Joel Santana. Neste domingo, às 19h30, no Engenhão, os dois voltam a se encontrar pela Taça Rio.

O Flamengo sofre com os problemas extracampo de suas principais estrelas, Adriano e Vagner Love, mas ambos estarão no jogo dispostos a provar que o apelido Império do Amor não é balela. O Botafogo foi um dos dois times que enfrentaram a dupla este ano e conseguiram deixar o campo com a vitória — o outro foi a Universidad do Chile.

O técnico Andrade conta com a dupla para conseguir uma vitória, que deixaria o time bem perto da classificação às semifinais da Taça Rio. O Flamengo precisa conquistar o título do segundo turno para ter nova chance de enfrentar o Botafogo, campeão da Taça Guanabara, na decisão do Campeonato Carioca, o que seria a quarta consecutiva entre os clubes. Nas outras, deu Flamengo, atual tricampeão.

“Estou tranquilo como sempre estive, preparado para fazer um grande jogo no Engenhão. Da nossa parte, não há vingança, só queremos o resultado”, avisou Andrade.

O técnico Joel Santana manteve esta semana a estratégia de antes do clássico em que eliminou o Flamengo na Taça Guanabara. Antecipou a concentração e não divulgou a escalação do time. Como perdeu o lateral-direito Jancarlos, com estiramento de grau 2 na coxa, a vaga deverá cair no colo do volante Somália. A segunda opção é Sandro Silva, mas, como teria que mexer ainda mais no posicionamento tático da equipe, Joel deve optar mesmo por Somália.

No ataque, o talismã Caio começa o seu primeiro clássico como titular no lugar de Loco Abreu, que causou muitos problemas para a defesa do Flamengo na Taça GB. Já o argentino Herrera foi confirmado, após se livrar de punição do Tribunal de Justiça Desportiva.

Apesar do clima de revanche no ar, Joel se mostra muito tranquilo. “Isso não me preocupa. Tenho que me preocupar com meus problemas. Se jogarmos bem, dificilmente seremos batidos”, simplificou.

Botafogo x Flamengo
Local: Engenhão.
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães.
Horário:19h30

Botafogo
Jefferson, Fahel, Antônio Carlos e Danny Morais; Somália (Fábio Ferreira), Leandro Guerreiro, Sandro Silva, Lucio Flavio e Marcelo Cordeiro; Caio e Herrera. Técnico: Joel Santana

Flamengo
Bruno, Éverton Silva, Alvaro, Fabrício e Rodrigo Alvim; Toró, Willians, Kléberson e Vinícius Pacheco; Vagner Love e Adriano. Técnico: Andrade

Por Vander – Olaria bate Vasco após 39 anos !

Fonte: O Globo – RJ

Vasco perde para o Olaria pela primeira vez em 39 anos

RIO – O Vasco conseguiu um resultado histórico neste sábado. Só que negativo. Jogando mal mais uma vez, o time de São Januário perdeu para o Olaria por 1 a 0, no Raulino de Oliveira, pondo fim a uma invencibilidade de 39 anos contra a equipe da Rua Bariri – a última derrota tinha sido em 1971. Num Carioca marcado pela extrema superioridade dos quatro grandes sobre os demais, o Vasco é o primeiro dos candidatos ao título a perder para uma das 12 equipes de menor expressão do campeonato. O terceiro tropeço seguido deixa o técnico Vagner Mancini em situação ainda mais desconfortável no clube.

– Eu tenho consciência daquilo que está sendo realizado e acredito em mim, senão não estaria aqui no Vasco – declarou Mancini após a partida.

O resultado deixa o Vasco com nove pontos, em segundo lugar no grupo B da Taça Rio, após cinco rodadas, ameaçado de perto pelo América, que tem sete e enfrenta o Boavista neste domingo. Na próxima rodada, o Vasco recebe o Americano, em São Januário, quarta-feira. Sexto do grupo A com nove pontos, o Olaria joga contra o Macaé, em Campos.

O Vasco teve duas chances claras de abrir o placar logo no início, só que Élder Granja cruzou errado em vez de chutar e Elton arriscou o chute mas errou o alvo. A história do jogo começou a mudar aos 12 minutos, quando o Olaria abriu o placar logo em seu primeiro ataque: destaque do time junto com o goleiro Henrique, o atacante Aleílson entrou na área em velocidade pela direita e cruzou para Cacá, livre, empurrar para o gol.

O time da Rua Bariri aproveitou o descontrole do Vasco após o gol e quase ampliou aos 15, em nova jogada de Aleílson, dessa vez pela esquerda, mas Fernando Prass saiu bem e abafou o chute. Com o time perdido em campo, o técnico Vágner Mancini decidiu desfazer o esquema com três zagueiros, trocando Gustavo pelo volante Souza. Mesmo assim, o Vasco continuou jogando mal, e só ameaçava em chutes de longa distância, sem levar perigo para o gol de Henrique.

Mancini abriu ainda mais o Vasco na volta do intervalo, lançado o meia-atacante Geovani Maranhão no lugar do volante Paulinho. Mas o time de São Januário só teve uma chance clara de empatar, aos oito, em chute à queima-roupa de Rafael Coelho, bem defendido por Henrique. A cartada final de Mancini veio aos 20, com a troca de Jeferson por Dodô. Mas o atacante, barrado nos últimos dois jogos, não fez uma jogada sequer digna de registro. No fim, o Olaria ainda desperdiçou seguidas chances de ampliar o placar. Na melhor delas, aos 42, Cacá chutou e Fernando Prass defendeu em cima da linha. O árbitro Antônio Frederido Schneider chegou a dar o gol mas voltou atrás após consultar a assistente.

OLARIA 1 X 0 VASCO

Estádio: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ)

Data/hora: 20/3/2010 – 19h30 (de Brasília)

Público/Renda: 877 pagantes / R$ 20.140,00

Árbitro: Antonio Frederico de Carvalho Schneider (RJ)

Auxiliares: Lilian da Silva Fernandes Bruno (RJ) e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ)

Cartões Amarelos: Gustavo, Amarildo, Gian, Fernando, Romário, Geovane MaranhãoCartões Vermelhos: Souza

GOL: Cacá (12’/1ºT)

OLARIA: Henrique, Ivan, Rafael, Vanderson e Amarildo; David, Romário, Araruama e Thiago; Aleíson (Assunção – 36’/2ºT) e Cacá (Renato – 47’/2ºT). Técnico: Dé Aranha.

VASCO: Fernando Prass, Gustavo (Souza – 30/1ºT), Fernando e Gian; Granja, Paulinho (Geovane Maranhão – intervalo), Rafael Carioca, Jeferson (Dodô – 20’/2ºT) e Márcio Careca; Philippe Coutinho e Rafael Coelho. Técnico: Vágner Mancini.

Por Cézar Alvarenga – Prudente x Timão

Fonte: O Imparcial – Presidente Prudente

Grêmio pega Timão no rastro para o G-4

Grêmio Prudente e Corinthians enfrentam-se hoje, às 17h, no Estádio Municipal Eduardo José Farah (Prudentão), pela 15ª rodada do Campeonato Paulista. A partida reúne duas equipes em confronto direto por uma vaga no G-4. O Grêmio, embalado por uma sequência de quatro jogos sem derrota (um empate e três vitórias) – a última fora de casa por 2 a 1, contra o Paulista – teve a semana toda para treinar e acertar o entrosamento, especialmente dos zagueiros. Já o Corinthians vem com time misto e deve poupar Ronaldo, autor do gol da vitória de 1 a 0 sobre o Cerro Portenho, quarta-feira, pela Libertadores da América. O Timão chegou ontem à tarde a Presidente Prudente, em voo fretado. Roberto Carlos estava entre os atletas.
Durante a semana, o técnico do Grêmio, Toninho Cecílio, ensaiou uma linha com três defensores, aproveitando o retorno de Paulão – que cumpria suspensão – e colocando-o ao lado de Leonardo e Diego, dupla que atuou em Jundiaí. Contudo, a escalação da equipe ainda não foi definida.

Diretoria apresenta novo uniforme

A diretoria do Grêmio Prudente apresentou ontem pela tarde o novo uniforme da equipe, em cerimônia no Estádio Municipal Eduardo José Farah (Prudentão). A mudança está principalmente no distintivo do clube, que tem agora palavra Grêmio em destaque. Além disso, a marca do novo patrocinador – a Unimed Prudente – estampa a barra frontal da camisa. Para o jogo contra o Corinthians, hoje, a fabricante de computadores Megaware também terá sua marca na parte da frente do uniforme. Para fixar a novidade, o prefeito de Prudente Milton Carlos de Mello, Tupã (PTB), vestiu o traje gremista. Uma bandeira com o novo escudo do clube também foi hasteada no estádio.
“Hoje o Grêmio firma território em Prudente. É a realização de um sonho ter novamente uma equipe profissional na cidade”, fala Tupã. O presidente do Grêmio, Marcos Antonio Monteiro de Almeida, também comemorou o marco na história da equipe. “Aqui agora é o nosso território, o Grêmio fixa raízes na cidade”, afirma o presidente.

Com treino secreto, Grêmio se prepara para duelo decisivo

O Grêmio Prudente fez ontem à tarde o último treino coletivo antes da partida de amanhã contra o Corinthians, às 17h, no Estádio Eduardo José Farah (Prudentão), pela 15ª rodada do Campeonato Paulista. A imprensa pôde acompanhar apenas os minutos finais do treinamento – no primeiro trabalho secreto desde que a equipe mudou-se para a cidade. O jogo é considerado decisivo por jogadores e comissão técnica, uma vez que ambas as equipes disputam vaga à fase semifinal da competição estadual.
“O empate para a gente é um mal resultado. Temos que obter a vitória para continuar tento expectativas para a classificação”, diz o goleiro Márcio. Segundo ele, um placar diferente praticamente daria ao Grêmio a chance de disputar apenas Torneiro do Interior – certame que, como o próprio nome diz, dá sequência ao Paulista e reúne apenas as equipes interioranas e na qual o time de Prudente foi vice-campeão no ano passado.

Por Edgar Santista – Hoje tem Santos X Ituano no Pacaembu .

Fonte: Gazetaesportiva.net

Rodrigo Mancha - peixe volta a jogar com dois volante

Sem Robinho e Neymar, Santos encara Ituano para voltar ao topo

Vice-líder do Campeonato Paulista, o Santos volta a jogar pelo estadual, depois de perder para o Palmeiras no clássico do último final de semana, na Vila Belmiro. E a intenção no Peixe é retomar o caminho das vitórias no Paulistão, após dois jogos sem vencer no torneio (empate com a Portuguesa e derrota para o Verdão), diante do Ituano, neste domingo, a partir das 19h30 (de Brasília), no Pacaembu, para se aproximar da classificação as semifinais da competição e retomar a ponta, que foi assumida pelo Santo André na noite de sábado.

E para este confronto, o técnico Dorival Júnior terá dois desfalques importantes. Os atacantes Neymar e Robinho não poderão atuar contra o Galo. O primeiro foi expulso contra o Palmeiras e terá que cumprir suspensão automática – além disso, será julgado na segunda-feira e pode até mesmo receber uma punição de 18 partidas do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), por conta do cartão vermelho no clássico.

Já o ‘Rei das Pedaladas’ irá mais uma vez desfalcar a sua equipe, a exemplo do que aconteceu contra o Remo, em Belém, pela Copa do Brasil, por conta de uma inflamação no músculo adutor da coxa esquerda.

Com isso, o treinador santista deve manter o esquema tático que utilizou diante dos paraenses, o 4-4-2, com Wesley improvisado, novamente, na lateral direita e Rodrigo Mancha formando o meio-campo ao lado de Arouca, Marquinhos e Paulo Henrique. No ataque, Madson deve formar dupla com André. Se o ‘baixinho’ for preterido por Dorival, Maikon Leite pode receber uma chance.

Mas, apesar do desfalque de seus dois principais atletas, o Alvinegro Praiano está confiante na conquista de mais uma vitória. Segundo o meia Paulo Henrique Ganso, os desfalques serão sentidos, porém, o Santos tem um grupo forte, capaz de suprir essas ausências.

“Temos um elenco de muita qualidade. O Santos não é apenas o Paulo Henrique, o Neymar ou André. Por isso, temos conseguido jogar bem e temos saído vitoriosos de vários jogos. E é isso que esperamos que aconteça contra o Ituano”, analisou Ganso, que terá a missão de comandar o Peixe no Pacaembu.

E é justamente essa força do grupo santista que faz o técnico do Ituano, Mazola Júnior, respeitar o time da Vila Belmiro, mesmo sabendo que o Santos não poderá contar com Neymar e Robinho.

“Eles têm um elenco fantástico, grande e de muita qualidade. Alguns não vão jogar, mas eles têm outros do mesmo nível para substituí-los. Por isso, sabemos que será um confronto dificílimo. Mas não podemos ficar só na defesa. Temos condições que fazer um bom jogo”, comentou Mazola, que deverá contar com nada menos do que quatro ‘reforços’ para encarar o vice-líder do Paulista: João Leonardo, Sandro, Carlos Eduardo e Juninho Paulista.

No entanto, se por um lado Mazola Júnior terá quatro jogadores de volta a equipe titular, o Ituano terá os desfalques dos volantes Simão (contundido) e Alemão (suspenso) contra os alvinegros. Serginho e Carlos Eduardo devem ser seus substitutos, respectivamente.

FICHA TÉCNICA
SANTOS x ITUANO

Local: Estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu), em São Paulo (SP)
Data: 21 de março de 2010, domingo
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Robério Pereira Pires
Assistentes: Alex Alexandrino e Caio Mesquita de Almeida

SANTOS: Felipe; Wesley, Edu Dracena, Durval e Pará; Rodrigo Mancha, Arouca, Marquinhos e Paulo Henrique; Madson (Maikon Leite) e André
Técnico: Dorival Júnior

ITUANO: Saulo; Rodrigão, Roque Júnior e João Leonardo; Serginho, Carlos Eduardo, Sandro, Juninho Paulista e Alessandro; Marcel e Welton
Técnico: Mazola Júnior

Por Cleber Aguiar – Santos perde amistoso nos EUA !

POR CLEBER AGUIAR EQUIPE ICFUT – A tradição santista não segurou a empolgada equipe do Red Bull NY e perdemos por 3×1 ontem em Nova Jersey um time muito mesclado e desentrosado foi presa fácil no 1º tempo que viramos perdendo por 3×0 e muito trabalho para Fábio Costa.

No segundo tempo a equipe melhorou muito , porém o goleiro Bouna Coundoul pegou tudo e evitou até o empate da equipe santista que já sem o grande goleiro Bouna o peixe descontou com Germano e fechou 3×1.Na minha opinião o Dorival Junior tinha que montado uma equipe melhor levado pelo menos 2 ou 3 titulares não precisava de tanta força para jogar contra o todo poderoso ITUANO mais está bem rendeu 500 mil dolares para os cofres do clube.

FICHA TÉCNICA
RED BULL 3 X 1 SANTOS

Local: Red Bull Arena, em Nova Jersey ( Estados Unidos)
Data: 20 de março de 2010, sábado
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Jorge Gonzalez (COL)
Assistentes: C. J. Morgante e Thomas Supple
Cartões Amarelos: Ibrahim Salou e John Wolniec (Red Bull). Bruno Aguiar e Zezinho (Santos)
GOLS: RED BULL: Joel Lindpere, aos 11, Mike Petke, aos 43, e Dane Richards, aos 44 minutos do primeiro tempo
SANTOS: Germano, aos 46 minutos do segundo tempo

RED BULL NEW YORK no geral nota 7: Bouna Coundoul (Greg Sutton), Mike Petke, Jeremy Hall, Tim Ream e Roy Miller; Macoumba Kandji, Sinisa Ubiparipovic, Carl Robinson (Juan Agudelo) e Dane Richards; Joel Lindpere e Ibrahim Salou (John Wolyniec)
Técnico: Hans Backe

SANTOS: Fábio Costa( 7) (Rafael-sem nota), George Lucas(6), Bruno Aguiar(5), Luciano Castan(4) (Diego Monar-5) e Alex Sandro (3)(Wesley Santos-3); Alan Santos(6) (Jefferson-5), Germano(8), Breitner(1) (Elivelton-7) e Zezinho(5) (Crystian-5); Giovanni(4) (Marcel-1) e Neymar(5)
Técnico: Dorival Júnior(3)